EUA na Bancarrota?

  • 41 Respostas
  • 13688 Visualizações
*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14204
  • Recebeu: 694 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +50/-29
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #30 em: Agosto 29, 2012, 02:43:32 pm »
America’s Descent into Poverty ~ Paul Craig Roberts

The United States has collapsed economically, socially, politically, legally, constitutionally, and environmentally. The country that exists today is not even a shell of the country into which I was born. In this article I will deal with America’s economic collapse. In subsequent articles, i will deal with other aspects of American collapse.

Economically, America has descended into poverty. As Peter Edelman says, “Low-wage work is pandemic.” Today in “freedom and democracy” America, “the world’s only superpower,” one fourth of the work force is employed in jobs that pay less than $22,000, the poverty line for a family of four. Some of these lowly-paid persons are young college graduates, burdened by education loans, who share housing with three or four others in the same desperate situation. Other of these persons are single parents only one medical problem or lost job away from homelessness.

Others might be Ph.D.s teaching at universities as adjunct professors for $10,000 per year or less. Education is still touted as the way out of poverty, but increasingly is a path into poverty or into enlistments into the military services.

Edelman, who studies these issues, reports that 20.5 million Americans have incomes less than $9,500 per year, which is half of the poverty definition for a family of three.

There are six million Americans whose only income is food stamps. That means that there are six million Americans who live on the streets or under bridges or in the homes of relatives or friends. Hard-hearted Republicans continue to rail at welfare, but Edelman says, “basically welfare is gone.”

In my opinion as an economist, the official poverty line is long out of date. The prospect of three people living on $19,000 per year is farfetched. Considering the prices of rent, electricity, water, bread and fast food, one person cannot live in the US on $6,333.33 per year. In Thailand, perhaps, until the dollar collapses, it might be done, but not in the US.

As Dan Ariely (Duke University) and Mike Norton (Harvard University) have shown empirically, 40% of the US population, the 40% less well off, own 0.3%, that is, three-tenths of one percent, of America’s personal wealth. Who owns the other 99.7%? The top 20% have 84% of the country’s wealth. Those Americans in the third and fourth quintiles–essentially America’s middle class–have only 15.7% of the nation’s wealth. Such an unequal distribution of income is unprecedented in the economically developed world.

In my day, confronted with such disparity in the distribution of income and wealth, a disparity that obviously poses a dramatic problem for economic policy, political stability, and the macro management of the economy, Democrats would have demanded corrections, and Republicans would have reluctantly agreed.

But not today. Both political parties whore for money.

The Republicans believe that the suffering of poor Americans is not helping the rich enough. Paul Ryan and Mitt Romney are committed to abolishing every program that addresses needs of what Republicans deride as “useless eaters.”

The “useless eaters” are the working poor and the former middle class whose jobs were offshored so that corporate executives could receive multi-millions of dollars in performance pay compensation and their shareholders could make millions of dollars on capital gains. While a handful of executives enjoy yachts and Playboy playmates, tens of millions of Americans barely get by.

In political propaganda, the “useless eaters” are not merely a burden on society and the rich. They are leeches who force honest taxpayers to pay for their many hours of comfortable leisure enjoying life, watching sports events, and fishing in trout streams, while they push around their belongings in grocery baskets or sell their bodies for the next MacDonald burger.

The concentration of wealth and power in the US today is far beyond anything my graduate economic professors could image in the 1960s. At four of the world’s best universities that I attended, the opinion was that competition in the free market would prevent great disparities in the distribution of income and wealth. As I was to learn, this belief was based on an ideology, not on reality.

Congress, acting on this erroneous belief in free market perfection, deregulated the US economy in order to create a free market. The immediate consequence was resort to every previous illegal action to monopolize, to commit financial and other fraud, to destroy the productive basis of American consumer incomes, and to redirect income and wealth to the one percent.

The “democratic” Clinton administration, like the Bush and Obama administrations, was suborned by free market ideology. The Clinton sell-outs to Big Money essentially abolished Aid to Families with Dependent Children. But this sell-out of struggling Americans was not enough to satisfy the Republican Party. Mitt Romney and Paul Ryan want to cut or abolish every program that cushions poverty-stricken Americans from starvation and homelessness.

Republicans claim that the only reason Americans are in need is because the government uses taxpayers’ money to subsidize Americans who are unwilling to work. As Republicans see it, while we hard-workers sacrifice our leisure and time with our families, the welfare rabble enjoy the leisure that our tax dollars provide them.

This cock-eyed belief, on top of corporate CEOs maximizing their incomes by offshoring the middle class jobs of millions of Americans, has left Americans in poverty and cities, counties, states, and the federal government without a tax base, resulting in bankruptcies at the state and local level and massive budget deficits at the federal level that threaten the value of the dollar and its role as reserve currency.

The economic destruction of America benefitted the mega-rich with multi-billions of dollars with which to enjoy life and its high-priced accompaniments wherever the mega-rich wish. Meanwhile, away from the French Rivera, Homeland Security is collecting sufficient ammunition to keep dispossessed Americans under control.

 :shock:
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 7301
  • Recebeu: 180 vez(es)
  • Enviou: 296 vez(es)
  • +13/-3
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #31 em: Março 02, 2013, 10:28:51 am »
Emergência financeira declarada em Detroit

À beira da bancarrota, a cidade do estado do Michigan aguarda a mais que provável nomeação de um administrador estatal externo, que avaliará se há solução para os seus graves problemas financeiros.

Mafalda Ganhão

21:18 Sexta feira, 1 de março de 2013

O governador do estado do Michigan declarou oficialmente a situação de "emergência financeira" em Detroit. O anúncio feito hoje por Rick Snyder era esperado desde  que foi tornada pública a avaliação às contas da cidade, há cerca de uma semana, revelando uma falta de liquidez à beira de atingir 100 milhões de dólares (mais de 76 milhões de euros).

A decisão abre agora um período de dez dias, prazo dado à câmara municipal para recorrer. O cenário mais provável é, contudo, a entrada em cena de um administrador estatal externo, que tome conta das finanças de Detroit, podendo mesmo vir a declarar a sua falência, caso conclua que os problemas orçamentais em causa são insolúveis.

A cidade sofre as consequências da acentuada quebra populacional registada nos últimos anos - cerca de 25% menos habitantes de 2000 a 2010 - até ficar abaixo dos 750 mil de contribuintes, número que serviu de base às projeções de receita.

Também as contínuas crises da indústria automóvel, agravadas em 2009 com as quebras da General Motors e da Chrysler contribuíram para o descalabro.

É certo que nos anos 1990, com a abertura de vários casinos, o desenvolvimento imobiliário e o aparecimento de novos estádios desportivos, as contas melhoraram um pouco, mas uma gestão autárquica desastrosa, entre 2002 e 2008, inverteu dramaticamente o caminho da recuperação. Acusado de corrupção e escândalos vários, o presidente Kwame Kilpatrick acabaria mesmo na prisão.

- See more at: http://expresso.sapo.pt/emergencia-fina ... qDsPy.dpuf
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8023
  • Recebeu: 597 vez(es)
  • Enviou: 884 vez(es)
  • +34/-4
    • http://youtube.com/HSMW
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #32 em: Julho 19, 2013, 08:07:01 pm »
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14204
  • Recebeu: 694 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +50/-29
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #33 em: Setembro 27, 2013, 12:38:14 pm »
Estados Unidos em risco de bancarrota


Jacob Lew, o secretário do Tesouro, garante que os Estados Unidos da América podem entrar em incumprimento já em outubro.


Uma contagem decrescente para um incumprimento (bancarrota) por parte dos Estados Unidos da América pode estar em marcha se a tensão política entre republicanos e democratas prosseguir no Congresso em Washington.

Os representantes republicanos decidiram aproveitar politicamente dois momentos chave - o debate orçamental para 2014 e o aumento do teto da dívida federal no último trimestre - para colocaram um conjunto de reivindicações políticas que extravasam as questões ligadas ao controlo da dívida federal e à dieta nos gastos da Administração Obama. Os republicanos dominam a Câmara dos Representantes, a câmara baixa do Congresso.

Muitos analistas insistem que, no último minuto, compromissos serão encontrados, mas os "estragos" na economia norte-americana e nos mercados financeiros globais são de difícil previsão. Alguns analistas alertam que o atual bloqueio republicano deve ser levado a sério e que o risco político é elevado, como o admitiu a própria Reserva Federal na sua reunião recente.

As datas-chave na contagem decrescente para o risco de um default - palavra usada pelo secretário do Tesouro Jacob Lew na sua missiva ao presidente da Câmara de Representantes, o republicano John Boehner - prendem-se, num primeiro momento, com a aprovação ou não de uma resolução de continuação do funcionamento do governo federal a partir de 1 de outubro, e, num segundo momento, com a necessidade de autorizar o aumento do défice federal até 17 de outubro para cumprir com obrigações federais aprovadas.

O limite para evitar uma suspensão de serviços federais não essenciais - o que é designado por shutdown - já na próxima terça-feira é a meia-noite de dia 30 de setembro. Os investidores vão estar de olhos postos no que se passar em Washington hoje, durante o fim de semana e na segunda-feira.

Leia mais na edição de 27 de setembro do Expresso



Ler mais: http://expresso.sapo.pt/estados-unidos- ... z2g5mSdeR1
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14204
  • Recebeu: 694 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +50/-29
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #34 em: Outubro 01, 2013, 04:09:30 pm »
EUA encerram serviços públicos por tempo indeterminado


Falta de acordo entre republicanos e democratas sobre a reforma da saúde deixa o Governo dos EUA sem dinheiro em caixa e serviços públicos encerrados.



 
Um milhão de funcionários de agências governamentais norte-americanas ficarão a partir de hoje de licença sem vencimento forçada, por tempo indeterminado, e os serviços onde trabalham serão encerrados, noticia a Reuters.

A ausência de acordo entre democratas e republicanos relativo à aprovação das dotações para que o Governo federal possa levar por diante a reforma da saúde (Obamacare), que o Presidente Barack Obama recusa protelar, encerrará a partir de hoje, e pela primeira vez em 17 anos, parques nacionais, museus e monumentos, projetos de investigação científica, entre muitos outros serviços.

Milhares de controladores de tráfego aéreo, guardas prisionais e fronteiriços, terão de continuar a trabalhar sem direito a vencimento. Melhor sorte tiveram os militares no ativo, guarda costeira e os civis contratados para apoio na Defesa e Segurança Nacional, que viram Obama assinar uma lei que permite o pagamento dos seus vencimentos durante a paragem do Governo federal.

No entanto, cerca de 400 mil trabalhadores civis do Pentágono, o ministério da Defesa dos EUA, localizado em Washington, foram dispensados.

Já a NASA fica em serviços mínimos. Apenas 600 dos 18 mil funcionários da Agência Espacial norte-americana ficam não seguem para casa. Terão por missão garantir a segurança das instalações e o suporte aos seus astronautas da Estação Espacial Internacional.

A ordem de encerramento partiu na noite de segunda-feira da diretora-geral do orçamento da Casa Branca: "As agências devem agora executar planos de paragem ordenada devido à ausência de dotações."

Sylvia Mathews Burwell apelou ainda ao Congresso, onde os republicanos dominam a Câmara dos Representantes, enquanto os democratas controlam o Senado, para agir rapidamente e aprovar uma lei que permita ao Governo Federal funcionar em pleno.

"Manter o Governo em funcionamento não é uma concessão ao Presidente. Manter serviços vitais em funcionamento e centenas de milhares a trabalhar não é algo que de dê à parte contrária. É uma responsabilidade nossa", afirmou ontem à noite Barack Obama.



Ler mais: http://expresso.sapo.pt/eua-encerram-se ... z2gU0E5uQK
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

FoxTroop

  • Investigador
  • *****
  • 1363
  • Recebeu: 193 vez(es)
  • Enviou: 140 vez(es)
  • +14/-10
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #35 em: Outubro 01, 2013, 08:55:58 pm »
Preocupante para dentro dos USA, mas sinal da verdadeira derrocada que espreita. A partir de meados deste mês, os USA poderão entrar em incumprimento com os credores internacionais a qualquer momento. Quero ver depois como é que a coisa fica.
 

*

overlord

  • Membro
  • *
  • 90
  • Recebeu: 5 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #36 em: Outubro 01, 2013, 10:11:42 pm »
o que acho engraçado no meio disto tudo é as agênciais de rating dizerem que ta tudo bem. enfim
 

*

Edu

  • Especialista
  • ****
  • 1166
  • Recebeu: 155 vez(es)
  • Enviou: 12 vez(es)
  • +5/-2
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #37 em: Outubro 14, 2013, 03:43:00 pm »
Citação de: "overlord"
o que acho engraçado no meio disto tudo é as agênciais de rating dizerem que ta tudo bem. enfim

Aqui se vê a importância de a União Europeia ter a sua própria agência de rating, tanto para fazer face às sobrevalorizações da economia americana como para a subvalorizações feitas pelas agências às suas próprias instituições.

Como pode estar toda a economia global refém de agências de rating que dão classificação AAA a bancos que uma semana depois declaram falência e a um estado que nem sequer paga aos seus próprios trabalhadores?
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14204
  • Recebeu: 694 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +50/-29
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #38 em: Abril 08, 2014, 09:58:13 am »
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14204
  • Recebeu: 694 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +50/-29
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #39 em: Março 28, 2015, 05:36:44 pm »
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 1892
  • Recebeu: 478 vez(es)
  • Enviou: 1288 vez(es)
  • +26/-0
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #40 em: Abril 19, 2015, 08:44:52 pm »
E enquanto a dívida pública norte-americana continua a crescer, a China perdeu o primeiro lugar de detentor estrangeiro dessa dívida. O maior detentor de dívida pública americana é agora um país com o qual, em tempos, tivemos uma relação muito próxima.  :mrgreen:
 
http://www.treasury.gov/ticdata/Publish/mfh.txt
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14204
  • Recebeu: 694 vez(es)
  • Enviou: 701 vez(es)
  • +50/-29
Re: EUA na Bancarrota?
« Responder #41 em: Dezembro 30, 2016, 05:40:10 pm »
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.