KC-390 na FAP

  • 288 Respostas
  • 16934 Visualizações
*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7445
  • Recebeu: 636 vez(es)
  • Enviou: 770 vez(es)
  • +100/-30
Re: KC 390 que esperar desta Aeronave
« Responder #225 em: Setembro 02, 2019, 05:07:33 pm »
um Simulador para que possamos formar nossos novos pilotos das esquadras os Elefantes para  que estes tenham uma formacao adequada e ou actualizada...

Quer dizer Bisontes certo? É que a esquadra dos Elefantes é a 502 que opera com o C-295M.
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2844
  • Recebeu: 1245 vez(es)
  • Enviou: 2628 vez(es)
  • +481/-89
Re: KC-390 na FAP
« Responder #226 em: Setembro 02, 2019, 11:48:30 pm »
No ano fiscal de 2018, o custo unitário do C-2 (sem motores) foi de cerca de 162 milhões de USD. No ano fiscal de 2019, este valor diminui para cerca de 153 milhões de USD. Estes valores são do Ministério da Defesa japonês. Em ambos os anos fiscais foram financiados dois C-2.

Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 994
  • Recebeu: 202 vez(es)
  • Enviou: 1011 vez(es)
  • +100/-11
Re: KC-390 na FAP
« Responder #227 em: Setembro 03, 2019, 01:36:29 am »
No ano fiscal de 2018, o custo unitário do C-2 (sem motores) foi de cerca de 162 milhões de USD. No ano fiscal de 2019, este valor diminui para cerca de 153 milhões de USD. Estes valores são do Ministério da Defesa japonês. Em ambos os anos fiscais foram financiados dois C-2.


153 milhões de dolares mais dois motores General Electric CF6-80C2 que custam 12 milhões cada dá 177 milhões de $.
Total 177 milhões de $ o que dá 161 milhões de €. Ainda me parece bom negocio para o avião que é.
 :-P
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

sivispacem

  • Perito
  • **
  • 381
  • Recebeu: 19 vez(es)
  • Enviou: 17 vez(es)
  • +14/-2
Re: KC-390 na FAP
« Responder #228 em: Setembro 04, 2019, 11:26:57 am »
Ao minuto 5:10: "Portugal já confirmou a compra de 4 unidades".....

??!?!?!?!?!

 

*

Crypter

  • Especialista
  • ****
  • 1116
  • Recebeu: 180 vez(es)
  • Enviou: 199 vez(es)
  • +26/-6
Re: KC-390 na FAP
« Responder #229 em: Setembro 04, 2019, 01:21:58 pm »
Ao minuto 5:10: "Portugal já confirmou a compra de 4 unidades".....

??!?!?!?!?!

Digamos que esse canal não é muito conhecido pelo acerto desses detalhes..

Falo nisso pois nos vídeos que vi sobre as nossas FA tem imensas falhas nas quantidades existentes..
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7445
  • Recebeu: 636 vez(es)
  • Enviou: 770 vez(es)
  • +100/-30
Re: KC-390 na FAP
« Responder #230 em: Setembro 05, 2019, 09:44:07 pm »
Já estou a imaginar o KC390, transporte estratégico, capacidade de aterrar em pistas não preparadas, e uma escolta que ninguém se mete com o menino  :mrgreen:
Tinham que ser Russos


« Última modificação: Setembro 05, 2019, 10:38:50 pm por Lightning »
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2844
  • Recebeu: 1245 vez(es)
  • Enviou: 2628 vez(es)
  • +481/-89
Re: KC-390 na FAP
« Responder #231 em: Setembro 06, 2019, 03:46:44 am »
O Ká-Cê a aterrar no Meco escoltado por dois Koalas deve ser um espectáculo digno de se ver.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Major Alvega

  • Perito
  • **
  • 563
  • Recebeu: 478 vez(es)
  • Enviou: 240 vez(es)
  • +311/-115
Re: KC-390 na FAP
« Responder #232 em: Setembro 06, 2019, 11:27:21 am »
O Ká-Cê a aterrar no Meco escoltado por dois Koalas deve ser um espectáculo digno de se ver.
Agora imagina aquele misto de excitação e emoção que devia ser, ver o "ká-cê" e o "cuala" a apagar fogos.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Red Baron

  • Perito
  • **
  • 310
  • Recebeu: 63 vez(es)
  • Enviou: 88 vez(es)
  • +76/-17
Re: KC-390 na FAP
« Responder #233 em: Setembro 13, 2019, 07:40:10 pm »
Um AC-390 seria uma boa opção para a FAP?

 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2844
  • Recebeu: 1245 vez(es)
  • Enviou: 2628 vez(es)
  • +481/-89
Re: KC-390 na FAP
« Responder #234 em: Setembro 13, 2019, 10:00:14 pm »
Só se for armado com as peças do Yamato.  :mrgreen:
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 994
  • Recebeu: 202 vez(es)
  • Enviou: 1011 vez(es)
  • +100/-11
Re: KC-390 na FAP
« Responder #235 em: Setembro 13, 2019, 10:21:06 pm »
Um AC-390 seria uma boa opção para a FAP?


Para isso mais valia os AC-235 Light Gunship...





The AC-235 light gunship provides customers with an affordable, enhanced capability to conduct responsive defense, counterinsurgency, and border surveillance and security missions on customer-preferred platforms.

Capabilities

Robust day/night ISR solution now available with precision-strike/close-air support capabilities
Ownship targeting and weapons employment provided via integrated targeting and fire-control systems
Off-board data links provide full-motion video to ground stations or other aircraft
Defensive countermeasures systems and ballistic protection standard
Night vision goggle (NVG) compatible
Adaptable to multiple platforms

Features
Proven mission system: compact MPU, dual-color display, integrated fire-control system
EO/IR sensor with integrated laser designator and IMU
Fuselage-integrated weapons pylons support AGM-114M/K Missile and 70 mm rockets
Lightweight 30 mm M230LF
Synthetic aperture radar
AAR-47/ALE-47 defensive countermeasures system
Ballistic panels for cockpit and passenger protection
Line-of-sight (LOS) and beyond LOS tactical communications
Cockpit tactical displays
Tactical data links

 :-P
 

*

Red Baron

  • Perito
  • **
  • 310
  • Recebeu: 63 vez(es)
  • Enviou: 88 vez(es)
  • +76/-17
Re: KC-390 na FAP
« Responder #236 em: Setembro 14, 2019, 01:08:46 pm »
Um AC-390 seria uma boa opção para a FAP?


Para isso mais valia os AC-235 Light Gunship...





The AC-235 light gunship provides customers with an affordable, enhanced capability to conduct responsive defense, counterinsurgency, and border surveillance and security missions on customer-preferred platforms.

Capabilities

Robust day/night ISR solution now available with precision-strike/close-air support capabilities
Ownship targeting and weapons employment provided via integrated targeting and fire-control systems
Off-board data links provide full-motion video to ground stations or other aircraft
Defensive countermeasures systems and ballistic protection standard
Night vision goggle (NVG) compatible
Adaptable to multiple platforms

Features
Proven mission system: compact MPU, dual-color display, integrated fire-control system
EO/IR sensor with integrated laser designator and IMU
Fuselage-integrated weapons pylons support AGM-114M/K Missile and 70 mm rockets
Lightweight 30 mm M230LF
Synthetic aperture radar
AAR-47/ALE-47 defensive countermeasures system
Ballistic panels for cockpit and passenger protection
Line-of-sight (LOS) and beyond LOS tactical communications
Cockpit tactical displays
Tactical data links

 :-P

Acho que nem dado isso faz sentido.

Só mesmo os jordanos para meterem o armamento do AH-64 num avião de vigilância.
Para isso mais valia o Super Tucano Sierra Nevada.
 

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1101
  • Recebeu: 205 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-18
Re: KC-390 na FAP
« Responder #237 em: Setembro 14, 2019, 04:34:04 pm »
Se alguma vez a FAP tivesse intenções de adquirir uma aeronave do género, então a opção por uma aeronave para substituir os C-130 teria de ser americana e não o 390. A Embraer e a FAB dificilmente terão dinheiro para desenvolver uma aeronave desse género, já a máquina de guerra americana tem investimento constante, além de que já utilizam este tipo de aeronave com sucesso e com todo o conhecimento que os AC-130 lhes trouxeram para o futuro.

Para nós um AC-295 poderia fazer sentido na perspectiva de não termos mais nada que transporte armas na FAP, além dos F-16 e P-3, e aproveitando os existentes MPA para receber armamentos como Hellfire, rockets, etc. Ainda assim, a prioridade seriam helis de ataque ou helis médios com capacidade para tal, seguidos de aeronaves de treino que pudessem ser armadas (fosse o substituto dos AJet ou dos Epsilon).
Fazia-nos mais falta o C-295 MPA com torpedos e os mísseis anti-navio Marte.
 

*

luis simoes

  • Membro
  • *
  • 118
  • Recebeu: 1 vez(es)
  • Enviou: 3 vez(es)
  • +0/-23
Re: KC-390 na FAP
« Responder #238 em: Setembro 15, 2019, 05:36:43 pm »
Tenente agradeco tua resposta  quando me refiro que o KC 390 e' uma aeronave multifuncoes  e' porque este tipo de aeronave pode fazer  diferentes tipos  de missoes... a saber transporte logistico e  ou transporte de  tropas paraquedistas ou mesmo uma viatura blindada  de transporte de pessoal tipo M113 ou mesmo pandur...pode tambem  fazer  reabastecimento aereo de outras Aeronaves ...combates a incendios e evacuacoes medicas entre outras dai dizer que e uma aeronave multifuncoes ...quanto ao agusta A 119
tratasse de um belissimo helicoptero e nao me admirava nada vir se a adquirir A109 M para as missoes de assalto e protecao de tropas no terreno pois os belgas teem uma belissima experiencia com esta plataforma mas agradeco te a resposta...


Ó Luís Simões que colocou algumas objecções a esta aquisição e á do 119 fui eu, e não o Cabeça de Martelo, mas e já agora quanto ao que referes como " mau negocio seria disperdicar esta opurtunidade de renovar e adquirir uma aeronave multifunções " o que é que isso de aeronave multifunções significa ??

Não te esquelças que se Portugal acionar a opção de compra da sexta aeronave, Deus queira que não, tem de a pagar, o sexto 390 não vem á borla, não está incluido nos 827 milhões  ::)

Se achas que a compra do 119 foi uma boa escolha tú lá o sabes, mas alegar que " desde que dure tanto como o allouette maravilha " para mim é um pretexto que não entendo então queres que a FAP fique com os 119 por 50 anos ??
Essa das " limitações orçamentais ", não serão antes outros tipos de limitações, e, por parte das chefias da FAP ???

O que é verdade é que em termos de aumento de capacidades de transporte, tanto com o 390 como com o 119 a FAP pouco ou nada ficou a ganhar.

Abraços
[/quote]elis que compramos
 

*

Lusitaniae

  • Membro
  • *
  • 187
  • Recebeu: 37 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +14/-171
Re: KC-390 na FAP
« Responder #239 em: Setembro 15, 2019, 07:14:28 pm »
Novas asas para a Força Aérea

As decisões de fundo sobre novos equipamentos para as Forças Armadas acontecem de longe a longe. Em alguns casos marcam toda uma geração de militares. Foi este o caso com a assinatura a 22 de agosto do contrato para a aquisição de cinco aeronaves de transporte KC-390, da Embraer, juntamente com um simulador. Pelo impacto e significado da decisão, é importante partilhar publicamente o raciocínio e as suas implicações.

A atual esquadra de aeronaves de transporte C-130 serviu a Força Aérea (FAP) desde 1977. São muitas e boas as memórias destes aviões, mas a verdade incontestada é que estão em fim de vida e precisam de ser substituídos. Desde 2010, com o apoio de sucessivos governos, FAP e empresas portuguesas têm tido uma grande participação no desenvolvimento do KC-390, um avião maior e de alcance mais amplo que o C-130, mas que corresponde às mesmas necessidades.

Esta decisão de compra não foi automática. Implicou uma negociação longa e intensa com a Embraer para que os custos fossem aceitáveis e para que os cerca de mil requisitos estabelecidos pela FAP fossem cumpridos. E implicou também um estudo de mercado. Este saturado trabalho permitiu que assumíssemos a decisão confiantes de estarmos a adquirir a melhor aeronave do mercado para os requisitos operacionais e logísticos específicos do nosso país.
Este avião privilegia a lógica do duplo uso. Com o KC-390, reforçamos as nossas capacidades de transporte aéreo, de busca e salvamento, de evacuações sanitárias e de apoio a cidadãos nacionais, nomeadamente entre o continente e os arquipélagos ou na diáspora, e até combate a incêndios, entre outras missões que respondem a necessidades permanentes do país.

Investiremos 827 milhões de euros nos próximos 12 anos na aquisição dos aviões, simulador, equipamentos, manutenção e outras despesas, como a adaptação das infraestruturas necessárias à sua operação a partir da Base Aérea 6, no Montijo.

O desenvolvimento e produção da aeronave que estamos a adquirir contou com o melhor da engenharia portuguesa e brasileira, mobilizando em seu torno uma importante cadeia de valor: criou emprego, promoveu desenvolvimento, amadureceu um cluster aeronáutico nacional, aumentou as exportações, internacionalizou a nossa economia e apoiou a captação de investimento direto estrangeiro.

O cluster aeronáutico nacional vale já cerca de 1% do PIB e 3,3% das nossas exportações. Cada KC-390 construído implica empregos em Portugal, um acréscimo para as exportações, um estímulo adicional para a competitividade e consolidação deste importante setor da economia. É um grande investimento, que terá retorno económico, retorno em capacidades militares e retorno para a segurança dos portugueses.

*Ministro da Defesa Nacional
Abbati, medico, potronoque intima pande