Projecto Embraer KC-390

  • 1234 Respostas
  • 251749 Visualizações
*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7515
  • Recebeu: 656 vez(es)
  • Enviou: 797 vez(es)
  • +104/-31
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #135 em: Outubro 05, 2010, 11:25:18 pm »
Citação de: "Edu"
Caro Lightning, uma questão, as nossas aeronaves C-295M e EH-101 já têm a sonda instalada para o sistema "probe and drogue"?

Nunca vi nenhuma dessas aeronaves com a sonda instalada (para quê é que a haviam de instalar?, só vale a pena caso haja um exercicio de treino de reabastecimento em voo, só se fosse para confirmar que elas realmente instalam e não foram enganados pelo fabricante :shock: ?

Citar
O problema do sistema "probe and drogue" a ser instalado no KC-390 é que é incompativel com os F-16, e normalmente são os caças as aeronaves com maiores necessidades de reabastecimento aéreo.

Pois mas não se pode agradar a gregos e a troianos :? .

PS: Lembrei-me agora de outra coisa importante, essa parte em que normalmente são os caças que mais necessitam de reabastecimento aéreo, isso é verdade, mas Portugal poucas vezes usa os seus caças fora do pais (em missões reais), ainda só aconteceu duas vezes e todas foram no ambito da NATO, mas se formos ver quantas vezes é que já enviamos aeronaves de transporte para fora de Portugal em operações reais, são centenas, quer para a NATO, a UE, a ONU, CPLP, etc.

E ainda recentemente se comentou aqui no Forum que caso o governo de Portugal quisesse efectuar uma evacuação de portugueses de Moçambique por causa dos motins não tinha capacidade de enviar lá nenhuma aeronave (a não ser que algum pais em África permitisse que aterrassem para reabastecer), mas com um reabastecedor já deve dar para lá chegar.
 

*

LuisC

  • Perito
  • **
  • 311
  • +0/-1
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #136 em: Outubro 06, 2010, 12:48:23 am »
Citação de: "Lightning"
E ainda recentemente se comentou aqui no Forum que caso o governo de Portugal quisesse efectuar uma evacuação de portugueses de Moçambique por causa dos motins não tinha capacidade de enviar lá nenhuma aeronave (a não ser que algum pais em África permitisse que aterrassem para reabastecer), mas com um reabastecedor já deve dar para lá chegar.


È por essa razão, entre outras, que eu entendo que a FAP deve possuir capacidade de reabastecimento em voo.

Da mesma forma que a Armada tem capacidade para reabastecer as fragatas e outros navios em pleno mar, também a FAP deveria ter capacidade de reabastecer os F-16s e outras aeronaves em pleno voo. Não se trata de uma simples questão de igualdade entre os dois ramos mas sim de potenciar ao máximo meios que têm naturalmente limitações em termos de autonomia.
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4175
  • Recebeu: 264 vez(es)
  • Enviou: 267 vez(es)
  • +54/-14
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #137 em: Outubro 06, 2010, 08:01:51 am »
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

sergio21699

  • Especialista
  • ****
  • 933
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +1/-0
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #138 em: Outubro 06, 2010, 02:33:13 pm »
Citação de: "Edu"
O problema do sistema "probe and drogue" a ser instalado no KC-390 é que é incompativel com os F-16, e normalmente são os caças as aeronaves com maiores necessidades de reabastecimento aéreo.

E não dá para alterar isso no KC-390 de maneira a ficar compativel com os F-16?
-Meu General, estamos cercados...
-Óptimo! Isso quer dizer que podemos atacar em qualquer direcção!
 

*

GI Jorge

  • 617
  • +0/-0
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #139 em: Outubro 06, 2010, 07:42:30 pm »
Citação de: "nelson38899"

fonte:saritita http://www.forum9gs.net/viewtopic.php?f=8&t=2448

Não é um bocado perigoso? Com as pás e a sonda aí nesse sitio?
Confunde-se em Portugal tantas vezes a justiça com a violência que é vulgar não haver reacções contra o crime e haver reacções contra a pena.

Oliveira Salazar
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4175
  • Recebeu: 264 vez(es)
  • Enviou: 267 vez(es)
  • +54/-14
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #140 em: Outubro 06, 2010, 08:34:46 pm »
Citação de: "GI Jorge"

Não é um bocado perigoso? Com as pás e a sonda aí nesse sitio?
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

GI Jorge

  • 617
  • +0/-0
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #141 em: Outubro 06, 2010, 08:46:48 pm »
Citação de: "nelson38899"
Citação de: "GI Jorge"

Não é um bocado perigoso? Com as pás e a sonda aí nesse sitio?

Ah, ok. Obrigado.
Confunde-se em Portugal tantas vezes a justiça com a violência que é vulgar não haver reacções contra o crime e haver reacções contra a pena.

Oliveira Salazar
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7515
  • Recebeu: 656 vez(es)
  • Enviou: 797 vez(es)
  • +104/-31
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #142 em: Outubro 08, 2010, 07:45:21 pm »
Citação de: "GI Jorge"
Não é um bocado perigoso? Com as pás e a sonda aí nesse sitio?

Ás vezes é perigoso :mrgreen:
http://www.youtube.com/watch?v=K7Ldii7S ... re=related

Mas tem uma solução melhor?
 

*

GI Jorge

  • 617
  • +0/-0
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #143 em: Outubro 08, 2010, 08:17:46 pm »
Pois, de facto é o unico sitio...
Confunde-se em Portugal tantas vezes a justiça com a violência que é vulgar não haver reacções contra o crime e haver reacções contra a pena.

Oliveira Salazar
 

Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #144 em: Outubro 23, 2010, 02:51:52 am »
SantaCatarinaBR - O efeito KC-390 no Programa F-X2

O ministro do da Defesa Nelson Jobim tem declarado que após a eleição do segundo turno presidencial será definido o Programa F-X2 com o eleito no dia 31 de Outubro.

Estas declarações têm sido recebidas com ceticismo pelos mais próximos e envolvidos no Programa F-X2, incluindo os competidores diretos e mais interessados. O foco é de que não seria um período dos mais tranqüilos para este anúncio.

O que surgiu mais forte para que o ministro faça este anúncio de forma repetida é a decisão tomada pela FAB de transformar o projeto KC-390 como o mais importante e relevante projeto industrial em que a Força e a EMBRAER participarão.

A presença de relevantes autoridades na conferência de imprensa em Farnborough, na qual participaram o Comandante da FAB, Brigadeiro Juniti Saito, o Presidente da Embraer, Frederico Curado, VP da Área de Defesa Orlando José Ferreira Neto, o VP Financeiro e também o Diretor do Projeto Paulo Gastão tinha um significado muito além do anúncio da intenção de compra pela FAB de 28 unidades do avião em desenvolvimento.


Dimensões do KC-390 como apresentadas em Julho de 2010



Evolução das dimensões do KC-390


Foi também de sinalizar aos grandes que o Projeto KC-390 era maior e que isso significava uma reavaliação em muitos conceitos tanto pela EMBRAER como para a FAB. E que estava dissociado do Programa F-X2 e mais importante era um Projeto FAB-EMBRAER.

O Projeto KC-390 começou de forma a ser um substituto um por um para o cargueiro tático da americana Lockheed Martin Hercules C-130 . Tão logo os requisitos de projeto foram recebidos pela EMBRAER ficou claro que eram tímidos e acanhados após os contatos iniciais com potenciais parceiros e clientes Nem as demandas do Exército Brasileiro atendia, que era transportar com folga viaturas de uma bateria de foguetes ASTROS II. Em um Hercules é necessário desmontar a rampa de lançamento da viatura lançadora. Para demonstrar a exigüidade de espaço, o motorista ia como que embarcado à força na cabine de comando, pois não consegue sair pela porta, somente pela escotilha do teto ou vidro dianteiro.

Outro ponto era a capacidade de transporte. Todos os veículos blindados de moderna geração usam ou têm a opção de kits de blindagens adicionais (add-on armour). O que aumenta significativamente o peso, a maioria em condições de combate está na faixa de 20 a 25 toneladas, para veículos 8x8, como é caso do sul-africano Hoefyster (Patria AMV), sem falar nas dimensões lateriais. A África do Sul é um potencial participante do Projeto KC-390.

Outra era a exigência de um parceiro certo, o Chile, de que o avião deveria operar nas pistas de gelo da Antártida.


Hercules C-130 da Força Aérea do Chile operando na Antártida


O resultado foi que a FAB, um tanto patrolada pelos acontecimentos, vem sistematicamente alterando as especificações s para adequá-las às perspectivas de mercado. Em parte puxadas pela própria EMBRAER, como pelos parceiros, que estão entrando no Programa KC-390 (Chile, Colômbia, Portugal, República Tcheca e Argentina).

Um fato mais notável tem sido o total re-projeto do avião, que incluiu: o aumento do compartimente de carga permitindo maior manuseio de cargas volumosas, tais como veículos blindados e viaturas do Sistema de Foguetes ASTROS II.

Isto permitirá que o que é chamado de “entry forces”, unidades de emprego direto desde os primeiros momentos na área de batalha não necessitam de terem montados equipamentos, sistemas ou proteção logo após o desembarque o que as poria em risco.

Assim discretamente o KC-390 passou de capacidade de carga de 19,0 t para 23.0 t ou 23,4t com máximo de combustível nas asas. Porém não parou aí. Na apresentação feita em Farnborough foram mostradas imagens de composição de carga possível que dão a clara indicação de que a capacidade máxima de carga será bem maior do que o atual 23,4t. Há uma indicação de que poderá chegar a 26 ou chegue até 28 t.


Viatura Astros II Mk5 na maquete em tamanho real do compartimento de carga do KC-390 que foi preparada no DCTA.
Observar abertura da porta.



Isso levou a uma virada dos conceitos estratégicos e inverteu a lógica do processo para a FAB.Ainda apresentado como o sucessor do C-130 Hercules no mercado internacional o KC-390 passou a ser observado com outros olhos, tanto por Boeing como Airbus Military. Não mais um mero sucessor ao C-130, mas um complicador ao Airbus A400M Grizzly e até o Boeing C-17 Globemaster III.

Outros competidores poderão ver seus projetos tornarem-se obsoletos antes mesmo do primeiro vôo como é o caso do russo-indiano Multirole Transport Aircraft (MTA).

O mundo abriu-se para a EMBRAER e sua área de defesa, mas não somente esta e inclui, por diversos fatores, a área de aviação comercial.

Novas tecnologias em desenvolvimento no mundo como os biofuels, motores ecologicamente mais amigáveis, sistemas de comando e navegação de última geração estão sendo incorporados ao Projeto KC-390.

Agora, o que a FAB procura não é um caça e com isto usuários do Programa KC-390 como parte da estratégia de contrapartidas comerciais (já anunciadas pela Suécia e França), mas sim fiadores do Projeto KC-390.

Discretamente a FAB emitiu um RFP(Request for Proposal) para aviões multifunção (cargueiro, passageiro e reabastecedor), direcionado para a Boeing e a Aribus Military, no mês de setembro. Os modelos seriam o Airbus A330 Multi Role Tanker Transport (MRTT) e o Boeing KC-767. São dois aviões participantes do Programa KC-X da USAF. No dia 6 de setembro, alta fonte da FAB não confirmou que fosse lançado o RFP ainda nesse ano. O que ocorreu dias após. O Plano estratégico da FAB prevê a compra de 4 destes aviões.

As duas empresas foram contadas, porém negaram-se a responder qualquer item sobre o assunto. A FAB contatada, em 27 Setembro, não se pronunciou até o momento desta matéria ser publicada.

O RFP tem uma curiosidade que é ser direcionado para aviões novos e de última geração.

Assim a equação KC-390 tornou o cronograma do programa F-X2 mais viável do que anteriormente. Se a inversão da equação irá alterar o resultado do Programa F-X2 é o que teremos de esperar.


Blindado Sul-africano Hoefyster baseado no Patria AMV


FONTE: http://www.defesanet.com.br/06_air/kc-390_3.htm
SantaCatarinaBR - Reportegens, vídeos y noticias sobre las Fuerzas Armadas de Brasil
-
BLOG: http://santacatarinabr.blogspot.com/
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7515
  • Recebeu: 656 vez(es)
  • Enviou: 797 vez(es)
  • +104/-31
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #145 em: Outubro 23, 2010, 07:06:21 pm »
Se a capacidade passar para as 23 toneladas (ou superior) já pode transportar o Pandur do Exército Português :D .
 

*

GI Jorge

  • 617
  • +0/-0
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #146 em: Outubro 23, 2010, 09:35:05 pm »
Citação de: "Lightning"
Se a capacidade passar para as 23 toneladas (ou superior) já pode transportar o Pandur do Exército Português :D .


Esperemos que sim...
Confunde-se em Portugal tantas vezes a justiça com a violência que é vulgar não haver reacções contra o crime e haver reacções contra a pena.

Oliveira Salazar
 

Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #147 em: Outubro 24, 2010, 02:42:50 am »
SantaCatarinaBR - Simulação Embraer KC-390 por JR LUCARINNY (OsvaldoIceman)

Simulações do Embraer KC-390 feitas por JR LUCARRINY
-
KC-390: JR LUCARINNY
CENÁRIO EMBRAER SBSJ/REPINTURA BELL 205: MAXXX
PILOTO: OSVALDO "ICEM@N"

-
SantaCatarinaBR - Reportegens, vídeos y noticias sobre las Fuerzas Armadas de Brasil
-
BLOG: http://santacatarinabr.blogspot.com/
 

*

Edu

  • Especialista
  • ****
  • 1166
  • Recebeu: 155 vez(es)
  • Enviou: 12 vez(es)
  • +5/-4
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #148 em: Outubro 24, 2010, 04:39:05 pm »
Já alguém sabe que motor poderá vir a equipar o C-390? Ou que valores de tracção se espera que o motor tenha?
 

*

AtInf

  • Membro
  • *
  • 217
  • Recebeu: 7 vez(es)
  • +0/-0
Re: Projecto Embraer C-390
« Responder #149 em: Outubro 27, 2010, 12:23:49 pm »
Citação de: "sergio21699"
Citação de: "Edu"
O problema do sistema "probe and drogue" a ser instalado no KC-390 é que é incompativel com os F-16, e normalmente são os caças as aeronaves com maiores necessidades de reabastecimento aéreo.

E não dá para alterar isso no KC-390 de maneira a ficar compativel com os F-16?

Existe um kit que permite aos F-16 a capacidade de reabastecimento com sistema "probe and drogue", no entanto a FAP não o tem.
 

 

Impasse no projecto "EUROTRAINING"

Iniciado por paraquedista

Respostas: 10
Visualizações: 3709
Última mensagem Março 17, 2006, 06:29:27 pm
por Spectral