Equipamento a oferecer à Ucrânia

  • 339 Respostas
  • 18691 Visualizações
*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4857
  • Recebeu: 559 vez(es)
  • Enviou: 441 vez(es)
  • +323/-1769
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #45 em: Maio 02, 2022, 10:51:52 am »
Leo, ST5 e pandur, não se devem dar aos ucranianos, desculpem, mas fazem nos falta.
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 6166
  • Recebeu: 2396 vez(es)
  • Enviou: 543 vez(es)
  • +659/-475
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #46 em: Maio 02, 2022, 12:51:43 pm »
Os meios de "primeira linha"/novos não devem ser enviados.
 

*

raphael

  • Investigador
  • *****
  • 1418
  • Recebeu: 276 vez(es)
  • Enviou: 240 vez(es)
  • +48/-14
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #47 em: Maio 02, 2022, 04:29:59 pm »
Sim, esses também, até já tinha falado deles antes, mas nem me ocorreu agora. Não são muitos, mas sempre devem fazer melhor figura que os Iveco da GNR.

A probabilidade de a GNR ser reequipada ao fornecer as IVECO blindadas é maior, do que se a FAP doasse as Condor, sem ter um subsitituto efetivo.

Se dissessem para o lugar das Condor vão ST5 de imediato...era logo dar andamento às Condor (após um overhaul), pois nesta politica atual de desinvestimento nas Forças Armadas só se deve fornecer material excedentário.

Até porque já foi referido, tudo o que for cedido ou está fora do serviço normal ou têm substituto adquirido.

Ficar descalço não interessa a ninguém!
Um abraço
Raphael
__________________
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Duarte

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 11670
  • Recebeu: 2350 vez(es)
  • Enviou: 6351 vez(es)
  • +400/-243
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #48 em: Maio 02, 2022, 06:09:30 pm »
Material excedentário? Nós temos é material deficitário...

A única coisa que vejo que pode ser útil e eficiente são os Humvee do Exército e da Força Aérea que devem estar próximos do fim de vida tendo em conta a porrada que já levaram no Afeganistão e RCA e que têm o seu substituto a entrar em serviço.

Porque enviar sucata que está encostada há anos, não interessa.

Temos os exemplo deste T-64A que estava num monumento exposto aos elementos e sem manutenção. Tal como estão os nossos M-60A3 na sucata (leia-se deposito).

Foi posto a andar mas avariou pelo caminho. Até pode estar a andar e capaz de fazer tiro mas tem inúmeros conjuntos e subconjuntos que podem ficar inoperacionais. 






Citar
It appears the Ukrainian forces in #Mariupol were able to restore to working condition a T-64A tank, which was located on the territory of Illich factory - as a monument.
Later it was used in an attempted breakthrough but stalled on the way.

https://twitter.com/UAWeapons/status/1521150399184609282/photo/1
« Última modificação: Maio 02, 2022, 08:30:43 pm por HSMW »
https://www.youtube.com/user/HSMW/videos

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Subsea7

*

Major Alvega

  • Analista
  • ***
  • 789
  • Recebeu: 846 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +5950/-130
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #49 em: Maio 02, 2022, 08:40:45 pm »
 O único material em condições que o exército possui para poder ser usado em guerra, além das armas ligeiras recentemente adquiridas, que podiam ser cedidos à Ucrânia são:

 - Leopard 2A6
 - as Pandur II
 - as viaturas VAMTAC
 - e os morteiros L16A2

 O resto só se for para ser cedido ao sucateiro.
 

*

Duarte

  • Investigador
  • *****
  • 2258
  • Recebeu: 119 vez(es)
  • Enviou: 287 vez(es)
  • +235/-203
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #50 em: Maio 02, 2022, 11:05:21 pm »
Sim, esses também, até já tinha falado deles antes, mas nem me ocorreu agora. Não são muitos, mas sempre devem fazer melhor figura que os Iveco da GNR.

A probabilidade de a GNR ser reequipada ao fornecer as IVECO blindadas é maior, do que se a FAP doasse as Condor, sem ter um subsitituto efetivo.

Se dissessem para o lugar das Condor vão ST5 de imediato...era logo dar andamento às Condor (após um overhaul), pois nesta politica atual de desinvestimento nas Forças Armadas só se deve fornecer material excedentário.

Até porque já foi referido, tudo o que for cedido ou está fora do serviço normal ou têm substituto adquirido.

Ficar descalço não interessa a ninguém!

Quantos Condor tem a FAP ? 10? Bolas, encomendem mais 10 ou 12 ST5 e enviem os Condor `a Ucrania. Isto nem cabe na cabeça de ninguém andar a discutir isto..
« Última modificação: Maio 03, 2022, 12:24:02 am por Duarte »
слава Україна!
смерть загарбникам та їхнім прибічникам тролів
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Pescador

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4857
  • Recebeu: 559 vez(es)
  • Enviou: 441 vez(es)
  • +323/-1769
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

dc

  • Investigador
  • *****
  • 6166
  • Recebeu: 2396 vez(es)
  • Enviou: 543 vez(es)
  • +659/-475
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #52 em: Maio 03, 2022, 12:55:29 am »
Para os P-3 tinhas de arranjar outro país, que para formar as tripulações demorava muito tempo, algo que não há em abundância para os ucranianos. Depois, faz-lhes muito mais falta caças do que um avião de patrulha marítima, algo que, para o Mar Negro, para já os Bayraktar têm-se revelado algo eficazes.

Quantos Condor tem a FAP ? 10? Bolas, encomendem mais 10 ou 12 ST5 e enviem os Condor `a Ucrania. Isto nem cabe na cabeça de ninguém andar a discutir isto..

Supostamente são, ou eram, 12. Podem alguns ter sido usados para canibalização, não sei. O problema é mesmo a melindrice política, em não querer gastar um cêntimo na Defesa. Senão a primeira coisa que se tinha feito, era dizer "sim" ao despachar os M-113, e iniciar de imediato um programa de substituição destes. O mesmo para os Condor.

Já os Humvee da FAP, são apenas 3 do TACP. Convinha ter um meio dedicado para os substituir, caso fossem cedidos.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Stalker79, Pescador

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 1441
  • Recebeu: 1049 vez(es)
  • Enviou: 629 vez(es)
  • +1568/-1479
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #53 em: Maio 03, 2022, 10:34:17 am »
Este País de discursadores não faz nada ou se vem a fazer é tarde.
Com estes motivos da ajuda e já no contexto de investimento discutido, até pelo turista do reino, não oferece dúvidas quanto aos M113 e Condor. Ficávamos bem vistos em vez desta figurinha ridícula de panhonhas e seguia-se com a renovação que estava em falta.
Vinham mais uns Pandur e  Vemtac, que até fazem falta nas versões morteiro a AA
« Última modificação: Maio 03, 2022, 10:36:44 am por Pescador »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

raphael

  • Investigador
  • *****
  • 1418
  • Recebeu: 276 vez(es)
  • Enviou: 240 vez(es)
  • +48/-14
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #54 em: Maio 03, 2022, 03:10:21 pm »
Para os P-3 tinhas de arranjar outro país, que para formar as tripulações demorava muito tempo, algo que não há em abundância para os ucranianos. Depois, faz-lhes muito mais falta caças do que um avião de patrulha marítima, algo que, para o Mar Negro, para já os Bayraktar têm-se revelado algo eficazes.

Quantos Condor tem a FAP ? 10? Bolas, encomendem mais 10 ou 12 ST5 e enviem os Condor `a Ucrania. Isto nem cabe na cabeça de ninguém andar a discutir isto..

Supostamente são, ou eram, 12. Podem alguns ter sido usados para canibalização, não sei. O problema é mesmo a melindrice política, em não querer gastar um cêntimo na Defesa. Senão a primeira coisa que se tinha feito, era dizer "sim" ao despachar os M-113, e iniciar de imediato um programa de substituição destes. O mesmo para os Condor.

Já os Humvee da FAP, são apenas 3 do TACP. Convinha ter um meio dedicado para os substituir, caso fossem cedidos.

APC Condor e Hummvee precisam de uma revisão de fundo para serem utilizados, pois estão desgastados pelo tempo (uso nem por isso).
Agregado aos veiculos deve ir o armamento orgânico dos mesmos...browning .50 e mg-3.
nas Condor 4 têm equipamento inutil...anfibias com hélice acoplada e lançadores de granadas de fumo...

Venham os ST5!

p.s.- vamos ver o desfile do 10 de junho... e depois fazer a análise devida aos meios pesados terrestres das forças armadas...e da força aérea.

p.s.1 - armamento ligeiro já foram um número valente de G-3 (0 disparos) e munições para as ditas...

p.s. 2 - paletes de morteiros de 60mm e 120mm já foram também...os lançadores eles terão.
« Última modificação: Maio 03, 2022, 04:05:54 pm por raphael »
Um abraço
Raphael
__________________
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 7392
  • Recebeu: 2331 vez(es)
  • Enviou: 906 vez(es)
  • +3977/-4666
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #55 em: Maio 03, 2022, 03:37:50 pm »
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 13917
  • Recebeu: 3234 vez(es)
  • Enviou: 3736 vez(es)
  • +2321/-5902
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 1441
  • Recebeu: 1049 vez(es)
  • Enviou: 629 vez(es)
  • +1568/-1479
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #57 em: Maio 03, 2022, 07:01:42 pm »
Podem sempre mandar o navio bandeira da MGP em Africa, o terror dos piratas. Os Russos fugiam todos :mrgreen: :mrgreen:





https://africa21digital.com/2022/01/22/navio-zaire-da-marinha-portuguesa-completa-quatro-anos-de-missoes-de-apoio-em-sao-tome/?doing_wp_cron=1651588560.0879330635070800781250

Saudações  :mrgreen:

Segundo certa filosofia é o único navio para combater a pirataria, por isso está armado. Não temos mais, ou são fragatas obsoletas e encostadas ou navios de turismo
 

*

Pescador

  • Investigador
  • *****
  • 1441
  • Recebeu: 1049 vez(es)
  • Enviou: 629 vez(es)
  • +1568/-1479
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #58 em: Maio 03, 2022, 07:06:43 pm »
https://multinews.sapo.pt/noticias/ucrania-pentagono-pressiona-portugal-para-enviar-apcs-m113-para-a-ucrania-indica-imprensa-estrangeira/

E bem.
este País que tem andado sempre a mama de dádivas e pouco investe, não quer agora fazer a sua parte.
M113 oferecidos, como foram tantos M60 e, como foram duas das três fragatas da classe VG que nem assim as souberam manter devidamente.
Isso é que é vergonhoso, oferecerem fragatas e deixarem-nas chegar a um estado lastimável de obsolescência.
Agora façam a parte que compete e invistam em material actual, porque já faz falta.

Mas os Bonecos não se incomodam muito com isso, importante são as mordomias
« Última modificação: Maio 03, 2022, 07:10:46 pm por Pescador »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Srgdoido, Subsea7

*

Subsea7

  • Analista
  • ***
  • 748
  • Recebeu: 546 vez(es)
  • Enviou: 907 vez(es)
  • +1286/-1410
Re: Equipamento a oferecer à Ucrânia
« Responder #59 em: Maio 03, 2022, 08:02:16 pm »
https://multinews.sapo.pt/noticias/ucrania-pentagono-pressiona-portugal-para-enviar-apcs-m113-para-a-ucrania-indica-imprensa-estrangeira/

E bem.
este País que tem andado sempre a mama de dádivas e pouco investe, não quer agora fazer a sua parte.
M113 oferecidos, como foram tantos M60 e, como foram duas das três fragatas da classe VG que nem assim as souberam manter devidamente.
Isso é que é vergonhoso, oferecerem fragatas e deixarem-nas chegar a um estado lastimável de obsolescência.
Agora façam a parte que compete e invistam em material actual, porque já faz falta.

Mas os Bonecos não se incomodam muito com isso, importante são as mordomias

Toda a razão, os F-16 e as MEKO foram comparticipados pelos USA E NATO, só aí se vê a importância que o Estado deu a defesa, desde sempre.
Chegou a hora de dar e ao que consta, não serão 20 nem 30, senão bem mais os requisitados pelos USA.
Cps,