Arsenal do Alfeite

  • 64 Respostas
  • 21175 Visualizações
*

dc

  • Perito
  • **
  • 452
  • Recebeu: 59 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +1/-0
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #30 em: Março 29, 2015, 07:31:00 pm »
Eu referia-me mesmo à construção modular, que é algo que podia e devia ter sido feito nos NPO's.
Lá está, falta de vontade politica... se virmos bem, teríamos algumas vantagens, como por exemplo, mais postos de trabalho, a marinha com umas LFC's a complementar as Stanflex e claro, possibilidade de exportação dado o aspecto apelativo destes projectos.
E não falo só nos patrulhas, aquela lancha de desembarque seria o substituto ideal para a Bacamarte, mesmo que não possa ser utilizada a partir do Siroco (devido à dimensão, pelas fotos parece demasiado alto, mas posso estar enganado), seria um meio quase multiusos, utilizado para muito mais missões para alem de desembarque de tropas, tal como combate à poluição ou por exemplo para testes (e até operação) com sistemas não tripulados como o LAUV entre outros. E seria um meio com possibilidade de exportação, moderno e barato, e como muitas marinhas não têm dinheiro ou capacidade de operar navios de desembarque ou LPDs, é uma solução, tal como foi para nós as da classe Bombarda ao longo dos últimos anos.
 

*

faica

  • Membro
  • *
  • 102
  • Recebeu: 24 vez(es)
  • +1/-1
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #31 em: Abril 22, 2015, 07:53:50 pm »
Governo avança com concessão do Arsenal do Alfeite a privados.

Governo quer concessionar parte das infraestruturas do Arsenal do Alfeite a empresas privadas. Mas processo só avançará depois das legislativas.

O Executivo liderado por Pedro Passos Coelho já decidiu o destino a dar à empresa Arsenal do Alfeite, S.A., no âmbito da reestruturação alargada da Empordef – Empresa Portuguesa de Defesa. A solução passa por abrir a infraestrutura que hoje acolhe o Arsenal do Alfeite a novas parcerias públicas ou privadas, que lá queiram desenvolver atividades relacionadas com a “economia do Mar e da Defesa”. O processo, contudo, só vai avançar depois das legislativas.

Berta Cabral, secretária de Estado Adjunta e da Defesa Nacional, admitiu esta terça-feira, num briefing com os jornalistas, que esta se trata de uma solução “complexa”, mas também “inovadora” e mostrou-se otimista quanto aos resultados a médio-longo prazo desta medida.


 

Na prática, o Governo pretende criar, a partir das infraestruturas já existentes, uma “Plataforma Naval Global”, onde sejam desenvolvidas “parcerias técnicas e colaborações internacionais que permitam alcançar níveis mais elevados de autonomia”, financeira, leia-se, para a Marinha Portuguesa.

Ou seja, o Arsenal do Alfeite continuará a desenvolver todas as atividades de reparação e manutenção dos meios da Marinha, mas haverá uma “separação entre a propriedade da infraestrutura e a atividade operacional”, o que significa que o dono do terreno não será o mesmo que explora as atividades. Todo o espaço não necessário à atividade do Arsenal do Alfeite será “alocado” a uma empresa “que deverá promover a emergência de uma plataforma abrangente de empreendedorismo e de formação de recursos humanos explorando as sinergias entre indústrias e competências navais, civis e militares”, como se pode ler do documento disponibilizado aos jornalistas.

Esta solução, explicou Berta Cabral, permitirá a “rentabilização das infraestruturas já existentes”, à semelhança do que já hoje acontece com o porto de Lisboa, cujas infraestruturas pertencem ao Estado, mas que são geridas por uma outra entidade que depois subconcessiona o espaço a várias outras empresas privadas.

Em junho do ano passado, o Governo encomendou um estudo à sociedade liderada por Augusto Mateus, ex-ministro da Economia, Indústria, Comércio e Turismo de António Guterres que analisou vários cenários possíveis para o futuro da empresa, desde logo a reintegração da Arsenal do Alfeite, S.A. na Marinha ou a privatização completa. Cenários, entretanto, descartados pelo Executivo.

A secretária de Estado Adjunta e da Defesa Nacional admitiu, ainda, que para a prossecução deste projeto será necessário investimento público, a ser quantificado por um “grupo de trabalho multidisciplinar, em articulação com outros ministérios”.

Para já, foi nomeado um novo conselho de administração que deverá tomar posse na próxima sexta-feira. O órgão é presidido por Andreia Ventura, anterior membro, precisamente, do conselho de administração do Porto de Lisboa, pelo Contra-almirante Rapaz Lérias e por Miguel Silva Pereira, membro conselho executivo da Empordef. Caberá a este novo órgão a “identificação” e a “apresentação” do “plano de ação de parcerias estratégicas” no prazo máximo de seis meses. Todo o processo, acredita Berta Cabral, deverá estar concluído até ao final de 2016.

fonte:observador
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 7356
  • Recebeu: 200 vez(es)
  • Enviou: 310 vez(es)
  • +14/-3
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #32 em: Maio 06, 2015, 06:44:52 pm »
este projecto da Damen faz lembrar o L490

Citar
Damen presenta sus OPVs de segunda generación



(defensa.com) Damen hizo una presentación previa de sus patrulleros oceánicos OPV (Offshore Patrol Vessel) de segunda generación reconfigurables, nuevo diseño que el fabricante considera muy eficiente y versátil. La famosa forma Sea Axe de sus cascos se ha utilizado de cara a un comportamiento en el mar superior, incluidas unas aceleraciones verticales excepcionalmente bajas. Todo ello hace que la embarcación sea muy cómoda, incluso en caso de temporal, y como el casco está diseñado para reducir la resistencia al agua, consume muy poco combustible y es capaz de alcanzar velocidades de 25-26 nudos. Gracias a tres espacios multimisiones recién desarrollados (el puente, el hangar y la bodega), es todo un ejemplo de versatilidad. La MM Bay (Bodega Multimisiones) se puede dotar de módulos especiales (por ejemplo, contenedores) para todo tipo de misiones, como por ejemplo lucha contra la piratería, operaciones contra la droga, guerra antiminas (AMW), búsqueda y rescate (SAR), etc.

http://defensa.com/index.php?option=com ... Itemid=164
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

miguelbud

  • Analista
  • ***
  • 696
  • Recebeu: 24 vez(es)
  • Enviou: 15 vez(es)
  • +1/-1
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #33 em: Junho 02, 2015, 08:28:31 am »
Citar
Alfeite apresenta proposta de 180 milhões à Marinha angolana

O Arsenal do Alfeite apresentou uma proposta de 180 milhões de euros para a construção e reparação de navios para a Marinha angolana. A proposta entregue ao ministério da Defesa Nacional angolana e à Protecção Civil daquele país consiste em oferecer "reequipamento naval para a Marinha", diz ao Diário Económico Andreia Ventura, presidente do conselho de administração do Arsenal do Alfeite. "É uma proposta não só de construção de embarcações, mas para dotar a Marinha angolana das necessárias capacidades para operar os meios que vamos conceder e executar."
http://economico.sapo.pt/noticias/alfei ... 19978.html
 

*

ICE 1A+

  • Perito
  • **
  • 590
  • Recebeu: 376 vez(es)
  • Enviou: 37 vez(es)
  • +26/-0
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #34 em: Junho 02, 2015, 09:46:52 am »
Boa!
  A parada está a subir!  
  Ontem eram 50 milhões hoje vai nos 180 milhões
   
  Boa sorte para o Alfeite!
 Que os Angolanos aceitem  a proposta e que não façam  como fizeram com os Brasileiros ou

  como as figurinhas tristes  que vieram fazer a Ferrol,  um ano antes quando os Almirantes  Angolanos, foram inspecionar  o porta Aviões Principe de Astúrias e assumiram a sua compra conjuntamente com 4 patrulhas!
   
Ainda hoje são motivo de anedotas entre a comunidade

 
Citar
El  portaviones R-11, bautizado desde hace 25 años como ‘Príncipe de Asturias’, será traspasado a Angola.

El país africano se ha comprometido también a que sean los astilleros de Ferrol de la empresa española Navantia los que acometan las labores de actualización y adaptación del buque, necesarias para que vuelva a ser operativo.

Además, en el mismo contrato acordado entre Defensa y Angola, se contempla que el país africano reciba de forma complementaria cuatro patrulleros de la Armada que habían sido retirados: el P-27 Ízaro (de la clase Anaga, botado en 1980), el P-61 Chilreu (de la clase Chilreu, botado en 1988), el F-32 Diana (de la clase Descubierta, botado en 1976) y el L-42 Pizarro


  São uns brincalhões estes Angolanos!
 

*

Alvalade

  • Especialista
  • ****
  • 1050
  • Recebeu: 266 vez(es)
  • Enviou: 78 vez(es)
  • +15/-5
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #35 em: Junho 02, 2015, 10:53:14 am »
Worst-case scenario, os Angolanos não pagam e nós ficamos com uns NPO extra  :twisted:
 

*

ICE 1A+

  • Perito
  • **
  • 590
  • Recebeu: 376 vez(es)
  • Enviou: 37 vez(es)
  • +26/-0
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #36 em: Junho 02, 2015, 02:50:06 pm »
Não são NPO´s são lanchas

 
Citar

  Em Luanda, no âmbito da visita da delegação oficial portuguesa, a administradora do AA apresentou ao Ministério da Defesa Nacional de Angola uma proposta para a construção de quatro lanchas de fiscalização de 28 metros e outras duas de 58 metros de comprimento, um negócio de 180 milhões de euros com entrega dos meios prevista a seis anos.

Ler mais em: http://www.cmjornal.xl.pt/nacional/deta ... dores.html

 
 
Citar
O Arsenal do Alfeite propõe a construção de quatro lanchas de fiscalização costeira L280 (de 28 metros), dois navios de patrulha costeira L580 (de 58 metros) e ainda uma doca flutuante para dotar a Marinha de capacidade para a manutenção. ja desejável a proposta como um todo. O calendário para a realização decorre durante seis anos. A primeira embarcação estaria pronta no prazo de 19 meses.

 Mas por 180 milhões seria um grande negócio.
 Pena os Angolanos terem a credibilidade que tem,
Ainda falta  virem passear Portugal,  dizer que estão interessados e na hora de assinar  os contatos desaparecem
 

*

Edu

  • Especialista
  • ****
  • 1166
  • Recebeu: 155 vez(es)
  • Enviou: 12 vez(es)
  • +5/-2
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #37 em: Junho 02, 2015, 03:43:57 pm »
Esse patrulha L580 não conheço. Alguém tem dados ou imagens sobre esse projecto?
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14269
  • Recebeu: 718 vez(es)
  • Enviou: 718 vez(es)
  • +53/-33
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #38 em: Junho 02, 2015, 03:50:49 pm »
:arrow: http://www.arsenal-alfeite.pt/index.php?id=169

A dita L580 será maior que a L490 ( http://www.arsenal-alfeite.pt/index.php?id=171 ), algo entre os NPC e os NPO no que diz respeito ao tamanho.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

ICE 1A+

  • Perito
  • **
  • 590
  • Recebeu: 376 vez(es)
  • Enviou: 37 vez(es)
  • +26/-0
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #39 em: Junho 02, 2015, 11:47:33 pm »
Serão as LFC´s projetados pelo Alfeite e ENVC?

O projeto pertence ao Estado e esta concluído,  já se investiu 10 milhões nele, seria uma forma excelente de o rentabilizar.


 58 metros 600 toneladas...... bate certo!
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14269
  • Recebeu: 718 vez(es)
  • Enviou: 718 vez(es)
  • +53/-33
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #40 em: Junho 03, 2015, 10:38:43 am »
Encontrei um relatório de contas em que o L490, aparece como o projecto desenvolvido pelo Arsenal do Alfeite para as futuras LFC.

 :arrow: http://www.arsenal-alfeite.pt/downloads/file79_pt.pdf

Pág. 16
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Edu

  • Especialista
  • ****
  • 1166
  • Recebeu: 155 vez(es)
  • Enviou: 12 vez(es)
  • +5/-2
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #41 em: Junho 03, 2015, 11:38:40 am »
Estamos portanto perante um mistério. Que projecto é esse denominado L580, um género de Aurora ou Blackbird naval? Desenvolvido pelo DARPA do Arsenal do Alfeite?
 

*

Crypter

  • Especialista
  • ****
  • 1025
  • Recebeu: 147 vez(es)
  • Enviou: 152 vez(es)
  • +8/-2
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #42 em: Junho 03, 2015, 12:50:28 pm »
Citação de: "ICE 1A+"
Serão as LFC´s projetados pelo Alfeite e ENVC?

O projeto pertence ao Estado e esta concluído,  já se investiu 10 milhões nele, seria uma forma excelente de o rentabilizar.


 58 metros 600 toneladas...... bate certo!

Tudo indica que sim

Citar
Projecto de construção de 10 lanchas de fiscalização - 5 para Portugal e 5 para Angola - foi apresentado em Luanda ao ministro da Defesa de Angola. Última lancha de fiscalização ali construída foi em 2006

A proposta foi feita durante uma visita de trabalho a Angola que decorreu entre 10 e 13 de Julho deste ano. O ministro da Defesa, José Pedro Aguiar-Branco, levou consigo o presidente do conselho de administração da Empordef (Empresa Portuguesa de Defesa), Rui Vicente Ferreira, que aproveitou a viagem para defender um programa conjunto para a construção de lanchas para as Marinhas de Portugal e de Angola. Ao que o PÚBLICO apurou, a ideia era construir dez lanchas de fiscalização, cabendo cinco a Portugal e outras cinco a Angola.

Na altura, apenas transpirou a proposta de "construção conjunta de navios de guerra", sem mais pormenores. Mas ontem o PÚBLICO confirmou junto da Empordef que esses navios seriam lanchas de fiscalização costeira a construir no Arsenal do Alfeite e não nos Estaleiros Navais de Viana do Castelo. O "Arsenal do Alfeite e a Marinha Portuguesa" seriam as "entidades envolvidas", confirmou a assessoria de imprensa da empresa, caso a proposta fosse aceite por Angola.

De acordo com a Empordef, as "vantagens" do projecto resultam das "economias de escala na construção, sustentação do ciclo de vida dos navios e na formação".

Noticia de 2013:

http://www.publico.pt/portugal/jornal/e ... a-26922334
 

*

SinSy

  • Membro
  • *
  • 27
  • Recebeu: 6 vez(es)
  • Enviou: 2 vez(es)
  • +0/-0

*

faica

  • Membro
  • *
  • 102
  • Recebeu: 24 vez(es)
  • +1/-1
Re: Arsenal do Alfeite
« Responder #44 em: Junho 18, 2015, 09:11:39 pm »
 

 

Marinha: Seis armas roubadas da base do Alfeite

Iniciado por CamuflageQuadro Marinha no ForumDefesa.com

Respostas: 17
Visualizações: 4888
Última mensagem Agosto 26, 2011, 04:56:26 pm
por nelson38899
Rússia:Escudo anti-mísseis dos EUA ineficaz c/ arsenal russo

Iniciado por MarauderQuadro Conflitos do Futuro

Respostas: 3
Visualizações: 3800
Última mensagem Abril 06, 2006, 01:52:35 pm
por Azraael
Estados Unidos vão revelar arsenal nuclear

Iniciado por sergio21699Quadro Mundo

Respostas: 1
Visualizações: 1182
Última mensagem Maio 14, 2010, 11:31:11 pm
por Jorge Pereira
Arsenal do Alfeite

Iniciado por RicardoQuadro Marinha no ForumDefesa.com

Respostas: 15
Visualizações: 9436
Última mensagem Julho 23, 2009, 09:06:57 pm
por cromwell