Ramal de Braga

  • 7 Respostas
  • 2276 Visualizações
*

emarques

  • Especialista
  • ****
  • 1178
  • +1/-0
Ramal de Braga
« em: Abril 16, 2004, 02:42:07 pm »
Apesar de se tratar de um tema um pouco mais político, acaba por ter repercussões económicas bastante graves.

O ramal de Braga da linha do Minho foi modernizado, com duplicação e electrificação da linha. Também se alteraram as fundações e eliminaram-se cruzamentos de nível e um ou outro apeadeiro. Uma obra que com certeza será bastante útil, e que custou à volta de 100 milhões de euros.

Agora surgiu um pequeno problema que levou ao adiamento da inauguração da obra e início da circulação dos comboios na linha. Mas esse adiamento não se deve a atrasos das obras. O que levou a inauguração a ser adiada uma semana (ou mais, pois ao que me disseram não foi o primeiro adiamento, embora isso não seja referido na notícia que li) foi, muito simplesmente, o facto de S. Exª. o primeiro-ministro não ter presentemente tempo para se deslocar ao norte do País para realizar a inauguração.  :shock:

Na minha opinião, pelo menos, esta atitude do governo e da Refer demonstra, além do óbvio desprezo pelos muitos utentes da linha, uma certa falta de preocupação com a situação financeira da CP, já que resulta em diminuição de receita pois continua sem poder operar composições de mercadorias entre o Porto e Braga, e também aumentos de despesa, uma vez que os serviços de passageiros são garantidos com meios rodoviários.

O que pensam?
Ai que eco que há aqui!
Que eco é?
É o eco que há cá.
Há cá eco, é?!
Há cá eco, há.
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7505
  • Recebeu: 384 vez(es)
  • Enviou: 119 vez(es)
  • +135/-194
(sem assunto)
« Responder #1 em: Abril 16, 2004, 05:10:58 pm »
Quer cair na realidade dos políticos e gestores deste país e das suas reais preocupações?

http://grandelojadoqueijolimiano.blogspot.com/

Como eu conheço-os, e alguns pessoalmente, permita-me que lhe recomende a leitura dos documentos dessa página, para o colocar no correcto "comprimento de onda".
As pessoas ainda não têm a noção (ou preferem ignorar) que não existe Governo mas sim uma espécie de Máfia que se autodefende e que se autoprepetua no poder.
Eu não concordo com o Saramago, com essa do voto em branco. É preciso anulá-los e assim demonstrar o nosso desprezo com o sistema.
E impedir que alguém coloque cruzinhas nos espaços deixados em branco.
- Não é que fosse mudar alguma coisa!



Estou mesmo a ficar um conservador anarquista...
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

Guilherme

  • Perito
  • **
  • 380
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #2 em: Abril 16, 2004, 06:58:34 pm »
Qual a extensão desse ramal ferroviário?

Isso me fez lembrar de um caso que ocorreu no Brasil, o presidente estava viajando (não lembro quem era, pois isso ocorreu faz muito tempo e não sei ao certo quem era o presidente) e o vice ficou em seu lugar. Uma obra precisava ser inaugurada no Nordeste, e o vice-presidente, que poderia mandar um representante para a inauguração, fez questão de deslocar-se para o local da inauguração, para ter o deleite de inaugurar a obra, com uma placa com seu nome.
 

*

dremanu

  • Investigador
  • *****
  • 1261
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +7/-12
(sem assunto)
« Responder #3 em: Abril 16, 2004, 08:10:24 pm »
Durão Barroso visita a Inglaterra e vai jantar com a rainha. Às tantas, pergunta: - Vossa majestade, a senhora impressiona-me. Como pode estar sempre cercada de gente inteligente? Como é que a senhora faz?

Ela responde: - É muito simples. Eu deixo-os sempre em alerta. Faço um teste de QI regularmente, só para ver se a inteligência deles ainda está bem viva. Durão, surpreendido: - E como é que a senhora faz isso? A rainha concorda em mostrar um exemplo. Pega no telefone e liga ao Tony Blair: - Bom dia, Tony. Tenho um pequeno teste para ti... Tony, todo educado: - Bom dia, Majestade. Tudo bem. Estou pronto para o teste. Pode perguntar. - Muito bem, Tony. O teste é o seguinte: "é filho do teu pai e da tua mãe, mas não é seu irmão nem sua irmã. Quem é?" - Muito simples, Majestade. Sou eu mesmo... - Bravo, Tony. Como sempre, inteligente. Até à próxima.

Durão fica impressionadíssimo. De volta a Portugal, decide pôr em prática a técnica que aprendeu com a rainha. Telefona ao Paulo Portas e pergunta: - Paulo, é o Durão, companheiro. Tenho aqui um pequeno teste de inteligência para ti. - Tudo bem, chuta. - É o seguinte: é filho da tua mãe e do teu pai, mas não é seu irmão nem sua irmã. Quem é? - Ah, Durão, eu não esperava um teste assim, de repente. Tenho que pensar alguns minutos. Telefono-te depois, ok? - Sem problemas. Até logo.

E Paulo Portas liga para o Cavaco Silva, pois ele tem fama de inteligente. Faz a mesma pergunta que lhe foi feita, ao que o Cavaco responde: - Ora bolas, sou eu mesmo, Paulo!... - Muito bem, perfeito, Cavaco! Obrigado, Cavaco. E Paulo Portas liga ao Durão: - Durão, podes repetir a tua pergunta, por favor? Creio que tenho a resposta. - Muito bem: és filho da tua mãe e do teu pai, mas não és seu irmão nem irmã. Quem és? E o Paulo, vitorioso: - Simples!! Ora bolas, é o Cavaco Silva!! - Não, estúpido!! Tens que treinar mais!! É o Tony Blair, homem de Deus!!
"Esta é a ditosa pátria minha amada."
 

*

emarques

  • Especialista
  • ****
  • 1178
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #4 em: Abril 16, 2004, 08:14:58 pm »
A extensão do ramal de Braga propriamente dito é de uns 15 Km, mas a área de intervenção terá sido de uns 20 Km, porque era necessário ligar o ramal à extensão já modernizada de linha. Também foi modernizado o ramal de Guimarães (conversão para bitola larga, electrificação), mas essa obra já foi inaugurada.

O custo da obra deve-se a factores como densidade populacional (por alguma razão a operação da maior parte dos comboios está entregue à unidade de suburbanos do Grande Porto) e relevo. E também ao facto de que a linha é cruzada por várias estradas (tinha 29 passagens de nível que foram eliminadas e substituídas por passagens desniveladas. As estações no percurso foram modernizadas ou completamente reconstruídas, estão a ser instalados sistemas de segurança modernos, sistemas informáticos de controlo de tráfego...

O tempo de viagem dos Intercidades entre Braga e Porto deverá ser reduzido de 1h05min para 35min.

De um modo geral, uma obra necessária, e que espero que seja alargada ao resto da linha do Minho até Valença, ou pelo menos até Viana do Castelo, que faz parte da rede principal (como é que uma ligação internacional numa das zonas fronteiriças mais movimentadas do país é considerada como "rede complementar" pela Refer?). Por alguma estranha razão, parece-me que ter uma refe ferroviária "normal" moderna e eficiente será bastante mais importante para o país que ligações de alta velocidade. Os alemães e os franceses têm redes de alta velocidade, mas as ligações regionais deles fazem-se em linhas de velocidade elevada (V. max 220Km/h). A linha do Norte, coluna vertebral do sistema ferroviário português, tem grandes extensões onde não se podem ultrapassar os 50Km/h :)[/i]
Ai que eco que há aqui!
Que eco é?
É o eco que há cá.
Há cá eco, é?!
Há cá eco, há.
 

*

Guilherme

  • Perito
  • **
  • 380
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #5 em: Abril 16, 2004, 08:40:31 pm »
Citação de: "emarques"
Não esquecer que todo o território português é só duas vezes o estado do Rio de Janeiro, e Braga e Porto são bastante próximas. :)


Portugal é do tamanho do meu estado, Santa Catarina, que tem 91850 km2. Um dos melhores estados do Brasil, diga-se de passagem.  8)
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7505
  • Recebeu: 384 vez(es)
  • Enviou: 119 vez(es)
  • +135/-194
(sem assunto)
« Responder #6 em: Abril 16, 2004, 09:21:44 pm »
Gostei do seu avatar, Guilherme. Quer-nos esclarecer o seu significado e a sua simbologia?
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

Guilherme

  • Perito
  • **
  • 380
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #7 em: Abril 16, 2004, 10:46:18 pm »
É o brasão da Base Aérea de Santa Cruz, que fica na cidade do Rio de Janeiro. Não sei o significado dos ramos e do elmo. A Cruz da Ordem de Cristo talvez seja por este motivo:

"A sede da BASC é de grande importância histórica. É situada em terras da antiga Fazenda de Santa Cruz, aonde viveram grande parte de suas vidas o Rei de Portugal, D. João VI, e o Imperador do Brasil, D. Pedro I."

http://www.rudnei.cunha.nom.br/FAB/br/basc.html

Brasões das Bases Aéreas:

http://www.rudnei.cunha.nom.br/FAB/br/escudba.html

Brasões das Unidades Aéreas:

http://www.rudnei.cunha.nom.br/FAB/br/escudun.html