Actividade Operacional/Exercícios

  • 660 Respostas
  • 130354 Visualizações
*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5466
  • Recebeu: 1098 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +373/-136
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #615 em: Maio 21, 2018, 01:27:08 pm »
Ter, para além dos dois caças F-16 em "estado de alerta" na Base de Monte Real, mais uma parelha de outro modelo parece incorrecto da optica custo/ benefício - talvez seja de equacionar, visto parecer ser esse o problema, ter uma forma de conseguir colocar PA / GNR no solo por helicóptero quanto os "não autorizados" o fazem sem as autoridades os conseguirem intercetar...
Fazes isso no SAR, com os Merlin no Montijo e o Al III em Ovar. Aliás, quando os Puma foram reactivados para as Regiões Autónomas, para SAR e MEDEVAC, tinhamos 3 tipos de aeronaves de prontidão.  ;)


Citar
Desde 1978 a operar o helicóptero ALIII, a Esquadra 552 mantém em prontidão máxima o destacamento permanente de um helicóptero no AM1 para as missões de Busca e Salvamento na zona norte do país, sendo a tripulação composta por um piloto, um operador de sistemas e um recuperador-salvador.

Se a memória não me falha, creio que foi cogitado passar as responsabilidades da Defesa Aérea para Beja - e para a Esq. 301 - se aquando da Operação Allied Force em 1999 tivesse havido um recrudescimento das hostilidades e a necessidade da FAP enviar mais F-16 para Itália. Contudo, daquilo que me recordo, e apesar da Luftwaffe ter integrado e certificado a utilização plena do AIM-9Li no Alpha-Jet A, nem os alemães, nem nós, alguma vez pensámos seriamente na utilização do binómio A-Jet/Sidewinder a nível operacional. Talvez agora na investigação/subsídios para a história do Alpha-Jet na FAP que está a ser publicado na Mais Alto, o Luís Proença e Mário Diniz possam levantar um pouco o véu acerca disso.  ;)
Já os Bifes, não tiveram problemas usar os Hawk com sidewinder.  ;)



Citação de:  Charlie Jaguar
As intenções alemãs de 1985 de fazer uma substancial modernização ao A-Jet creio que só deram frutos no upgrade dos motores para o 04-C20 e na integração do Mil-1553 databus.
https://www.flightglobal.com/FlightPDFArchive/1985/1985%20-%201240.PDF
Sim, pois após o fim da Guerra Fria os alemães começaram a despacha-los.


Citação de:  Charlie Jaguar
O Matra R-550 Magic penso que só podia ser integrado na versão MS2 egípcia (derivada do NGEA)
Sim, só os do Egipto o usam.




Citação de:  Charlie Jaguar
O Super Tucano possui duas metralhadoras de 12,7mm, executa missões de intercepção na FAB, e se integrou o míssil ar-ar Piranha pode também sem problemas utilizar o Sidewinder.


Continua a ser um modelo que me impressiona, não apenas pelos AAM e bombas inteligentes, mas também pelos sensores.


Saudações
« Última modificação: Maio 21, 2018, 01:31:40 pm por mafets »
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 2332
  • Recebeu: 1128 vez(es)
  • Enviou: 633 vez(es)
  • +624/-172
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #616 em: Maio 21, 2018, 07:49:11 pm »
Já os Bifes, não tiveram problemas usar os Hawk com sidewinder.  ;)


É verdade, a Mixed Fighter Force, um conceito muito interessante que a RAF aplicou nos anos 80 e até ao fim da Guerra Fria.  ;)

https://www.flightglobal.com/FlightPDFArchive/1988/1988%20-%201420.PDF


Esta história do F-16 ser um meio desproporcionado face a um Cessna ou Bell Jet Ranger é quase uma na mesma linha daquela que o Merlin, para busca e salvamento costeiro, é um desperdício. Nós temos que fazer com o o que temos, e neste caso finalmente há 23 anos com interceptores a sério, e não como nos anos 80, por exemplo, quando um T-38 estava em alerta e descolava para ir dar um olho e depois logo se via se valia a pena activar um Fiat do Montijo ou um A-7 de Monte Real.

Se é "overkill"? Bom, os nossos parceiros europeus da NATO que operam F-16 decerto também interceptam aeronaves ligeiras ou helicópteros de vez em quando. Que o Super Tucano poderia complementar ocasionalmente os F-16, ao mesmo tempo que os Caracóis voltavam a ensinar os princípios da arte, era sem dúvida interessante. Mas para já sem qualquer fundo de verdade, fruto apenas da nossa imaginação colectiva.
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5466
  • Recebeu: 1098 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +373/-136
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #617 em: Maio 21, 2018, 11:02:30 pm »
Já os Bifes, não tiveram problemas usar os Hawk com sidewinder.  ;)


É verdade, a Mixed Fighter Force, um conceito muito interessante que a RAF aplicou nos anos 80 e até ao fim da Guerra Fria.  ;)

https://www.flightglobal.com/FlightPDFArchive/1988/1988%20-%201420.PDF


Esta história do F-16 ser um meio desproporcionado face a um Cessna ou Bell Jet Ranger é quase uma na mesma linha daquela que o Merlin, para busca e salvamento costeiro, é um desperdício. Nós temos que fazer com o o que temos, e neste caso finalmente há 23 anos com interceptores a sério, e não como nos anos 80, por exemplo, quando um T-38 estava em alerta e descolava para ir dar um olho e depois logo se via se valia a pena activar um Fiat do Montijo ou um A-7 de Monte Real.

Se é "overkill"? Bom, os nossos parceiros europeus da NATO que operam F-16 decerto também interceptam aeronaves ligeiras ou helicópteros de vez em quando. Que o Super Tucano poderia complementar ocasionalmente os F-16, ao mesmo tempo que os Caracóis voltavam a ensinar os princípios da arte, era sem dúvida interessante. Mas para já sem qualquer fundo de verdade, fruto apenas da nossa imaginação colectiva.
Somos uns meninos pá, é o que te digo... ;) ;D


Citar
T-38B with LIFT configuration to practice bomb, rockets and mini gun training.

https://www.skybrary.aero/index.php/T38

Além do Hawk .  ;) :P









Cumprimentos


"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7418
  • Recebeu: 624 vez(es)
  • Enviou: 762 vez(es)
  • +99/-30
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #618 em: Maio 22, 2018, 08:30:31 am »
Um jacto de Instrução tem a sua lógica poder levar mísseis de instrução, faz parte da "matéria" a ensinar. Mas para fazer QRA 24/7 também dá jeito ter radar e capacidade NVG porque nem sempre os intrusos aparecem de dia.
« Última modificação: Maio 22, 2018, 08:32:26 am por Lightning »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: mafets

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5466
  • Recebeu: 1098 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +373/-136
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #619 em: Maio 22, 2018, 10:42:48 am »
Um jacto de Instrução tem a sua lógica poder levar mísseis de instrução, faz parte da "matéria" a ensinar. Mas para fazer QRA 24/7 também dá jeito ter radar e capacidade NVG porque nem sempre os intrusos aparecem de dia.
Exacto Lightning. Mesmo por isso é que radar e ILS são ferramentas usadas ou equacionadas nestes aparelhos (alem do datalink, como no exemplo dado do Super Tucano).  ;)









http://sistemasdearmas.com.br/ca/p29.html

Cumprimentos










"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8530
  • Recebeu: 782 vez(es)
  • Enviou: 1276 vez(es)
  • +82/-34
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #620 em: Maio 23, 2018, 10:30:02 pm »

Equipa multinacional TACP explica qual a sua missão no exercício Hot Blade 2018.
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: jpthiran

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7418
  • Recebeu: 624 vez(es)
  • Enviou: 762 vez(es)
  • +99/-30
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #621 em: Julho 30, 2018, 05:25:42 pm »
Para quem ainda não viu, video do destacamento de F-16 na Lituânia
https://www.facebook.com/emgfa/videos/869474369919973/


Báltico. F16 portugueses intercetam meia centena de aviões russos(video)
https://www.rtp.pt/noticias/mundo/baltico-f16-portugueses-intercetam-meia-centena-de-avioes-russos_n1090293

reportagem do telejornal com entrevistas
https://www.rtp.pt/noticias/mundo/forca-aerea-ja-intercetou-cerca-de-50-avioes-russos-no-baltico_v1090332
« Última modificação: Julho 30, 2018, 05:32:12 pm por Lightning »
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3836
  • Recebeu: 1755 vez(es)
  • Enviou: 673 vez(es)
  • +496/-68
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #622 em: Agosto 27, 2018, 06:33:57 pm »
Apesar deste  link retratar alguns dos muitos acft usados pela FAP durante a guerra colonial, penso ser o local exato para o colocar/divulgar, pois tem esquemas de pintura interessantes. l

http://worldatwar.net/chandelle/v3/v3n2/portcoin.html

Abraços
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: mayo

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 11080
  • Recebeu: 385 vez(es)
  • Enviou: 227 vez(es)
  • +62/-47
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #623 em: Setembro 02, 2018, 09:32:07 pm »
Força Aérea no Báltico - Interseção de aviões Russos


 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5466
  • Recebeu: 1098 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +373/-136
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

LM

  • Analista
  • ***
  • 741
  • Recebeu: 109 vez(es)
  • Enviou: 700 vez(es)
  • +97/-0
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #625 em: Setembro 05, 2018, 04:54:19 pm »
Ao nível de treino e para manter equipas operacionais estas missões no Báltico devem ser "ouro sobre azul" presumo - estou a partir do principio que os custos envolvidos devem ser em grande parte pagos pela NATO e estas horas de voo são excelentes... sem esquecer a componente "real" da missão, difícil de conseguir treinar salvo nestes cenários.   
Quidquid latine dictum sit, altum videtur
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7418
  • Recebeu: 624 vez(es)
  • Enviou: 762 vez(es)
  • +99/-30
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #626 em: Setembro 06, 2018, 09:13:33 pm »
Voar com a Força Aérea portuguesa na Lituânia…

Após terem concluído a sua participação na missão da NATO “BALTIC AIR POLICING”, veja aqui algumas imagens de operações de interceção reais de aeronaves nos céus dos países bálticos.

https://www.facebook.com/emgfa/videos/2224631527813380/

Cumprimentos

Acho que se fosse um dos pilotos da parelha portuguesa e apanhasse com aquela esquadra de Sukhois à frente era bem capaz de largar uma pinguinha ;D.
 

*

diogo13350

  • Membro
  • *
  • 176
  • Recebeu: 28 vez(es)
  • Enviou: 9 vez(es)
  • +8/-1
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #627 em: Setembro 06, 2018, 09:29:24 pm »
Voar com a Força Aérea portuguesa na Lituânia…

Após terem concluído a sua participação na missão da NATO “BALTIC AIR POLICING”, veja aqui algumas imagens de operações de interceção reais de aeronaves nos céus dos países bálticos.

https://www.facebook.com/emgfa/videos/2224631527813380/

Cumprimentos

Acho que se fosse um dos pilotos da parelha portuguesa e apanhasse com aquela esquadra de Sukhois à frente era bem capaz de largar uma pinguinha ;D.
Quando entra em espaço dá NATO uma esquadra de aviões russos não deveriam ser enviados mais que 2 caças da coligação... Sou só eu a achar estúpido colocar nos em inferioridade numérica??
 

*

raphael

  • Investigador
  • *****
  • 1228
  • Recebeu: 200 vez(es)
  • Enviou: 166 vez(es)
  • +36/-4
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #628 em: Setembro 06, 2018, 11:10:10 pm »
Voar com a Força Aérea portuguesa na Lituânia…

Após terem concluído a sua participação na missão da NATO “BALTIC AIR POLICING”, veja aqui algumas imagens de operações de interceção reais de aeronaves nos céus dos países bálticos.

https://www.facebook.com/emgfa/videos/2224631527813380/

Cumprimentos

Acho que se fosse um dos pilotos da parelha portuguesa e apanhasse com aquela esquadra de Sukhois à frente era bem capaz de largar uma pinguinha ;D.
Quando entra em espaço dá NATO uma esquadra de aviões russos não deveriam ser enviados mais que 2 caças da coligação... Sou só eu a achar estúpido colocar nos em inferioridade numérica??

Inferioridade númerica para quê? Para acompanhamentos?

A parelha é suficiente para um primeiro contato, se algo evoluir existem outras aeronaves que podem apoiar...mas é sempre função de policiamento com a ameaça latente de evolução da situação...

Mas se a intenção russa fosse "engagement" antes dos aviões apareciam os misseis ar-ar de longo alcance....
Um abraço
Raphael
__________________
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5466
  • Recebeu: 1098 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +373/-136
Re: Actividade Operacional/Exercícios
« Responder #629 em: Setembro 07, 2018, 10:14:35 am »
Voar com a Força Aérea portuguesa na Lituânia…

Após terem concluído a sua participação na missão da NATO “BALTIC AIR POLICING”, veja aqui algumas imagens de operações de interceção reais de aeronaves nos céus dos países bálticos.

https://www.facebook.com/emgfa/videos/2224631527813380/

Cumprimentos

Acho que se fosse um dos pilotos da parelha portuguesa e apanhasse com aquela esquadra de Sukhois à frente era bem capaz de largar uma pinguinha ;D.

Epá, menos mal. Já os "nuestros hermanos" que têm a tendência a largar misseis até no "engagement" com aliados, era mais "esvaziarem" o Typhoon todo...  ;D ;)  :rir: :jok: :nice: :anjo:



Saudações

P.S. - Já agora, sempre encontraram o Míssil (inteiro ou às peças) ?  :P 8) http://en.protothema.gr/spanish-eurofighter-typhoon-accidentally-fires-live-air-to-air-missile-over-estonia/

Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

 

F-18 Espanhois fazem exercicios em Portugal

Iniciado por Rui Conceicao

Respostas: 41
Visualizações: 12650
Última mensagem Setembro 07, 2006, 06:07:02 pm
por Hollywood