As novas pistolas e metralhadoras ligeiras

  • 57 Respostas
  • 19441 Visualizações
*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3046
  • Recebeu: 127 vez(es)
  • Enviou: 11 vez(es)
  • +128/-32
(sem assunto)
« Responder #45 em: Janeiro 22, 2005, 01:19:23 am »
Isso da droga faz-me lembrar a Somália, quando os selvagens dos somalis atacaram os Rangers e elementos da Delta..

Estes selvagens comeram um especie de erva.. k tinha os efeitos da droga.. :twisted:
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

Janus

  • 112
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #46 em: Janeiro 25, 2005, 12:18:52 am »
É interessante, Luso, que a (má) experiência que os U.S. tiveram com os Moros levaram ao desenvolvimento do .45 ACP, em 1905.

Quanto à questão que o emarques levantou, estou de pleno acordo--isto é, claro que há munições melhores que outras, mas no fim "shot placement" é o que conta!  Neste sentido é curioso notar que os Marines da reportagem receberam ordens de por ali em diante tentarem fazer "head shots."
 

*

JoseMFernandes

  • Perito
  • **
  • 394
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #47 em: Janeiro 31, 2005, 07:14:49 pm »
A FN de Herstal conclui contrato de fornecimento da pistola Five-seveN para a Policia Federal dos EUA, segundo a imprensa belga de hoje.A arma tem duas versoes (militar e 'civil') sendo que a versao 'militar tem segundo o fabricante a faculdade de com projécteis especiais perfurar os coletes 'bulletproof' de 'kevlar', o que para uma arma de punho nao deve ser nada corrente, pelo menos atendendo ao orgulho demonstrado nesta caracteristica  pelo porta-voz  da fabrica em Liége.
De qualquer modo, a versao "civilizada" destinada ao mercado publico americano tem suscitado polémica nas organizaçoes anti-armamentistas dos EUA, que nao acreditam inteiramente nas declaraçoes da FN, a qual sustenta que' a versao civil nao é mais perigosa que qualquer outra pistola'.
Como nota final,e bem lamentavelmente... tal como aconteceu com o seu 'primo' o P90 de que 'desapareceram' umas centenas de unidades ainda antes da comercializaçao (imagine-se em que maos terao ido ter),
o mesmo se repetiu agora, ainda segundo a imprensa, com o modelo  'militar' do Five-seveN, embora nao se conheçam as quantidades em causa.
A ser verdade... GOE's e outras Forças Especiais por esse mundo fora que se cuidem...


http://users.belgacom.net/jm.armes/FN-FS/F-S_menu.htm
www.fnherstal.com
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7505
  • Recebeu: 384 vez(es)
  • Enviou: 119 vez(es)
  • +135/-194
(sem assunto)
« Responder #48 em: Janeiro 31, 2005, 08:28:08 pm »
Dá que pensar, mas um dado interessante:
A polícia de Hong Kong, ainda durante o mandato inglês teve que reforçar os seu coletes de bala para um nível superior devido à utilização de munição ordinária de 7.62 Tokarev.
Os próprios russos pensam mesmo em rescuscitar esse cartucho para uma futura PDW que estão a considerar...
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

Janus

  • 112
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #49 em: Fevereiro 01, 2005, 01:21:07 pm »
Do site da National Rifle Association (NRA):

Citar
In an obvious setup for an ammunition-banning "killer amendment" to defeat pro-gun legislation, the Brady Campaign to Prevent Gun Violence and New York Senator Chuck Schumer (D) have once again proven that they've never seen a gun they won't try to ban. The target of this week's sparsely attended Washington news conference was FN Herstal's "Five-SeveN," an expensive and still rare polymer-framed handgun. At the same time they attack .50 caliber rifles for their large bullets and long-range capability, the anti-gun groups falsely claim the Five-SeveN--specially designed for short-range use with small, lightweight bullets--poses a threat to police.

The truth is, this pistol and its ammunition were approved for importation by the Bureau of Alcohol, Tobacco, Firearms and Explosives (BATFE), which stated that the ammunition is "not armor piercing" under Federal law. BATFE also noted that in tests by FN--one of Europe's most respected firearm manufacturers--bullets from the Five-SeveN wouldn't penetrate two kinds of soft body armor (you can see BATFE's statement at: www.atf.gov/firearms/firearmstech/fabriquen.htm).

Law enforcement agencies and manufacturers follow 57 pages of detailed instructions when testing armor. Brady "ballisticians" simply shot a vest draped over a bale of hay and handed out a video.

The Brady Campaign's latest media hysteria is clearly aimed at defeating pro-Second Amendment bills such as the "Protection of Lawful Commerce in Arms Act." Last year, Senator Ted Kennedy (D-Mass.) was soundly beaten at that game, when the Senate rebuffed his ploy to saddle the lawsuit bill with an amendment that would have banned most hunting rifle ammunition. The Senate rejected the Kennedy amendment on a 34-63 vote, wisely choosing instead to follow a 1997 BATFE report which found that "existing laws are working" and urged Congress to "avoid any experimentation with police officer lives."
 

*

Spectral

  • Investigador
  • *****
  • 1439
  • +2/-0
(sem assunto)
« Responder #50 em: Fevereiro 01, 2005, 06:07:49 pm »
Por falar de metrelhadoras ...

Qual é a opinião dos especialistas cá do sítio  :wink:  sobre a HK-21 ? E já agora alguém sabe como são consideradas no Exército ? Acho que li qualquer coisa que tiveram alguns problemas nos  primeiros anos, mas não tenho a certeza.
I hope that you accept Nature as It is - absurd.

R.P. Feynman
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7505
  • Recebeu: 384 vez(es)
  • Enviou: 119 vez(es)
  • +135/-194
(sem assunto)
« Responder #51 em: Fevereiro 01, 2005, 10:26:04 pm »
Já LI comentários muito dispares: as primeiras Hk21 tinham problemas de confiabilidade que terão sido ultrapassadas nas versões seguintes. Em todo caso é uma metralhadora "ligeira" e não tanto "média" como uma MG3. Já li que a precisão é superior devido à distância entre alça e massa de mira ser maior qe nas outras. Mas o que conta é o tiro sustentado em rajada e com a vibração não há alça que sirva, a menos que se utilize um tripé bem apoiado..
De rsto não sei mais nada.
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

emarques

  • Especialista
  • ****
  • 1178
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #52 em: Fevereiro 03, 2005, 12:57:57 pm »
Uma vez li uma coisa sobre a BREN em que os soldados que a usavam em combate se queixavam de a arma ser precisa demais. Quando tinham que fazer supressão tinham que abanar a arma de um lado para o outro para conseguir a mesma dispersão que as outras faziam naturalmente. :) Parece que muita precisão numa metralhadora também não interessa muito.
Ai que eco que há aqui!
Que eco é?
É o eco que há cá.
Há cá eco, é?!
Há cá eco, há.
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7505
  • Recebeu: 384 vez(es)
  • Enviou: 119 vez(es)
  • +135/-194
(sem assunto)
« Responder #53 em: Fevereiro 03, 2005, 01:39:55 pm »
emarques, essa surpreende-me!
Mas se associar ao facto da fábrica espanhola (castelhana?) de cartuchos Santa Bárbara produzir cartuchos 7.62 concebidos para aumentar a dispersão então a coisa pode fazer sentido.
O que me custa a perceber é o grau de precisão de uma metralhadora pode ter quando abana por todos os lados quando sujeita a um apoio simples ou até mesmo em tripé.
Mas o que é certo é que um nunca disparei uma BREN!
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

JoseMFernandes

  • Perito
  • **
  • 394
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #54 em: Fevereiro 09, 2005, 03:20:35 pm »
A FN Herstal acaba de assinar um contrato num valor superior a 10 milhoes de dolares com o Exército dos EUA, referente a venda de 150.000
fuzis FN SCAR, e oficialmente destinados  a unidades especiais (US SOCOM).Curiosamente, estas armas (muito) recentes, que existem em calibres 5.56 e 7.62 estao ainda na fase de quase-prototipos(se bem entendi), o que face a sua escolha definitiva apos concurso internacional de 30 de Novembro ultimo,como observador  me parece algo curioso (sendo certo que nao sou especialista).
A imprensa nota muito especialmente o facto de se tratar de um concurso tipo IDIQ (indefinite delivery/indefinite quantity) ou seja duraçao e quantidades indeterminadas, o que leva responsaveis da fabrica belga a salientarem tratar-se ainda e apenas de uma primeira etapa que poderia levar a fabricar até um milhao de exemplares( !! ).
Sem duvida que, depois da encomenda de pistolas Five-seveN, para a Policia Federal Americana, se trata de outro excelente negocio para o fabricante de Liége, ficam-me algumas duvidas, enquanto simples curioso, sobre o destino real dessas armas (serao quantidades normais, apenas para unidades especiais ?) e a razao objectiva da escolha desse modelo (que provas e/ou caracteristicas em relaçao a outros modelos ja comprovados ?), a nao ser que (as primeiras armas serao produzidas na fabrica que a FN possui em Columbia, EUA) se trate também e basicamente de razoes economicas!?
 

*

Lince

  • Moderador Global
  • *****
  • 241
  • +0/-0
    • http://forumdefesa.com
(sem assunto)
« Responder #55 em: Fevereiro 09, 2005, 11:56:55 pm »
FN SCAR (Special Forces Combat Assault Rifle)





http://world.guns.ru/assault/as70-e.htm
Cumprimentos

 

*

Miguel

  • Investigador
  • *****
  • 2439
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +13/-16
(sem assunto)
« Responder #56 em: Fevereiro 10, 2005, 08:34:26 am »
Seria o momento de abrir um topico para o armamento anticarro ?

Estranho que dentro da LPM nada indica este tipo de equipamento?
 

*

TOMKAT

  • Especialista
  • ****
  • 1175
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #57 em: Março 25, 2005, 09:05:39 pm »
Noticia RTP1:
Concurso para a substituição da G3 parado.
A maioria dos concorrentes ao concurso para a substituição da G3 colocaram uma providência cautelar paralizando o processo, alegando que o concurso foi feito à medida da concorrente alemã HK.

Novos episódios desta "novela" (com mais de 20 anos) seguem dentro de momentos  :?
IMPROVISAR, LUSITANA PAIXÃO.....
ALEA JACTA EST.....
«O meu ideal político é a democracia, para que cada homem seja respeitado como indivíduo e nenhum venerado»... Albert Einstein
 

 

VIATURAS LIGEIRAS / EXÉRCITO 1940-1990

Iniciado por Miguel Silva Machado

Respostas: 0
Visualizações: 1439
Última mensagem Maio 02, 2010, 12:47:36 am
por Miguel Silva Machado
Desenhar as F.A. : Unidades ligeiras do Exercito

Iniciado por papatango

Respostas: 73
Visualizações: 16163
Última mensagem Outubro 22, 2005, 08:59:56 pm
por NotePad
Armas Ligeiras?

Iniciado por Luso

Respostas: 83
Visualizações: 22107
Última mensagem Maio 05, 2004, 09:06:15 pm
por Luso
"Novas" Unidades

Iniciado por PereiraMarques

Respostas: 0
Visualizações: 1143
Última mensagem Junho 16, 2006, 01:28:56 pm
por PereiraMarques
Nomes das Novas Brigadas

Iniciado por Miguel

Respostas: 10
Visualizações: 3949
Última mensagem Novembro 25, 2005, 03:00:40 pm
por NotePad