Carro de Combate M60 A3TTS

  • 348 Respostas
  • 81138 Visualizações
*

FS

  • 95
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #45 em: Fevereiro 27, 2008, 01:29:54 pm »
Citar
Parece-me que neste forum seria mais fácil recorrer aos termos técnicos que são utilizados no Exército Português. Assim estaremos todos a utilizar a mesma linguagem sem margem para duvidas. Quem não dominar o termo técnico correcto tem bom remédio: perguntar no próprio fórum e depois empregá-lo.

E que tal se nos deixasse-mos de snobismo e usarmos português corrente?????? Tanque sempre foi usado em Portugal para designar um veiculo blindado de lagartas independentemente da moda corrente do exercito Português ou da cavalaria... Se usar a palavra tanque a maior parte dos portugueses sabe do que esta a falar...



Se estão com elitismo que um tanque não e um carro de combate, então carro de combate também não esta correcto. De "carro" aquilo não tem nada. Carro de combate provavelmente deriva do francês "char de combat".

tyr
Citar
Tanque se estiver no dicionario (portugues de portugal) a indicar carro de combate, então tambem deve indicar que Bué é muito. Os Carros de combate apareceram em 1917 e desde essa data que nas Forças armadas são denominados como tal. Tanque é um anglicanismo e esta errado.

Tanque esta no dicionário e indica carro blindado e armado para combate. Bue e uma palavra recente e provavelmente por isso não aparece na maior parte dos dicionários. Ja agora em vez de por este post podia ter ido consultar um dicionário... A muitas palavras que derivam do Inglês caso não tenha reparado e não e por isso que estão erradas. E tudo uma questão de uso

Dicionário Porto Editora:

Citar
tanque2
substantivo masculino
      MILITAR carro de combate armado e blindado;
(Do ing. tank, «id.»)



Tanque e uma palavra Portuguesa desde 1917 quando os primeiros tanques apareceram e tem sido usada desde então em Portugal...

Ps. E ja agora se querem uma fonte independente a esta discussão se forem ao site http://www.areamilitar.net/ veram que o termo carro de combate e tanque sao ambos utilizados como sinónimos.
« Última modificação: Fevereiro 27, 2008, 01:35:50 pm por FS »
 

*

tyr

  • Analista
  • ***
  • 881
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #46 em: Fevereiro 27, 2008, 01:34:27 pm »
PDW: Persoanal Defense Weapon

CCD: Combate a Curtas Distancias (em ingles CQB; closse quarter battle)

GPMG: General Propose machine gun (em portugues seria ML(pesada))

LMG: Light Machine Gun (isto por sua vez seria ML(ligeira))

ML: Metrelhadora ligeira
A morte só é terrivel para quem a teme!!
 

*

tyr

  • Analista
  • ***
  • 881
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #47 em: Fevereiro 27, 2008, 01:42:55 pm »
ok em vez de espoleta, vamos passar a dizer Detonador (que é o que a maior parte do pessoal que não percebe nada de munições diz). E chamamos ao detonador coisa que faz boom e se mete dentro dos esplosivos  :roll:



Eu para já não acredito em nada online, sem ter provas fisicas
e á cerca de Tanque o que diz nos meus dicionaros é que é um anglicanismo para Carro de combate (anglicanismo, adaptação de uma palavra inglesa)

e Bué é calão, tal com tanque é um anglicanismo usado como termo CALÃO para Carro de combate (um carro não precisa de ter rodas, pode ter lagartas, é só olhar para os carros para andar na neve).
A morte só é terrivel para quem a teme!!
 

*

zecouves

  • 346
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #48 em: Fevereiro 27, 2008, 01:48:34 pm »
FS:

Não é uma questão de snobismo, é só uma questão de comunicar com um entendimento partilhado e não vale a pena restringir a argumentação ao "Tanque", mesmo que para alguns seja, tudo incluido, Carro de Combate, Blindado, Viatura Blindada de Transporte de Pessoal, ... desde que se entendam ...
 

*

FS

  • 95
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #49 em: Fevereiro 27, 2008, 02:21:48 pm »
Zecouves,

Acho que essa e a chave da questão: o que e preciso e as pessoas se entendam. Por exemplo concordo que as pessoas que utilizam acrónimos devam ser mais cuidadosas. Especialmente porque muitos dos acrónimos  sao ingleses. Mas quando diz que so devemos utilizar termos tecnicos... acho um bocado exagerado...

Tyr,

Por as palavras derivarem de outra língua não quer dizer que estão incorrectas. Almirante deriva do árabe. Mas e palavra Portuguesa. Tanque deriva do Inglês. Mas e palavra portuguesa. Electricidade deriva do francês...
Pela sua lógica também não pode usar a palavra granada (francês), canhão (castelhano), obus (checo)...
Não faltam exemplos...
E já agora, se esta no dicionário, mesmo que seja um anglicanismo e Português...

E tanque não e um termo calão para carro de combate, e um sinonimo. Se fosse calão o dicionário indicava-o como termo coloquial...
 

*

zecouves

  • 346
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #50 em: Fevereiro 27, 2008, 02:54:41 pm »
Citação de: "FS"
Zecouves,

Acho que essa e a chave da questão: o que e preciso e as pessoas se entendam. Por exemplo concordo que as pessoas que utilizam acrónimos devam ser mais cuidadosas. Especialmente porque muitos dos acrónimos  sao ingleses. Mas quando diz que so devemos utilizar termos tecnicos... acho um bocado exagerado...



Se calhar exagerei um pouco quanto ao uso exclusivo de termos técnicos..., no entanto não fica mal utilizar termos técnicos, nem que seja porque assim não há duvidas sobre o conceito que esteja a ser discutido. Por exemplo: de vez em quando alguns foristas embrulham-se porque o que para uns é Fuzil de Assalto para outros é outra coisa diferente. No Exército Português (EP) as coisas estão perfeitamente claras: há espingardas automáticas, metralhadoras ligeiras, metralhadoras pesadas, pistolas semi-automáticas, pistolas metralhadoras, carros de combate, viaturas blindadas de transporte de pessoal (de rodas e de lagartas), etc, etc.

Também não há ferrolhos mas sim culatras, as espingardas automáticas funcionam por acção indirecta de gases (ex: G3) ou directa de gases (ex: Galil), etc, etc. Não critico quem não utiliza os termos técnicos em uso no EP, mas se isso acontecesse podia ser uma mais-valia para o forum, digo eu ... se calhar estou errado ... ou não estou completamente certo.
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14644
  • Recebeu: 864 vez(es)
  • Enviou: 840 vez(es)
  • +104/-101
(sem assunto)
« Responder #51 em: Fevereiro 27, 2008, 03:04:36 pm »
Correctissimo.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

FS

  • 95
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #52 em: Fevereiro 27, 2008, 03:19:13 pm »
Zecouves,

Concordo consigo, desde que não se chegue ao extremo de se ter discussões sobre palavras como tanque, bazuca, espingarda de assalto... etc... Que podem não ser utilizadas no exercito mas em geral as pessoas conhecem o seu significado de maneira não ambígua...
 

*

Francisco

  • 23
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #53 em: Fevereiro 27, 2008, 05:23:38 pm »
Para quem esta atento e ja leu este tópico, eu ja corrigi o meu erro mas ainda ha pessoas a bater na mesma tecla. se eu nao tivesse corrigido era uma coisa, agora depois de ter corrigido e estarem sempre a bater na mesma tecla isso é que nao. Mas afinal tamos a discutir assuntos do exercito ou lingua portuguesa?
Eu tenho 17 anos, e sei muito bem que a lingua portuguesa é matreira, e o que esta a acontecer com o exemplo do "tanque" poderia acontecer com outros termos, mas eu nem vou referi-los senao entao nao saímos daqui.
Concordo que ao ter utilizado o termo "tanque" nao seja o mais correcto, mas eu ja referi anteriormente que corrigi esse mesmo erro...
Eu acho que vós como portugueses que são devem entender o que eu quis dizer com este termo, por isso não sei o porquê de tanto aparato à volta disto...
com todo o devido respeito a todos aqueles que me corrigiram e vieram com as piadas dos tanques de agua, mas acho que deviamos deixer de problemas de portugues e concentrarmo-nos nos aspectos militares.

obrigado  :wink:

p.s- queria agradecer ao amigo FS por ter a mesma visão que eu, acerca deste assunto

cumpts
 

*

Francisco

  • 23
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #54 em: Fevereiro 27, 2008, 05:25:46 pm »
e ja agora tambem ao meu amigo NVF  :wink:
 

*

tyr

  • Analista
  • ***
  • 881
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #55 em: Fevereiro 27, 2008, 05:52:50 pm »
já agora lembrei me que o exercito tem tanques, as RIDS (sistema de descontaminação do exercito) tem no seu completo Tanques (que servem para recolher aguas contaminadas, e são chamados de tanques)
A morte só é terrivel para quem a teme!!
 

*

tyr

  • Analista
  • ***
  • 881
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #56 em: Fevereiro 27, 2008, 06:01:25 pm »
Eu por acaso não ligo muito a isto das nomenclaturas (apesar de não parecer), mas gosto destes debates, sinto que posso ensinar e aprender  :wink:
A morte só é terrivel para quem a teme!!
 

*

FS

  • 95
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #57 em: Fevereiro 27, 2008, 06:23:56 pm »
Tyr
Citar
Se eu usasse um termo incorrecto à cerca de um sistema que pouco conheço, adoraria que me corrigissem, pois assim eu aprenderia algo de novo


Eu também. Mas este não e o caso! Eu bem tento o corrigir, e dizer-lhe que tanque e Português, mas você continua na mesma! :lol:

Ps. Sinceramente, de um ponto de vista linguístico e pratico insistir em chamar carro de combate a um tanque e contra natura. As pessoas tem tendência a utilizar a palavra mais fácil. Por exemplo as pessoas usam carro em vez de automóvel... E mais fácil... A única razão que vejo para isto e anos de lavagem cerebral! "Nao e tanque, e carro de combate, vai fazer 20 flexões!!".
Em combate também usam a designação de carro de combate??? Estilo carro de combate inimigo a direita? E que aquele milésimo de segundo pode-lhe custar a vida!
 

*

tyr

  • Analista
  • ***
  • 881
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #58 em: Fevereiro 27, 2008, 06:43:59 pm »
já sou militar há mais de uma decada e nunca usei o termo Tanque a não ser quando falava em inglês. E os militares usam o temo carro de combate facilmente, é só uma questão de habito, pois eu digo com facilidade Espingarda Automatica G3 ou Trinitrotulueno (está ultima é no gozo :wink:  (TNT; explosivo)).
 relativamente aos Leopard 2, alguem sabe data de activação prevista par o primeiro esquadrão?
A morte só é terrivel para quem a teme!!
 

*

Scarto

  • 84
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #59 em: Fevereiro 28, 2008, 01:15:22 am »
Nao me recordo de quem perguntou,que upgrade israelita é que existe para o M60.

Deixo aqui o link,se alguem tiver interesse em ver :)

http://www.army-technology.com/projects/sabra/
 

 

MAFRA: COMBATE EM ÁREAS EDIFICADAS NO CAMINHO DA EXCELÊNCIA

Iniciado por Lightning

Respostas: 111
Visualizações: 22580
Última mensagem Junho 08, 2014, 11:07:56 pm
por ACADO
Carros de combate centauro no exercito portugues?

Iniciado por Asa

Respostas: 12
Visualizações: 9927
Última mensagem Agosto 07, 2008, 01:39:28 pm
por HSMW
Raçoes de combate, ontem e hoje...

Iniciado por Duarte

Respostas: 28
Visualizações: 9737
Última mensagem Maio 28, 2006, 06:44:25 pm
por [Mumia_]
Formação de 4 Carros de Combate?

Iniciado por BARCO À VISTA

Respostas: 14
Visualizações: 4983
Última mensagem Março 31, 2016, 10:21:30 am
por Cabeça de Martelo
Novo sistema Anti-Carro para o Exército

Iniciado por typhonman

Respostas: 2
Visualizações: 2198
Última mensagem Julho 27, 2004, 09:27:57 pm
por Spectral