Dúvidas Polícia Aérea

  • 98 Respostas
  • 30018 Visualizações
*

kaiowas

  • 7
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #30 em: Dezembro 21, 2008, 01:14:01 pm »
boas tardes.
No essencial já estas devidamente esclarecidas com os relatos dos restantes camaradas.
Mas no entanto, vou fazer 1 pequeno resumo
O 12 ano ñ é nada nos dias que correm!!!!!!!  A maior parte dos praças tem o mesmo.
Muitas das vezes ñ gozas devidamente as folgas a que se tem direito na PA, pois o efectivo está muito reduzido.
Vais trabalhar o dobro das horas dos “BICOS”, que são as restantes especialidades.
Vais perder muita horinha de sono!!!
Provavelmente, sais de 1 serviço de 24h, muito mal dormido ou mesmo nada, e vais ter instrução!
Se és do norte, provavelmente a base mais perto que vais parar é a Monte Real, isto se ñ fores parar aos açores ou para Beja!!
Entre muitas outras coisas…..
Agir e sofrer!!!!
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7405
  • Recebeu: 616 vez(es)
  • Enviou: 755 vez(es)
  • +97/-30
(sem assunto)
« Responder #31 em: Dezembro 21, 2008, 04:27:47 pm »
Não tenho nada contra a PA, até tenho alguns amigos PA, mas na minha opinião é das piores especialidades para se ter na Força Aérea.
É muito trabalho, pouco descanso, poucas vagas para ir para o quadro permanente em relação ao total de praças que concorrem, ir a missões ZERO (a não ser que sejam do 1% da UPF) quando saires para a vida civil não tens qualificação nenhuma que te valorize (tenho amigos mecanicos de aviões que foram para empresas civis tipo TAP e outras, tenho amigos mecanicos de electronica que foram para tecnicos de empresas de electrónica e os PAs vão para onde? Segurança nos supermecados??), e em troca de terem a pior vida da Força Aérea tomem lá uma boina para por na cabeça...

Não é querer puxar a brasa à minha sardinha, se querem mesmo ser PA, então força, quem corre por gosto não cansa, mas depois não se queixem.

Na minha opinião, na Força Aérea as melhores especialidades são da área de Operações e a seguir são da área de Mecânica, mas tem que se estudar um bocado e não tem boina :lol: .

Agora para PA esqueçam coisas desse género, é 200 praças a concorrer para 10 vagas (exemplo), é preciso ter médias relativamente altas de 12º para ficar no top ten.
 

*

tiagu25

  • 26
  • +0/-0
Re: Caro Tiagu25!
« Responder #32 em: Dezembro 21, 2008, 09:24:27 pm »
alquem me pode explicar melhor estas especialedades MARME , MELECT, OPREDET, OPCOM???o que sao....
pelo que percebi com o 12º posso ir para pilav.....isso e piloto certo?????mas para isso nao tenho d ter boa nota a matematica????a matematica "enterrame" mesmo.......eu estou mesmo muito indeciso em relaçao ao meu futuro......so tenho certeza de uma coisa.,......passa por ser militar
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 6763
  • Recebeu: 306 vez(es)
  • Enviou: 201 vez(es)
  • +175/-0
(sem assunto)
« Responder #33 em: Dezembro 21, 2008, 09:34:45 pm »
Para piloto as questões fisícas é que são essenciais, nomeadamente obter resultados de cerca de 100% na visão e na audição. Até podem ter nota 20 a matemática, se os testes médicos, físicos e psicológicos demonstratem que não podem ser piloto...Porque senão o pessoal que vai para Medicina ia antes para piloto que sempre tem mais glamour e ganham mais (pelo menos no privado)...
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 6763
  • Recebeu: 306 vez(es)
  • Enviou: 201 vez(es)
  • +175/-0
(sem assunto)
« Responder #34 em: Dezembro 21, 2008, 09:40:37 pm »
Citar
OPCOM - Comunicações

Funções - Operar sistemas de comunicações e de informação no âmbito do serviço de mensagens, nos centros de comunicações e nos domínios das Unidades/Órgãos e no Sistema Táctico de Comando e Controlo.

Processar e explorar funcionalidades de troca e processamento de informação, aplicando técnicas de segurança. Operar equipamentos rádio e de outra natureza em ambientes fixos ou tácticos.

Citar
MARME - Armamento e Equipamento
 
Funções - Executar acções de aprontamento e manutenção, de linha ou de hangar, programada ou correctiva, em sistemas de armamento e sistemas de sustentação da vida (sistemas de ejecção, oxigénio, equipamentos de voo, sobrevivência e salvamento), de acordo com as especificações técnicas definidas.

Executar medições eléctricas, movimentar munições e explosivos, manusear produtos químicos, gases e criogénios, reparar cablagens eléctricas relacionadas com os sistemas de armamento, efectuar reparações mecânicas, prevenir a corrosão e interpretar/preencher documentação técnica.

Citar
MELECT - Electricidade
 
Funções - Executar de forma autónoma, a instalação de edificações e controlar a colocação em serviço e a manutenção dos equipamentos eléctricos. Montar, desmontar, manter, diagnosticar avarias, reparar e testar motores eléctricos, automatismos de controlo, fontes ininterruptas de energia, equipamentos de calor, de frio e de climatização. Executar trabalhos de manutenção em baixa e em média tensão. Referencial de Formação Reconhecido Técnico-pedagogicamente pelo IEFP


Etc., etc., etc.  :arrow: http://www.emfa.pt/www/po/crfa/index.ph ... &opcao=cfp
 

*

tiagu25

  • 26
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #35 em: Dezembro 21, 2008, 10:03:57 pm »
sim mas entao para entrar para piloto a nota a matematica nao e importante????e entao o que tenho de fazer agora ao acabar o 12º para concorrer a piloto????e tenho a possibilidade de chegar a sargento no minimo certo???
agradeço desde ja a todos a disponibilidade no esclarecimento de todas estas minhas duvidas mas trata-se de meu futuro e nao quero tomar decisoes precipitadas
 

*

tiagu25

  • 26
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #36 em: Dezembro 21, 2008, 10:08:10 pm »
é assim.....ainda a pouco me disseram que com o 12 posso ser piloto mas no site da força aerea nao diz o mesmo....http://www.emfa.pt/www/po/crfa/index.ph ... &opcao=cfo ta ai o link......e na categoria de praças piloto nem existe.........muita confusao
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 6763
  • Recebeu: 306 vez(es)
  • Enviou: 201 vez(es)
  • +175/-0
(sem assunto)
« Responder #37 em: Dezembro 21, 2008, 10:40:30 pm »
PILAV- Piloto Aviador. Pilotos do Quadro Permanente da FAP. Entra-se na Academia da Força Aérea com o 12.º e sai-se com uma Licenciatura/Mestrado Integrado, começa-se como Alferes e pode chegar ao Generalato.

PIL - Piloto. Pilotos do Regime de Contrato da FAP. Entra-se com o 12.º ano ou Bacharelato ou Licenciatura (em caso de excesso de candidatos ou empate de notas, tem prioridade os candidatos com mais qualificações), fazem apenas o curso de pilotagem e não realizam os cinco anos da Licenciatura/Mestrado Integrado, o contrato é de 6 anos e serão apenas Oficiais Subalternos (Aspirantes, Alferes, Tenentes).

Notas importantes a reter no seu caso aplicado à FAP:

Oficiais em Regime de Contrato: Bacharelato ou Licenciatura.
Sargentos em Regime de Contrato: não há na FAP, eventuamente alguns Enfermeiros (Bachareis/Licenciados em Enfermagem).
Praças em Regime de Contrato: 11.º/12.º ano para a maioria das especialidades, 9.º ano para algumas especialidades (PA, OPSAS...).

Oficiais do Quadro Permanente: indivíduos que entram com o 12.º ano na Academia da Força Aérea e ai realizam Licenciatura/Mestrado Integrado; individuos licenciados em universidade civisi em áreas muito especificas (nomeadamente Medicina); Oficiais Técnicos oriundos das Categorias de Sargentos,Praças ou Oficiais RC e que realizam Bacharelatos na Escola Superior de Tecnologias Aeronáuticas (futuramente essa escola vai ser/está a ser fundida com a Academia da Força Aérea).
Sargentos do Quadro Permanente: indivíduos recrutados da categoria de Praças.
Praças do Quadro Permanente: não há na FAP, apenas a Marinha possuí.
« Última modificação: Dezembro 21, 2008, 11:09:32 pm por PereiraMarques »
 

*

tiagu25

  • 26
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #38 em: Dezembro 21, 2008, 10:45:04 pm »
mas para entrar na academia como piloto tenho de ter 16 valores a matematica nos exames nacionais certo????
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 6763
  • Recebeu: 306 vez(es)
  • Enviou: 201 vez(es)
  • +175/-0
(sem assunto)
« Responder #39 em: Dezembro 21, 2008, 10:50:44 pm »
Onde é que está isso escrito?

Se for o que aparece a seguir "16" refere-se ao código da disciplina específica :roll:

Citar
- Piloto Aviador (PILAV) – (16) Matemática (95 pontos); - Engenharias (ENGAER, ENGEL e ENGAED) – (07) Física e Química (F) (95 pontos) e (16) Matemática (95 pontos);


Portanto nota mínima a Matemática 9,5 valores (95 pontos), numa escala de 0 a 20.
« Última modificação: Dezembro 21, 2008, 11:10:10 pm por PereiraMarques »
 

*

tiagu25

  • 26
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #40 em: Dezembro 21, 2008, 10:56:51 pm »
95 pontos no exame nacional????isso refere-se a 9.5 numa escala de 0 a 20 certo????muito obrigado pela sua paciencia e acredito que ao responder as minhas questoes esta a responder tambem a muita mais gente ao mesmo tempo.....
 

*

ruisilva1987

  • 4
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #41 em: Abril 28, 2009, 06:27:51 am »
Estou a pensar em concorrer para Oficial em RC da PA, acham que depois disso existe possibilidades de ficar no QP da FA?
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7405
  • Recebeu: 616 vez(es)
  • Enviou: 755 vez(es)
  • +97/-30
(sem assunto)
« Responder #42 em: Abril 28, 2009, 10:39:28 am »
Citação de: "ruisilva1987"
Estou a pensar em concorrer para Oficial em RC da PA, acham que depois disso existe possibilidades de ficar no QP da FA?


Possibilidade há sempre, só depende de si.
 

*

ruisilva1987

  • 4
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #43 em: Abril 29, 2009, 05:49:10 pm »
Sim, eu sei que só depende de mim, mas sabem precisar-me mais ou menos quantas vagas por ano aparecem para Oficiais PA do QP?
E sabem como é que desenrola-se esse processo todo?

É que se for para não haver hipóteses de passar do RC para o o QP não escolho a especialidade PA, é melhor escolher, Mecânico ou Meteorologista, por causa das saídas profissionais na vida cívil, é triste mas não se pode fazer só o que gostamos... Esta é a minha opinião.
 

*

raphael

  • Investigador
  • *****
  • 1224
  • Recebeu: 199 vez(es)
  • Enviou: 164 vez(es)
  • +36/-4
(sem assunto)
« Responder #44 em: Abril 29, 2009, 06:22:30 pm »
Citação de: "ruisilva1987"
Sim, eu sei que só depende de mim, mas sabem precisar-me mais ou menos quantas vagas por ano aparecem para Oficiais PA do QP?
E sabem como é que desenrola-se esse processo todo?

É que se for para não haver hipóteses de passar do RC para o o QP não escolho a especialidade PA, é melhor escolher, Mecânico ou Meteorologista, por causa das saídas profissionais na vida cívil, é triste mas não se pode fazer só o que gostamos... Esta é a minha opinião.


É uma opinião válida e nada censurável! Qual é a sua licenciatura? Isto porque das várias licenciaturas admitidas para PA, quando no concurso para o QP há uma ordenação por prioridades.
Um abraço
Raphael
__________________
 

 

Petição: TROPAS PÁRA-QUEDISTAS, PARA A FORÇA AÉREA!

Iniciado por paraquedista

Respostas: 3
Visualizações: 3210
Última mensagem Março 11, 2016, 07:53:23 pm
por paraquedista
Qual as prioridades para a Força Aérea entre 2011-2020 ?

Iniciado por dc

Respostas: 38
Visualizações: 10325
Última mensagem Novembro 15, 2010, 02:34:53 pm
por bokaido
CDS propõe 12 anos de serviço para pilotos da Força Aérea

Iniciado por Marauder

Respostas: 19
Visualizações: 8906
Última mensagem Setembro 12, 2007, 02:40:44 am
por raphael
Açores: radares de defesa aérea a partir de 2011

Iniciado por pmdavila

Respostas: 18
Visualizações: 9241
Última mensagem Maio 20, 2008, 04:09:50 pm
por Lancero
Força Aérea Portuguesa no V Festival Aéreo de Vigo

Iniciado por bucanero

Respostas: 8
Visualizações: 5275
Última mensagem Julho 30, 2008, 06:15:06 pm
por bucanero