Notícias da Marinha do Brasil

  • 1175 Respostas
  • 276356 Visualizações
*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1190
  • Recebeu: 40 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +52/-448
(sem assunto)
« Responder #60 em: Dezembro 10, 2008, 12:49:59 pm »
EMIDIO MATTOS
Citar
Não descobrimos terras alheias e a roubaram e a pilharam para pagar dívidas com a Dona Inglaterra e em troca, segundo os livros muito pouca coisa foi dado em troca.


Meu caro com todo o respeito, que todos nós merecemos, fico meio em estado de  :lol:  deviam ficar calados, ou pelos menos ser um pouco mais coerentes com nós mesmos, para não cairmos na rede da hipocrisia, pois ainda hoje os própios brasileiros fazem essa discriminação acerca dos índios, o que a meu ver está errado, pois merecem todo o respeito, pois a terra de Vera Cruz era habitada por eles e não por brasileiros, o que foi dado em troca nem vou perder tempo a comentar, saudações de um Feliz Natal e um próspero Ano Novo. :D  c34x
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Paisano

  • Especialista
  • ****
  • 905
  • Recebeu: 6 vez(es)
  • +1/-0
    • http://defesabrasil.com/forum
(sem assunto)
« Responder #61 em: Dezembro 10, 2008, 11:45:02 pm »
MARINHA DO BRASIL

DIRETORIA DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E DOCUMENTAÇÃO DA MARINHA

DIA DO MARINHEIRO

Citar
Comemora-se, em 13 de dezembro, o Dia do Marinheiro. Esta data foi escolhida em 1925, pelo Ministro da Marinha, Almirante Alexandrino de Alencar, em homenagem ao Almirante Joaquim Marques Lisboa, Marquês de Tamandaré, Patrono da Marinha, que nasceu nesse dia, no ano de 1807.

A homenagem à Tamandaré foi muito significativa, pois ele dedicou toda sua vida à Marinha e é um exemplo para todos os marinheiros. Entrou para a Marinha na Guerra de Independência, aos quinze anos de idade. Durante a Guerra Cisplatina ficou conhecido por seus atos de bravura. Aos dezoito anos, assumiu o comando de um navio, a Escuna Constança, e depois, no comando da Escuna Bela Maria, distinguiu-se por sua coragem e cavalheirismo. Destacou-se durante toda a carreira, em comissões difíceis e importantes. Como Oficial General, comandou as ações no Uruguai, em 1864, e foi o Comandante-em-Chefe da Força Naval Brasileira em Operações de Guerra contra o Paraguai, no período de 1865 e 1866.

Tamandaré viveu em uma época muito importante para a formação do Brasil. Assistiu a colônia se tornar Reino Unido, depois Império e, mais tarde, República. Participou de 4 guerras e contribuiu para evitar a desagregação do território brasileiro, atuando contra várias revoltas internas no País. Ele faz parte do grupo de militares, diplomatas, políticos e estadistas que legou, com suas realizações, aos brasileiros a herança de um país de proporções continentais, rico em recursos naturais, que abriga uma população unida por um idioma e uma cultura.

O dia 13 de dezembro é dedicado a todos os marinheiros do Brasil. Que Tamandaré lhes sirva como paradigma, para que procurem se distinguir em sua profissão e para que o conjunto de suas qualidades morais lhes indique o rumo.  

ARMANDO DE SENNA BITTENCOUT
Vice-Almirante (EN-RM1)
Diretor

Fonte: https://www.mar.mil.br/menu_h/noticias/ ... nheiro.htm


As pessoas te pesam? Não as carregue nos ombros. Leva-as no coração. (Dom Hélder Câmara)
_________________
Volta Redonda
_________________
 

*

HaDeS

  • 223
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #62 em: Dezembro 13, 2008, 03:44:20 am »
Citar
Submarino nuclear em breve

Durante cerimônia em homenagem ao Dia do Marinheiro e de entrega da Medalha do Mérito Tamandaré, durante a manhã desta quinta-feira, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, por meio de mensagem, que o Brasil terá um submarino nuclear em breve.

- Os acordos para a construção do primeiro submarino brasileiro com propulsão nuclear estão se tornando a cada dia mais concretos. Em alguns anos, o Brasil fará parte do seleto grupo de nações que possuem esse fator - afirma o presidente.

Na mensagem Lula destacou, ainda, que uma das prioridades do Programa de Reaparelhamento da Marinha são os navios-patrulha que irão operar nas imediações das plataformas petrolíferas.

O vice-presidente da República, José Alencar, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, e o presidente do Senado, Garibaldi Alves, participaram da cerimônia.

- Esta homenagem recompõe as tradições da marinha e faz parte daquilo que chamamos de integração das Forças Armadas com a sociedade brasileira - destacou Jobim ao sair do evento.

Fonte: Agência Brasil



_________________
"Se demonstra força todos querem ser teus aliados, ao contrario, se mostras fraqueza ninguém te dará importância e se tendo riquezas não demonstra força, atrairás sobre tua cabeça todas as ambições do mundo" Ciro
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14875
  • Recebeu: 938 vez(es)
  • Enviou: 903 vez(es)
  • +134/-145
(sem assunto)
« Responder #63 em: Dezembro 16, 2008, 10:37:37 am »
Tenho lido no fórum DB que as coisas estão relamente a andar em relação aos submarinos.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Paisano

  • Especialista
  • ****
  • 905
  • Recebeu: 6 vez(es)
  • +1/-0
    • http://defesabrasil.com/forum
(sem assunto)
« Responder #64 em: Dezembro 23, 2008, 01:16:04 pm »
Lula acerta acordo militar com a França

Fonte: http://diariodovale.uol.com.br/arquivo/ ... -81217.htm

Citar
Pelos termos que serão assinados hoje, Brasil e França farão ao menos cinco submarinos e 50 helicópteros

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, detalhou ontem o acordo militar com a França, que será fechado entre os dois países hoje, segundo o qual serão construídos cinco submarinos no país - quatro convencionais e um a propulsão nuclear- e 50 helicópteros. Nos dois casos, haverá transferência de tecnologia.

Segundo Jobim, o acordo dos helicópteros já está orçado em 1,899 bilhão. O preço varia de acordo com o equipamento militar adicionado.
 
Todos, do modelo 725 da Eurocopter, serão montados no país pela Helibras e com participação de fornecedores brasileiros. As primeiras unidades serão entregues no segundo semestre de 2010. A transferência de tecnologia foi um ponto-chave para fechar o acordo. De acordo com um especialista da área na Marinha ouvido pela reportagem, embora o EC 725 seja considerado um ótimo helicóptero, há aeronaves americanas superiores - mas os EUA não aceitam transferir know-how. As Forças Armadas já têm versão anterior da Eurocopter, comprada no fim da década de 1980.
 
- O que é fundamental é que parte substancial da eletrônica será feita no Brasil. Esse é um assunto encerrado, acordado e será assinado o contrato, que começará a vigorar após o financiamento, que foi proposto pelos franceses - disse Jobim.

No caso dos submarinos, toda a parte política já foi fechada, segundo Jobim. Falta só definir os valores. A França concederá o financiamento e instalará um estaleiro em Itaguaí (Baixada Fluminense), onde serão feitas as embarcações.

Toda a estrutura dos submarinos ficará a cargo da francesa DCNS, construtora especializada nesse tipo de obra. Já a propulsão nuclear caberá à Marinha brasileira, que já possui a tecnologia. O submarino de propulsão nuclear tem previsão de estar pronto em 2024.

Para Jobim, a decisão de firmar o acordo com a França se baseou, sobretudo, na possibilidade de absorver tecnologia, o que não estava previsto nas tratativas com outros países. “Uma coisa era o Brasil comprar um submarino pronto. Outra coisa é nós construirmos. Isso cria uma tecnologia imensa e tem geração de emprego em torno disso. Basta ver a questão dos helicópteros, que vai determinar uma expansão enorme da Helibras, que terá aumento de 100 para 500 empregos e mais 5.000 indiretos”.

Ele ressaltou que o estaleiro será operado por uma empresa a ser criada entre a Marinha brasileira e empreendedores privados, mas pertencerá ao Brasil após 20 anos de uso. Jobim disse ainda que estão em estudo mais três acordos com a França na área militar: um para desenvolvimento do novo modelo de combate e treinamento de tropas do país, outro para a construção de caças e um terceiro para o monitoramento de todo território terrestre e marítimo brasileiro.

Acordo militar entre Brasil e França

1. SUBMARINOS

O que é
Serão construídos por Brasil e França em parceria quatro embarcações convencionais e uma com propulsão nuclear (tecnologia brasileira). Neste último, a França apóia só a construção da parte não-nuclear (casco e sistemas eletrônicos)

Quando
O submarino com propulsão nuclear tem previsão de ficar pronto em 2024. O Ministério da Defesa brasileiro não informou quando os convencionais estarão prontos

Onde
O estaleiro será construído em Itaguaí, em terreno da União, administrado por empresa a ser criada, tendo a Marinha como sócia de empreendedores privados

Especificações

Comprimento - 66,4 metros
Tripulação - 30 pessoas
Mergulho máximo - 300 metros
Autonomia - 50 dias
Velocidade - 40 km/h (submerso)
Propulsão - Diesel-elétrica

HELICÓPTEROS

O que é
Está prevista a construção de 50 unidades do helicóptero EC 725 para as Forças Armadas do Brasil, envolvendo a francesa Eurocopter e sua subsidiária brasileira Helibrás, sediada em Itajubá (MG)

Quando
Segundo o Ministério da Defesa, as primeiras unidades deverão ser entregues no segundo semestre de 2010

Quanto
O custo total orçado é de 1,899 bilhão de euros

Indústria de defesa está desmontada, afirma Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou ontem, em seu programa semanal de rádio “Café com o Presidente”, que o Brasil precisa montar uma estratégia de defesa pensando não em guerra, mas “em se defender”. As informações são da Agência Brasil.
 
Segundo ele, esse é o motivo do lançamento, na última semana, do Plano de Defesa Nacional. Para Lula, a indústria de defesa no Brasil está desmontada e precisa ser reorganizada.

“Um país que acaba de descobrir reservas imensas de petróleo em águas profundas, que tem a Amazônia para defender, precisa montar uma estratégia de defesa não pensando em guerra, mas pensando em se defender mesmo. Em garantir o seu patrimônio, em garantir a tranqüilidade da sociedade brasileira”, disse.

Segundo Lula, o país precisa de um Ministério da Defesa “que realmente seja um Ministério da Defesa”. “É um projeto a longo prazo, não é uma coisa que vai acontecer em dois dias ou em dois anos. O Brasil precisa estar efetivamente preparado.”
As pessoas te pesam? Não as carregue nos ombros. Leva-as no coração. (Dom Hélder Câmara)
_________________
Volta Redonda
_________________
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4144
  • Recebeu: 253 vez(es)
  • Enviou: 258 vez(es)
  • +53/-7
(sem assunto)
« Responder #65 em: Dezembro 23, 2008, 02:40:09 pm »
um pouco offtopic

Isto quer dizer que o próximo avião de combate brasileiro será o f18
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

JLRC

  • Investigador
  • *****
  • 2509
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +4/-42
(sem assunto)
« Responder #66 em: Dezembro 23, 2008, 04:32:51 pm »
Citar
Jobim disse ainda que estão em estudo mais três acordos com a França na área militar: um para desenvolvimento do novo modelo de combate e treinamento de tropas do país, outro para a construção de caças e um terceiro para o monitoramento de todo território terrestre e marítimo brasileiro.


Parabéns ao Brasil :wink:
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14875
  • Recebeu: 938 vez(es)
  • Enviou: 903 vez(es)
  • +134/-145
(sem assunto)
« Responder #67 em: Dezembro 23, 2008, 05:02:19 pm »
Depois de anos de frustração, acho que é desta que o Brasil consegue ter uma melhoria considerável nos meios ao seu dispor.

O Exército é que nisto tudo está um pouco em baixo (só está em vista a modrnização dos M-113, receber os Leopard I A-5 e possivelmente uma nova espingarda-automática). :(
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1190
  • Recebeu: 40 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +52/-448
(sem assunto)
« Responder #68 em: Dezembro 23, 2008, 05:52:58 pm »
Este será o helicóptero a adquerir pelo Brasil.


EC 725 Cougar

Citar
Jobim disse ainda que estão em estudo mais três acordos com a França na área militar: um para desenvolvimento do novo modelo de combate e treinamento de tropas do país, outro para a construção de caças e um terceiro para o monitoramento de todo território terrestre e marítimo brasileiro.


Quer dizer agora que os fanceses, vão ensinar os brasileiros a combater. c34x
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14875
  • Recebeu: 938 vez(es)
  • Enviou: 903 vez(es)
  • +134/-145
(sem assunto)
« Responder #69 em: Dezembro 23, 2008, 05:54:29 pm »
Daniel qualquer modelo incorporado obriga aos militares desse país receber formação para operar com esse modelo.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7299
  • Recebeu: 591 vez(es)
  • Enviou: 728 vez(es)
  • +76/-23
(sem assunto)
« Responder #70 em: Dezembro 23, 2008, 07:27:40 pm »
Citação de: "nelson38899"
um pouco offtopic

Isto quer dizer que o próximo avião de combate brasileiro será o f18


Onde é que isso está escrito?
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8464
  • Recebeu: 750 vez(es)
  • Enviou: 1227 vez(es)
  • +63/-34
    • http://youtube.com/HSMW
(sem assunto)
« Responder #71 em: Dezembro 23, 2008, 08:33:35 pm »
Quanto muito, indica que será o Rafale... :roll:
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1190
  • Recebeu: 40 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +52/-448
(sem assunto)
« Responder #72 em: Dezembro 23, 2008, 08:45:31 pm »
Brasil/França: Lula da Silva e Sarkozy fecham parceria estratégica, com destaque para área militar
23 de Dezembro de 2008, 17:27

Citar
Rio de Janeiro, Brasil, 22 Dez (Lusa) -- Os Presidentes do Brasil e da França assinaram hoje mais de 10 acordos em diferentes áreas, com destaque para a militar, e consideraram como histórico o fortalecimento da parceria bilateral.

"Hoje é um dia histórico na relação entre França e Brasil. Na área de defesa, estamos a dar um salto tecnológico necessário para reestruturar as Forças Armadas e implementar a Estratégia Nacional de Defesa (lançada na semana passada pelo Governo brasileiro)", disse o Presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva.

"Um Brasil poderoso será um elemento de estabilidade para o mundo todo", salientou, por seu turno, o Presidente francês Nicolas Sarkozy.

O acordo assinado entre os dois países na área de defesa engloba a aquisição pelo Brasil de quatro submarinos convencionais franceses - os Scorpènes, o desenvolvimento de um submarino nuclear, a construção de um estaleiro e de uma base para submarinos nucleares no Rio de Janeiro, além da compra de 50 helicópteros de transporte EC-725.

"É uma nova etapa na Marinha. Nós estamos perseguindo a construção de um submarino de propulsão nuclear desde há 30 anos e este sonho está ser concretizado hoje", afirmou à Lusa o comandante da Marinha do Brasil, Almirante-de-Esquadra Julio Soares de Moura Neto.

O oficial não revelou os valores do contrato de longa duração (20 anos), mas fontes militares informaram à Lusa que o acordo na área naval envolve cerca de 6,5 milhões de euros e contará com financiamentos externos.

A parceria estratégica entre Brasil e França poderá incluir também a aquisição de 16 a 36 caças supersónicos numa primeira etapa.

As análises técnicas da Aeronáutica sobre os três modelos que disputam a concorrência -- os Rafale da França, os FA-18 Hornet, da norte-americana Boeing e o Gripen da sueca Saab -- deverão estar concluídas em Julho de 2009.

Segundo fontes da Força Aérea, cada caça varia entre 70 milhões a 120 milhões de dólares e a aquisição implicará em transferência de tecnologia para o Brasil.

Outros acordos que merecem destaque referem-se a parcerias para o desenvolvimento sustentável da Amazónia, a criação de um centro franco-brasileiro sobre a biodiversidade amazónica e a cooperação na luta contra o garimpo ilegal de ouro na região da Guiana Francesa.

Os dois países fortalecerão ainda a parceria na área nuclear, espacial, comercial, cultural, de biocombustíveis e na promoção de ambas as línguas.

A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4144
  • Recebeu: 253 vez(es)
  • Enviou: 258 vez(es)
  • +53/-7
(sem assunto)
« Responder #73 em: Dezembro 23, 2008, 09:03:21 pm »
Citação de: "Lightning"
Citação de: "nelson38899"
um pouco offtopic

Isto quer dizer que o próximo avião de combate brasileiro será o f18

Onde é que isso está escrito?


depois de ter lido os principais programas deste acordo, reparei que não se falava na possível compra pelo Brasil de caças de combate, por isso supus que o vencedor do fx2 seria o f18, pois pelo que li em fóruns brasileiros é o verdadeiro concorrente do Rafale
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7299
  • Recebeu: 591 vez(es)
  • Enviou: 728 vez(es)
  • +76/-23
(sem assunto)
« Responder #74 em: Dezembro 23, 2008, 11:36:46 pm »
Citação de: "nelson38899"
depois de ter lido os principais programas deste acordo, reparei que não se falava na possível compra pelo Brasil de caças de combate, por isso supus que o vencedor do fx2 seria o f18, pois pelo que li em fóruns brasileiros é o verdadeiro concorrente do Rafale

Eu acho que diz aqui...

Citar
Jobim disse ainda que estão em estudo mais três acordos com a França na área militar: um para desenvolvimento do novo modelo de combate e treinamento de tropas do país, outro para a construção de caças e um terceiro para o monitoramento de todo território terrestre e marítimo brasileiro.
 

 

Acidente durante exercício de tiro entre Brasil e Argentina

Iniciado por Paisano

Respostas: 14
Visualizações: 6871
Última mensagem Dezembro 07, 2004, 11:52:51 pm
por papatango
Brasil Comprará Torpedo MK 48 Mod 6 Adv Tech

Iniciado por J.Ricardo

Respostas: 4
Visualizações: 4734
Última mensagem Maio 04, 2009, 11:41:33 pm
por 2dmaio
Marinha do Brasil incorpora navio-auxiliar "Pará"

Iniciado por J.Ricardo

Respostas: 3
Visualizações: 2903
Última mensagem Janeiro 24, 2005, 09:01:15 pm
por Paisano
Estação Antártica da Marinha do Brasil - Comandante Ferraz (EACF)

Iniciado por Vitor Santos

Respostas: 0
Visualizações: 129
Última mensagem Maio 02, 2019, 09:28:18 pm
por Vitor Santos
Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) da Marinha do Brasil

Iniciado por Paisano

Respostas: 182
Visualizações: 63063
Última mensagem Junho 18, 2019, 07:35:52 pm
por Vitor Santos