Votação

Escolha o melhor

Super Hornet
0 (0%)
F-35
13 (31.7%)
Rafale
5 (12.2%)
Gripen
15 (36.6%)
Eurofighter Typhoon
8 (19.5%)

Votos totais: 41

Substituiçao dos F-16's

  • 1478 Respostas
  • 244081 Visualizações
*

Clausewitz

  • Membro
  • *
  • 62
  • Recebeu: 59 vez(es)
  • Enviou: 48 vez(es)
  • +6/-0
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1455 em: Janeiro 08, 2019, 09:55:30 pm »
Não sou tão convicto quanto parece ser a maioria do fórum de que um caça bimotor fosse uma escolha tão mais vantajosa para a FAP. Não sou conhecedor no tema, mas a informação disponível está muito longe de confirmar a superioridade decisiva do bimotor sobre o monomotor:

- Segurança: este é um dos principais pontos a favor da solução bimotor. No entanto, estes também parecem mais propensos a avarias (estatística de falhas graves nos motores do F-16 vs F15 da USAF nos últimos 18 anos: https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/F-16F100-PW-229.pdf;  https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/F-15F100-PW-229.pdf). Numa possível situação grave ou de combate, também parece improvável que os danos ficassem circunscritos a um motor apenas. Os bimotores têm vantagem no aspecto da segurança mas não me parece tão decisiva face aos monomotores modernos, inclusive os novos caças navais - onde esta vantagem seria mais determinante - das marinhas americana e britânica são monomotores;

- Desempenho: os aviões monomotores são normalmente menores e mais manobráveis. Isso significa em principio também menor assinatura radar e detecção visual. O alcance e autonomia de vôo depende caso a caso, os bimotores levam mais combustível mas também consomem mais. Os monomotores têm menor tecto operacional e perdem na capacidade de carga, mas não vejo este ponto como tão determinante para a FAP;

- Operacionalidade: bastante favorável aos monomotores, devido à menor complexidade e aos aspectos mencionados sobre logística;

- Logística e custo de operação: obviamente mais simples e barata para os monomotores.

Sinceramente para a nossa situação não vejo muita vantagem em ter umas máquinas um pouco melhores que depois ficam mais tempo no chão por problemas técnicos ou porque o dinheiro é curto. E isto mesmo que não fossemos tão pelintras como somos, acho preferível conseguir mais horas de vôo e maior quantidade de caças.
 

*

Vitor Santos

  • Moderador Global
  • *****
  • 3445
  • Recebeu: 254 vez(es)
  • Enviou: 205 vez(es)
  • +123/-34
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1456 em: Janeiro 09, 2019, 01:29:41 am »
Quanto às hipóteses que estão no mercado parece-me ser a mais atingível para a nossa bolsa, uma vez que o upgrade para os VIPER, não está no horizonte próximo e o tempo útil para a sua modificação está a esgotar-se rapidamente, mas, como em tudo neste País de iluminados, e no que diz respeito as FFAA, será mais um sistema de armas que vai ficar obsoleto não tarda nada !

Mais obsoleto do que quando íamos a exercícios da NATO com os Sabre na década de 70 enquanto os nossos congéneres europeus pilotavam Phantoms, Mirages, Starfighters, etc, talvez venha a ser impossível. :mrgreen:

A FAP fazia o maior furor quando aparecia nos exercícios com os Sabres naquele lindo esquema cinza-azul nos finais de 70´s até veio cá uma revista francesa fazer uma reportagem...Erámos vintage antes de ser moda...Estávamos á frente no tempo só que ainda não sabíamos.

Isso sem dúvida nenhuma! Éramos a inveja de muitos bons pilotos de parceiros da NATO que se queixavam que Ferraris como os Sabre e depois os Fiat é que eram, e se declaravam fartos da tecnologia de F's e quejandos que tinha feito desaparecer a magia do voo. Ainda durante uma das últimas visitas dos Sabre a Espanha no final da década de 70, já como Esq. 201, os seus colegas da Ala 12 de Torrejón equipados com os F-4C Phantom II diziam isso mesmo de acordo com o que vinha escrito numa velha revista "Baluarte". Agora se fôssemos comparar estes dois sistemas de armas...  ::)

Com o F-16 MLU estivemos pela primeira vez em muitas décadas, ou desde sempre, em pé de igualdade com os nossos aliados da Aliança Atlântica. Voltarmos a ter um grau de obsolescência comparável ao F-86F a voar até 1980 acho muito difícil apesar de tudo, e mantenho a esperança que após 2021 tenhamos novidades.

Com a NATO cada vez mais exigente (pressão de Washington por mais investimentos em defesa dos membros europeus) e com os russos cada vez mais ousados e desafiadores, também acho difícil a aviação de caça da FAP não ombrear com as congêneres europeias.
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2036
  • Recebeu: 583 vez(es)
  • Enviou: 1518 vez(es)
  • +32/-0
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1457 em: Janeiro 09, 2019, 01:30:28 am »
Apesar dessa versão do F100 equipar somente uma fracção das frotas F-15 e F-16 da USAF, acho um pouco estranho que em 18 anos não tenha havido uma única falha de motor nos F-16C Block 52. A questão da complexidade também me parece uma falsa questão, tratando-se de motores iguais, não vejo um grande aumento da complexidade operacional -- logística sim, obviamente.
 

*

Clausewitz

  • Membro
  • *
  • 62
  • Recebeu: 59 vez(es)
  • Enviou: 48 vez(es)
  • +6/-0
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1458 em: Janeiro 09, 2019, 11:33:21 am »
Apesar dessa versão do F100 equipar somente uma fracção das frotas F-15 e F-16 da USAF, acho um pouco estranho que em 18 anos não tenha havido uma única falha de motor nos F-16C Block 52. A questão da complexidade também me parece uma falsa questão, tratando-se de motores iguais, não vejo um grande aumento da complexidade operacional -- logística sim, obviamente.

Os documentos estão no portal da própria USAF. Penso que se trate apenas de falhas de primeiro nível, muito graves.
Complexidade inerente ao facto de se tratar de 2 motores a jato, o que envolve maior esforço de manutenção e dificuldade em ter os aparelhos operacionais. Está relacionado com a questão logística também.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2525
  • Recebeu: 945 vez(es)
  • Enviou: 291 vez(es)
  • +74/-5
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1459 em: Janeiro 09, 2019, 12:46:22 pm »
Apesar dessa versão do F100 equipar somente uma fracção das frotas F-15 e F-16 da USAF, acho um pouco estranho que em 18 anos não tenha havido uma única falha de motor nos F-16C Block 52. A questão da complexidade também me parece uma falsa questão, tratando-se de motores iguais, não vejo um grande aumento da complexidade operacional -- logística sim, obviamente.

Os documentos estão no portal da própria USAF. Penso que se trate apenas de falhas de primeiro nível, muito graves.
Complexidade inerente ao facto de se tratar de 2 motores a jato, o que envolve maior esforço de manutenção e dificuldade em ter os aparelhos operacionais. Está relacionado com a questão logística também.

E, pergunto eu essas falhas continuam acontecer e com muita frequência ???
É que se continuam a acontecer, e frequentemente, então o fabricante só pode querer perder dinheiro ao investir na plataforma F15X, o que eu acho deveras estranho.
Com a venda de 36 F16Qa, que não são mais que F15X disfarçados, para o Qatar, será que os Américas andam a enganar os seus melhores clientes ????


http://www.thedrive.com/the-war-zone/19731/qatars-f-15s-will-feature-new-low-profile-heads-up-display-and-new-cockpit

http://www.thedrive.com/the-war-zone/22372/exclusive-unmasking-the-f-15x-boeings-f-15c-d-eagle-replacement-fighter

Quanto a ser uma aeronave birreator, se for, o substituto do F16,  é que nem se colocam em questão as mais valias que possui sobre um monorreator.

Abraços   
« Última modificação: Janeiro 09, 2019, 12:52:57 pm por tenente »
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2036
  • Recebeu: 583 vez(es)
  • Enviou: 1518 vez(es)
  • +32/-0
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1460 em: Janeiro 09, 2019, 02:08:07 pm »
Okay fui ver quantas aeronaves com essa motorização foram inicialmente adquiridas pela USAF e os números são: 238 F-15E e 53 F-16C/D Block 52. Curiosamente, foram adquiridos 216 F-16C/D Block 50, o que indica uma clara preferência pela motorização da GE.

No entanto, se formos à mesma fonte (o tal portal da USAF) e se em vez do F100-PW-229 escolhermos uma versão mais popular como o F100-PW-220, temos 23 mishaps classe A para o F-16 e 9 mishaps classe A para o F-15.

Mas se em vez de olharmos para este tema com uma lupa e recorrermos à informação mais generalizada, disponível no site da USAF, então a perspectiva é algo diferente. E é cá uma diferença ui, ui.

USAF Engine - Related Fighter/Attack Class A Flight Mishap Rates For Single Engine Aircraft
as of 31 Mar 2018

https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/USAF%20Single%20Engine.pdf

USAF Engine - Related Fighter/Attack Class A Flight Mishap Rates For Twin Engine Aircraft
as of 31 Mar 2018

https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/USAF%20Twin%20Engine.pdf
« Última modificação: Janeiro 09, 2019, 02:18:12 pm por NVF »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Red Baron

  • Membro
  • *
  • 37
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +2/-4
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1461 em: Janeiro 09, 2019, 07:39:07 pm »
Okay fui ver quantas aeronaves com essa motorização foram inicialmente adquiridas pela USAF e os números são: 238 F-15E e 53 F-16C/D Block 52. Curiosamente, foram adquiridos 216 F-16C/D Block 50, o que indica uma clara preferência pela motorização da GE.

No entanto, se formos à mesma fonte (o tal portal da USAF) e se em vez do F100-PW-229 escolhermos uma versão mais popular como o F100-PW-220, temos 23 mishaps classe A para o F-16 e 9 mishaps classe A para o F-15.

Mas se em vez de olharmos para este tema com uma lupa e recorrermos à informação mais generalizada, disponível no site da USAF, então a perspectiva é algo diferente. E é cá uma diferença ui, ui.

USAF Engine - Related Fighter/Attack Class A Flight Mishap Rates For Single Engine Aircraft
as of 31 Mar 2018

https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/USAF%20Single%20Engine.pdf

USAF Engine - Related Fighter/Attack Class A Flight Mishap Rates For Twin Engine Aircraft
as of 31 Mar 2018

https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/USAF%20Twin%20Engine.pdf

O F-104 Starfighter era realmente um avião horrível. Percebe-se bem o trauma dos alemães com os single engine.
 

*

raphael

  • Especialista
  • ****
  • 1096
  • Recebeu: 133 vez(es)
  • Enviou: 143 vez(es)
  • +9/-0
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1462 em: Janeiro 10, 2019, 11:50:55 am »
Okay fui ver quantas aeronaves com essa motorização foram inicialmente adquiridas pela USAF e os números são: 238 F-15E e 53 F-16C/D Block 52. Curiosamente, foram adquiridos 216 F-16C/D Block 50, o que indica uma clara preferência pela motorização da GE.

No entanto, se formos à mesma fonte (o tal portal da USAF) e se em vez do F100-PW-229 escolhermos uma versão mais popular como o F100-PW-220, temos 23 mishaps classe A para o F-16 e 9 mishaps classe A para o F-15.

Mas se em vez de olharmos para este tema com uma lupa e recorrermos à informação mais generalizada, disponível no site da USAF, então a perspectiva é algo diferente. E é cá uma diferença ui, ui.

USAF Engine - Related Fighter/Attack Class A Flight Mishap Rates For Single Engine Aircraft
as of 31 Mar 2018

https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/USAF%20Single%20Engine.pdf

USAF Engine - Related Fighter/Attack Class A Flight Mishap Rates For Twin Engine Aircraft
as of 31 Mar 2018

https://www.safety.af.mil/Portals/71/documents/Aviation/Engine%20Statistics/USAF%20Twin%20Engine.pdf

O F-104 Starfighter era realmente um avião horrível. Percebe-se bem o trauma dos alemães com os single engine.

O problema do F-104 Starfighter (widowmaker) não era tanto pelo single engine mas mais por outros fatores...tinham comprado 915 e perderam 292 em acidentes...com 118 perdas de vidas...
Os alemães tiveram mesmo azar!

Se fores especificar os problemas...as falhas de motor são uma pequena parte de todos os problemas que esse avião que referes teve...
minuto 4:52 para o diagrama estatístico.
minuto 8:57 para as principais causas para uma de acidentes tão elevada.
« Última modificação: Janeiro 10, 2019, 11:52:54 am por raphael »
Um abraço
Raphael
__________________
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 491 vez(es)
  • Enviou: 616 vez(es)
  • +24/-8
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1463 em: Janeiro 10, 2019, 10:41:38 pm »
Um dos problemas desse avião é a asa muito pequena, o que obriga a manter sempre grande velocidade a aterrar e descolar para criar sustentação nas asas.

A sustentação é física, é a Força que permite objectos mais pesados que o ar voem, é uma combinação entre tamanho da asa e velocidade do ar a passar debaixo da asa, quanto maior a asa, menos velocidade é precisa, quanto menor a asa, mais velocidade é precisa.

Como o avião de papel, quando o atiramos com força, com velocidade, ele ainda se aguenta no ar uns segundos mas quando a velocidade diminui, certa altura o avião de papel cai.
« Última modificação: Janeiro 10, 2019, 10:47:59 pm por Lightning »
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2525
  • Recebeu: 945 vez(es)
  • Enviou: 291 vez(es)
  • +74/-5
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1464 em: Janeiro 11, 2019, 12:08:06 pm »
Um dos problemas desse avião é a asa muito pequena, o que obriga a manter sempre grande velocidade a aterrar e descolar para criar sustentação nas asas.

A sustentação é física, é a Força que permite objectos mais pesados que o ar voem, é uma combinação entre tamanho da asa e velocidade do ar a passar debaixo da asa, quanto maior a asa, menos velocidade é precisa, quanto menor a asa, mais velocidade é precisa.

Como o avião de papel, quando o atiramos com força, com velocidade, ele ainda se aguenta no ar uns segundos mas quando a velocidade diminui, certa altura o avião de papel cai.

Não te esqueças do volume de ar a passar no lado superior da asa VS o volume de ar que passa, no mesmo periodo de tempo, no lado inferior da dita asa, o termo correcto é mesmo plano de asa.
O formato, asa em corte, é de fundamental importância no que concerne á sustentação.

Abraços
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 491 vez(es)
  • Enviou: 616 vez(es)
  • +24/-8
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1465 em: Janeiro 11, 2019, 05:12:45 pm »
Pois o formato da asa do F-104 também não é muito tradicional.

Ui, aulas de aerodinâmica  :mrgreen:. Já não me lembro bem de tudo mas acho que era algo tipo, o ar que passa por cima demora mais tempo a percorrer a asa do que o ar de baixo, e isso provocava um efeito qualquer que fazia com que o ar em baixo quisesse subir, empurrando a asa para cima. Acho que era algo assim.

Tenho que procurar os livros  :mrgreen:
« Última modificação: Janeiro 11, 2019, 05:13:49 pm por Lightning »
 

*

nunofmf

  • Membro
  • *
  • 2
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • +0/-2
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1466 em: Janeiro 11, 2019, 06:08:54 pm »
Pois o formato da asa do F-104 também não é muito tradicional.

Ui, aulas de aerodinâmica  :mrgreen:. Já não me lembro bem de tudo mas acho que era algo tipo, o ar que passa por cima demora mais tempo a percorrer a asa do que o ar de baixo, e isso provocava um efeito qualquer que fazia com que o ar em baixo quisesse subir, empurrando a asa para cima. Acho que era algo assim.

Tenho que procurar os livros  :mrgreen:

Principio de Bernoulli
http://web.mit.edu/16.00/www/aec/flight.html
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2525
  • Recebeu: 945 vez(es)
  • Enviou: 291 vez(es)
  • +74/-5
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1467 em: Janeiro 11, 2019, 06:30:54 pm »
Pois o formato da asa do F-104 também não é muito tradicional.

Ui, aulas de aerodinâmica  :mrgreen:. Já não me lembro bem de tudo mas acho que era algo tipo, o ar que passa por cima demora mais tempo a percorrer a asa do que o ar de baixo, e isso provocava um efeito qualquer que fazia com que o ar em baixo quisesse subir, empurrando a asa para cima. Acho que era algo assim.

Tenho que procurar os livros  :mrgreen:

à pois é, mr Lightning, é isso mesmo !

Abraços
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 1728
  • Recebeu: 505 vez(es)
  • Enviou: 228 vez(es)
  • +36/-4
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1468 em: Janeiro 12, 2019, 12:12:30 pm »
Pois o formato da asa do F-104 também não é muito tradicional.

Ui, aulas de aerodinâmica  :mrgreen:. Já não me lembro bem de tudo mas acho que era algo tipo, o ar que passa por cima demora mais tempo a percorrer a asa do que o ar de baixo, e isso provocava um efeito qualquer que fazia com que o ar em baixo quisesse subir, empurrando a asa para cima. Acho que era algo assim.

Tenho que procurar os livros  :mrgreen:

https://www.facebook.com/SciencePhileOfficial/videos/372681053282169/?t=7

 :mrgreen:

Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7062
  • Recebeu: 491 vez(es)
  • Enviou: 616 vez(es)
  • +24/-8
Re: Substituiçao dos F-16's
« Responder #1469 em: Janeiro 12, 2019, 01:34:56 pm »
Espetacular CJ, agora só falta fazer ventoinhas suficientemente grandes para conseguir fazer aviões comerciais voar  :mrgreen:
 

 

Governo entrega substituição do Aviocar à espanhola CASA

Iniciado por Maginot

Respostas: 10
Visualizações: 4787
Última mensagem Maio 06, 2005, 10:10:47 pm
por Luso
Aberto concurso para a substituição dos Aviocar

Iniciado por Ricardo Nunes

Respostas: 37
Visualizações: 12865
Última mensagem Dezembro 28, 2004, 09:13:27 pm
por JNSA
Substituição dos AlphaJet por um novo avião de treino?

Iniciado por Marauder

Respostas: 27
Visualizações: 10613
Última mensagem Setembro 21, 2006, 03:30:41 am
por p_shadow
Substituição dos Allouette III

Iniciado por JNSA

Respostas: 711
Visualizações: 130768
Última mensagem Janeiro 16, 2019, 10:11:42 pm
por tenente
Programa de substituição do C-130

Iniciado por Boina_Verde

Respostas: 1077
Visualizações: 212767
Última mensagem Janeiro 17, 2019, 09:08:34 pm
por zocuni