Comparaçao da MGP com outras da UE

  • 53 Respostas
  • 3530 Visualizações
*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2883
  • Recebeu: 1291 vez(es)
  • Enviou: 2715 vez(es)
  • +497/-90
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #45 em: Maio 07, 2019, 01:36:56 am »
Acho que para essas funções específicas (obtenção de coordenadas de alvos navais para Harpoon, ou outros ASM) e para as funções genéricas de vigilância marítima, estamos bem servidos com os P-3C CUP+ e com os C-295M Persuader/VIMAR, ambos os modelos equipados com o excelente radar de Banda X (alta resolução) EL/M-2022A(V)3 da IAI, capaz de detectar alvos navais a mais de 200 nm (370 km), entre outros sensores . Se os actuais meios pudessem ser complementados por uns 03 ou 04 MQ-4C Triton seria ouro sobre azul, já estes drones podem ficar no ar mais de 24 horas consecutivas, dispõem de um radar superior e voam a uma altitude que é para aí o dobro da dos P-3, dispondo assim de um alcance sensorial muito superior.

Um AEW seria óptimo para vigilância aérea e naval, mas nesta última vertente não traria uma vantagem significativa face aos equipamentos que dispomos actualmente. Recordo que o próprio E-3 quando foi lançado não tinha sequer um modo marítimo. No entanto, se estivesse encarregado das aquisições militares, rapidamente adquiria uns 04 E-2C do Boneyard  para colmatar as falhas de cobertura dos actuais radares fixos sobre as áreas oceânicas e para backup em caso de avaria ou destruição destes.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: LM, dc

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1140
  • Recebeu: 221 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-20
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #46 em: Maio 07, 2019, 03:05:35 am »
De facto uns UAVs desses (MQ-4C) dariam imenso jeito. Calculo que o custo de hora de voo seja uma fracção do custo de um P-3?
E seriam muito caros de adquirir? Se comparado com uma aeronave de patrulha convencional.

Já agora, de acordo com a LPM, esta abrange a aquisição de dois tipos de UAV. Classe 2 e classe 3, 150kg e 600kg respectivamente. Que UAVs correspondem a estas classes?

Na minha opinião, um AWACS colmatava não só as limitações dos radares fixos, mas também a inexistência de fragatas de defesa aérea com os seus poderosos radares. Os radares fixos que possuímos são alvos fáceis e no caso da Madeira e Açores nem sequer temos aeronaves de combate perto para defendê-los de algum ataque aéreo (nem falo na inexistência de AA capazes). Se por alguma razão estes radares fossem destruídos, a única solução rápida seria colocar no ar uma aeronave destas, em rotação, pelo menos até ser transportado para o local um radar rebocado para substituir temporariamente o radar principal.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2883
  • Recebeu: 1291 vez(es)
  • Enviou: 2715 vez(es)
  • +497/-90
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #47 em: Maio 07, 2019, 05:03:51 am »
De facto uns UAVs desses (MQ-4C) dariam imenso jeito. Calculo que o custo de hora de voo seja uma fracção do custo de um P-3?
E seriam muito caros de adquirir? Se comparado com uma aeronave de patrulha convencional.

Já agora, de acordo com a LPM, esta abrange a aquisição de dois tipos de UAV. Classe 2 e classe 3, 150kg e 600kg respectivamente. Que UAVs correspondem a estas classes?

O Triton é demasiado caro para os nossos bolsos -- deve ficar entre os 200 e os 300 milhões de USD a unidade. Mas se lhe chamarem o Novo Trinton pode dar para confundir as finanças, nunca se sabe.  :mrgreen:

O Triton tem mais de 14 toneladas de massa, pelo que não se inclui em nenhuma dessas categorias. Mesmo o Reaper tem um MTOW superior a 4 toneladas. Mas o Predator original e o Heron (vazios) devem andar pelos 500/600 kg.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: dc

*

ocastilho

  • Membro
  • *
  • 78
  • Recebeu: 36 vez(es)
  • Enviou: 34 vez(es)
  • +21/-2
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #48 em: Maio 07, 2019, 09:54:36 am »


O Triton tem mais de 14 toneladas de massa, pelo que não se inclui em nenhuma dessas categorias. Mesmo o Reaper tem um MTOW superior a 4 toneladas. Mas o Predator original e o Heron (vazios) devem andar pelos 500/600 kg.


O predator vazio pesa 517 kg. E segundo a USAF no ano de 2009 quatro unidades custavam 20 milhões USD. Falta é saber se ainda se vendem.  :mrgreen:

Fonte: https://www.af.mil/About-Us/Fact-Sheets/Display/Article/104469/mq-1b-predator/
« Última modificação: Maio 07, 2019, 09:56:12 am por ocastilho »
"Se servistes à pátria, que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis, ela o que costuma."
 

*

MATRA

  • Membro
  • *
  • 223
  • Recebeu: 58 vez(es)
  • Enviou: 422 vez(es)
  • +16/-5
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #49 em: Maio 07, 2019, 10:10:39 am »


O Triton tem mais de 14 toneladas de massa, pelo que não se inclui em nenhuma dessas categorias. Mesmo o Reaper tem um MTOW superior a 4 toneladas. Mas o Predator original e o Heron (vazios) devem andar pelos 500/600 kg.


O predator vazio pesa 517 kg. E segundo a USAF no ano de 2009 quatro unidades custavam 20 milhões USD. Falta é saber se ainda se vendem.  :mrgreen:

Fonte: https://www.af.mil/About-Us/Fact-Sheets/Display/Article/104469/mq-1b-predator/

Citar
the Air Force won’t sell them to private organizations, Monroe said, and does not expect to sell or give them to allied nations through the Excess Defense Article Program for Security Cooperation.
https://www.airforcetimes.com/news/your-air-force/2018/02/16/air-force-announces-official-retirement-date-for-iconic-mq-1-predator/

Mas isto foi na altura que decidiram retirar, agora já podem ter mudado de opinião.
An appeaser is one who feeds a crocodile — hoping it will eat him last.
Sir Winston Churchill
 

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1140
  • Recebeu: 221 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-20
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #50 em: Maio 07, 2019, 03:56:36 pm »
Não há nenhum modelo israelita ou europeu que coincida com a classe 3?
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2883
  • Recebeu: 1291 vez(es)
  • Enviou: 2715 vez(es)
  • +497/-90
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #51 em: Maio 07, 2019, 04:36:16 pm »
O Heron é israelita. Já o Heron TP (EItan) está na mesma categoria do Reaper (MTOW de 5 toneladas).

https://www.uasvision.com/2019/02/26/india-buys-50-herons-in-500m-iai-deal/
« Última modificação: Maio 07, 2019, 04:41:26 pm por NVF »
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 1028
  • Recebeu: 211 vez(es)
  • Enviou: 1043 vez(es)
  • +102/-11
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #52 em: Maio 07, 2019, 07:55:35 pm »
O principal é, algum desses pode ser armado!?
 :mrgreen:
 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4145
  • Recebeu: 28 vez(es)
  • +60/-0
Re: Comparaçao da MGP com outras da UE
« Responder #53 em: Maio 08, 2019, 10:42:08 am »
Os espanhóis conseguiram seis Orbiter 3 por 3 milhões de euros.
Os Orbiter (salvo erro 2 e 4) são os modelos que usados pela MINUSCA no apoio às nossas FND (e restante força) no Afeganistão.
Não consigo, por desconhecimento, comparar as suas capacidades com outros equivalentes. Mas fiquei com a certeza que metade do sucesso da operação tem a ver com o operador.
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito