Política em Portugal

  • 14 Respostas
  • 411 Visualizações
*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1214
  • Recebeu: 44 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +56/-773
Política em Portugal
« em: Outubro 20, 2019, 01:03:37 pm »
Pensei em iniciar este novo tópico, para que cada um de nós, possa deixar suas opiniões acerca do que pensa dos partidos e da política feita em Portugal.
Pois temos mais três novos partidos no parlamento, o Chega, o Iniciativa Liberal e o Livre.
Início o tópico com duas novas polémicas.

Organização antirracista sai à rua em defesa de Joacine Katar Moreira
https://sol.sapo.pt/artigo/674748/organizacao-antirracista-sai-a-rua-em-defesa-de-joacine-katar-moreira

Citar
A organização ‘Resistimos’ marcou uma manifestação antirracista e de solidariedade com Joacine Katar Moreira, em frente à Assembleia da República.

O grupo esclarece que decidiu organizar a manifestação devido ‘aos ataques e perseguições racistas remetidas à recém-eleita deputada’, que estão, segundo o ‘Resistimos’, relacionados com ‘a entrada da extrema-direita no parlamento’.


A organização lamenta assim entrada de André Ventura, líder do Chega, no parlamento. “A perseguição feita à Joacine e a eleição do Ventura é um ataque a todas nós, LGBTs, mulheres, negras, imigrantes, ciganas e precárias e devemos desde já organizar mobilizações para nos defendermos dos retrocessos que podem estar ao virar da esquina”, acrescenta, em comunicado.

Outras 16 organizações subscreveram o texto de apelo ao protesto, marcado para as 18h30.

A organização alerta para a necessidade de as ‘organizações de esquerda, antirracistas, feministas e LGBTs’ se colocarem ‘à frente desta contestação’, sublinhando ainda que existem contradições ‘evidentes’ no Parlamento e que os próximos anos serão ‘cruciais’.

André Ventura: "A contestação à Joacine não tem nada a ver com racismo. Tem a ver com estupidez"
https://sol.sapo.pt/artigo/674749/andre-ventura-a-contestacao-a-joacine-nao-tem-nada-a-ver-com-racismo-tem-a-ver-com-estupidez

Citar
André Ventura, líder do CHEGA e eleito como deputado para a Assembleia da República nas últimas eleições legislativas, reagiu à manifestação antirracista e de solidariedade com Joacine Katar Moreira agendada para esta segunda-feira, considerando que este protesto tem como objetivo “lamentar a eleição de um deputado pelo CHEGA.”

“É incrível como estes partidos de extrema esquerda mantêm o seu ADN antidemocrático: o CHEGA tem tanta legitimidade para estar no Parlamento como o Livre, mas eles não entendem isso. Houve até mais portugueses a confiar o voto no CHEGA do que no Livre, mas isso não importa para estes democratas de algibeira”, disse André Ventura.


O recém-eleito deputado pelo CHEGA diz ainda que a contestação à deputada do Livre não está relacionada como a sua cor de pele, mas sim pelas posições tomadas pelo seu partido.

“O Livre e a deputada Joacine não têm sido contestados pela cor da pele da nova deputada, mas pela estupidez de algumas das suas ações e posições, como celebrar o sucesso eleitoral com uma bandeira de outro país ou querer proibir a educação moral e religiosa nas escolas”, conclui Ventura.
« Última modificação: Outubro 20, 2019, 01:11:24 pm por Daniel »
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1214
  • Recebeu: 44 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +56/-773
Re: Política em Portugal
« Responder #1 em: Outubro 20, 2019, 01:10:14 pm »
Joacine Katar Moreira reage a petição que pede para esta não ser eleita como deputada
https://sol.sapo.pt/artigo/673829/joacine-katar-moreira-reage-a-peticao-que-pede-para-esta-nao-ser-eleita-como-deputada-

Citar
Segundo a petição, Joacine Moreira revelou um "comportamento antipatriótico” ao ter comemorado as eleição, fazendo-se acompanhar de uma bandeira do seu país de origem - Guiné-Bissau.Joacine Katar Moreira foi eleita para a Assembleia da República, no domingo passado, representando o partido Livre. E durante os festejos, uma atitude da deputada gerou contorvérsia e até uma petição nas redes sociais para lhe retirar o cargo.

Segundo a petição, Joacine Moreira revelou um "comportamento antipatriótico” ao ter comemorado as eleição, fazendo-se acompanhar de uma bandeira do seu país de origem - Guiné-Bissau.

“Não se percebe por que a recente eleita senhora deputada Joacine Katar Moreira, de forma direta, deixou que nos festejos da sua eleição fosse exibida a bandeira da Guiné-Bissau. O Art. 12º [da Constituição da República Portuguesa] na primeira alínea refere que: ‘Todos os cidadãos gozam dos direitos e estão sujeitos aos deveres consignados na Constituição’. Ora, o comportamento da suposta cidadã, Joacine Katar Moreira, fica novamente em causa por se verificar um comportamento antipatriótico com o ato descrito anteriormente”, lê-se no texto que acompanha a petição que já foi assinada por 13.737 pessoas.

A deputada já reagiu à situação, através da sua conta oficial de Twitter: “Gente que de repente sonha com a minha desistência do cargo de deputada a quatro dias depois das eleições, acreditando que infernizando a minha vida, não contribuindo em nada e minando tudo, ou então assinando petições, escutem: isto sempre foi uma guerra para pessoas como eu”, escreveu.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

BlackFerdyPT

  • Membro
  • *
  • 106
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +3/-46
  • Natural dum ex-país que findou em 1986.
    • Um blogue pró-Liberdade, anti-Nova Ordem Mundial
Re: Política em Portugal
« Responder #2 em: Outubro 22, 2019, 10:22:33 am »
O "Livre" e o "Chega" são duas faces da mesma moeda...

Sendo esta, uma que é usada para criar divisões (étnicas e raciais) entre as pessoas - e mantê-las, deste modo, distraídas a "lutar" entre si, enquanto as elites fazem o que querem da sociedade, sem oposição (por estarem as massas governadas demasiado ocupadas com tais lutas estéreis e ridículas, entre si próprias).

O racismo branco combate-se com anti-racismo, não com racismo negro. E, a discriminação racial (ou étnica) combate-se eliminando a mesma, não substituindo-a por uma dita "positiva".

Também, quem merece os cargos são as pessoas mais competentes para os mesmos. Não alguém que usa o seu passado familiar como pretexto para passar à frente dos outros.

E, não é só uma boa parte da etnia cigana que vive muito à custa do Estado Social. É também toda uma enorme quantidade de restante lumpen-proletariado português.

Perguntem aos alienados do Facebook (que criticam ciganos, enquanto uma das vizinhas do lado também recebe cheques da segurança social - ou que votam na Joacine só por ela ser negra) o que irão estes fazer relativamente ao Colapso Económico que aí vem[1] ou já teve início[2].

Não saberão eles sequer do que se está a falar - provando, deste modo, o ponto que eu estou a fazer.


Citar
"A melhor maneira de controlarmos a oposição é sermos nós próprios a liderá-la."
--- Vladimir Lenine


Ver: https://pt.wikipedia.org/wiki/Dividir_para_[reinar]


Citar
"Until the colour of a man's skin is of no more significance than the colour of his eyes (...) until the basic human rights are equally guaranteed to all without regard to race."
--- Bob Marley


"Trolls" que vagueiem por este fórum (denunciados aqui), as vossas pontuações negativas são como *medalhas* para mim! ;)

(Extra: http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=10786.msg316737#msg316737)
 

*

BlackFerdyPT

  • Membro
  • *
  • 106
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +3/-46
  • Natural dum ex-país que findou em 1986.
    • Um blogue pró-Liberdade, anti-Nova Ordem Mundial
Re: Política em Portugal
« Responder #3 em: Outubro 22, 2019, 10:31:19 am »
Dito isto...

O facto de Joacine ter celebrado a sua vitória com a bandeira de um país estrangeiro, é outra história - e que deveria ser levada muito a sério.

Pessoalmente, eu acho que qualquer cargo político de grande relevo deveria ser barrado a pessoas de naturalidade estrangeira. E, que alguém que tenha nascido num país estrangeiro não deveria poder ir mais além do que Presidente da Câmara ou afim.

Imaginem que temos um Ministro da Defesa que nasceu num país com o qual entramos em guerra. Acham que tal Ministro iria desempenhar o seu papel com o mesmo afinco com que desempenharia alguém nascido em Portugal?

Mesmo o facto de termos tido uma Ministra da Justiça que, não só nasceu num país estrangeiro e tem dupla nacionalidade, como fez recruta militar nesse mesmo outro país, é algo com o qual discordo. Pois, para mim, isso deveria ser razão suficiente para desqualificá-la para o cargo de Ministra em Portugal.

« Última modificação: Outubro 22, 2019, 08:21:26 pm por BlackFerdyPT »
"Trolls" que vagueiem por este fórum (denunciados aqui), as vossas pontuações negativas são como *medalhas* para mim! ;)

(Extra: http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=10786.msg316737#msg316737)
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7508
  • Recebeu: 385 vez(es)
  • Enviou: 119 vez(es)
  • +138/-194
Re: Política em Portugal
« Responder #4 em: Outubro 22, 2019, 02:33:39 pm »
A propósito, mais uma na senda da desmoralização do ocidente a bem da supermacia alheia daquele povo que diz que é mas nunca foi e que não pode ser criticado:
(note-se que confirma o caminho de abandalhamento da História Pátria que tem como exemplo gritante o abandono da Nau da Namíbia):

https://observador.pt/2019/10/17/jaime-gama-critica-nova-cadeira-de-historia-militante-nao-aceita-simbolos-nacionais-procura-penitencia-de-paises/

Jaime Gama critica nova disciplina de História: "militante", "não aceita símbolos nacionais", procura "penitência" de países
O socialista, antigo presidente do Parlamento nota que o objetivo da nova disciplina opcional do secundário é mais "militante" do que científico e não aceita símbolos nacionais, heróis ou causas.


Gostava de saber quem é que patrocina o "Livre".
Será a "Open Society"?

E o "Basta"?

Quem mexe os cordelinhos na "Escola de Frankfurt - Portugal" - ISCTE?

Portugal está sob ocupação inimiga...
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

BlackFerdyPT

  • Membro
  • *
  • 106
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +3/-46
  • Natural dum ex-país que findou em 1986.
    • Um blogue pró-Liberdade, anti-Nova Ordem Mundial
Re: Política em Portugal
« Responder #5 em: Outubro 22, 2019, 05:34:41 pm »
1) O "Livre" é um mero partido satélite do Bloco de Esquerda (último este, que já deixou cair a sua anterior máscara socialista). E, os trotskistas modernos (consegue qualquer pessoa bem informada concluir) são, tal como o seu mentor original, obviamente controlados também pela Finança Internacional: https://twitter.com/search?q=trotsky%20from%3AEstulinDaniel

2) Quanto aos novos partidos que vão surgindo, como falsa alternativa aos já existentes - e que tentam arrebanhar e controlar os (cada vez mais) insatisfeitos - o coronel de contra-espionagem militar Daniel Estulin disse uma vez, na vizinha Espanha, que por exemplo o "Podemos é uma associação criada e financiada pela Maçonaria": https://prnoticias.com/periodismo/periodismo-pr/20138928-daniel-estulin-club-bilderberg-podemos-es-una-asociacion-creada-y-financiada-por-la-masoneria

Ora, tendo em conta este tipo de denúncias... Que cada um recorra, então, ao seu sentido crítico para tirar conclusões sobre cada um dos novos partidos políticos que vão surgindo... (Lembrando-se de que, a norma é a suposta esquerda e a suposta direita serem controladas pelos mesmos interesses: http://www.semanario.pt/noticia/2574)

3) Da "Escola de Francoforte" em Portugal, não tenho conhecimento de actividades. Mas, sei que foi esta Escola recentemente derrotada na corrida presidencial no Brasil - e que é controlada pelos mesmos interesses, que já se conhece: https://blackfernando.blogs.sapo.pt/haddad-e-um-adepto-da-escola-de-149284
"Trolls" que vagueiem por este fórum (denunciados aqui), as vossas pontuações negativas são como *medalhas* para mim! ;)

(Extra: http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=10786.msg316737#msg316737)
 

*

BlackFerdyPT

  • Membro
  • *
  • 106
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +3/-46
  • Natural dum ex-país que findou em 1986.
    • Um blogue pró-Liberdade, anti-Nova Ordem Mundial
Re: Política em Portugal
« Responder #6 em: Outubro 22, 2019, 06:54:11 pm »
aquele povo que diz que é mas nunca foi e que não pode ser criticado

Quanto aos judeus,

Se se criticar os mesmos pelo que são especificamente (como sionistas, banqueiros internacionais etc) é uma crítica que tem toda a gente o direito de fazer.

O judaísmo, em si, não constitui um problema - e a população judaica sempre contribuiu muito para o avanço cultural europeu (tendo até muito ajudado nos Descobrimentos - https://www.anpuh.org/arquivo/download?ID_ARQUIVO=3907 - e tendo o Império Português iniciado o seu declínio com a expulsão da população judaica: https://www.dn.pt/mundo/portugal-ao-expulsar-os-judeus-deu-mundos-ao-mundo-e-ficou-a-perder-10211135.html).

Ter uma religião diferente, que seja tolerante e pacífica, para além de ser um direito fundamental, não constitui um problema para os interesses nacionais. É apenas quando se têm, especificamente, projectos político-económicos que colidem com os interesses nacionais, ou mesmo com os interesses do Povo, em geral (como têm vários grupos específicos de judeus: https://twitter.com/search?q=talmudistas%20jasidas%20sionistas%20from%3AEstulinDaniel) é que há problemas.

(Por exemplo: A que país deve um judeu sionista português fidelidade, acima de tudo? Portugal ou Israel? Aceitaria um destes judeus ser um agente da Mossad, por exemplo?)

« Última modificação: Outubro 23, 2019, 12:55:19 pm por BlackFerdyPT »
"Trolls" que vagueiem por este fórum (denunciados aqui), as vossas pontuações negativas são como *medalhas* para mim! ;)

(Extra: http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=10786.msg316737#msg316737)
 

*

BlackFerdyPT

  • Membro
  • *
  • 106
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +3/-46
  • Natural dum ex-país que findou em 1986.
    • Um blogue pró-Liberdade, anti-Nova Ordem Mundial
Re: Política em Portugal
« Responder #7 em: Outubro 22, 2019, 10:40:55 pm »
os trotskistas modernos (consegue qualquer pessoa bem informada concluir) são, tal como o seu mentor original, obviamente controlados também pela Finança Internacional

Quem quiser provas melhores do que eu digo, de certos grupos políticos da suposto oposição (socialista) serem controlados e financiados pelo próprio sistema (capitalista), não precisa sequer de ir a - ou confiar em - fontes de serviços secretos.

Que já o Trotsky era um falso socialista e um agente da Finança Internacional, é algo que facilmente se conclui por outras fontes, como historiadores ocidentais (e capitalistas) que há muito o denunciaram: http://www.reformation.org/wall-st-bolshevik-rev.html + http://www.wildboar.net/multilingual/easterneuropean/russian/literature/articles/whofinanced/whofinancedleninandtrotsky.html


Reparem em como o BE e seus partidos satélites são a favor da mesma exacta União Europeia, que sabe toda a gente bem informada ter sido montada pelos seus supostos inimigos capitalistas: https://www.telegraph.co.uk/news/worldnews/europe/1356047/Euro-federalists-financed-by-US-spy-chiefs.html

Não acham, no mínimo, estranha esta enorme coincidência de objectivos?
"Trolls" que vagueiem por este fórum (denunciados aqui), as vossas pontuações negativas são como *medalhas* para mim! ;)

(Extra: http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=10786.msg316737#msg316737)
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 1397
  • Recebeu: 406 vez(es)
  • Enviou: 202 vez(es)
  • +153/-13
Re: Política em Portugal
« Responder #8 em: Outubro 23, 2019, 10:22:31 am »
A própria RTP produz conteúdos a “achincalhar” a própria história nacional. Exemplos? Ainda ontem, no programa: “Outras Histórias” da RTP1 (passou pelas 21h), mostra logo o 1º artigo de um guia do Togo, que ensina aos turistas, durante várias horas, que a história de Portugal é apenas um episódio de escravatura (cartilha do Bloco de Esquerda…. Ía escrever outro nome, mas…..), com a ajuda da investigadora isabel castro henriques (achei apropriado as minúsculas), Investigadora da Universidade de Lisboa.

Eu não me lembro de passar noutros locais turísticos estrangeiros, onde denigrem a história do próprio país!!!! Ainda tive esperança que ao falarem da escravatura, também referiam talvez as invasões que Portugal sofreu, mas nada……

Estão lançados os dados da doutrinação das nossas criancinhas: Geringonça + Universidade de Lisboa + Técnica + Universidade de Coimbra (principalmente a Faculdade de Economia…. Que agrega sociologia….. vão encontrar lá um ex-ministro defunto).

https://www.rtp.pt/play/p5364/e434476/outras-historias
 

*

BlackFerdyPT

  • Membro
  • *
  • 106
  • Recebeu: 2 vez(es)
  • +3/-46
  • Natural dum ex-país que findou em 1986.
    • Um blogue pró-Liberdade, anti-Nova Ordem Mundial
Re: Política em Portugal
« Responder #9 em: Outubro 23, 2019, 12:29:25 pm »
O racismo sempre foi uma boa maneira de manter a plebe governada dividida e a lutar entre si, impedindo o progresso social.

E, o exemplo mais clássico de que esta é uma fórmula usada pelas elites governantes, é o do "Ku Klux Klan", nos EUA - cujas iniciais se podem traduzir pela sequência maçónica 11, 11, 11. (Já repararam também na data e hora do Armistício da Primeira Guerra Mundial?)

Um dos fundadores e líderes originais do KKK foi o general Albert Pike, muito conhecido maçom de 33º grau e conhecido até como o pai da Maçonaria no sul dos EUA.

Tendo o seu grupo sido ressuscitado nos anos 1950, obviamente para servir de antítese ao Movimento dos Direitos Civis dos negros nos EUA, para criar conflitos raciais.

Citar
"The reemergence of the KKK during the late 1950s and 1960s was again centered in the South, and now its purpose was to foment race war between blacks and whites. With the other side of the set-up, the civil rights movement, largely under the control of the various liberal (...) networks (...) the contrived race war scenario enjoyed significant success. Today that same terror capability is still in place, and still under the control of the same forces."
--- https://larouchepub.com/eiw/public/1978/eirv05n39-19781010/eirv05n39-19781010_050-the_rothschild_roots_of_the_ku_k.pdf

(Não sendo por acaso que várias pessoas, incluindo um muito conhecido radialista estadunidense, vão para as manifestações do KKK chamá-los de agentes do próprio sistema: h*tps://www.youtube.com/watch?v=qEomUOe22ew)

« Última modificação: Outubro 24, 2019, 11:09:52 pm por BlackFerdyPT »
"Trolls" que vagueiem por este fórum (denunciados aqui), as vossas pontuações negativas são como *medalhas* para mim! ;)

(Extra: http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=10786.msg316737#msg316737)
 

*

Daniel

  • Investigador
  • *****
  • 1214
  • Recebeu: 44 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +56/-773
Re: Política em Portugal
« Responder #10 em: Outubro 26, 2019, 02:34:38 pm »
Assessor de Joacine entra de saia na Assembleia e as redes sociais…não perdoaram
https://executivedigest.sapo.pt/assessor-de-joacine-entra-de-saia-na-assembleia-e-as-redes-sociais-nao-perdoaram/

Citar
Rafael Esteves Martins, assessor parlamentar do Livre, gerou polémica nas redes sociais por vestir saia no dia em que a nova composição da Assembleia da República tomou posse.

“Visto-me assim”, disse Rafael ao Expresso. Doutorando em Literatura pela Universidade de Oxford, habituou-se a que a diferença faz parte da vida. “Em Londres é normal”, atira.

Questionado pelo DN se queria responder às críticas de que está a ser alvo nas redes sociais, Rafael Esteves Martins responde: “não tenho que fazer comentários sobre as minhas escolhas. As escolhas sobre o que visto são minhas e eu não respondo pelas minhas escolhas que estão dentro da lei.” “Sou assessor de uma deputada [Joacine Katar Moreira] e é sobre isso que tenho que falar”, acrescentou.

O Livre partilhou na sua página de Facebook fotos da entrada de Joacine e de Rafael esta quinta-feira na Assembleia da República considerando que se trata de “um dia histórico”. “Começa uma nova etapa com a tomada de posse da primeira deputada do LIVRE na Assembleia da República, Joacine Katar Moreira. Nos próximos quatro anos, tudo faremos para que a nossa visão de justiça social e justiça ambiental seja concretizada para todos os portugueses”, lê-se.

Não é que tenha algo contra, mas ao que parece é mais um que partiu o telemóvel.  ;D c56x1
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

ricardonunes

  • Investigador
  • *****
  • 3561
  • Recebeu: 31 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +10/-5
Re: Política em Portugal
« Responder #11 em: Outubro 26, 2019, 03:41:45 pm »
Quem fala assim nao e gago  c56x1


Manifestação junto à Câmara Municipal do Seixal em 25 de Janeiro de 2019, após episódio de violência policial no bairro da Jamaica.
Potius mori quam foedari
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8632
  • Recebeu: 805 vez(es)
  • Enviou: 1337 vez(es)
  • +89/-34
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Política em Portugal
« Responder #12 em: Outubro 26, 2019, 04:03:44 pm »
Então ficou gaga com o aproximar das eleições?
Ser coitadinho pode dar jeito...
Um exemplo do ridículo a que a politica país chegou.
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8632
  • Recebeu: 805 vez(es)
  • Enviou: 1337 vez(es)
  • +89/-34
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Política em Portugal
« Responder #13 em: Outubro 27, 2019, 01:15:12 am »
E depois temos a CM de Lisboa a vir em defesa das saias do outro! E compara mesmo a D. Afonso Henriques.
https://twitter.com/CamaraLisboa/status/1188077839742132224
« Última modificação: Outubro 29, 2019, 11:38:45 pm por HSMW »
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 1397
  • Recebeu: 406 vez(es)
  • Enviou: 202 vez(es)
  • +153/-13
Re: Política em Portugal
« Responder #14 em: Novembro 02, 2019, 08:48:59 pm »
Mas há mais deste novo partido da extrema esquerda (o Livre).

Achincalharam a bandeira nacional numa manifestação: https://blasfemias.net/2019/10/23/como-o-video-reapareceu-reaparece-tb-a-pergunta-esta-manifestacao-em-frente-ao-parlamento-aconteceu-quando/  (mesmo sendo a favor de uma bandeira azul e branca em vez da bandeira criada pela carbonária e que nasceu de um regicídio!!!! É o nosso símbolo e só se mexe para melhorar, não para denegrir quem ataca constantemente o país).

Mas mesmo depois do triste episódio da saia, que define bem a mediocridade deste novo partido da extrema esquerda, acarinhado pelo Costa, o delírio continua e pasme-se agora até já acusam o Daniel Oliveira (que criticou o livre por causa do episódio da saia) de ser da extrema direita!!!!!!
https://observador.pt/2019/11/02/joacine-katar-moreira-compara-argumentos-de-daniel-oliveira-aos-da-extrema-direita/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

 

"Portugal é apenas esperança"-Hernâni Carvalho

Iniciado por TOMSK

Respostas: 124
Visualizações: 19893
Última mensagem Dezembro 08, 2009, 01:03:50 pm
por P44
«Barco do aborto» parte esta segunda-feira rumo a Portugal

Iniciado por Tiger22

Respostas: 22
Visualizações: 6854
Última mensagem Agosto 27, 2004, 10:18:06 am
por P44
Portugal entre os países que mais reduziram mortes/estrada

Iniciado por Falcão

Respostas: 8
Visualizações: 2298
Última mensagem Setembro 28, 2006, 03:37:14 am
por TOMKAT
História de Portugal usada como exemplo no Parlamento alemão

Iniciado por Lancero

Respostas: 4
Visualizações: 1508
Última mensagem Março 23, 2010, 11:13:31 pm
por Camuflage
Protectorado de Portugal 2020-Artigo de José Pacheco Pereira

Iniciado por Sertorio

Respostas: 8
Visualizações: 2381
Última mensagem Dezembro 20, 2012, 02:42:54 am
por typhonman