A China Como Futura Ameaça?

  • 190 Respostas
  • 48026 Visualizações
*

Luso-Efe

  • 467
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #45 em: Dezembro 05, 2010, 01:39:57 am »
Citação de: "Snowmeow"
A China tem um problema populacional, e (dizem) pretende, em ações futuras, invadir uma região pouco povoada, porém bem extensa, para continuar sua expansão populacional e garantir a alimentação de toda essa gente.

Um desses lugares planejados seria a Austrália. Os outros seriam Canadá ou EUA, mas uma extensão ao norte pela (Aparentemente) desabitada Sibéria não estaria descartada, dada a proximidade. A Mongólia, que posssui uma das menores densidades populacionais do mundo, também entraria na dança, caso o alvo escolhido fosse a Rússia.

Sublinho a parte da Sibéria. :idea:

Se alguem tem que se preocupar, se é que temos mesmo que nos preocupar com os chineses, é a Rússia, e talvez esta aproximação da Russia à NATO venha nesse sentido e para dar um sinal á China, não sei.

Mas em 1969 andaram mesmo à pancada, devido a uma ilha no meio de um rio, queriam os dois a ilha e entraram em conflito, mas foi só uns tiritos de Kalasnikov e umas morteiradas, mas os russos esmagaram os chinos e ficaram com a ilha e a coisa ficou resolvida pela diplomacia.

Isto ficou conehcido, como o conflito Sino-Soviético.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Conflito_f ... %C3%A9tico

Mas só em 2004 é que a questão foi definitivamente resolvida.

Mas não é por acaso que a Russia tem algumas das suas melhores unidades de tanques T-90 junto a essa zona na fronteira com a China.

Mas não creio que os Chinos tenham planos expansionistas, e a nivel de forças armadas a vantagem são os numeros, um exercito regular de 3000 milhões de homens, mais o reservistas e 4 milhões de paramilitares mete respeito a qualquer um.

Ao nivel da marinha, parace que estão apostar forte nos destroyers, submarinos tem um numero considerável, mas a maioria convencionais, estão agora a apostar nos submarinos nucleares.

Mas falta-lhe o maior disuasor naval, porta-aviões, não tem porta-aviões, tem lá o Varyag russo, mas ainda não começaram a copia-lo.

Se fizerem lá uma linha de montagem de porta-aviões, e apresentaram uns 4 ou 5 ai a coisa começa a ter que ser vista de outra maneira.

A força aerea compraram uns SU- 27 , e fizeram uma versão chinesa que parece um F-16, o Chengdu J-10, mas mesmo assim têm um numero considerável de aeronaves.

Mas já napoleão dizia que quando gigante asiático acordar o mundo vai estremecer, vamos andando e vamos vendo, mas que a tansão entre os EUA e China vai aumentar exponencialmente no futuro, sem dúvida.

Por outro lado, penso que faz falta uma China forte e uma Russia forte como contraposição aos americanos, acredito no mundo multipolar, ao contrário dos neo-cons dos corredores de washington que defendem que os americanos tem que ser a unica potencia mundial, o destino manisfesto já lá vai há muito tempo, já atingiram a costa leste há 200 anos, mas eles continuam o expansionismo.

Por este andar e se os deixássemos, não tardava nada tinhamos ai a ditadura mundial, o problema é que a Russia e a China nunca vão permitir que os americanos mandem nisto tudo, e ainda bem, os povos têm que ser livres.

Tem que haver equilibrio, depois penso que os chinos não se vão meter com os russos, nem com os americanos, ou vice-versa porque isso despoletaria o armagedão nuclear.

Mas os americanos que começam a pensar em tirar os seus porta-aviões do mar amarelo, os chinos parece que desenvolveram um míssil,  Dong Feng 21 D que é lançado a partir de terra e pode atingir um navio em movimento, incluindo os porta-aviões da frota norte-americana, a uma distância de 1500 quilómetros e com grande precisão.

Mas sinceramente não vejo os chineses como uma ameaça para a europa, antes de cá chegarem tinham que passar por cima dos russos, e a rússia já provou várias vezes que se não é invencivel, anda lá perto, exceptuando a crimeia.

Cumprimentos a todos.
« Última modificação: Dezembro 08, 2010, 01:12:31 am por Luso-Efe »
Chamar aos Portugueses ibéricos é 1 insulto enorme, é o mesmo que nos chamar Espanhóis.

A diferença entre as 2 designações, é que a 1ª é a design. Grega, a 2ª é a design. Romana da península.

Mas tanto 1 como outra são sinónimo do domínio da língua, economia e cultura castelhana.

Viva Portugal
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 6804
  • Recebeu: 341 vez(es)
  • Enviou: 211 vez(es)
  • +202/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #46 em: Dezembro 05, 2010, 05:59:16 pm »
Citação de: "Luso-Efe"
Mas não é por acaso que a Russia tem algumas das suas melhores unidades de tanques T-95 junto a essa zona na fronteira com a China.

Mas isto existe? Pensei que fosse apenas projecto e que até tinha sido cancelado...
 

*

Luso-Efe

  • 467
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #47 em: Dezembro 05, 2010, 07:10:51 pm »
Citação de: "PereiraMarques"
Citação de: "Luso-Efe"
Mas não é por acaso que a Russia tem algumas das suas melhores unidades de tanques T-95 junto a essa zona na fronteira com a China.

Mas isto existe? Pensei que fosse apenas projecto e que até tinha sido cancelado...

T-90 desculpe, tem razão.

O T-95 é que está a ser desenvolvido a partir do T-90, projecto Russo-Indiano.

Mas algumas das melhores unidades de tanques soviéticas estão nessa zona.
Chamar aos Portugueses ibéricos é 1 insulto enorme, é o mesmo que nos chamar Espanhóis.

A diferença entre as 2 designações, é que a 1ª é a design. Grega, a 2ª é a design. Romana da península.

Mas tanto 1 como outra são sinónimo do domínio da língua, economia e cultura castelhana.

Viva Portugal
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15017
  • Recebeu: 1004 vez(es)
  • Enviou: 945 vez(es)
  • +171/-168
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #48 em: Dezembro 06, 2010, 10:02:16 am »
Se a China tem a politica de um filho único, como pode estar a haver uma expansão demográfica? :?
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Snowmeow

  • 200
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #49 em: Dezembro 06, 2010, 10:30:24 am »
Citação de: "Cabeça de Martelo"
Se a China tem a politica de um filho único, como pode estar a haver uma expansão demográfica? :?
Tipo, a maior parte das terras chinesas são montanhosas, ou seja, impróprias para a agricultura. Ainda por cima, tem o deserto de Gobi, e as megalópoles, que tomaram espaço de áreas rurais.
Apesar da política de filho único, a população da China ainda aumenta, pois não tem como vigiar cada casal permanentemente, e ainda tem os imigrantes, vindos dos bolsões mais pobres da Ásia, como Vietnã, Filipinas, Camboja, Coreia do Norte, etc... Hong Kong e Macau fazem parte da China, mas não estão sujeitas às mesmas leis, tais como essa política. E sabe-se lá se a política de filho único está MESMO sendo aplicada.
"Não corte uma árvore no Inverno; pois sentirás falta dela no Verão." Jairo Navarro Dias
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15017
  • Recebeu: 1004 vez(es)
  • Enviou: 945 vez(es)
  • +171/-168
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #50 em: Dezembro 07, 2010, 12:46:39 pm »
Ainda recentemente li mais um artigo que falava como uma mulher de uma grande cidade foi presa, forçada a abortar e só depois libertada. Ela já teve o seu único filho. É verdade, há regiões onde a lei do filho único não está em funcionamento. Macau e Hong Kong porque são regiões especiais e no Tibet para as pessoas de étnica Chin. Os emigrantes, são emigrantes. Os EUA também vão continuar a aumentar de população graças aos emigrantes da América Latina.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 6804
  • Recebeu: 341 vez(es)
  • Enviou: 211 vez(es)
  • +202/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #51 em: Dezembro 08, 2010, 12:52:42 am »
Citação de: "Cabeça de Martelo"
Os EUA também vão continuar a aumentar de população graças aos emigrantes da América Latina.

Nem só por isso, os EUA continuam com Saldo Natural (natalidade-mortalidade) positivo, tanto para a população natural dos EUA, como, obviamente, para a população emigrada nos EUA.

Já a Europa...nomeadamente Portugal...só cresce através do Saldo Migratório (imigração-emigração).

(Taxa de crescimento natural negativa)

 

*

armando30

  • 95
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #52 em: Dezembro 08, 2010, 01:55:24 am »
Citação de: "PereiraMarques"
Já a Europa...nomeadamente Portugal...só cresce através do Saldo Migratório (imigração-emigração)
ainda há aquele estudo que diz que em 2020 (o estudo foi apresentado há algum tempo e já não me lembro qual a data apontada mas sei que no máximo é 2025) a população nacional estará reduzida a metade e que a única coisa que poderá impedir esse facto é a imigração.
o estudo foi apresentado numa altura em que o Sócrates queria restringir a entrada de estrangeiros em Portugal para trabalharem.
 

*

Chico Xavier

  • 29
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #53 em: Dezembro 08, 2010, 05:35:50 pm »
Citação de: "armando30"
Citação de: "PereiraMarques"
Já a Europa...nomeadamente Portugal...só cresce através do Saldo Migratório (imigração-emigração)
ainda há aquele estudo que diz que em 2020 (o estudo foi apresentado há algum tempo e já não me lembro qual a data apontada mas sei que no máximo é 2025) a população nacional estará reduzida a metade e que a única coisa que poderá impedir esse facto é a imigração.
o estudo foi apresentado numa altura em que o Sócrates queria restringir a entrada de estrangeiros em Portugal para trabalharem.


 Pois mas assim lá se vai a nossa homogeneidade.
 

*

Snowmeow

  • 200
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #54 em: Dezembro 09, 2010, 12:20:24 pm »
Citação de: "Chico Xavier"
Citação de: "armando30"
Citação de: "PereiraMarques"
Já a Europa...nomeadamente Portugal...só cresce através do Saldo Migratório (imigração-emigração)
ainda há aquele estudo que diz que em 2020 (o estudo foi apresentado há algum tempo e já não me lembro qual a data apontada mas sei que no máximo é 2025) a população nacional estará reduzida a metade e que a única coisa que poderá impedir esse facto é a imigração.
o estudo foi apresentado numa altura em que o Sócrates queria restringir a entrada de estrangeiros em Portugal para trabalharem.


 Pois mas assim lá se vai a nossa homogeneidade.
Pois, compartilhe conosco o teu conceito de "nação homogênea". Se o próprio povo Português foi um povo gerado de muitas etnias, assim como o povo Brasileiro.
"Não corte uma árvore no Inverno; pois sentirás falta dela no Verão." Jairo Navarro Dias
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15017
  • Recebeu: 1004 vez(es)
  • Enviou: 945 vez(es)
  • +171/-168
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #55 em: Dezembro 09, 2010, 12:53:57 pm »
Citação de: "armando30"
Citação de: "PereiraMarques"
Já a Europa...nomeadamente Portugal...só cresce através do Saldo Migratório (imigração-emigração)
ainda há aquele estudo que diz que em 2020 (o estudo foi apresentado há algum tempo e já não me lembro qual a data apontada mas sei que no máximo é 2025) a população nacional estará reduzida a metade e que a única coisa que poderá impedir esse facto é a imigração.
o estudo foi apresentado numa altura em que o Sócrates queria restringir a entrada de estrangeiros em Portugal para trabalharem.

Desculpa mas eu dúvido muito desse estudo, como é que seria possível Portugal perder 5 milhões de habitantes em 10/20 anos? Mesmo que não houvesse mais crianças a nascer, mesmo assim não perdiamos tantas pessoas. Isso cheira-me a estudo da treta.

Em relação à homogeneidade Portuguesa, ela existe e é real desde que não se conte com as largas centenas de milhares de emigrantes e seus descendentes. Logo aí começa a fraquejar nas duas principais metrópoles.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

ShadIntel

  • Investigador
  • *****
  • 1510
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #56 em: Dezembro 09, 2010, 01:49:34 pm »
Contando ou não com a imigração, e tendo em conta as variações possíveis na natalidade e o envelhecimento da população, não existe uma única projecção séria que aponte para uma população de 5 milhões de habitantes em Portugal num horizonte mais ou menos longínquo. As estimativas extremas vão de 8 a 12 milhões no horizonte 2050.

Isto é, excluindo quaisquer eventos "apocalípticos"...

Voltem por favor ao assunto, podem debater as projecções demográficas para Portugal num tópico adequado.

Tópico: A China como Futura Ameaça
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15017
  • Recebeu: 1004 vez(es)
  • Enviou: 945 vez(es)
  • +171/-168
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #57 em: Dezembro 09, 2010, 04:21:57 pm »
É simples, a China está a comprar meio mundo, com isso puderá fazer e desfazer o que quiser ao seu belo prazer. Nunca pensei, mas no futuro a grande super-potência será a China, visto que os EUA está-se a afundar e a Europa é comandada por cegos e loucos.

Acho que vou aprender mandarim para saber falar a língua dos novos "mestres". :twisted:  :roll:
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Vicente de Lisboa

  • Analista
  • ***
  • 789
  • Recebeu: 14 vez(es)
  • Enviou: 2 vez(es)
  • +3/-4
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #58 em: Dezembro 09, 2010, 05:15:17 pm »
Citação de: "Cabeça de Martelo"
É simples, a China está a comprar meio mundo, com isso puderá fazer e desfazer o que quiser ao seu belo prazer. Nunca pensei, mas no futuro a grande super-potência será a China, visto que os EUA está-se a afundar e a Europa é comandada por cegos e loucos.

Acho que vou aprender mandarim para saber falar a língua dos novos "mestres". :twisted:  :mrgreen:   :P
 

*

Snowmeow

  • 200
  • +0/-0
Re: A China Como Futura Ameaça?
« Responder #59 em: Dezembro 10, 2010, 10:21:01 am »
É mais fácil os chineses aprenderem inglês só por facilidade de comunicação (Apesar do "engrish", eles estão avançando). Nesse cenário, o Mandarim seria apenas uma língua interna, mantida por questões culturais e restrita a alguns iniciados.
Outra opção para difundir o Mandarim seria fazer como fizeram os vietnamitas, ou seja, "romanizar" o idioma (Quem leu frases em vietnamita romanizado sabe a bela porcaria que fica XD). Assim, o mundo aprenderia Mandarim mais fácil, mas a escrita ficaria circunscrita aos "mestres".

Impérios e potências são como seres humanos: Nascem, crescem, se consolidam, decaem e morrem. Não será diferente com os EUA. A China é a próxima, e os três restantes do BRIC estão se acotovelando para sucederem a China daqui a outros 50 anos. Mas até lá tudo pode mudar, tipo, a bola da vez pode ser um país africano, por que não?
"Não corte uma árvore no Inverno; pois sentirás falta dela no Verão." Jairo Navarro Dias
 

 

Porque é que o Putin "é mau como as cobras"...

Iniciado por Luso

Respostas: 48
Visualizações: 12283
Última mensagem Janeiro 11, 2017, 06:31:24 pm
por Luso
Japão acusa China de desrespeito pela sua soberania

Iniciado por Marauder

Respostas: 1
Visualizações: 3956
Última mensagem Abril 19, 2006, 12:39:49 am
por AugustoBizarro
EUA/NATO contra a CHINA

Iniciado por typhonman

Respostas: 30
Visualizações: 15437
Última mensagem Setembro 12, 2007, 02:18:43 am
por oultimoespiao
China/Taiwan

Iniciado por Marauder

Respostas: 14
Visualizações: 7526
Última mensagem Julho 05, 2019, 05:44:54 pm
por Lusitano89
Qual a futura ameaça externa a Portugal ? (10/20? anos)

Iniciado por Shar[K]

Respostas: 111
Visualizações: 49141
Última mensagem Novembro 28, 2017, 01:36:51 pm
por Daniel