Notícias da Rússia

  • 55 Respostas
  • 14436 Visualizações
*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14346
  • Recebeu: 760 vez(es)
  • Enviou: 741 vez(es)
  • +58/-50
Re: Notícias da Rússia
« Responder #45 em: Fevereiro 15, 2017, 02:23:36 pm »
The ruble dives after Trump tweets 'Was Obama too soft on Russia?'

The Russian ruble extended its earlier losses after President Donald Trump tweeted about President Barack Obama's stance on Russia with respect to Crimea.

The petrocurrency is down by 1.2% at $57.8170 per dollar as of 7:55 a.m. ET.

"Crimea was TAKEN by Russia during the Obama Administration. Was Obama too soft on Russia?" Trump tweeted around 7:42 a.m. ET.

The ruble was down by about 0.8% earlier in the morning amid weaker Brent crude oil prices, which are down by about 0.6% at $55.63.



http://www.businessinsider.com/russian-ruble-currency-market-update-2017-2
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Viajante

  • Especialista
  • ****
  • 1148
  • Recebeu: 300 vez(es)
  • Enviou: 161 vez(es)
  • +38/-8
Re: Notícias da Rússia
« Responder #46 em: Outubro 24, 2017, 04:30:01 pm »
Custos para o Mundial de 2018 aumentaram 510 milhões de euros

As autoridades russas disseram hoje que o Mundial2018 de futebol vai custar mais 500 ME do que o inicialmente previsto.



As autoridades russas disseram hoje que o Mundial2018 de futebol vai custar mais 600 milhões de dólares, cerca de 510 milhões de euros, do que tinha sido inicialmente previsto.

Os organizadores e o governo russo não apresentaram explicação para o aumento dos custos, publicados hoje num decreto assinado pelo primeiro-ministro, Dmitri Medvedev.

Segundo o decreto, os custos aumentaram de 34,5 mil milhões de rublos, cerca de 510 milhões de euros, para 678 mil milhões de rublos, cerca de 10 mil milhões de euros.

Destes valores, 57,6 por cento provêm do orçamento federal, 13,6 do governo regional e 28,8 de “entidades legais”, que inclui empresas privadas e estatais.

https://desporto.sapo.pt/futebol/mundial-2018/artigos/custos-para-o-mundial-de-2018-aumentaram-510-milhoes-de-euros

10 mil milhões de euros que custa o mundial!!!!!!
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9439
  • Recebeu: 307 vez(es)
  • Enviou: 213 vez(es)
  • +17/-7
Re: Notícias da Rússia
« Responder #47 em: Fevereiro 04, 2018, 04:32:36 pm »
Chipre: o porta-aviões da Rússia na Europa





Há vários anos que a Rússia tem vindo a aproximar-se da economia e da sociedade de Chipre – país que pertence à União Europeia desde 1 de maio de 2004 e à Eurozona desde 2008 – na tentativa, segundo os analistas, de manter uma posição estratégica no Mediterrâneo, mas também de procurar uma alternativa às reticências que a própria União Europeia demonstra ter em relação ao país liderado há quase duas décadas por Vladimir Putin.

Entre todas as evidências de que os dois países se mantêm numa rota de entendimento, surge agora a notícia, veiculada pela agência Euronews, de que Chipre tem cada vez mais russos a recorrer ao mecanismo do investimento para se tornarem cidadãos cipriotas – à semelhança do que Portugal faz com os chamados vistos ‘gold’.

Limassol, a segunda maior cidade de Chipre, tem por estes dias uma enorme atividade em termos portuários e de crescimento da construção civil, refere a Euronews – que refere que o grosso da economia da cidade está cada vez mais nas mãos de cidadãos russos.

Muitos russos vivem agora nesta cidade e investem fortemente no setor da construção civil, mas também no comércio, onde há cada vez mais lojas com raízes russas. De acordo com diversos analistas, o programa de venda de passaportes para a obtenção de cidadania cipriota e, consequentemente, cidadania europeia, ajudou muito o país a recuperar da crise económica dos últimos anos.

Em Chipre, os estrangeiros podem demorar menos de seis meses a conseguirem tornar-se cidadãos cipriotas e europeus tendo de investir cerca de dois milhões de euros – bem mais que os 500 mil euros nacionais.

Russos, chineses, mas também cidadãos do Médio Oriente compram ou constroem grandes habitações, já que uma das condições prévias para obter a cidadania é ter uma residência permanente no Chipre.

Um montante da ordem dos quatro mil milhões de euros entrou na economia cipriota através destes programas, o que representa pelo menos 20% do PIB do país, refere a agência. No entanto, muitos eurodeputados e funcionários da União Europeia acusam Chipre de vender passaportes a pessoas que podem ter interesses obscuros.

No ano passado, o ministro das Finanças cipriota, Charis Georgiades, disse que mais de 2 mil passaportes foram emitidos, sendo que metade destes foram para cidadãos russos. Este eventual excesso já foi referido noutras ocasiões – demonstrando aquilo que parece ser algum mal-estar das autoridades da União Europeia face às facilidades concedidas especialmente aos cidadãos russos.

Há cerca de três anos, os dois países assinaram um acordo para que os navios russos possam usar os portos cipriotas. A polémica aumentou quando algumas fontes concluíram que os portos da pequena ilha poderiam vir a albergar navios de guerra – numa altura em que a Síria já se encontrava em plena guerra civil, com o regime de Putin a envidar todos os esforços para manter Bashar al-Assad no poder. Moscovo desmentiu, mas o mal-estar não passou.

Alguns anos antes, em 2011, a Rússia concedeu um empréstimo de 2,5 mil milhões de euros a Chipre, numa altura em que a crise que avassalou a Europa estava no auge. Quatro anos depois, novamente em 2015, a Rússia cortou ‘spreads’ – os juros passaram de 4,5% para 2,5% ao ano, uma descida de quase 50% – e o prazo de pagamento foi alargado de 2018 para 2021.

No meio, em 2013, o país foi intervencionado pela ‘troika’, com um plano dito por muitos de usurpação do dinheiro dos depositantes no sistema financeiro, que foram diretamente chamados a pagar parte do resgate – entre outras medidas mais ‘normais’. O que quis dizer, na altura, que parte dessa parte do resgate foi paga por russos, que usavam o sistema bancário local como uma espécie de conta corrente – ou, dito de outra forma, como um paraíso fiscal, que chegou realmente a ser.

A questão tem também outros contornos, numa altura em que Moscovo e Ancara parecem estar a afastar-se cada vez mais. A Turquia está a entrar num conflito crescente com a Síria – que a Rússia continua a apoiar, contra quase todo o resto do mundo, que veria como muito confortável o fim da era al-Assad. E a facilidade com que a Rússia dispõe dos portos cipriotas não agradará ao presidente Erdogan. Basta ilhar para o mapa para se perceber: os portos de Chipre e os portos da Crimeia – anexada pela Rússia no final de 2014 – exercem a pressão de uma verdadeira tenaz sobre o território turco.

Mais um problema para a União Europeia, com um futuro potencial de crescimento para já insondável.


>>>>>>   http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/chipre-o-porta-avioes-da-russia-na-europa-265040
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9439
  • Recebeu: 307 vez(es)
  • Enviou: 213 vez(es)
  • +17/-7
Re: Notícias da Rússia
« Responder #48 em: Fevereiro 27, 2018, 12:42:48 pm »
Rússia acusada de megaoperação de lavagem de dinheiro


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9439
  • Recebeu: 307 vez(es)
  • Enviou: 213 vez(es)
  • +17/-7
Re: Notícias da Rússia
« Responder #49 em: Agosto 29, 2018, 01:34:04 pm »
Putin alivia reforma das pensões


 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lusitan

*

Lusitan

  • Membro
  • *
  • 125
  • Recebeu: 37 vez(es)
  • Enviou: 29 vez(es)
  • +45/-3
  • Hic et Ubique
Re: Notícias da Rússia
« Responder #50 em: Agosto 29, 2018, 04:05:24 pm »
Putin alivia reforma das pensões



Ele bem que tentou disfarçar a medida durante o Mundial, mas não deu mesmo. Quando nacionalistas e comunistas protestam juntos é melhor ter cuidado...
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9439
  • Recebeu: 307 vez(es)
  • Enviou: 213 vez(es)
  • +17/-7
Re: Notícias da Rússia
« Responder #51 em: Setembro 02, 2018, 01:35:25 pm »
Milhares de russos protestam contra reforma das pensões


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9439
  • Recebeu: 307 vez(es)
  • Enviou: 213 vez(es)
  • +17/-7
Re: Notícias da Rússia
« Responder #52 em: Setembro 09, 2018, 08:47:19 pm »
Protestos na Rússia em dia de eleições locais


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9439
  • Recebeu: 307 vez(es)
  • Enviou: 213 vez(es)
  • +17/-7
Re: Notícias da Rússia
« Responder #53 em: Setembro 22, 2018, 05:15:05 pm »
Russos contra nova lei das reformas


 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9439
  • Recebeu: 307 vez(es)
  • Enviou: 213 vez(es)
  • +17/-7
Re: Notícias da Rússia
« Responder #54 em: Setembro 26, 2018, 07:12:27 pm »
Russos protestam contra reforma das pensões de Vladimir Putin


 

*

Viajante

  • Especialista
  • ****
  • 1148
  • Recebeu: 300 vez(es)
  • Enviou: 161 vez(es)
  • +38/-8
Re: Notícias da Rússia
« Responder #55 em: Novembro 14, 2018, 12:08:11 pm »
Doping financeiro: como a Rússia fez batota para subir no ranking da UEFA

Documentos revelados pelo ‘Football Leaks’ mostram que o Governo russo injectou 1,65 mil milhões de euros em três clubes com patrocínios camuflados.



Documentos revelados pelo ‘Football Leaks’ mostram que o Governo russo injectou 1,65 mil milhões de euros em três clubes daquele país – Zenit, Lokomotiv e Dínamo – nos últimos cinco anos com patrocínios camuflados, numa violação clara das regras de “fair play” financeiro.

Uma investigação do jornal 'The Black Sea', baseada em novos documentos do Football Leaks – balanços contabilísticos e trocas de documentação entre os clubes russos e a UEFA - revela que o comité de controlo financeiro da UEFA encobriu este esquema durante os anos que antecederam o Campeonato do Mundo.

No dia 12 de Novembro de 2013, o Diretor-Geral e os directores executivo e financeiro do Zenit, acompanhados do seu responsável pelo planeamento estratégico, justificaram por que motivo a Gazprom - empresa estatal de energia da Rússia - injectou 113 milhões de euros nos cofres do clube em 2012.

“Se os clubes [da primeira liga russa] tiverem de cumprir de imediato com as regras de fair-play financeiro, terão de vender os seus melhores jogadores e isso irá reduzir a competitividade do futebol russo”,” e assim os russos começarão a afastar-se do futebol, virando-se para o hóquei no gelo, “a cinco anos do Mundial”.

Na época seguinte, o Zenit não só não vendeu jogadores como se reforçou com Javí Garcia, a quem o clube de São Petersburgo ofereceu um salário anual líquido de 4,5 milhões de euros. Segundo o jornal O Jogo, a Gazprom surge na forma de ‘matrioska’, com várias subsidiárias a patrocinar o Zenit. Curiosamente, é desde 2012/13 um dos oito principais patrocinadores da Champions.

Em Junho de 2013, o Zenit admitia um prejuízo de 20 milhões de euros, mas as contas do clube mostravam que 101 dos 179 milhões de euros de receitas eram inflacionados por patrocinadores. Nesse sentido, a UEFA percebeu que 80 ME vinham de oito subsidiárias da Gazprom e representavam uma sobrevalorização de contratos. Sem isso, as receitas não iriam além dos 57 ME. Na altura, o clube alegou que os contratos previam serviços extra como a presença de jogadores em festas de aniversário, eventos sociais, etc…

Em Março de 2014, a UEFA decretou a violação das regras, mas limitou-se a aplicar uma multa no valor de 6 milhões de euros.

O doping financeiro verificou-se ainda em dois clubes da capital russa, o Lokomotiv de Moscovo (adversário do FC Porto na Champions) e o Dínamo de Moscovo. No caso do Lokomotiv, em vez da Gazprom, existe outra aliada estatal, os Caminhos de Ferro, responsáveis por 94% dos 200,5 milhões de euros de patrocínios. Quanto ao Dínamo, é o Banco VTB a entrar com 96% dos 180 ME registados. Dos três clubes anteriormente referidos, apenas o Dínamo foi punido, com um ano de suspensão, após auditorias pedidas pela UEFA.

Certo é que o doping financeiro foi ‘premiado’ com um lugar extra na Champions, subtraído à representação portuguesa, que, como se sabe, caiu no ranking. E convém não esquecer que a receita total dos clubes da I Liga representa pouco mais de metade dos emblemas russos.

https://desporto.sapo.pt/futebol/futebol-internacional/artigos/doping-financeiro-como-a-russia-fez-batota-para-subir-no-ranking-da-uefa
 

 

Johnson&Johnson: Notícias

Iniciado por Marauder

Respostas: 0
Visualizações: 1794
Última mensagem Junho 26, 2006, 06:36:44 pm
por Marauder
Electricité de France (EdF): Notícias

Iniciado por Marauder

Respostas: 0
Visualizações: 1202
Última mensagem Julho 09, 2006, 04:07:07 pm
por Marauder
Vodafone: Notícias

Iniciado por Marauder

Respostas: 4
Visualizações: 2921
Última mensagem Novembro 27, 2007, 05:54:57 pm
por André
BASF: Notícias

Iniciado por Marauder

Respostas: 1
Visualizações: 1315
Última mensagem Julho 04, 2006, 06:06:24 pm
por Marauder
Volkswagen: Notícias

Iniciado por Marauder

Respostas: 12
Visualizações: 5436
Última mensagem Novembro 16, 2007, 02:01:30 pm
por André