Notícias do Exército Brasileiro

  • 1213 Respostas
  • 328908 Visualizações
*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #900 em: Junho 06, 2017, 06:10:28 pm »
CMA prepara a transformação do seu Centro de Embarcações em Batalhão de Transporte



Citar
O Comando Militar da Amazônia (CMA) está trabalhando no sentido de transformar o seu atual Centro de Embarcações (CECMA), sediado na cidade de Manaus, em um Batalhão de Transporte.

Oriundo da 1ª Companhia Especial de Transporte, criada em outubro de 1969, hoje o Centro é responsável por todo o transporte fluvial tático e logístico no âmbito da 12ª Região Militar (12ª RM) – e ainda ministra um Curso de Navegação Fluvial, de 16 semanas de duração, destinado à formação dos futuros comandantes de embarcações.

A 25 de maio último, o CECMA recebeu a balsa-dique “Pirarucu”, que foi completamente repotencializada (foto abaixo).

A embarcação aumentará a capacidade de manutenção de casco nos barcos das organizações militares da 12ª RM.

Com uma área útil de 648 m² – o necessário para erguer embarcações de até 120 pés – a balsa-dique tem capacidade para suportar até 400 toneladas.

Sua operação exige o trabalho coordenado de, no mínimo, oito militares, que receberam capacitação diretamente do estaleiro responsável pela reforma.

O CECMA já funciona de forma bastante autônoma. Sua estrutura engloba setores administrativos, operacionais, de apoio, manutenção, e até uma divisão de Ensino.

A Companhia de Transportes, “coração” do Centro, está composta por 1 Seção Administrativa e 2 Pelotões de Embarcações: 1 Tático e 1 Logístico.

No CECMA também funcionam, ao longo de todo ano, vários estágios de especialização, como o Emprego de Embarcações, o Condutor de Embarcações, o de Tripulação de Embarcações, o de Salvamento Aquático, o de Operador de Radar, o de Operador de Ecossonda, e o de Manutenção de Embarcações e de Motores de Popa.

Essas disciplinas servem à qualificação dos recursos humanos necessários ao cumprimento das mais variadas missões na área do CMA.

FONTE: http://www.planobrazil.com/em-nome-da-mobilidade-das-tropas-na-amazonia-cma-prepara-a-transformacao-do-seu-centro-de-embarcacoes-em-batalhao-de-transporte/


 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15017
  • Recebeu: 1004 vez(es)
  • Enviou: 945 vez(es)
  • +171/-168
Re: Exército Brasileiro
« Responder #901 em: Junho 07, 2017, 11:54:53 am »
Já há novidades das futuras missões internacionais?
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Alvalade

  • Especialista
  • ****
  • 1045
  • Recebeu: 266 vez(es)
  • Enviou: 78 vez(es)
  • +15/-5
Re: Exército Brasileiro
« Responder #902 em: Junho 07, 2017, 12:17:30 pm »
Já há novidades das futuras missões internacionais?

O nosso MdD diz que podem vir ter connosco à RCA.
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #903 em: Junho 07, 2017, 01:01:29 pm »
Citar
Já há novidades das futuras missões internacionais?

Citar
O nosso MdD diz que podem vir ter connosco à RCA.

Como disse o Alvalade, há sim a possibilidade de tropas brasileiras serem enviadas à República Centro Africana. Ainda existe o possível envio de um pequeno contingente ao Líbano, onde a Marinha do Brasil lidera uma Força-Tarefa Marítima (FTM).

De acordo com a última declaração do ministro da Defesa:

Citar
Outras missões

O Brasil já tem convite das Nações Unidas para integrar novas missões de paz. Segundo antecipou o ministro, o próximo desafio das Forças Armadas deverá ser na África. “Uma das possibilidades em análise é a República Centro Africana. Mas esta decisão tem que ser tomada pelo Presidente da República”, disse.

Fonte: http://www.defesa.gov.br/noticias/31462-emocao-marca-despedida-de-ultimo-contingente-de-militares-das-forcas-armadas-para-o-haiti
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #904 em: Junho 08, 2017, 02:39:10 pm »
MODERNIZAÇÃO DA ARTILHARIA COM NOVO OBUSEIRO M109


Citar
Curitiba (PR) – O Exército Brasileiro está se preparando para receber novas unidades do obuseiro autopropulsado M109 A5 "Plus" BR, modelo atualizado da viatura de combate, com mais recursos tecnológicos que seu antecessor.

O 5º Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado (5º GAC AP), localizado em Curitiba, será um dos primeiros a receber, a princípio, 16 unidades do armamento. Para isso, foi construído um novo pavilhão e a organização militar incorporou mais uma Bateria, aumentando seu efetivo. Além disso, o 5º GAC AP também tem promovido capacitação de pessoal.

A aquisição amplia a capacidade da Artilharia brasileira, tendo em vista que o produto foi desenvolvido com base nas necessidades do Exército Brasileiro. O novo modelo do M109 tem maior alcance e reduz o tempo entre o recebimento da missão tiro e o disparo em mais de 80% em relação aos modelos anteriores.


O obuseiro de 155 mm de calibre incorpora um medidor da velocidade inicial do tubo, que proporciona maior precisão ao tiro, além de melhorias no sistema de posicionamento e navegação, na unidade de exibição de comando, nos rádios digitais, no sistema de controle de armas e no bloqueio de tubo remotamente acionado.

FONTE: http://www.eb.mil.br/en/web/noticias/noticiario-do-exercito/-/asset_publisher/MjaG93KcunQI/content/id/8159664

 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #905 em: Junho 10, 2017, 03:03:17 pm »
Centro de Instrução do Gericinó recebe unidades de Artilharia para a realização do Tiro do Recruta 2017

Citar
Foi realizado no dia de hoje 07/06, no Campo de Instrução do Gericinó (CIG) o tradicional “Tiro do Recruta”. O evento faz parte do início das comemorações da Semana da Artilharia, o qual é promovido pela AD/1 Artilharia Divisionária 1 (Artilharia Divisionária Cordeiro de Farias) unidade subordinada a 1ª Divisão de Exército, em alusão ao Dia da Artilharia que é comemorado no próximo dia 10 de Junho e que também faz parte do adestramento dos futuros soldados da arma de artilharia, que estão se incorporando as fileiras do Exército Brasileiro.

https://orbisdefense.blogspot.com.br/2017/06/centro-de-instrucao-do-gericino-recebe.html







































 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #906 em: Junho 14, 2017, 05:26:08 pm »
12º BE Cmb Bld - “Transposição de Curso D'água”



Citar
Alegrete (RS) – No dia 5 de junho de 2017, o 12° Batalhão de Engenharia de Combate Blindado  “Batalhão Marechal Enéas Galvão” realizou o Pedido de Cooperação de Instrução (PCI) para o Curso de Engenharia da Escola de Sargentos das Armas (EsSA).

As atividades começaram com uma palestra ministrada pelo Ten Cel Azevedo, Comandante do 12º BE Cmb Bld, no auditório da unidade, na sequência os alunos tiveram a possibilidade de passar por diversas instruções de materiais de pontes, equipamentos e viaturas blindadas, visando a formação do sargento de engenharia.

FONTE: http://www.3de.eb.mil.br/index.php/component/content/article?id=118&



 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #907 em: Junho 20, 2017, 12:27:29 pm »


Citar
Forças Especiais, elite do Exército Brasileiro capacitada ao planejamento, condução e execução de operações de guerra assimétrica, contraterrorismo, fuga e evasão, inteligência de combate, contraguerrilha, guerra de resistência, reconhecimento.
1º Batalhão de Forças Especiais, Goiânia/GO.
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #908 em: Junho 21, 2017, 09:16:16 pm »
Exército investe em simulação



Citar
Brasília (DF) – O Exército Brasileiro tem investido, com mais frequência, nos últimos anos, em sistemas de simulação que permitem capacitar militares em diferentes aéreas, racionalizando recursos e trazendo mais possibilidades aos treinamentos. O Comando de Operações Terrestres (COTER) possui, em sua 1ª Subchefia, uma Divisão de Simulação de Combate, responsável por gerenciar o Sistema de Simulação do Exército com foco no preparo da Força Terrestre.

De modo geral, durante as simulações, os militares participam de representações artificiais de atividades ou eventos reais. Para isso, podem ser utilizados sistemas informatizados, mecânicos, hidráulicos ou a combinação desses sistemas. Além disso, as simulações podem ser “vivas”, com pessoas e sistemas reais; “virtuais”, com pessoas reais e sistemas virtuais; e “construtivas”, com tropas e sistemas simulados.

Utilizar simulações no adestramento é uma tendência mundial da área de defesa. Segundo o Major Reynaldo Cayres Minardi Júnior, da Divisão de Simulação de Combate do COTER, embora não substituam os treinamentos reais, as simulações possibilitam que o militar, sendo treinado, precise repetir menos vezes a atividade, gerando mais segurança e menor desgaste dos equipamentos, por exemplo.

“Haja vista a quantidade de recursos tecnológicos que são empregados hoje em dia nos armamentos, equipamentos e viaturas, a gente não pode se dar ao luxo de partir para o treinamento real sem que aquele militar tenha o mínimo de capacitação”, enfatiza o Major. Exemplo disso são os simuladores utilizados para treinar motoristas para viaturas Guarani e os simuladores de tiro.

Outros benefícios do uso de simulações são a redução do impacto ambiental e os múltiplos cenários que podem ser criados no ambiente virtual para treinar os militares em diversas funções e no apoio à decisão, com ferramentas de análise. “Imagina a dificuldade de movimentar tropas, viaturas, equipamentos para o interior de um ambiente urbano. A gente consegue fazer isso no sistema de simulação”, ilustra o Major Cayres.

Evento aberto ao público terá exposição de sistemas de simulação

Entre os dias 20 e 22 de junho, a Conferência de Simulação e Tecnologia Militar será promovida em Brasília, no Quartel-General do Exército. Mais de 3 mil visitantes, entre militares, empresários e acadêmicos, devem passar pelas exposições da Conferência e de palestras especializadas que ocorrerão em paralelo. A previsão é de que 25 empresas apresentem soluções para os sistemas de simulação de combate. O evento é aberto ao público, com entrada gratuita.

FONTE:  http://www.forte.jor.br/2017/06/20/exercito-investe-em-simulacao/




 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #909 em: Junho 21, 2017, 09:19:34 pm »
1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl) realizou exercício de situação hipotética para o preparo da tropa na defesa externa


Citar
A 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl) realizou, em 14 de junho, um exercício de combate convencional vocacionado para o adestramento em defesa externa.A atividade contou com uma situação hipotética de retomada de território ocupado por forças adversas, e foi conduzida no terreno a partir de postos de observação. Nessa ocaião, os diversos níveis e escalões de comando puderam consolidar e revisar a doutrina de emprego das forças, ratificando ou retificando o planejado nas cartas (mapas).

Após a intervenção das funções de combate e dos sistemas operacionais das organizações militares orgânicas da Brigada, ocorreu uma demonstração de marcha para o combate e ataque coordenado, ambas situações realizadas pelo 7º Batalhão de Infantaria de Selva (7º BI Slv) e pelo 12º Esquadrão de Cavalaria Mecanizado (12º Esqd C Mec). Ao término do exercício, foram realizados tiros reais de canhão 90 mm das Viaturas Blindadas de Reconhecimento EE-9 "Cascavel", do 12º Esqd C Mec.

FONTEhttps://orbisdefense.blogspot.com.br/2017/06/1-brigada-de-infantaria-de-selva-1-bda.html









 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #910 em: Junho 22, 2017, 09:18:00 pm »

Comandante do Exército, General Eduardo Dias da Costa Villas Bôas vai ao Senado Federal na Comissão de Relações Exteriores

Aos colegas foristas portugueses e brasileiros que interessarem nos temas centrais acerca do Exército Brasileiro, este vídeo é bastante esclarecedor.
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #911 em: Junho 23, 2017, 04:14:02 pm »

Tecnologia de emprego militar é tema de conferência no Quartel General (QG) do Exército
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #912 em: Junho 29, 2017, 03:33:38 am »
Preparação final do Exercício Felino reúne no Brasil Forças Armadas de países de língua portuguesa


Citar
Itaipava (RJ), 27/06/2017 – Forças Armadas do Brasil e de mais oito países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) participam, de 26 a 30 de junho, em Itaipava, cidade da Serra Fluminense, do planejamento final do Exercício Felino 2017, que ocorrerá em setembro, na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), em Resende (RJ).

O Exercício Felino tem um planejamento bienal. No primeiro ano, em 2016, em Cabo Verde, ocorreu a modalidade carta; e, no segundo ano, 2017, se realizará com tropas no terreno. O objetivo é treinar, de forma conjunta e combinada, a organização, o planejamento e o comando e controle de operações de apoio à paz e de ajuda humanitária, em um cenário fictício. A operação Felino está em sua 17ª edição, sendo a terceira no Brasil.

Militares de Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé Príncipe e Timor Leste, e representantes do Ministério da Defesa e das Forças Armadas brasileiras, em conferência no Centro General Ernani Ayrosa, organização na região serrana do Rio de Janeiro, realizam os últimos ajustes necessários à execução do Exercício. Entre eles, a integração entre cenário e capacidades; o conhecimento de documentos estruturantes e a aprovação do acordo técnico.

Para o integrante do Estado-Maior Coordenador Conjunto das Forças Armadas do Timor Leste, tenente-coronel Renilde Gutierrez Silva, o Exercício é interessante por reunir países que falam a mesma língua. “Juntam-se países de diferentes continentes, podemos juntar ideias para atender a um possível trabalho internacional conjunto”, disse o militar.

Na abertura da conferência as delegações receberam as boas vindas, por videoconferência, do oficial condutor do Exercício, 1º Subchefe do Comando de Operações Terrestres (COTER), general José Eduardo Pereira, que destacou a importância do evento. “É importante acertarmos os detalhes, tirarmos as dúvidas e levantarmos possibilidades de ajustes. Esta reunião sela o acordo que define as atividades que serão realizadas”, finalizou o general José Eduardo.


De acordo com o diretor da atividade, comandante da 4ª Brigada de Infantaria Leve (Montanha), general Carlos André Alcântara Leite, a integração entre os países da CPLP e o intercâmbio de experiências entre as Forças Armadas possibilita uma significativa troca de conhecimentos. “O que a gente espera, ao longo da semana, é podermos conhecer mais da cultura, da história e das Forças Armadas de cada país, agregando conhecimentos não só da parte militar”, afirmou o general.

Nas edições no Brasil, o Ministério da Defesa, por meio da Chefia de Operações Conjuntas, é responsável pela coordenação do Exercício Felino, que visa otimizar a capacidade de intervenção da Marinha, do Exército e da Aeronáutica em missões de apoio à paz e ajuda humanitária, em resposta a situações de crise no nível estratégico, operacional e tático.

CPLP

A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)  foi criada em 1996. É o foro multilateral privilegiado para o aprofundamento da amizade mútua e da cooperação entre os seus membros.


A comunidade tem entre seus objetivos a cooperação em todos os domínios, inclusive os da educação, saúde, ciência e tecnologia, defesa, agricultura, administração pública, comunicações, justiça, segurança pública, cultura, desporto e comunicação social.

Na vertente defesa, realiza a integração entre os países por meio de um exercício militar – série Felino, para incrementar o intercâmbio das Forças Armadas dos Estados-Membros, para o emprego em Operações de Apoio à paz e de ajuda humanitária, sob a égide da Organização das Nações Unidas (ONU).

Por major Sylvia

Assessoria de Comunicação Social (Ascom)
Ministério da Defesa

http://www.defesa.gov.br/noticias/32312-preparacao-final-do-exercicio-felino-reune-no-brasil-forcas-armadas-de-paises-de-lingua-portuguesa
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #913 em: Julho 03, 2017, 06:02:37 pm »
EXÉRCITO BRASILEIRO vai receber mais 60 obuseiros M109A5 dos Estados Unidos


Citar
O Exército Brasileiro (EB) vai receber mais 60 Viaturas Blindadas de Combate Obus Autopropulsadas M109A5 dos Estados Unidos. A informação foi divulgada no Boletim do EB. No documento, a Força Terrestre autoriza “o adiantamento de pagamento de recursos financeiros para os respectivos serviços de embalagem, acondicionamento e manuseio, e as taxas administrativas correspondentes”. Com informou em outra ocasião ao site Indústria de Defesa & Segurança (ID&S), os únicos custos que o Brasil tem com essas doações são com o transporte e as eventuais modernizações. Para o transporte, o EB vai gastar US$ 164.273.

O Brasil já aceitou outra doação de outras 40 viaturas M109A5 do Exército americano, destas 32 estão sendo modernizadas pela BAE Systems para versão M109-A5 BR. As primeiras unidades têm previsão de chegar ao Brasil em março de 2019. Dois outros blindados já estão no Parque Regional de Manutenção da 5ª Região Militar (Pq R Mnt/5), em Curitiba (PR), e estão sendo preparados para serem utilizados como treinadores.

Com a modernização, os M109 A5 receberão uma eletrônica embarcada para navegação do veículo e posicionamento do armamento, incluindo GPS, acelerômetros, sensores e radar de boca. O objetivo principal é implementar um sistema digitalizado que dê maior agilidade e precisão à Artilharia de Campanha do Exército Brasileiro.

FONTE:  http://defesaeseguranca.com.br/exercito-vai-receber-mais-60-obuseiros-m109a5-dos-estados-unidos/#prettyPhoto
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 4013
  • Recebeu: 316 vez(es)
  • Enviou: 269 vez(es)
  • +583/-702
Re: Exército Brasileiro
« Responder #914 em: Julho 03, 2017, 06:10:14 pm »
Centro de Doutrina do Exército participa de reunião para elaboração do projeto de modernização da VBR Cascavel



Citar
O Centro de Doutrina do Exército (C Dout Ex) participou, nos dias de 19 a 22 de junho, da reunião para elaboração dos Requisitos Operacionais (RO) e Requisitos Técnicos, Logísticos e Industriais (RTLI) da VBR Cascavel. A atividade foi coordenada pela 4ª Subchefia do EME e foi realizada nas instalações do Centro Tecnológico do Exército (CTEx), na cidade do Rio de Janeiro - RJ.

O evento teve por finalidade o debate e a elaboração dos RO e dos RTLI pra o projeto de modernização da VBR Cascavel. Participaram da reunião, entre outros, integrantes do Estado-Maior de Exército, Comando de Operações Terrestres, Departamento de Ciência e Tecnologia, Diretoria de Material, Centro Tecnológico do Exército, Diretoria de Fabricação, Centro de Avaliação do Exército, Diretoria de Fabricação e Arsenal de Guerra de São Paulo.







FONTE: https://orbisdefense.blogspot.com.br/2017/07/centro-de-doutrina-do-exercito-c-dout.html
 

 

Comando de Comunicações e Guerra Eletrônica do Exército (Cmdo Com GE Ex)

Iniciado por Vitor Santos

Respostas: 2
Visualizações: 145
Última mensagem Julho 23, 2019, 07:09:03 pm
por Vitor Santos
Aviação do Exército (AvEx)

Iniciado por Vitor Santos

Respostas: 88
Visualizações: 2500
Última mensagem Setembro 04, 2019, 01:49:57 pm
por Vitor Santos
Projeto Combatente Brasileiro (COBRA)

Iniciado por Vitor Santos

Respostas: 3
Visualizações: 340
Última mensagem Junho 25, 2019, 10:33:31 pm
por Vitor Santos
Comando de Operações Especiais (COpEsp) do Exército Brasileiro

Iniciado por Vitor Santos

Respostas: 53
Visualizações: 2831
Última mensagem Agosto 27, 2019, 12:47:50 am
por Vitor Santos
Exército Brasileiro usará dirigíveis na Amazônia

Iniciado por J.Ricardo

Respostas: 2
Visualizações: 2903
Última mensagem Janeiro 18, 2005, 07:13:34 pm
por J.Ricardo