Efemérides

  • 468 Respostas
  • 72312 Visualizações
*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
22 de Abril
« Responder #15 em: Abril 27, 2004, 03:33:38 pm »
Neste dia 22 de Abril

- Há 7 anos (1997), o presidente peruano Alberto Fujimori dava ordens às forças especiais para tomarem de assalto a residência do embaixador japonês em Lima e libertarem as 72 pessoas feitas reféns por terroristas do Tupac Amaru. O impasse já durava há 126 dias. Morreram os 14 terroristas (há quem diga que terão sido sumariamente executados), 1 refém (alegadamente de ataque cardíaco) e 2 comandos peruanos.

- Há 33 anos (1971), morria Francois “Papa Doc” Duvalier, o presidente do Haiti. Esta personagem fomentou os cultos pagãos de voodoo (controlava as pessoas pelo medo da magia negra) na ilha, escorraçou a Igreja Católica e criou uma milícia - os Tontons Macoutes - para protecção pessoal e perseguição aos contestatários do regime. Dizia-se dotado de poderes místicos extraordinários e lançou uma maldição sobre o presidente JFK dos EUA, pelo que quando este foi assassinado em 1963 a sua popularidade entre a a população haitiana aumentou.

- Há 59 anos (1945), era libertado, por tropas soviéticas e polacas, o campo de concentração de Sachsenhausen, na Alemanha. Cerca de 200.000 pessoas (comunistas, intelectuais, pessoas vindas dos países ocupados, indivíduos de “raças inferiores”, etc) estiveram presas neste campo (entre 1936 e 1945) e milhares acabariam por morrer em virtude dos maus tratos, trabalhos forçados, brutalidade, doença e fome. Entretanto, em Berlim, no seu bunker por baixo da Chancelaria do Reich, Hitler era informado de que o perímetro defensivo exterior da cidade fora irremediavelmente comprometido e que a capital a breve trecho seria tomada pelo exército vermelho. Segundo os oficiais superiores presentes na ocasião (Keitel, Krebs, etc), pela 1ª vez, Hitler reconheceu a inevitabilidade da derrota nazi e anunciou que se suicidaria para evitar a captura.

- Há 74 anos (1930), era assinado entre a Grã-Bretanha, EUA e Japão, o Tratado de Londres (tratado para a limitação e redução do armamento naval), que veio aprofundar as determinações do Tratado de Washington de 1922. Limitou-se a tonelagem dos cruzadores, destroyers e submarinos e estabeleceu-se uma moratória para a construção de “navios capitais”. Em 1936, foi assinado um segundo Tratado de Londres, mas já sem o Império Japonês, que se havia afastado das ideias de limitação do armamento naval e estava mais virado para a expansão colonial.

- Há 80 anos (1924),  a cidade de São Petersburgo (anterior cidade dos Czares) passou a ser identificada por Leninegrado, obviamente, em homenagem ao revolucionário Lénine, falecido em Janeiro desse ano, vítima de um AVC.

- Há 89 anos (1915), era usado pela primeira vez em grande escala armamento químico. Foi na 1ª GM, durante a 2ª batalha de Ypres (Bélgica), que os alemães lançaram (mesmo sendo proibido pela convenção de Haia) gás de cloro sobre as linhas francesas. O pânico gerou-se entre os soldados aliados que fugiram desordenadamente, incapazes de ver e respirar no meio da névoa amarelo-esverdeada que o vento trazia para as suas trincheiras. Em Setembro seria a vez dos ingleses de usarem gás contra os alemães. Nos anos seguintes, o uso de armas químicas seria aprimorado com o emprego da artilharia na disseminação do gás e com a utilização de gás mostarda (muito mais mortífero). Evidentemente, os beligerantes rapidamente conceberam eficazes protecções contra o gás, pelo que esta arma perdeu logo a sua importância estratégica.

- Há 100 anos (1904), nascia em Nova Iorque J. Robert Oppenheimer, cientista americano responsável pelo desenvolvimento da bomba atómica. Em Junho de 1942, Oppenheimer foi nomeado pelo presidente Roosevelt director científico do “Projecto Manhattan”, apesar das suas conhecidas simpatias pela causa comunista. Nessa condição, estabeleceu o centro de investigação de Los Álamos, no Novo México, e aí reuniu os maiores peritos na matéria (Enrico Fermi, Hans Bethe, Richard Feynman, Edward Teller, Robert R. Wilson, Victor Weiskopf). A 16 de Julho de 1945, foi detonada no deserto a 1ª bomba atómica dos EUA.  

- Há 134 anos (1870), nascia, em Simbirsk-Ulyanovsk, na Rússia, Vladimir Ilich Ulyanov, o futuro líder revolucionário russo (conhecido como Lénine).

- Há 475 anos (1529), era firmado entre os reinos de Portugal e Espanha o tratado de Saragoça, para definir a situação das Molucas (hoje pertencentes ao arquipélago da Indónesia), no seguimento ainda do tratado de Tordesilhas, assinado em 7 de Junho de 1494. É que após a viagem de circum-navegação de Fernão de Magalhães (Setembro de 1519 - Setembro 1522) teve de se acertar linha divisória no Oriente. Portugal ficou com as ilhas e a Espanha com uma compensação monetária.

- Há 504 anos (1500), era oficialmente anunciada em Portugal a descoberta do Brasil pelo navegador Pedro Álvares Cabral.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
23 de Abril
« Responder #16 em: Abril 27, 2004, 03:36:16 pm »
Neste dia 23 de Abril:

- Há 5 anos (1999), celebrava-se em Washington o 50º aniversário da OTAN, com a presença dos chefes de estado e de governo dos 19 (na altura) estados-membros. Os assuntos que dominaram a cimeira foram, por exemplo, a questão do Kosovo, a luta contra a proliferação de ADM, o alargamento da organização e a revisão do conceito estratégico para o séc. XXI.

- Há 6 anos (1998), morria no hospital de uma penitenciária do Tennessee, James Earl Ray, 70 anos, o homem condenado, em 10 de Março de 1969, a prisão perpétua pelo assassínio do Dr. Martin Luther King, líder do movimento pelos direitos civis dos negros, em 4 de Abril de 1968. No início do processo, Ray confessou o crime, segundo ele, para evitar a pena capital, mas posteriormente revogou a confissão, declarou-se inocente e apontou o dedo a uma conspiração do Governo dos EUA, tendo inclusivamente recolhido o apoio da família King.

- Há 20 anos (1984), em Washington, era anunciada a descoberta do vírus causador da SIDA, doença que vinha causar o pânico entre os homossexuais, consumidores de drogas e hemofílicos desde 1981. Na altura também foi anunciada a realização de testes sanguíneos para detecção da doença no prazo de 6 meses e a produção de uma vacina curativa no prazo de 2 anos.

- Há 29 anos (1975),  o presidente Gerald Ford anunciava que o fim do envolvimento norte-americano na guerra do Vietname. Esta notícia foi devastadora para o Vietname do Sul, cujo exército procurava ainda resistir à ofensiva norte-vietnamita iniciada em Março. Sem o apoio prometido por Nixon e Ford, as forças do sul foram recuando progressivamente e, a 27 de Abril, a capital Saigão estava cercada.

- Há 59 anos (1945), reuniam-se na Casa Branca, em Washington, o recém-empossado presidente Harry Truman e o ministro soviético dos negócios estrangeiros, Vyacheslav Molotov. Surpreendentemente para este último, mais habituado ao cordial e tolerante Roosevelt, o novo presidente norte-americano revelou-se bem mais autoritário e determinado em enfrentar as jogadas da política externa de Estaline e em exigir a Molotov o cumprimento, por parte de Moscovo, das resoluções das conferências inter-aliadas. Estava dado o mote para o relacionameto pós-guerra entre as duas potências, e para o lançamento da Doutrina Truman (firmemente anti-comunista).

- Há 71 anos (1933), era criada na Alemanha nazi a "Geheime Staatspolizei” (“polícia secreta do estado”), vulgarmente conhecida por Gestapo. O papel desta polícia idealizada por Hitler e Goëring era investigar e reprimir os “inimigos do estado nazi”, os espiões, os sabotadores, os “traidores” e os dissidentes políticos. Em 1934, a Gestapo passou para a estrutura das SS. Durante a 2ª GM, a Gestapo cresceu em recursos e pessoal e participou activamente na perseguição aos judeus e aos comunistas.

- Há 123 anos (1881),  nascia em Celorico da Beira o pioneiro da aviação portuguesa, Artur de Sacadura Freire Cabral, co-responsável (juntamente com Gago Coutinho) pela primeira travessia aérea do Atlântico Sul, em 1922, a bordo de um Fairey IIID. O avião Fokker T3 em que seguia desapareceria em Novembro de 1924 durante uma viagem entre a Holanda e Portugal.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
24 de Abril
« Responder #17 em: Abril 27, 2004, 03:47:20 pm »
Neste dia 24 de Abril:

- Há 11 anos (1993), o IRA fazia detonar um carro-bomba na City de Londres, o centro financeiro da capital inglesa, matando uma pessoa e ferindo perto de 50. O engenho explosivo, de origem caseira, consistia numa grande quantidade de nitrato de amónia (fertilizante comum) potenciado por um explosivo de tipo militar. A explosão massiva só não fez mais vítimas porque o IRA enviou uma mensagem a avisar as autoridades.

- Há 24 anos (1980), fracassava a tentativa dos EUA de resgatar os 52 reféns norte-americanos da sua embaixada em Teerão, no Irão, tomada por estudantes iranianos em 4 de Novembro de 1979. Quase 6 meses depois, e vendo-se incapaz de resolver a crise dos reféns pela via político-diplomática, o presidente Jimmy Carter deu luz verde a uma operação militar de salvamento (Operação “Eagle Claw”). Contudo, a missão acabou mesmo antes de começar, isto é, alguns aparelhos envolvidos tiveram problemas mecânicos ou não conseguiram lidar com o clima do deserto. Dada a ordem de cancelamento da operação, a tragédia aconteceu: um helicóptero RH-53 Sea Stallion colidiu com um Hércules C-130, matando 8 militares norte-americanos e ferindo outros 5. Os reféns só seriam libertados a 20 de Janeiro de 1981, precisamente o dia em que Reagan tomava posse como presidente dos EUA - Carter negociou a libertação dos reféns, mas foi Reagan quem a anunciou publicamente.

 - Há 29 anos (1975), o grupo terrorista de extrema esquerda alemão Baader-Meinhof (também conhecido por “Facção do Exército Vermelho”), fazia detonar uma carga de dinamite na embaixada alemã em Estocolmo, após 12 horas de impasse nas negociações que se seguiram à tomada do edifício por um comando de 5 elementos. Dois reféns morreram e os 5 terroristas foram presos (entre eles Andreas Baader e Ulrike Meinhof, fundadores do grupo).

- Há 39 anos (1965) eram encontrados em perto de Villanueva del Fresno, Espanha, os cadáveres do General Humberto Delgado e da sua secretária Arajaryr Campos, assassinados pela PIDE. O "General Sem Medo", que decidiu concorrer às eleições para a presidência da república de 1958, onde perdeu para o candidato do regime, Craveiro Lopes, foi frontalmente contra o regime de Salazar, esteve refugiado no estrangeiro, onde chefiou a  Junta Revolucionária Portuguesa e esteve, directa ou indirectamente, envolvido em acções como o assalto ao paquete "Santa Maria" e ao ao quartel de Beja.

- Há 63 anos (1941), os Aliados põe em marcha, na Grécia, a Operação “Demon”, a evacuação de todas as tropas britânicas, australianas, neo-zelandesas e polacas do país. Por esta altura, o exército grego já havia capitulado perante os alemães e italianos.

- Há 88 anos (1916), em Dublin, a Irmandade Republicana Irlandesa, uma organização nacionalista secreta, inicia um levantamento armado contra o domínio britânico, que ficou conhecido como a “Revolta da Páscoa”. Os revoltosos tomaram de assalto a sede do Governo Provincial e as instalações centrais dos correios, e, de seguida, declararam a independência da Irlanda. Contudo, a reacção britânica foi rápida e impiedosa: a 29 de Abril a revolta fora esmagada eos líderes foram todos executados. Em 1922, a Irlanda ganharia mesmo a independência (com excepção do Ulster, ao norte da ilha).

- Há 148 anos (1856), nascia Henri Philippe Pétain, militar, herói francês da 1ª GM (organizador da defesa em Verdun em 1916, Comandante-Chefe do exército francês em 1917, promovido a Marechal em 1918). Com 83 anos, aceitou chefiar o governo de Vichy durante a ocupação alemã da França. Perto do fim da 2ª GM, foi preso e acusado de traição. Viria ser condenado a prisão perpétua, morrendo na prisão em 1951.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
25 de Abril
« Responder #18 em: Abril 27, 2004, 03:49:40 pm »
Há 30 anos:

A 25 de Abril de 1974, o Movimento das Forças Armadas, coroando a longa resistência do povo português e interpretando os seus sentimentos profundos, derrubou o regime fascista.

Libertar Portugal da ditadura, da opressão e do colonialismo representou uma transformação revolucionária e o início de uma viragem histórica da sociedade portuguesa.

A Revolução restituiu aos Portugueses os direitos e liberdades fundamentais. No exercício destes direitos e liberdades, os legítimos representantes do povo reúnem-se para elaborar uma Constituição que corresponde às aspirações do país.

A Assembleia Constituinte afirma a decisão do povo português de defender a independência nacional, de garantir os direitos fundamentais dos cidadãos, de estabelecer os princípios basilares da democracia, de assegurar o primado do Estado de Direito democrático e de abrir caminho para uma sociedade socialista, no respeito da vontade do povo português, tendo em vista a construção de um país mais livre, mais justo e mais fraterno.

(Preâmbulo da Constituição da República Portuguesa de 1976)

Parece-me que isto resume o essencial da revolução de Abril 74.   :Obrigado:
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Spectral

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #19 em: Abril 27, 2004, 06:33:46 pm »
A 25 de Abril de 1945 também houve o encontro das forças americanas e russas no rio Elba.

Os oficiais russos que aparecem nas famosas fotografias a apertar as mãos aos seus camaradas americanos foram depois perseguidos e enviados para a Sibéria.
I hope that you accept Nature as It is - absurd.

R.P. Feynman
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #20 em: Abril 27, 2004, 07:44:15 pm »
É verdade, Spectral, esse encontro, já esperado há vários dias, deu-se em Torgau, entre elementos da 58ª Divisão da Guarda (afecta à 1ª Frente Ucraniana do marechal Konev) e da 69ª Divisão de Infantaria (pertencente ao 1º Exército dos EUA). Os cumprimentos e as celebrações entre americanos e soviéticos percorreram toda a cadeia de comando das respectivas formações militares, contudo, foram bem mais efusivos entre os praças, os NCO e as patentes mais baixas. Anthony Beevor, no seu livro "A queda de Berlim - 1945" conta que os americanos enviaram jornalistas para documentar o encontro, e, a certa altura, dois deles decidiram aventurar-se até Berlim, na altura completamente sitiada pelos soviéticos, contra todas as instruções. Os dois "artistas" lograram chegar aos arredores da cidade, passando pelos postos de controlo soviéticos e sendo recebidos inclusivamente por oficiais russos que lhe ofereceram banquetes e vodka.  :Amigos:

Quando a sua façanha foi conhecida, as autoridades soviéticas prenderam todos os que haviam confraternizado com os jornalistas, por receio de contaminação político-ideológica.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
26 de Abril
« Responder #21 em: Abril 27, 2004, 07:47:23 pm »
No dia 26 de Abril:

- Há 10 anos (1994), tinham lugar as primeiras eleições parlamentares multiraciais e livres na África do Sul. O ANC de Nélson Mandela seria o partido vencedor.

- Há 18 anos (1986), acontecia o desastre na central nuclear soviética de Chernobyl, localizada 105 km a norte de Kiev. A explosão do reactor nº 4, desencadeada por erro humano associado ao mau estado das instalações, provocou, no imediato, cerca de 30 mortos e a libertação para a atmosfera de 50 toneladas de material radioactivo. A URSS tentou encobrir o acidente e só admitiu o mesmo alguns dias tarde, após as autoridades suecas terem anunciado que os seus medidores de radiação, localizados a mais de 1200 km de Chernobyl, haviam assinalado níveis de radioactividade 40% superiores ao normal. A radioactividade libertada no acidente atingiu a europa do norte e de leste, esteve na origem da morte de milhares de pessoas (cancros, etc), e provocou doenças e mal-formações a milhões de outras. A central nuclear de Chernobyl encerrou no ano de 2000.

- Há 40 anos (1964), as nações africanas de Tanganica e Zanzibar uniam-se, formando um novo estado na África Oriental: a Tanzânia.

- Há 67 anos (1937), a Luftwaffe (a moderna e poderosa força aérea de Hitler) experimentava, no decurso da guerra civil espanhola, o seu poder destrutivo na cidade basca de Guernica, norte de Espanha, matando milhares de civis inocentes, destruindo grande parte da vila, e, pior que tudo, inaugurando uma nova era da aviação militar: o bombardeamento indiscriminado de alvos civis, de cidades e vilas, sem qualquer valor militar de monta. Daí a oito anos, seriam as cidades alemãs a arder em infernos de chamas e os civis alemães a sofrer com os bombardeamentos massivos aliados.

- Há 139 anos (1865), o general confederado Joseph Johnston rendia-se ao general unionista William Sherman (o que haveria de dar o nome ao tanque) no estado da Carolina do Norte. Após a rendição do general Lee a 9 de Abril, o exército de Johnston constituía a última hipótese dos confederados de prosseguir a luta. Neste mesmo dia, John Wilkes Booth, o assassino do presidente Lincoln, era morto por tropas federais, após 12 dias de perseguição.

- Há 397 anos (1607), os britânicos estabeleciam a sua primeira colónia no hemisfério ocidental, em Cape Henry, na Virginia.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
27 de Abril
« Responder #22 em: Abril 27, 2004, 07:49:58 pm »
Neste dia 27 de Abril:

- Há 26 anos (1978), o presidente afegão Sardar Mohammed Daoud (no poder desde 1973), era deposto e assassinado no decurso de um golpe liderado por rebeldes pró-comunistas. No caos que se seguiu, Nur Mohammed Taraki, líder do partido comunista afegão, assumiu a presidência do conturbado país e aproximou-se da União Soviética. Em Setembro de 1979, Taraki seria derrubado e assassinado, e, três meses mais tarde, a URSS invadia o Afeganistão e punha no poder um regime da sua conveniência.

- Há 43 anos (1961), a Serra Leoa ascendia à independência após 150 anos de domínio colonial britânico.

- Há 63 anos (1941), as tropas alemãs entravam na capital grega, Atenas, após toda a resistência das forças armadas gregas ter cessado. Até meados de Maio, todo o território grego (continente e ilhas), excepto a ilha de Creta, estaria sob ocupação alemã.

- Há 64 anos (1940), Heinrich Himmler emitia uma ordem com vista à construção de um campo de concentração em Auschwitz, no sul da Polónia ocupada.

- Há 139 anos (1865), o vapor Sultana explodia e afundava-se no rio Mississippi, perto de Memphis (estado do Tennessee), matando 1700 das 2100 pessoas a bordo. Os mortos, na sua larga maioria, eram soldados unionistas, ex-prisioneiros de guerra, recentemente libertados dos campos de dentenção confederados. Foi a pior tragédia marítima dos EUA.

- Há 231 anos (1773), o parlamento inglês aprovava o “Tea Act”, decreto que beneficiava a instauração de um monopólio na venda de chá nas colónias da América do Norte a favor da Companhia Britânica das Indias Orientais. Esta atitude dos ingleses foi vista pelos colonos como uma medida de tirania tributária. Meses depois, em Dezembro, alguns colonos, vestidos de índios, assaltaram, no porto de Boston, três navios ingleses carregados de chá e atiraram a carga ao mar, num acto de protesto. A partir deste incidente, as relações entre as tropas inglesas e os colonos desejosos de independência azedaram ainda mais e a repressão inglesa aumentou.

- Há 483 anos (1521), morria o navegador português Fernão de Magalhães, fatalmente ferido durante um conflito com nativos, na ilha de Mactan, nas Filipinas. Assim, o célebre explorador não pôde concluir a sua viagem de circum-navegação, iniciada em Setembro de 1519, ao serviço de Espanha. A viagem seria concluída por um único navio, o Victoria (três haviam começado a expedição), em Setembro de 1522.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #23 em: Abril 28, 2004, 11:59:31 pm »
Neste dia 28 de Abril:

- Há 3 anos (2001), Dennis Tito, um magnata californiano de 60 anos, tornava-se no 1º turista espacial ao embarcar numa missão russa Soyuz com destino à estação espacial internacional. Os 8 dias de passeio celeste custaram a Tito cerca de 20 milhões de dólares. Diga-se que a NASA não ficou muito agradada com esta iniciativa da agência espacial russa.

- Há 34 anos (1970), o presidente dos EUA, Richard Nixon, autorizava formalmente as forças norte-americanas a participar, conjuntamente com o exército sul-vietnamita, em operações contra bases dos vietcongs situadas no vizinho Cambodja.

- Há 39 anos (1965), tropas norte-americanas desembarcavam na República Dominicana por ordem do presidente Lyndon B. Johnson. Cerca de 22.000 soldados dos EUA e de países da OEA puseram fim a um período de 2 anos de instabilidade e indefinição governativa no país, e colocaram no poder um regime não-comunista e não-militar. De facto, Johnson, receava que a República Dominicana se tornasse noutra Cuba.

- Há 52 anos (1952), entrava em vigor o Tratado de São Francisco, pelo qual o Japão recuperava a sua independência e soberania após quase 7 anos de administração norte-americana do pós-guerra (desarmamento, democratização e liberalização foram a herança de Douglas MacArthur ao povo japonês).

- Há 59 anos (1945), Benito Mussolini era capturado e executado por partisans italianos, enquanto tentava escapar do avanço aliado em Itália, fugindo para a Suiça. O seu cadáver foi levado para Milão e publicamente exposto.

- Há 215 anos (1789), no seguimento de um motim a bordo do HMS Bounty (de 215 toneladas, com 44 tripulantes), o Capitão William Bligh e outros 18 marinheiros leais a ele são deixados à deriva em pleno Oceano Pacífico a bordo de um pequeno barco. Bligh e seus companheiros conseguiram chegar a Timor 2 meses mais tarde, e de lá eventualmente regressaram à Inglaterra. Os amotinados tentaram estabelecer colónias em ilhas desertas da Polinésia; alguns viriam a ser capturados pelas autoridades inglesas, outros conseguiram fundar comunidades em ilhas remotas.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
29 de Abril
« Responder #24 em: Abril 29, 2004, 08:00:49 pm »
Neste dia 29 de Abril:

- Estive 10 horas ao alto no Dragão para arranjar bilhetes pró jogo no Riazor contra o Deportivo. Porto!!!!! :Bajular:

- Há 12 anos (1992), rebentavam violentos tumultos populares em Los Angeles, na Califórnia, no seguimento da abolvição de quatro agentes do LAPD acusados brutalidade policial dirigida contra um homem afro-americano, Rodney King. Recorde-se que a agressão a King foi registada em filme por um video-amador, pelo que o caso teve enorme repercussão na opinião pública, especialmente na comunidade afro-americana. Horas depois do veredicto do júri (com 10 brancos e nenhum negro), “all hell broke loose” na cidade californiana: cortes de estrada, agressões a condutores, homicídios, roubos, pilhagens, destruição de propriedades, fogo posto, ajuste de contas entre gangs e traficantes de droga, etc. Durante os três dias de caos, foram mortas 55 pessoas, 2.000 ficaram feridas, cerca de 12.000 foram presas, e 4.000 edifícios foram incendiados. Só após a intervenção da National Guard foi possível às autoridades conter e refrear a violência.

- Há 58 anos (1946), o ex-PM do Japão, Hideki Tojo (a mais alta autoridade em assuntos militares nipónicos entre 1941 e 1944), e outros 28 ex-membros do regime imperial japonês,  eram formalmente acusados de crimes de guerra. Tojo viria a ser considerado culpado de inúmeros crimes (agressão militar, tratamento desumano de prisioneiros de guerra, assassinato e brutalização de civic, etc) e enforcado em 1948.

- Há 59 anos (1945), tropas norte-americanas da 45ª Divisão de Infantaria (7º Exército dos EUA) libertavam o campo de concentração de Dachau, situado nos arredores de Munique, após uma breve batalha com os últimos guardas SS remanescentes. Várias dezenas de milhares de prisioneiros encontravam-se ainda no campo principal e nos campos subsidiários, apesar de as SS terem transferido muitos milhares deles para zonas ainda controladas pelas forças nazis. Cerca de 9.000 cadáveres forma encontrados dentro de vagões ferroviários, e os americanos obrigaram os habitantes da vila de Dachau a proceder ao seu enterro. Dachau foi o 1º campo de concentração do regime de Hitler; por ele passaram cerca de 160.000 pessoas e nele morreram perto de 35.000 prisioneiros, vítimas de maus tratos, execuções, doença, fome e experiências médicas. Milhares de outros saíram de Dachau só para irem para a Polónia e serem mortos em campos de extermínio.

- Há 59 anos (1945), começava a última batalha da 2ª GM entre um combóio de navios aliados. O combóio RA-66, saído da península de Kola, na Rússia, com destino a Loch Ewe, na Escócia, com 24 navios mercantes e 25 navios de escolta, teve de enfrentar um grupo de 14 submarinos alemães. Durante a batalha seria afundada uma fragata britânica e dois U-boats alemães. Segundo se diz, um dos submarinos atacantes, o U-427, sobreviveu a 678 cargas de profundidade contra si lançadas, o que constitui um recorde.

- Há 575 anos (1529), Joana D’ Arc, com uma pequena força francesa, conseguiu iludir as tropas inglesas que cercavam a cidade de Orleães e entrou na cidade, levando aos sitiados as preciosas provisões por que estes tanto ansiavam. Dias mais tarde, de novo sob inspiração e liderança da jovem Joana, os franceses atacaram os ingleses e puseram fim ao cerco.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #25 em: Abril 30, 2004, 11:37:33 pm »
Neste dia 30 de Abril:

- Há 29 anos (1975), terminava oficialmente a guerra do Vietname, com a declaração de rendição incondicional emitida pelas autoridades governamentais do Vietname do Sul. Através de um anúncio radiofónico, o presidente Duong Van Minh comunicou à nação a rendição e pediu aos combatentes a cessação de todas as hostilidades. Ao mesmo tempo, as forças Vietcongs entravam em Saigão não encontrando praticamente oposição, e poucos minutos depois do anúncio, os blindados das forças comunistas derrubavam os portões do palácio governamental. Os EUA já se tinham posto a andar...

- Há 56 anos (1948), os EUA e outros vinte Estados Latino-Americanos assinavam, em Bogotá, na Colômbia, o tratado constitutivo da Organização dos Estados Americanos. Enquanto os EUA queriam que a organização fosse um alicerce na luta contra a expansão do comunismo nas Américas, os demais estados viam no acordo um entrave a futuras intervenções unilaterais e ingerências da superpotência nos países daquele hemisfério...

- Há 59 anos (1945), suicidava-se Adolf Hitler, juntamente com a sua esposa Eva Braun (tinham-se casado horas antes), no seu bunker por baixo da Chancelaria do Reich, em Berlim. Á superfície, as tropas do exército vermelho progrediam e alcançavam os edifícios-símbolo do III Reich. Cumprindo ordens de Hitler, os funcionários do bunker e os guardas das SS queimaram os cadáveres nos jardins da Chancelaria. No seu testamento político, Hitler nomeou o Almirante Karl Dönitz como seu sucessor na liderança da Alemanha.

- Há 62 anos (1942), unidades navais japonesas (que incluíam 3 porta-aviões) saíam das suas bases em Rabaul (Nova Bretanha) e Truk (ilhas Carolinas) pondo em marcha a “Operação Mo”, a invasão de Port Moresby (Nova Guiné) e da ilha de Tulagi (ilhas Salomão). Estavam lançados os dados para a 1ª batalha exclusivamente travada por grupos de porta-aviões, a batalha do Mar de Coral.

- Há 201 anos (1803), representantes dos EUA e da França chegavam a acordo quanto à venda do território francês da Louisiana (com mais de 2.000.000 km2) àquela nação recém-formada. As dificuldades financeiras da França de Napoleão Bonaparte (envolvida em muitos conflitos, em vários pontos do globo) terão pesado decisivamente na decisão de vender o território. O preço pago pelos EUA foi considerado uma autêntica pechincha tendo em conta a importância estratégica do mesmo. Nove anos depois, a 30 de Abril de 1812, a Louisiana tornava-se formalmente o 18º estado dos EUA.

- Há 468 anos (1536), a Inquisição estabelecia-se em Portugal durante o reinado de D. João III, tendo o Papa Paulo III emitido uma bula autorizando a instalação de um Tribunal do Santo Ofício em Lisboa. A Inquisição portuguesa só seria extinta em Março de 1821.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
1 de Maio
« Responder #26 em: Maio 03, 2004, 10:19:22 pm »
Neste dia 1 de Maio:

- Há 44 anos (1960), um avião U-2 norte-americano era abatido enquanto sobrevoava a URSS em missão de espionagem. As autoridades em Washington apressaram-se a dizer que se tratava de um avião de análise climatérica que se havia desviado da rota, contudo, o líder soviético, Nikita Khrushchov, apresentou provas evidentes de que se tratava de um avião-espião, e o presidente Eisenhower foi obrigado a reconhecer a verdade. Este episódio azedou as relações entre as duas potências. O piloto do U-2, Francis Gary Powers, foi libertado 2 anos mais tarde por troca com um espião soviético.

- Há 43 anos (1961), Fidel Castro (que em Janeiro de 1959 havia derrubado o regime do ditador  Fulgêncio Baptista) proclamava a República Socialista de Cuba e afirmava que não há governo mais legítimo do que o governo revolucionário, e que na revolução não há tempo para eleições. Na mesma altura, Castro anunciava a expulsão de Cuba de todos os membros da Igreja Católica.

- Há 106 anos (1898), dava-se a batalha naval da baía de Manila (inserida na Guerra Hispano-americana), nas Filipinas, travada entre a frota espanhola do Pacífico e a esquadra asiática dos EUA.  Os vasos de guerra norte-americanos, comandados pelo Comodoro George Dewey, em poucas horas afundaram ou capturaram todos os navios espanhóis (a maioria deles obsoletos), liderados pelo Almirante Patricio Montojo y Pasarón, que saiu ferido da batalha. Aproximadamente 400 marinheiros espanhóis morreram na contenda; a frota americana não sofreu danos significativos e as baixas foram mínimas. Com esta vitória esmagadora no mar, estava aberto o caminho para a conquista das Filipinas pelos EUA.

- Há 141 anos (1865), começava a batalha de Chancellorsville (Guerra Civil Americana), travada na Virgínia entre o exército do Potomac do General Joseph Hooker e o exército da Virgínia do Norte do General Robert E. Lee. Apesar de as forças unionistas terem a vantagem dos números (115.000 contra 60.000 confederados), a sagacidade e o génio militar de Lee permitiu derrotar os nortistas e pô-los em fuga para Washington.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #27 em: Maio 04, 2004, 12:06:05 am »
2 de Maio:

- Há 59 anos (1945), ao meio-dia, entrava em vigor a rendição incondicional de todas as tropas alemãs em Itália; também neste dia, a capital alemã, Berlim, rendia-se ao Marechal Zhukov, o que não significou uma imediata interrupção dos combates entre o exército vermelho e bolsas de resistência alemã.

- Há 62 anos (1942), os norte-americanos (e os seus aliados australianos) preparavam-se para defrontar a esquadra japonesa (onde pontificavam os porta-aviões Shokaku e Zuikaku, veteranos do ataque a Pearl Harbor) que se dirigia para Port Arthur e Tulagi. Tendo decifrado os códigos e interceptado as comunicações japonesas, os líderes navais aliados conheciamm os planos nipónicos e colocaram no Mar de Coral as suas principais armas (os dois porta-aviões americanos Lexington e Yorktown). Simultaneamente, a guarnição australiana em Tulagi era evacuada.

3 de Maio:

- Há 59 anos (1945), aviões da RAF atacavam e afundavam três navios alemães, o Cap Arcona, o Thielbek e o Athen, na baía de Lubeck (norte da Alemanha). Facto desconhecido dos pilotos britânicos era que os três navios estavam apinhados de prisioneiros evacuados de campos de concentração alemães. Entre 7.000 e 8.000 pessoas terão morrido (4.500 eram do Cap Arcona), e muitos dos sobreviventes que conseguiram atingir as margens foram abatidos a tiro pelos guardas das SS. A 30 de Janeiro, um outro navio de passageiros alemão, o Wilhelm Gustloff, com mais de 6.000 refugiados e soldados feridos a bordo, fora torpedeado e afundado pelo submarino russo S-13, tendo morrido cerca de 5.500 pessoas. A 10 de Fevereiro, o mesmo submarino S-13 afundou outro navio alemão, o General Steuben, matando 3.500 das 5.000 pessoas a bordo. A 16 de Abril, um outro submarino russo, o L-3, afundou um outro navio alemão superlotado, o Goya, tendo morrido cerca de 6.500 pessoas, na sua maioria refugiados que fugiam do avanço soviético na Prússia Oriental.

- Há 62 anos (1942), as tropas japonesas começavam a desembarcar na ilha de Tulagi, ao norte de Guadalcanal, no arquipélago das Ilhas Salomão. O objectivo dos japoneses era ali estabelecer uma base para que aviões de reconhecimento pudessem espiar mais profundamente as àguas a norte e leste da Austrália, dominadas pelos aliados.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

*

dremanu

  • Investigador
  • *****
  • 1261
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +3/-6
(sem assunto)
« Responder #28 em: Maio 04, 2004, 01:35:40 am »
Num dia como hoje, 3 de Maio de 1404, faleceu o Doutor João das Regras, o eminente jurista que nas Cortes de Coimbra de 1385, pela eloquência do seu discurso e pela força dos seus argumentos, persuadiu os representantes do Reino a elegerem como Rei de Portugal D. João, Mestre de Avis; uma solução sucessória que garantiu a Independência Nacional posta em perigo pela ambição de D. João I de Castela em ocupar o Trono português.


"Esta é a ditosa pátria minha amada."
 

*

Normando

  • Perito
  • **
  • 339
  • +0/-0
4 de Maio
« Responder #29 em: Maio 04, 2004, 04:52:46 pm »
Neste dia 4 de Maio:

- Há 24 anos (1980), falecia, em Belgrado, Josip Broz Tito, o presidente da Jugoslávia desde 1945. O carismático líder comunista defendeu o Marxismo até ao fim, mas durante os 35 anos de presidência manteve relações tensas com a URSS, não aceitando ser mais uma marioneta de Moscovo, tendo-se mesmo aproximado dos EUA em certos momentos.

- Há 25 anos (1979), Margaret Thatcher, líder do Conservative Party, tomava posse como PM da Grã-Bretanha, sendo a 1ª mulher a ocupar o cargo. Seria re-eleita em 1983 e1987. Em 1990, a “Iron Lady - Dama de Ferro” perderia a liderança do partido conservador para John Major e demitir-se-ia do cargo de PM. Em Junho de 1992, Tatcher assumiu o seu lugar na Câmara dos Lordes.  

- Há 22 anos (1982), o destroyer britânico HMS Sheffield era atingido por um míssil Exocet disparado de um caça-bombardeiro Super-Etendard argentino, ao largo das Malvinas. O destroyer afundar-se-ia, tendo morrido 20 marinheiros ingleses (foi o 1º vaso de guerra britânico a ser afundado desde o fim da 2ª Guerra Mundial). Outros navios britânico seriam visados pelos aviões argentinos. Dois dias antes, a 2 de Maio, o cruzador argentino General Belgrano (o 2º maior navio da frota) havia sido afundado por torpedos Tigerfish disparados pelo submarino nuclear britânico HMS Conqueror, tendo morrido 368 marinheiros argentinos. O ataque ao Belgrano provocou polémica, mesmo na Grã-Bretanha, porque, segundo consta, o cruzador esta fora da zona de exclusão naval imposta pelos britânicos e, além do mais, estavam a decorrer esforços diplomáticos para encontrar uma solução política para a crise.

- Há 59 anos (1945), tropas britânicas libertavam o campo de concentração de Neuengamme (perto de Hamburgo, norte da Alemanha). Milhares de pessoas (especialmente polacos) foram ali instaladas e forçadas a trabalhar para a indústria de armamento nazi. Entre 40.000 e 50.000 prisioneiros e trabalhadores-escravos terão morrido em Neuengamme e nos campos-satélites. Também neste dia, o Almirante Dönitz, o novo líder da Alemanha, ordena a todos os U-boat a cessação das acções ofensivas e o regresso às bases.

- Há 190 anos (1814), Napoleão Bonaparte chegava à ilha de Elba (a 20 km da costa italiana) para iniciar o exílio a que fora condenado pelo Tratado de Fontainebleau. Após o desastre na Rússia em 1812 e a derrota em Leipzig em 1813, Napoleão fora forçado a abdicar pelas nações aliadas (Grã-Bretanha, Rússia, Prússia e Áustria) e a viver o resto dos seus dias naquela ilha mediterrânica. Contudo, a Europa ainda voltaria a ouvir o seu nome...

- Há 544 anos (1460), o navegador português Diogo Gomes descobria o Arquipélago de Cabo Verde.
"If you don't have losses, you're not doing enough" - Rear Admiral Richard K. Turner
 

 

Efemérides de Portugal

Iniciado por dremanu

Respostas: 0
Visualizações: 1502
Última mensagem Abril 11, 2004, 06:37:49 pm
por dremanu