KC-390 na FAP

  • 288 Respostas
  • 16938 Visualizações
*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3919
  • Recebeu: 1816 vez(es)
  • Enviou: 692 vez(es)
  • +519/-69
Re: KC-390 na FAP
« Responder #195 em: Agosto 24, 2019, 09:26:22 pm »
Anúncio de página inteira no correio da manhã, vai lá vai  :mrgreen:

Vê lá só a visibilidade que Portugal/FAP estão a dar à Embraer !!
Só por isso + pelo facto de contribuirmos para a linha de montagem do 390 devíamos ter direito a um desconto !
 
Abraços

« Última modificação: Agosto 25, 2019, 09:02:53 am por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3919
  • Recebeu: 1816 vez(es)
  • Enviou: 692 vez(es)
  • +519/-69
Re: KC-390 na FAP
« Responder #196 em: Agosto 25, 2019, 09:03:08 am »
Anúncio de página inteira no correio da manhã, vai lá vai  :mrgreen:

Vê lá só a visibilidade que Portugal/FAP estão a dar à Embraer !!
Só por isso + pelo facto de contribuirmos para a linha de montagem do 390 devíamos ter direito a um desconto !
 
Abraços

tenho ou não tenho razão ???? ::)
Vou gostar de ver os custos/acft se a Hungria chegar a fazer negócio com a EMB.

Portugal Signs KC-390 Deal, As Hungary Shows Interest
Aug 22, 2019



The Portuguese government has formally signed up to purchase Embraer’s KC-390 airlifter.
Government officials signed off on the €827 million ($916 million) contract with the Brazilian manufacturer in Evora, Portugal, on Aug. 22, paving the way for first deliveries in 2023.
The signing comes after the government announced it had approved the purchase of five aircraft, a services and support package and a flight simulator in July.
“This contract strengthens the industrial partnership between Portugal and Embraer, contributing to the development of the engineering and aeronautics industry in Portugal,” said Jackson Schneider, CEO of Embraer’s defense business.

Portugal selected the KC-390 as a C-130 Hercules replacement in June 2017, but earlier this year it looked like the negotiations would falter over disagreements on pricing.
Embraer says Portugal will use the aircraft for a wide range of military and civilian missions, including humanitarian support, medical evacuation, search and rescue and firefighting, as well as more traditional operations including troop and cargo transport and aerial refueling.

Portugal also was one of several countries to sign up to purchase aircraft in return for industrial packages. Embraer subsidiary OGMA currently builds the airlifter’s center fuselage, right and left landing gear sponsons and elevators at a site near Lisbon.
The signing comes as Embraer prepares to deliver the first operational KC-390 to its launch customer, the Brazilian Air Force, reportedly as soon as Sept04.

Now Hungary could be a future customer for the airlifter, after it was revealed that advanced talks were underway, according to Brazilian government officials.
Budapest has embarked on an armed forces modernization plan, dubbed Zrinyi 2026, which also calls for the purchase of an airlifter kitted out with an in-flight refueling capability to support its Saab Gripen fighters.

Embraer dispatched the KC-390 that appeared at the Paris Air Show to Papa air base in Hungary after the show for a demonstration to Hungarian defense officials.

http://www.thefifthcolumn.xyz/Forum/viewthread.php?tid=103&page=7

Abraços
« Última modificação: Agosto 25, 2019, 09:05:26 am por tenente »
 

*

Major Alvega

  • Perito
  • **
  • 563
  • Recebeu: 478 vez(es)
  • Enviou: 240 vez(es)
  • +311/-115
Re: KC-390 na FAP
« Responder #197 em: Agosto 25, 2019, 10:04:52 am »
 A Hungria é a nova Nova Zelândia. Vão andar aqui com a Hungria para aqui e a Hungria para ali, como fizeram aquele alarde todo com a possibilidade da Nova Zelândia.

 A não ser aqui nesta Albânia ibérica. Nenhum país sério compra o KC-390 sem o ver primeiro como umas milhares de horas em cima para ficar com uma ideia de como a aeronave se comporta no mundo real. Isto não é a aviação civil em que as companhias compram por catálogo antes de aeronave estar cá fora. E mesmo assim ás vezes corre mal.
« Última modificação: Agosto 25, 2019, 10:09:01 am por Major Alvega »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, HSMW

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1101
  • Recebeu: 205 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-18
Re: KC-390 na FAP
« Responder #198 em: Agosto 25, 2019, 12:46:17 pm »
Está feito, paciência. Fossem espertos assinavam para 3 aeronaves e aguardavam uma proposta da Airbus para 2/3 A-400. Mas isto sou eu.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Crypter

*

Miguel

  • Investigador
  • *****
  • 2439
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +13/-16
Re: KC-390 na FAP
« Responder #199 em: Agosto 25, 2019, 05:38:20 pm »
Vai ser como os NPO era para ser vendido para A e B etc.. e acabou.
E um preco muito muito elevado por 5 aeronaves.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3919
  • Recebeu: 1816 vez(es)
  • Enviou: 692 vez(es)
  • +519/-69
Re: KC-390 na FAP
« Responder #200 em: Agosto 25, 2019, 08:35:47 pm »
Vai ser como os NPO era para ser vendido para A e B etc.. e acabou.
E um preco muito muito elevado por 5 aeronaves.

Miguel eu penso que o negócio do 390, para nós irá ser muito pior uma vez que o projecto dos NPO não teve nenhum cliente fora de Portugal, que pagasse a Portugal o que quer que fosse adiantadamente antes de receber os navios, já quanto ao projecto dos 390, existe um cliente extra Brasil, Portugal, que vai pagar até 2023, ano em que iremos, receber o 1º 390, a quantia de €350 milhões.

O meu medo é avançarmos com o dinheiro, e ficarmos uns bons anos, para além de 2023, á espera para recebermos o primeiro cargueiro. :bang:

Não consigo entender o porquê da espera de quatro anos para chegar o 1º 390, quando os responsáveis da EMB asseguraram que a produção anual de aeronaves vai rondar as 04 anuais, cerca de 1/4 da capacidade máxima de produção da Fábrica em Gavião Peixoto, que é de 18 unidades ????. Como o cliente Brasil, encomendou 28 aeronaves, iremos ficar á espera que receba 20 aeronaves primeiro, o que eu até posso entender, não concordando no entanto, mas, o que eu não entendo é a entrega de apenas uma aeronave por ano a Portugal depois de 2023, quando o Brasil já tem mais de 70% da encomenda satisfeita.. :conf:

O que me parece é que a manter-se a previsão de produção de apenas quatro aeronaves anuais, com os atrasos devido a anteriores situações orçamentais da Embraer e a Rwy excursion de um dos protótipos, Portugal não irá receber nenhuma aeronave em 2023, mas isto sou eu a ver um pouco mais longe e a ler nas entrelinhas.

https://airway.uol.com.br/embraer-kc-390-vai-estrear-com-a-fab-nas-proximas-semanas/

Além da parceria entre a FAB e a Embraer Defesa e Segurança, ambas firmaram um contrato, no qual a FAB encomendou 28 unidades, custando aproximadamente R$ 7,2 bilhões.
O KC-390 deverá substituir os antigos cargueiros da Lockheed Martin, os Hércules C-130, aeronave que grande parte das forças aéreas utilizam.
Inicialmente, o primeiro avião do modelo estava previsto para ser entregue no ano passado, entretanto, ocorreu um atraso devido a dois incidentes com o protótipo.

Com isso, uma terceira unidade teve de ser utilizada na fase de testes para a certificação do modelo. Sendo assim, a FAB deverá receber o avião com o número 004.
O contrato firmado com a FAB prevê que os aviões devam ser entregues até 2026, o que significa uma quantidade de quatro aviões por ano. Neste ano de 2019 devem ser entregues duas aeronaves.

https://br.sputniknews.com/sputnik_explica/2019071814232632-embraer-kc-390-fundamental-avanco-tecnologico-que-faltava-ao-brasil/


Abraços
« Última modificação: Agosto 25, 2019, 10:03:23 pm por tenente »
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2844
  • Recebeu: 1245 vez(es)
  • Enviou: 2628 vez(es)
  • +481/-89
Re: KC-390 na FAP
« Responder #201 em: Agosto 26, 2019, 01:08:24 am »
A FAB paga menos por aeronave e ainda por cima está sem dinheiro; alguém tinha que entrar com a narta para eles receberem os seus Ká-Cês. Bem, sempre é melhor que ir para o poço dos bancos, este produto ao menos voa. Esperemos é que um dia voe em direcção a Portugal.

Não sei porquê, mas este negócio começa a ter cada vez mais semelhanças com a negociata PT/Oi. O que vale é que são só uns míseros 827 milhões em jogo. Já a PT foram milhares e milhares de milhões.
« Última modificação: Agosto 26, 2019, 01:15:15 am por NVF »
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1101
  • Recebeu: 205 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-18
Re: KC-390 na FAP
« Responder #202 em: Agosto 26, 2019, 02:12:52 pm »
Se as outras aquisições militares fossem assinadas com a rapidez que este contrato foi assinado, tínhamos umas belas forças armadas!
Infelizmente, nos outros casos, até ser tomada qualquer decisão são necessários anos e anos, e depois ainda são cancelados muitos dos programas.

Felizmente aqui alguém teve a "excelente" ideia de pagar adiantado, que é o que se precisa nestes casos, correr o máximo de riscos possíveis. Que bem que esse dinheiro adiantado faria, por exemplo, para adquirir um AOR antes de 2025, ou para injectar nas LFCs, ou numa substituição das fragatas, ou MLU dos F-16.
Sendo um produto novo, há margem para o preço subir ou descer, estou mesmo a ver um dia as encomendas começarem a aparecer e novos clientes pagarem 2/3 do preço que nós pagamos pelo mesmo equipamento!  :bang:
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: P44

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3919
  • Recebeu: 1816 vez(es)
  • Enviou: 692 vez(es)
  • +519/-69
Re: KC-390 na FAP
« Responder #203 em: Agosto 26, 2019, 05:45:26 pm »
A FAB paga menos por aeronave e ainda por cima está sem dinheiro; alguém tinha que entrar com a narta para eles receberem os seus Ká-Cês. Bem, sempre é melhor que ir para o poço dos bancos, este produto ao menos voa. Esperemos é que um dia voe em direcção a Portugal.

Não sei porquê, mas este negócio começa a ter cada vez mais semelhanças com a negociata PT/Oi. O que vale é que são só uns míseros 827 milhões em jogo. Já a PT foram milhares e milhares de milhões.

NVF, eu só espero que o belo do contrato de aquisição dos 390 tenha clausulas que contemplem penalizações, e bem pesadas, se as datas de entrega das cinco aeronaves, não forem escrupulosamente cumpridas, porque se a FAB vai ter 28 KC's em sete anos, porque raio a FAP, para ter cinco KC's vai ter de esperar oito anos ??

Abraços
 

*

Miguel

  • Investigador
  • *****
  • 2439
  • Recebeu: 25 vez(es)
  • Enviou: 6 vez(es)
  • +13/-16
Re: KC-390 na FAP
« Responder #204 em: Agosto 26, 2019, 06:07:44 pm »
Um grande négocio mesmo a tuga.
No fundo o contribuinte tuga paga as despesas e os bénéficios e para os bazucas.
Alias como fizeram para os bancos.
Um escandalo.
A sorte destes parasitas e o ze povo estar adormecido com festas, benfica e uma dose de tintol.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: nelson38899

*

Tikuna

  • Membro
  • *
  • 52
  • Recebeu: 46 vez(es)
  • Enviou: 8 vez(es)
  • +8/-196
Re: KC-390 na FAP
« Responder #205 em: Agosto 26, 2019, 07:09:03 pm »
Elbit to Provide EW Suite for Portuguese Air Forces’ New Multi-Mission Aircraft





The EW suite for the KC-390 aircraft will include radar and laser warning systems, an IR missile warning system, a countermeasures dispensing system, a directional IR countermeasures (DIRCM) system, and an active electronic countermeasures (AECM) system

The Portuguese Ministry of Defense selected Elbit Systems to supply a complete Electronic Warfare (EW) suite for the Portuguese Air Forces’ (PtAF) new KC-390 multi-mission aircraft. Finalization of the contract is subject to completion of the Portuguese Government approval process.

The EW suite for the KC-390 aircraft will be comprised of radar and laser warning systems, an IR missile warning system, a countermeasures dispensing system, a directional IR countermeasures (DIRCM) system, and an active electronic countermeasures (AECM) system. The EW suite will provide the platforms with advanced protection to achieve the customer’s operational requirements, the company said.

Edgar Maimon, Executive Vice President and General Manager of Elbit Systems EW and SIGINT – Elisra, commented: “The Portuguese Air Force is a long-standing strategic partner of Elbit Systems and we are proud of the selection to provide them with enhanced survivability for their new fleet of KC-390 aircraft.”


https://www.israeldefense.co.il/en/node/39916
« Última modificação: Agosto 26, 2019, 07:10:23 pm por Tikuna »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, tenente, MATRA

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 994
  • Recebeu: 202 vez(es)
  • Enviou: 1011 vez(es)
  • +100/-11
Re: KC-390 na FAP
« Responder #206 em: Agosto 27, 2019, 02:35:01 am »
Ao menos nessa cor já parece mais bonito...

 :-P
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3919
  • Recebeu: 1816 vez(es)
  • Enviou: 692 vez(es)
  • +519/-69
 

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1101
  • Recebeu: 205 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-18
Re: KC-390 na FAP
« Responder #208 em: Agosto 31, 2019, 03:24:12 pm »
A única boa notícia no meio disto, é o sistema EW da Elbit, que deve ser do melhor que há no mercado.

De resto, até mesmo julgando pelas ilustrações das aeronaves com as cores nacionais, nem trarão as sondas de abastecimento aéreo.
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2844
  • Recebeu: 1245 vez(es)
  • Enviou: 2628 vez(es)
  • +481/-89
Re: KC-390 na FAP
« Responder #209 em: Agosto 31, 2019, 11:57:52 pm »
Para quê, para abastecer os aviões dos vizinhos? As únicas aeronaves da FAP às quais o reabastecimento aéreo traria uma vantagem operacional significativa são os F-16 e para isso o Ká-Cê não serve de muito.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye