Iraque a ferro e fogo

  • 1456 Respostas
  • 209561 Visualizações
*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #15 em: Maio 18, 2004, 11:57:31 am »
CIA deliberadamente enganada

A CIA e outras agências governamentais americanas, foram enganadas por diversas vezes na questão das ADM, admitiu Colin Powell, "Comprovou-se que a fonte era inexacta e falsa, em certos casos deliberadamente transmitida", disse Colin Powell na entrevista á NBC.
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #16 em: Maio 18, 2004, 12:12:21 pm »
Citar
CONDOLEEZZA RICE
Próximas semanas no Iraque vão ser muito duras
Condoleezza Rice, conselheira de Segurança Nacional do presidente Bush, disse numa entrevista que as «próximas semanas [no Iraque] arriscam-se a ser verdadeiramente duras».  


  Segundo a conselheira do presidente norte-americano, «à medida que nos aproximamos da data de transferência de poderes [marcada para 30 de Junho] vão surgir tentativas cada vez mais fortes de impedir esse processo, pois uma situação de ocupação constitui um alvo mais fácil que um processo político em desenvolvimento».

Em declarações ao jornal francês «Le Figaro», Condoleezza Rice respondeu à «vontade crescente em alguns países» de retirarem do Iraque lembrando que houve quem não abandonasse a Europa «quando as coisas eram duras em 1942, em 1943, em 1944 e em 1945».

«Espero que os países, que hoje se colocam a questão se devem ficar ou partir, não se esqueçam da sua própria situação há 50 anos», acrescentou Rice. «Não temos o direito histórico de abandonar o povo iraquiano a si mesmo».

Quanto à questão das fotografias onde se vêem soldados norte-americanos a torturar e humilhar prisioneiros iraquianos, a conselheira do presidente Bush considerou que o caso é «horrível» e salientou que «os culpados vão ser punidos».
 
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #17 em: Maio 18, 2004, 01:44:55 pm »
TSF

Citar
IRAQUE
Forte explosão sacode Bagdad
Uma forte explosão sacudiu hoje o centro de Bagdad, algumas horas depois do funeral do presidente em exercício do Conselho de Governo, Ezzedine Salim, morto na terça-feira num atentado suicida.  

12:43
18 de Maio 04    
   
 
  A explosão foi sentida no centro da capital iraquiana cerca das 14:00 locais (11:00 de Lisboa), segundo os correspondentes no local da agência noticiosa France Presse.

Um porta-voz militar informou que o exército norte-americano estava a investigar a origem da explosão, sem, no entanto, precisar se estava prevista para a parte da tarde qualquer explosão controlada de munições

Ezzedine Salim foi atingido mortalmente na terça-feira pela explosão de uma viatura carregada de explosivos conduzida por um bombista suicida no perímetro de segurança da Zona Verde, onde se encontra o quartel-general da coligação dirigida pelos Estados Unidos no Iraque.
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #18 em: Maio 18, 2004, 01:46:29 pm »
TSF

Citar
BREMER
Transferência de soberania deve avançar apesar de atentados
O administrador civil norte-americano no Iraque, Paul Bremer, afirmou hoje que a transferência de soberania para os iraquianos tem de ir para a frente apesar do assassínio de Ezzedine Salim num atentado suicida segunda-feira.  

11:55
18 de Maio 04    
   
 
  Paul Bremer - que falava hoje durante a cerimónia fúnebre de Ezzedine Salim, que era presidente em exercício do Conselho do Governo provisório iraquiano - afirmou ainda que «os terroristas estão a tentar parar a marcha iraquiana para a soberania e paz».

Os terroristas «não vão ter sucesso. Temos de continuar o processo político que originará um governo interino no próximo mês e eleições no próximo ano», adiantou Paul Bremer.

À cerimónia fúnebre de Ezzedine Salim também assistiu o enviado Lakhdar Brahimi, que está a consultar os membros do Conselho de governo iraquiano e outros iraquianos sobre a formação do futuro governo interino que iniciará funções depois da transferência de soberania a 30 de Junho.
 
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #19 em: Maio 18, 2004, 01:56:06 pm »
TSF:

Citar
IRAQUE
CIA diz que notícia de plano secreto é «falsa»
A CIA classificou, ontem, de «fundamentalmente falsa» a notícia da «New Yorker» sobre um plano secreto com recurso à violência, a presos iraquianos. Por outro lado, a Cruz Vermelha da Dinamarca acusou as autoridades de terem sido informadas sobre das violações dos direitos humanos no Iraque e no Afeganistão.  

12:20
18 de Maio 04    
   
 
  O porta-voz da CIA, William Harlow, afirmou, segunda-feira passada, que «a notícia do New Yorker é fundamentalmente falsa. Não existe qualquer programa CIA/Pentágono para maltratar ou humilhar os prisioneiros iraquianos».

Na sua última edição, a revista «New Yorker» anunciava que as sevícias aplicadas a presos iraquianos devem-se ao facto do secretário da Defesa, Donald Rumsfeld, ter decidido o ano passado alargar à prisão de Abu Ghraib um programa secreto aprovado para o Afeganistão que previa a violência física e a humilhação sexual dos presos para obter informações sobre terroristas.

O autor da notícia, Seymour Hersh, é um reputado jornalista norte-americano de investigação que cita como fontes antigos e actuais membros dos serviços secretos.

Cruz Vermelha acusa autoridades dinamarquesas de silêncio cúmplice

O secretário-geral da Cruz Vermelha dinamarquesa acusou, terça-feira, o governo e o parlamento de Copenhaga de ter «traído os princípios humanos mais básicos» ao aceitar, segundo ele, as violações dos direitos humanos no Afeganistão e no Iraque cometidos por «países civilizados».

A Dinamarca como «signatária da convenção de Genebra, tem a obrigação de garantir que os seus aliados a respeitem, segundo o artigo 1º», disse Joergen Poulsen.

De acordo com o secretário-geral da Cruz Vermelha as autoridades dinamarquesas foram informadas das sevícias aplicadas a presos iraquianos, referindo-se, ainda, ao comportamento dos Estados Unidos relativamente aos detidos, no Afeganistão, transferidos para a base norte-americana de Guantanamo, em Cuba.
 
 

*

Guilherme

  • Perito
  • **
  • 408
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #20 em: Maio 18, 2004, 02:15:20 pm »
Quanto às tropas, os americanos pretendem diminuir o seu contigente e empregar mais soldados e policiais iraquianos, ou continuarão com o mesmo contigente atual após 30/06 ?
 

*

emarques

  • Investigador
  • *****
  • 1201
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #21 em: Maio 18, 2004, 03:57:37 pm »
Acho que vi aí uma notícia em que se dizia que estavam a preparar-se para transferir algumas unidades da Coreia do Sul para o Iraque. Não devem estar a pensar reduzir muito a presença...
Ai que eco que há aqui!
Que eco é?
É o eco que há cá.
Há cá eco, é?!
Há cá eco, há.
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #22 em: Maio 18, 2004, 05:28:24 pm »
Sim é verdade vão transferir de imediato uma brigada com 3600 soldados da Coreia para o Iraque.
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #23 em: Maio 18, 2004, 05:31:01 pm »
TSF

Citar
SADR CITY
Coligação e milicianos acordam trégua de dois dias
As forças norte-americanas e os milicianos xiitas fiéis ao líder radical xiita Moqtada Sadr, acordaram uma trégua de dois dias no bairro de Sadr City, em Bagdad, segundo adiantou o coronel Maarouf Allami, da polícia iraquiana.  

  O responsável policial adiantou que «a trégua iniciou-se na segunda-feira e será prolongada até quarta-feira de manhã. Foi acordada depois de discussões entre os chefes tribais de Sadr City e representantes da coligação, com o acordo dos responsáveis do movimento de Moqtada Sadr».

No entanto, «uma nova reunião deverá ter lugar na quarta-feira, sobre as formas de prolongar a trégua, que determinou que o exército norte-americano não entrará no bairro e que os milicianos desaparecerão das ruas», continuou Maarouf Allami.

O chefe do gabinete de Sadr, o sheikh Raad al-Azami, já afirmou que a trégua «tem como objectivo chegar a um acordo para a libertação de prisioneiros», detidos pela coligação no Iraque a 8 de Maio.
 
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #24 em: Maio 20, 2004, 12:56:42 am »
TSF

Citar
IRAQUE
Fortes explosões registadas em Najaf
Uma série de fortes explosões abalou cidade santa de Najaf, no centro do Iraque, segundo jornalistas no local. As explosões deram-se pelas 23:00 locais (20:00 em Lisboa) e foram seguidas de intenso tiroteio.  

  A zona das explosões está a menos de dois quilómetros do mausoléu do imã Ali, no centro de Najaf, e tem sido regulamente atacada pelas milícias do chefe xiita radical Moqtada Sadr, com granadas de morteiro.
 
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #25 em: Maio 20, 2004, 11:08:22 pm »
Citar
NAJAF
Violentos confrontos entre coligação e milicianos
Militares da coligação no Iraque e milicianos xiitas fiéis ao líder radical Moqtada Sadr envolveram-se em violentos confrontos na cidade de Najaf, segundo um correspondente da France Presse.  
 
  A cidade de Najaf é considerada como santa pelos xiitas. Os tiros de artilharia pesada foram ouvidos nas ruas, desertas, sendo que uma série de explosões, na zona da praça da Revolução e do cemitério local foram registadas pelas 23 :00 locais (20:00 em Lisboa).

Já na quarta-feira, a mesma zona foi alvo de outra série de explosões, tendo sido seguidas por intenso tiroteio, alegadamente entre os militares norte-americanos da coligação e as milícias de Moqtada Sadr.

A praça da Revolução fica a cerca de dois quilómetros do mausoléu do imam Ali, e tem sido um dos locais privilegiados pelas milícias para atacar as forças da coligação, com perto de 2500 militares naquele sector.
 
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #26 em: Maio 21, 2004, 10:50:31 am »
Citar
Últimos militares espanhóis abandonam Iraque

Os militares espanhóis concluíram esta madrugada de sexta-feira a retirada do posto que ocupavam em Diwanya e dirigem-se para sul rumo à fronteira com o Koweit, concluindo a retirada do contingente militar espanhol do Iraque, noticia o site do El Mundo.



A retirada das tropas espanholas do Iraque foi um compromisso eleitoral do primeiro-ministro espanhol, José Luis Zapatero. Esta medida foi violentamente criticada por vários dos países da coligação, que a consideraram uma cedência aos terroristas, após os atentados de 11 de Março em Madrid.
O Exército norte-americano assumiu o comando da base espanhola.


Durante esta saida o "comboio" militar foi atacado por milicianos seguidores de Al Sadr causando ferimentos ligeiros num 1º Sargento espanhol.
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #27 em: Maio 21, 2004, 10:58:27 am »
DN

Citar
Bush adverte republicanos para aumento da violência

MANUEL RICARDO FERREIRA CORRESPONDENTE EM NOVA IORQUE

O Presidente dos EUA tentou ontem passar à ofensiva no que respeita ao Iraque. Em ano de eleições, George W. Bush reuniu-se com representantes e senadores republicanos no Capitólio, revelando-lhes a nova estratégia que irá pôr em prática até à transferência de administração - prevista para dia 30 de Junho -, comprometendo-se a informar semanalmente os americanos acerca dos progressos que, entretanto, forem registados.

Esta ofensiva - destinada, segundo o senador John McCain, a animar as hostes republicanas - tinha, de certa forma, começado na véspera, quando George W. Bush recebeu o primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, com quem discutiu a «transferência completa de soberania» para os iraquianos.

Nas próximas duas semanas, deverão ser conhecidos os nomes do presidente interino do Iraque, além do primeiro-ministro e dos elementos que integrarão o Executivo que irá receber o poder do actual administrador do país, o norte-americano Paul Bremer. E se as listas de nomes continuam no segredo dos deuses, o certo é que Lakhdar Brahimi, representante especial do secretário-geral da ONU, já fez constar que delas não constará o nome de Ahmad Chalabi, líder do Congresso Nacional Iraquiano (CNI) e até à pouco um dos grandes protegidos de alguns sectores da Administração Bush.

Só que o afastamento de Ahmad Chalabi ficou selado, quando Paul Wolfowitz, subscretário da Defesa e antigo protector do exilado iraquiano, confirmou, na quarta-feira, que os EUA iam deixar de lhe pagar uma subvenção mensal.

Nenhum destes detalhes preencheu, no entanto, a conversa que Bush manteve no Capitólio, onde, segundo alguns dos seus interlocutores, transmitiu uma mensagem de confiança e optimismo. Sobretudo depois da erosão causada pelo escândalo das sevícias e torturas infligida a presos iraquianos na prisão de Abu Ghraib.

«Ficou claro para todos quem é que está a liderar este processo», frisou o congressista John Boehemer, no final do encontro. «Há meses que estava à espera disto: que o Presidente falasse às suas tropas». Um sentimento também partilhado pelo senador Rick Santorum. «São tempos difíceis para o país, mas é bom sentir que temos um líder forte, e que isso é decisivo».

Conclusões diferentes daquelas que foram expressas por John McCain, para quem o discurso de Bush se limitou «a conversa fiada para republicanos», sem que tivesse sido dito algo diferente daquilo que já se sabia.
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #28 em: Maio 21, 2004, 10:24:06 pm »
TSF

Citar
IRAQUE
Detido colaborador próximo de Sadr
O exército norte-americano prendeu, esta sexta-feira, em Kufa, perto da cidade santa de Najaf, um dos mais próximos colaboradores do dirigente xiita Moqtada Sadr, anunciou em comunicado o gabinete do líder radical.  

  «Mohammad Tabtabai Hakim e o seu guarda-costas foram presos pelos forças norte-americanas e o seu motorista foi morto no momento em que deixavam (a mesquita de) Kufa por uma estrada secundária para voltar a Najaf», segundo o comunicado.

Mohammad Hakim é um responsável religioso que fica por norma ao lado de Moqtada Sadr (na foto) quando este pronuncia as orações de sexta-feira, sendo considerado um dos maiores colaboradores do dirigente xiita.

Os soldados norte-americanos dispararam contra a viatura porque pensavam que na mesma estava Moqtada Sadr, afirmou um responsável do gabinete do líder radical que pediu o anonimato.
 
 

*

Fábio G.

  • Investigador
  • *****
  • 1413
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #29 em: Maio 22, 2004, 12:56:44 am »
TSF

Citar
EUA
FBI preocupado com atentados suicidas
O FBI lançou um alerta em que admite a possibilidade de se realizarem atentados terroristas com «bombas humanas», no interior dos Estados Unidos. Segundo a televisão CNN a informação foi divulgada através de um boletim confidencial.  

  Uma fonte do FBI adiantou que as autoridades norte-americanas têm que estar em alerta sobre a possibilidade de serem realizados atentados suicidas nos Estados Unidos. «Bombas humana? É algo em que temos de pensar, que devemos estar conscientes, que devemos ter no espírito», disse.

No entanto, a mesma fonte sublinhou que «não há informações específicas» sobre eventuais ataques suicidas no país.

O alerta do FBI foi destinado apenas para as autoridades norte-americanas e difundido através das diversas antenas da polícia federal. A CNN adianta que o boletim semanal apela ainda à vigilância nos locais públicos, comboios, metros e pede vigilância aos agentes policiais, nomeadamente a movimentações de indivíduos com grandes casacos, numa altura em que as temperaturas são consideradas estivais nos EUA.

Os peritos da luta anti-terrorista mostram-se preocupados com a eventualidade de ocorrerem ataques suicidas no território, já que estes são quase impossíveis de neutralizar. Na quinta-feira, o Departamento de Segurança interna anunciou novas medidas contra o terrorismo, visando a rede ferroviária e as redes de metro norte-americanas.
 
 

 

Empresas preteridas radares de costa colocam júri sob fogo

Iniciado por Fábio G.Quadro Indústrias de Defesa

Respostas: 4
Visualizações: 1899
Última mensagem Maio 18, 2004, 05:55:44 pm
por JNSA
"Caça" ao "tesouro" no Iraque

Iniciado por LusoQuadro Área Livre-Outras Temáticas de Defesa

Respostas: 1
Visualizações: 947
Última mensagem Novembro 06, 2005, 11:49:11 pm
por PereiraMarques
"GUERRA é GUERRA - Um Oficial da GNR no Iraque"

Iniciado por nelson38899Quadro Livros-Revistas-Filmes-Documentários

Respostas: 5
Visualizações: 2324
Última mensagem Maio 04, 2010, 04:48:22 pm
por sergio21699
Israel e Palestina anunciam cessar-fogo

Iniciado por Ricardo NunesQuadro Conflitos do Presente

Respostas: 3
Visualizações: 1600
Última mensagem Março 22, 2005, 07:31:56 pm
por Normando
Armas de Fogo Ligeiras e seus Acessórios

Iniciado por Leão_MarinhoQuadro Exércitos/Sistemas de Armas

Respostas: 2144
Visualizações: 289415
Última mensagem Julho 28, 2018, 02:18:03 pm
por Cabeça de Martelo