MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses

  • 1051 Respostas
  • 205455 Visualizações
*

dc

  • Analista
  • ***
  • 710
  • Recebeu: 114 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +13/-8
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1035 em: Maio 16, 2019, 04:26:23 pm »
Seria interessante, mas para se gastar esse dinheiro, acho que seria preferível instalar em futuras fragatas, e gostaria que fossem adquiridos na versão terrestre, nomeadamente para defender bases aéreas e navais de alto valor.

No entanto, para fins de exportação... termos um par de NPOs equipados com esse sistema demonstravam bem as suas capacidades e versatilidade.
 

*

Stalker79

  • Analista
  • ***
  • 738
  • Recebeu: 143 vez(es)
  • Enviou: 821 vez(es)
  • +34/-9
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1036 em: Maio 16, 2019, 04:31:14 pm »
Seria interessante, mas para se gastar esse dinheiro, acho que seria preferível instalar em futuras fragatas, e gostaria que fossem adquiridos na versão terrestre, nomeadamente para defender bases aéreas e navais de alto valor.

No entanto, para fins de exportação... termos um par de NPOs equipados com esse sistema demonstravam bem as suas capacidades e versatilidade.


A meu ver para o tipo de embarcação que é, para fins de exportação o ideal seria ter mais variantes.
Desminagem, apoio a mergulho, etc.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3267
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 559 vez(es)
  • +215/-9
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1037 em: Maio 16, 2019, 05:37:44 pm »
Seria interessante, mas para se gastar esse dinheiro, acho que seria preferível instalar em futuras fragatas, e gostaria que fossem adquiridos na versão terrestre, nomeadamente para defender bases aéreas e navais de alto valor.

No entanto, para fins de exportação... termos um par de NPOs equipados com esse sistema demonstravam bem as suas capacidades e versatilidade.


A meu ver para o tipo de embarcação que é, para fins de exportação o ideal seria ter mais variantes.
Desminagem, apoio a mergulho, etc.

Stalker, em vez das variantes não seria de todo melhor construir o navio e poder colocar os módulos de desminagem, com SAM, com SSM, com peça de artilharia de vários calibres, com CIWS, com RAM, etc, etc e assim, o Navio estar capacitado a desempenhar um vasto leque de missões ????

Abraços
 

*

Stalker79

  • Analista
  • ***
  • 738
  • Recebeu: 143 vez(es)
  • Enviou: 821 vez(es)
  • +34/-9
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1038 em: Maio 16, 2019, 05:43:32 pm »
Seria interessante, mas para se gastar esse dinheiro, acho que seria preferível instalar em futuras fragatas, e gostaria que fossem adquiridos na versão terrestre, nomeadamente para defender bases aéreas e navais de alto valor.

No entanto, para fins de exportação... termos um par de NPOs equipados com esse sistema demonstravam bem as suas capacidades e versatilidade.



A meu ver para o tipo de embarcação que é, para fins de exportação o ideal seria ter mais variantes.
Desminagem, apoio a mergulho, etc.

Stalker, em vez das variantes não seria de todo melhor construir o navio e poder colocar os módulos de desminagem, com SAM, com SSM, com peça de artilharia de vários calibres, com CIWS, com RAM, etc, etc e assim, o Navio estar capacitado a desempenhar um vasto leque de missões ????

Abraços


Ok, tambem é uma idea, usar um sistema estilo o Stan-Flex. É que geralmente muitas marinhas tem navios dedicados a cada função, por isso é que falei nas variantes.
Mas vendo bem até seria mais economico e apanhava mais mercados. Mesmo assim é preciso dar-lhes um re-desenho.
 :G-Ok:
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3267
  • Recebeu: 1450 vez(es)
  • Enviou: 559 vez(es)
  • +215/-9
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1039 em: Maio 16, 2019, 05:50:46 pm »
Seria interessante, mas para se gastar esse dinheiro, acho que seria preferível instalar em futuras fragatas, e gostaria que fossem adquiridos na versão terrestre, nomeadamente para defender bases aéreas e navais de alto valor.

No entanto, para fins de exportação... termos um par de NPOs equipados com esse sistema demonstravam bem as suas capacidades e versatilidade.



A meu ver para o tipo de embarcação que é, para fins de exportação o ideal seria ter mais variantes.
Desminagem, apoio a mergulho, etc.

Stalker, em vez das variantes não seria de todo melhor construir o navio e poder colocar os módulos de desminagem, com SAM, com SSM, com peça de artilharia de vários calibres, com CIWS, com RAM, etc, etc e assim, o Navio estar capacitado a desempenhar um vasto leque de missões ????

Abraços


Ok, tambem é uma idea, usar um sistema estilo o Stan-Flex. É que geralmente muitas marinhas tem navios dedicados a cada função, por isso é que falei nas variantes.
Mas vendo bem até seria mais economico e apanhava mais mercados. Mesmo assim é preciso dar-lhes um re-desenho.
 :G-Ok:

evitava estar a construir navios especificamente dedicados a uma missão e, permitia substituir os navios destruídos ou danificados, ou adicionar para uma mesma missão um maior numero de navios, até mesmo chegar a utilizar a totalidade dos navios, assim houvesse módulos de missão disponíveis para os equipar !

Abraços
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Stalker79

*

diogo13350

  • Membro
  • *
  • 159
  • Recebeu: 21 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +6/-0
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1040 em: Maio 16, 2019, 08:34:30 pm »
Seria possível colocar um Rheinmetall Oerlikon Millennium Gun como peça principal nos NPO?


Penso que sim, mas acho que seria um desperdicio de dinheiro para a função que é.
Tecnicamente é uma arma de defesa de ponto e apesar de tambem poder carregar projecteis solidos é muito dinheiro para "patrulheiros".
 :-\
Então não têm 2 CIWS em armazém e dois NPO desarmados? É juntar 1+1!!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

dc

  • Analista
  • ***
  • 710
  • Recebeu: 114 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +13/-8
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1041 em: Maio 16, 2019, 11:27:38 pm »
Assim ficávamos com 2 NPOs ao estilo das Sa'ar 5 Israelitas.  :mrgreen:
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5192
  • Recebeu: 968 vez(es)
  • Enviou: 566 vez(es)
  • +86/-49
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1042 em: Maio 17, 2019, 10:21:21 am »
Assim ficávamos com 2 NPOs ao estilo das Sa'ar 5 Israelitas.  :mrgreen:

Por acaso Israel até tem navios mais pequenos armados com Phalanx e O.M. de 76mm. Cá se os colocassem por exemplo num tejo ou mesmo num opv eram logo os "canhões do yamato"... ;) :-P





Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Stalker79

  • Analista
  • ***
  • 738
  • Recebeu: 143 vez(es)
  • Enviou: 821 vez(es)
  • +34/-9
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1043 em: Maio 17, 2019, 04:07:45 pm »
E para não falar que as "Corvetas" Israelitas estão armados como um Destroyer!

A Sa´ar 5:

"The ship's missiles systems is a set of: (i) anti-air capability with 32-cell vertical launch systems, with Barak-1 missiles of IAI and Rafael, and (ii) two four-cell Boeing Harpoon missile launchers.

Ship's guns are a Raytheon / General Dynamics MK15 Phalanx 20mm close-in weapon system (CIWS). An Oto Melara 76mm gun was project but until now not provided.

Sensors are composed of a Advanced Lightweight Phased Array (ALPHA) ELM-2258, AESA S-band radar, with automatic track initiation at +120 km (for fighters) and +25 km (for missiles), and a 796 hull-mounted search-and-attack sonar. Electronic warfare includes an AN/SLQ-25 Nixie towed torpedo decoy system, a radar warning receiver Elisra NS-9003/9005, and three Elbit Deseaver chaff decoys."

Quem nos dera que aparecessem fragatas cá com este material, quanto mais corvetas.

As novas Sa´ar 6 no comment...

"The Sa'ar 6 has a displacement of 2,000 tons and is 90 m (295 ft 3 in) long. It is armed with an Oto Melara 76 mm main gun, two Typhoon Weapon Stations, 32 vertical launch cells for Barak-8 surface-to-air missiles, the C-Dome point defense system, 16 anti-ship missiles, the EL/M-2248 MF-STAR AESA radar, and two 324 mm torpedo launchers. It has hangar space and a platform able to accommodate a medium class SH-60-type helicopter."

 :-P
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5192
  • Recebeu: 968 vez(es)
  • Enviou: 566 vez(es)
  • +86/-49
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1044 em: Maio 17, 2019, 08:02:06 pm »
Se tivermos em conta que parte dos navios levam por exemplo dois SSM, o harpoon e o Pinguin.  :-P ;)







E cá está a Sa'ar 6  :mrgreen: c56x1



Enfim, outra realidade.



Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

dc

  • Analista
  • ***
  • 710
  • Recebeu: 114 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +13/-8
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1045 em: Maio 18, 2019, 02:03:56 am »
E para não falar que as "Corvetas" Israelitas estão armados como um Destroyer!

A Sa´ar 5:

"The ship's missiles systems is a set of: (i) anti-air capability with 32-cell vertical launch systems, with Barak-1 missiles of IAI and Rafael, and (ii) two four-cell Boeing Harpoon missile launchers.

Ship's guns are a Raytheon / General Dynamics MK15 Phalanx 20mm close-in weapon system (CIWS). An Oto Melara 76mm gun was project but until now not provided.

Sensors are composed of a Advanced Lightweight Phased Array (ALPHA) ELM-2258, AESA S-band radar, with automatic track initiation at +120 km (for fighters) and +25 km (for missiles), and a 796 hull-mounted search-and-attack sonar. Electronic warfare includes an AN/SLQ-25 Nixie towed torpedo decoy system, a radar warning receiver Elisra NS-9003/9005, and three Elbit Deseaver chaff decoys."

Quem nos dera que aparecessem fragatas cá com este material, quanto mais corvetas.

As novas Sa´ar 6 no comment...

"The Sa'ar 6 has a displacement of 2,000 tons and is 90 m (295 ft 3 in) long. It is armed with an Oto Melara 76 mm main gun, two Typhoon Weapon Stations, 32 vertical launch cells for Barak-8 surface-to-air missiles, the C-Dome point defense system, 16 anti-ship missiles, the EL/M-2248 MF-STAR AESA radar, and two 324 mm torpedo launchers. It has hangar space and a platform able to accommodate a medium class SH-60-type helicopter."

 :-P

O radar AESA falado nesse artigo parece-me interessante... Até agora um dos problemas deste tipo de radares era que tinham de ser instalados em navios de dimensões consideráveis julgo eu. No entanto, no caso deste irá ser instalado num navio de 90m.

A doutrina israelita no que respeita a navios de combate é completamente diferente daquilo que se vê nas restantes marinhas do mundo. Onde é que se vê uma Marinha de um país com forças armadas poderosas, basear a sua capacidade de combate naval em navios de tão pequenas dimensões? Só mesmo Israel! Mas também para nós não dava. Metade daqueles navios deveria ter alguns/sérios problemas a navegar no atlântico. No entanto são um exemplo de como aproveitar cada metro do navio para receber armamento. Os navios Israelitas são o contraste ideal com as fragatas francesas La Fayette, que são a meu ver muito sub-aproveitadas.
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14727
  • Recebeu: 894 vez(es)
  • Enviou: 868 vez(es)
  • +118/-113
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1046 em: Maio 18, 2019, 12:48:41 pm »
As La Fayette são navios feitos na mesma linha de pensamento das LCS da Marinha Norte-Americana. Estou a falar de conflitos de baixa intensidade do pós Guerra Fria.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

dc

  • Analista
  • ***
  • 710
  • Recebeu: 114 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +13/-8
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1047 em: Maio 18, 2019, 03:01:28 pm »
Esse tipo de navio faz algum sentido? Os LCS americanos pelo menos apresentam um elevado grau de modularidade, podendo ser rapidamente trocado um módulo por outro consoante a missão. Já as La Fayette não me parecem bem armadas para, francamente, nenhuma tarefa em específico. Diria mais que são mais demonstradores de tecnologia de construção naval stealth... Em contraste temos as Formidable, essas sim navios de combate bastante interessantes, mesmo sendo mais pequenas que as La Fayette.

Não vejo nada em que as La Fayette se destaquem, talvez no preço? O sistema Crotale é superior aos Sea Sparrow das nossas fragatas?

PS: As Formidable têm uma guarnição de apenas 71 elementos?  ??? Isso era o sonho de uma MP com pouco pessoal!
« Última modificação: Maio 18, 2019, 03:05:07 pm por dc »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5192
  • Recebeu: 968 vez(es)
  • Enviou: 566 vez(es)
  • +86/-49
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1048 em: Maio 18, 2019, 03:08:38 pm »
Para mim o melhor de Israel em termos de marinha são os submarinos. Isso sim (e são só 6 e impõem cá um respeitinho).  :G-beer2:

https://nationalinterest.org/blog/buzz/introducing-israels-deadly-dolphin-class-submarine-armed-nuclear-weapons-40272

Citar
Each has ten torpedo tubes in the bow, six standard 533-millimeter standard diameter tubes and four larger 650-millimeter torpedoes. The larger torpedo tubes are more than two feet wide, and reportedly double as ingress/egress chambers for divers. Armament is a mixture of German, American and Israeli weapons, including Seahake heavyweight wire-guided torpedoes and Harpoon antiship missiles. The authoritative Combat Fleets of the World claims the Dolphin subs may have the Triton fiber-optic guided-weapon system. With a range of more than nine miles, Triton allows submarines the ability to attack helicopters, surface ships and coastal targets.

 
The four large torpedo tubes are the key to Israel’s sea-based deterrent, and without them it’s unlikely the country would have nukes on submarines. The large tubes are used not only for laying mines and sending and receiving divers, but also to launch nuclear cruise missiles. In 2000, the U.S. Navy observed a missile launch from off the coast of Sri Lanka that traveled an estimated 932 miles. Exactly what this missile was is a matter of speculation, but the leading candidate is some advanced form of the Popeye missile.

Popeye was originally an air-launched ground-attack missile. Developed in the late 1980s, Popeye originally used a television camera or infrared seeker to deliver a 750-pound warhead to ranges of up to forty-five miles. The United States Air Force bought 154 Popeye missiles to arm B-52 bombers for conventional attacks, renaming them the AGM-142 Raptor. Israel’s nuclear deterrent is thought to be based on cruise missile version of Popeye, Popeye Turbo, which has a turbofan engine for long-distance flight.

There is also the possibility the nuclear armament is based on the Gabriel antiship missile, and there are also reports that Harpoon missiles were modified to carry nuclear weapons. Nobody appears to know for sure what missile is operational, only that it was observed and that arming them with nuclear weapons is a logical conclusion. The yield of the nuclear warhead on these missiles is unknown, but estimates float around the two-hundred-kiloton mark, which would make them roughly fourteen times more powerful than the bomb dropped on Hiroshima.

Whatever the missile, a 932-mile range gives it the ability—just barely—to strike the Iranian capital of Tehran, as well as the holy city of Qom and the northern city of Tabriz, from a position off the coast of Syria. (Iran’s pursuit of nuclear arms is likely the main and enduring driver of Israel’s second strike capability.) That isn’t an ideal firing position, and it’s been seventeen years since the missile’s first flight, so it’s also reasonable to assume that the weapon’s range has been extended to the point where it can launch against Tehran and even more Iranian cities from a relatively safe location.









Cumprimentos

P.S. A Lafayette destaca-se sobretudo em termos de desenho Stealth, de resto mais nada, isto porque os franceses investiram menos no navio, dando primazia a outros modelos.





P.S.2 - Altamente impressionante esta FTI / Belharra Medium-Size Frigates da França. O problema é o preço com qualquer coisa como   875  Usd cada unidade.  :o



http://www.defensa.pe/forums/showthread.php/9408-Mgp-la-siguiente-flota/page60

https://thaimilitaryandasianregion.wordpress.com/2017/04/27/fti-medium-size-frigates-france/
« Última modificação: Maio 18, 2019, 03:15:09 pm por mafets »
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

dc

  • Analista
  • ***
  • 710
  • Recebeu: 114 vez(es)
  • Enviou: 23 vez(es)
  • +13/-8
Re: MLU às VdG e/ou BD - Hipóteses
« Responder #1049 em: Maio 18, 2019, 03:16:16 pm »
Os submarinos Israelitas podem disparar SLAM-ER?  ???
Se os nossos também pudessem... era um luxo!