EH-101

  • 636 Respostas
  • 155766 Visualizações
*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7194
  • Recebeu: 553 vez(es)
  • Enviou: 693 vez(es)
  • +54/-20
(sem assunto)
« Responder #75 em: Fevereiro 24, 2006, 09:35:12 am »
Citação de: "luis filipe silva"
Caro Helder.

Antes de mais, bemvindo ao Fórum.

Na marinha canadiana, os Sea King fazem parte dos navios,e são operados pelo ramo naval.

Os Lynx não são helicópteros de apoio às Vasco da Gama, são parte do seu armamento anti-submarino. Então nesse caso punha-se também um tanque M 60 do exército em lugar da peça de 100.

Os EH 101 não serão helicópteros orgânicos do Navpol. Serão embarcados conforme a missão, e claro nem sempre serão 4, ou os mesmos aparelhos encomendados para nele operarem, devido às manutenções.

Saudações

Luis F. Silva


Obrigado pela correcção, eu tinha a ideia k tinha visto os Sea King no site da Força Aérea Canadiana mas posso tar a confundir-me.
Mas essa to tanque tá boa :lol:
 

*

Leonidas

  • Analista
  • ***
  • 621
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • +1/-2
(sem assunto)
« Responder #76 em: Março 06, 2006, 02:36:52 am »
Saudações guerreiras

Há uma pergunta que ando para fazer há séculos, mas que só agora me lembrei. Não sei se a malta se lembra, mas, das reportagens que passaram na TV acerca do dia oficial da entrada do EH-101 na FAP, houve uma reportagem, creio que a da RTP, onde deu uma pequena amostra e entrevista na cabina do héli. Aí deu para ver que alguns (não sei se todos) ecrãns estavam em funcionamento sem que os motores estivessem a trabalhar.
Será que a energia era fornecida de fonte externa ou era somente fornecida pelos recursos próprios?

Para os EH-101 CSAR estará previsto algum tipo de armamento defensivo como minigun, por ex.? (*)

(*)

Cumprimentos
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14708
  • Recebeu: 893 vez(es)
  • Enviou: 861 vez(es)
  • +118/-111
(sem assunto)
« Responder #77 em: Março 06, 2006, 12:46:21 pm »
Na versão CSAR deve estar previsto algum armamento, em relação aos outros, dúvido muito.
Mas é claro, que é apenas especulação!
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7194
  • Recebeu: 553 vez(es)
  • Enviou: 693 vez(es)
  • +54/-20
(sem assunto)
« Responder #78 em: Março 06, 2006, 10:48:14 pm »
Sim o EH101 CSAR terá armamento forçosamente apesar de não saber qual será.
Os EH101 SAR e SIFICAP não tem lógica em tar armados porque a sua missão principal é pacifica.
Já agora deviam ter contra-medidas, flares, cauda e pás dobraveis pa serem embarcados em navios, e todas as modificações que os CSAR tem.
Informo já todos os presentes que a versão CSAR é a mais cara das 3 existentes.
 

*

Rui Elias

  • Investigador
  • *****
  • 1697
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #79 em: Março 07, 2006, 09:48:11 am »
Mas em princípio, os CSAR não serão os únicos que estarão apontados para poderem embarccar no futuro NavPol?
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7194
  • Recebeu: 553 vez(es)
  • Enviou: 693 vez(es)
  • +54/-20
(sem assunto)
« Responder #80 em: Março 07, 2006, 06:55:28 pm »
Citação de: "Rui Elias"
Mas em princípio, os CSAR não serão os únicos que estarão apontados para poderem embarccar no futuro NavPol?


Sim os 4 EH101 CSAR serão os unicos com essa capacidade.
 

*

Spectral

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #81 em: Março 07, 2006, 11:19:29 pm »
Não é que nada impeça físicamente um EH-101 de aterrar no convés do LPD, apenas a falta de certas características como cauda e rotores dobráveis tornam a sua operação muito mais dificil a partir dele.
I hope that you accept Nature as It is - absurd.

R.P. Feynman
 

*

Nuno Bento

  • Perito
  • **
  • 339
  • Recebeu: 7 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #82 em: Março 10, 2006, 01:19:36 am »
Primeira Evacuação de EH-101 em Porto Santo:

02-03-2006

Foi efectuada a primeira evacuação de EH-101 MERLIN no passado dia 2 de Março de 06, no destacamento da Força Aérea em Porto Santo.

Tendo sido efectuada a substituição dos meios destacados em Porto Santo, inicialmente a troca de Puma por EH-101 a 22 de Fevereiro e posteriormente o fim do destacamento de CASA C-212 a 1 de Março, ficou a cargo do EH-101 todas as missões de SSAR e TEVS na Região da Madeira e Porto Santo.

No dia 2 de Março às 15:30, um dia apenas após a cerimónia de entrega do meio ao destacamento por sua excelência o Ministro da Defesa Luís Amado, foi activado o alerta pelo Centro Médico de Porto Santo. A missão consistia em evacuar um doente com problemas cardíacos para a ilha da Madeira.

A tripulação dirigiu-se imediatamente para a aeronave tendo descolado às 16:00 em direcção ao aeroporto do Funchal, onde deixou o doente aos cuidados do INEM e regressou a Porto Santo.

Estava assim consumada a primeira evacuação efectuada pela frota EH-101 um mês após a entrada em serviço operacional.

A tripulação era constituída por:
- MAJ. Jorge Pina
-CAP. César Anastácio
-SAJU. Luís Neves
-SAJU. Carlos Traguedo
-1SAR. Paulo Heitor
-1CAB. César Silva
 

*

Rui Elias

  • Investigador
  • *****
  • 1697
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #83 em: Março 10, 2006, 03:33:02 pm »
Então, deixámos de ter um Aviocar no Porto Santo?

Se sim, será que foi integrado no acervo da esquadra que está na BA nº1?
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7194
  • Recebeu: 553 vez(es)
  • Enviou: 693 vez(es)
  • +54/-20
(sem assunto)
« Responder #84 em: Março 10, 2006, 07:58:13 pm »
Citação de: "Rui Elias"
Então, deixámos de ter um Aviocar no Porto Santo?

Se sim, será que foi integrado no acervo da esquadra que está na BA nº1?


Esse Aviocar que estava colocado em Porto Santo mais a respectiva tripulação sempre pertenceu à esquadra 502 que eram rendidos periodicamente por outro Aviocar e tripulações da BA1.
Agora esse destacamento da esq.502 acabou ficando apenas com o destacamento de São Tomé e Principe.
Como é lógico o aviocar e tripulação regressaram à base de origem em Sintra.
 

*

fish

  • 7
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #85 em: Março 18, 2006, 09:23:44 am »
Citação de: "Leonidas"
Será que a energia era fornecida de fonte externa ou era somente fornecida pelos recursos próprios?

Nessa entrevista a energia era fornecida por uma unidada externa de energia, claro que ele podia funcionar como vimos com meios proprios usando o APU.
Cumprimentos
Fish
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14708
  • Recebeu: 893 vez(es)
  • Enviou: 861 vez(es)
  • +118/-111
(sem assunto)
« Responder #86 em: Março 18, 2006, 12:19:49 pm »
O armamento do EH-101 na versão CSAR será de duas metrelhadoras FN de 7.62mm (segundo um artigo da revista da FAB).
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

NBSVieiraPT

  • Perito
  • **
  • 348
  • +0/-0
Vídeo dos EH101
« Responder #87 em: Abril 09, 2006, 06:45:39 am »
Peço desculpa se já foi mostrado aqui antes...  :?

Aqui está o vídeo da Cerimónia de Entrega dos EH101
 

*

Marauder

  • Investigador
  • *****
  • 2102
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #88 em: Julho 20, 2006, 10:06:48 pm »
Citar
Portuguese Air Force Receives 12th and Final EH101

AgustaWestland is pleased to announce that the 12th and final EH101 Merlin helicopter for the Portuguese Air Force was delivered to Portugal this week, flying from Vergiate in Italy to Montijo, near Lisbon in Portugal. The aircraft, a Combat SAR variant, will now join the other 11 aircraft which are operated by 751 Squadron at Montijo Air Base and at Porto Santo (Madeira island) detachment. This event marks the conclusion of a successful delivery programme with all the aircraft delivered in 18 months.

In February 2006 the SAR EH101 Merlins became fully operational, replacing Puma helicopters in the SAR role. With the largest SAR area of responsibility of any European country the long range capabilities of the EH101 provides new levels of SAR capability covering a large area of the Atlantic ocean operating from bases on the mainland, Lajes in the Azores and Madeira. The 12 aircraft have now flown over 2,000 hours and have demonstrated there long range capabilities, while self deploying to the Azores. Based on a common airframe and powered by RTM322 engines, all three variants are equipped with a range of equipment including search and rescue hoist, belly mounted 360 degree Galileo Avionica, searchlight and FLIR system, multi-mission direction finding system, fully integrated communications and navigation system and a range of cabin role equipment. The SAR variant can rescue over 30 survivors and is capable of performing rescues at 450 nm (833 km) from its base and returning when fitted with long range fuel tanks. The SIFICAP (Sistema de Fiscalizaçao e Controlo das Actividades da Pesca) or fishery protection variant is equipped with a cabin mission console for the operation of the 360 degree scan radar and other sensors. Other equipment includes an external loudspeaker, a searchlight for night operations and bubble windows. The final four aircraft are configured for Combat SAR operations and feature additional equipment for this demanding role including electronic protective measures, air-to-air refueling system, personnel locator system interrogator and a fully automatic folding system for the main rotor blades and the tail unit.

The Portuguese Government selected the EH101 in 2001 and placed a contract for 12 aircraft comprising six for Search and Rescue, two for Fishery Protection (SIFICAP – Sistema de Fiscalizaçao e Controlo das Actividades da Pesca) and four for Combat SAR. The first EH101 Merlin was delivered in December 2004.The selection of the EH101 for the Portuguese Air Force came at the end of a thorough and extensive evaluation and as a result of flight evaluation of the EH101 against the Sikorsky S-92 and the Eurocopter Cougar Mk2+. The comprehensive range of tests carried out by the Portuguese Evaluation Committee demonstrated the unrivalled capability of the EH101, and its ability to carry out the most demanding of SAR requirements. This achievement underlines the superior ability of the EH101 to satisfy the extremely demanding requirements of Combat SAR missions as well as its already well-proven performance in the maritime, transport/Utility and SAR role. Orders for 146 EH101 have been placed to date by customers around the world including the Portuguese Air Force, the Royal Air Force, Royal Navy, Italian Navy, Canadian Forces, Tokyo Metropolitan Police, Royal Danish Air Force and Japanese Maritime Self Defense Force.



de:
http://www.shephard.co.uk/Rotorhub/Defa ... f3f2d76b2d

Como o tempo voa...já os temos os 12..
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7194
  • Recebeu: 553 vez(es)
  • Enviou: 693 vez(es)
  • +54/-20
(sem assunto)
« Responder #89 em: Julho 20, 2006, 11:07:26 pm »
É certo que o pessoal já viu fotos do EH101 mas o que eu gostava mesmo era de ver fotos das versões SIFICAP e CSAR, mas fotos decentes :wink: .