A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !

  • 151 Respostas
  • 9449 Visualizações
*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 7699
  • Recebeu: 335 vez(es)
  • Enviou: 596 vez(es)
  • +232/-205
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 995
  • Recebeu: 202 vez(es)
  • Enviou: 1015 vez(es)
  • +100/-11
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #76 em: Junho 02, 2019, 06:02:06 pm »
Já que falaram em misseis, no outro dia vi uma apresentação numa feira no Peru em que a marinha Peruana pegou nos Otomat MK2 que retirou dos navios que abateu e fizeram baterias costeiras com os misseis. Com 180 km de alcance não estão mal servidos.
Como o Harpoon já está mesmo nas lonas um projecto semelhante cá não seria má idea visto que a parte mais cara já temos que são os misseis, e para defesa costeira 120 km servem perfeitamente.

Ao minuto 6:38 :


 :)
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2844
  • Recebeu: 1246 vez(es)
  • Enviou: 2628 vez(es)
  • +482/-89
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #77 em: Junho 02, 2019, 06:02:47 pm »
Esquece, não temos de 2.000, ou 2.500 milhões de euros para adquirir 03 fragatas nos próximos 05 anos. Isso é completamente irrealista. E entre 03 VdG, com ou sem MLU da treta, prefiro 02 M com o MLU completo (ao contrário das nossas). As VdG, com ou sem MLU, vão passar a ser NPOs musculados e vão deixar de fazer parte dos SNMG dentro de poucos anos, pois de pouco servem.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1101
  • Recebeu: 205 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-18
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #78 em: Junho 02, 2019, 06:27:10 pm »
As Anzac vão ser retiradas tão cedo? Pensei que fossem só as Adelaide. Sendo assim, acho que preferia as Anzac, e até podiam ser adquiridas 3 unidades.
 

*

typhonman

  • Investigador
  • *****
  • 3046
  • Recebeu: 127 vez(es)
  • Enviou: 11 vez(es)
  • +128/-32
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #79 em: Junho 02, 2019, 07:48:02 pm »
Artigo 308º

Traição à Pátria

Quem, por meio de violência, ameaça de violência, usurpação ou abuso de funções de soberania:

a) Tentar separar da Mãe-Pátria, ou entregar a país estrangeiro ou submeter à soberania estrangeira, todo o território português ou parte dele
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3939
  • Recebeu: 1825 vez(es)
  • Enviou: 696 vez(es)
  • +522/-70
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #80 em: Junho 02, 2019, 08:24:16 pm »
https://www.naval.com.br/blog/2019/06/02/confidencial-marinha-do-brasil-avalia-compra-de-navios-usados-da-australia-do-canada-dos-eua-e-do-japao/

muito engraçado este artigo......sobre as prováveis escolhas do Brasil!

Os sensores, em particular os radares rotativos a serem adquiridos no quadro de um putativo MLU, com quase toda a certeza não poderão ser utilizados numa futura fragata que, espera-se, tenha radares AESA com antenas fixas. No entanto, certos elementos a nível de armamento poderão ser utilizados em futuras fragatas novas, o que se enquadra na declaração do CEMGFA: "preparar a compra de novas fragatas dentro de alguns anos". Exemplos: peça 127 mm BAE Mk 45 Mod 4, sistema Raytheon RAM Mk31 para 21 mísseis RAM Block 2 (posição B), torpedos Mk 54, Harpoon Block II, Mk 41 VLS para 32 ESSM Block 2, Protector RWS para M2 12.7 (ou outro RWS semelhante).


NVF, quanto ás opções de armamento que referes para as futuras modernizações das VdG, estou completamente de acordo, só não concordo com as modernizações das ditas Fragatas pois pecam por muitíssimo tardias !

Na minha opinião de leigo na Matéria, a hipótese da modernização das VdG nem se deveria colocar, deveria ter sido efectuada no máximo há dez anos não agora, ir modernizar três Navios já com trinta ou mais anos, quando a modernização terminasse, quantos anos teria a última das três Fragatas 36, 37 ???
Nem refiro a qualidade das modernizações que seriam efectuadas, basta ver o que está a acontecer ás BD, e aos Patrulhas classe Tejo, para vermos o que irá acontecer com as modernizações das VdG





De acordo com informações saídas da marinha do Chile, este País estaria interessado na aquisição de duas fragatas da classe Adelaide, as OZP da marinha Australiana e abandonaria a intenção de comprar as duas M Holandesas.

https://www.navalnews.com/naval-news/2019/02/chilean-navy-interested-in-the-adelaide-class-frigates/



Se tal acontecer, penso que as VdG terão os seus dias contados, e, as duas M virão cá parar mas, a meu ver será cometer dois erros o primeiro serem apenas duas unidades a substituir três e segundo a idade das Fragatas em questão.

A não haver dinheiro para a compra de três fragatas Novas, bem podemos sonhar mas os Bancos irão continuar a sugar os nossos impostos,  a única opção será a aquisição de três Anzac Australianas, primeiro por serem pelo menos doze anos mais novas que as VdG, depois por já terem sido modernizadas, e terceiro por podermos substituir as três VdG por igual numero de Navios, e quarto vão começar a estar disponíveis daqui a cinco anos!!
As VdG estão modernizadas daqui a cinco anos ???
Não me parece !!


Com 30 anos só remotorizadas, com novos radares principais e NH90 (ou MH-60R). É uma pena, quanto a mim, o abandono das VdG sem se pensar em substitutos adequados. Pessoalmente, também acho que o desenho é melhor que o das M e com maior capacidade para melhoramentos (por ex, MK41 VLS).

Se olharmos com um pouco de atenção existe uma Marinha que, daqui a uns seis/oito anos começará a substituir as suas MEKO pelas Type 26 é só vermos se nos interessam.

.....Planned replacement

The RAN plans to begin removing their Anzacs from service from 2024 onwards.[75]
To replace them, the Hunter class of new frigates will be built under the SEA 5000 acquisition project.[75] The frigates are predicted to have a displacement of up to 7,000 tonnes (6,900 long tons; 7,700 short tons), and although they will be primarily oriented towards anti-submarine warfare, they are expected to be capable of also operating against air, sea-surface, and land targets.[75][76] Originally eight vessels were planned, but by August 2015, the number of planned ships had increased to nine, with an estimated cost of $20 billion.[75][77]
Construction is predicted to commence in 2020.[76]
The Abbott Government promised that the two-decade construction project will be headquartered in South Australia, with shipbuilding divided between ASC Pty Ltd in South Australia and BAE Systems' Williamstown Dockyard in Victoria.[77]
On 18 April 2016, Prime Minister Malcolm Turnbull (Abbott's successor) confirmed that BAE Systems' Type 26-class, Fincantieri's FREMM-class and a re-designed F-100-class frigate designed by Navantia had been shortlisted to replace the ANZAC-class in Australia. The Prime Minister confirmed that any frigate will be built in Adelaide and incorporate an Australian CEA phased array radar.
The program is estimated to be worth $35 billion.
In June 2018 it was confirmed that BAE Systems’s Type 26 had won the SEA5000 competition, with the in service date for the new vessels being set for 2027.[78]


Como informação adicional as três unidades mais " Novas " da classe ANZAC, são de 2006, 2005 e 2004 , agora com doze, treze e catorze anos, daqui a oito anos terão.........bem, menos idade que as M Holandesas, e também já foram modernizadas !!!

https://en.wikipedia.org/wiki/Anzac-class_frigate



PS : também poderemos pensar em comprar, ou melhor ainda, construir em Portugal, três type 31, as versões pobres das Type 26, á BAe, por 250 Milhões de libras cada, são uma pechincha !!!!  ::) ;)



Abraços

NVF Claro que a comprar em 2ª Mão a minha escolha recairia sobre as de Zeven Provincien !!



Abraços
« Última modificação: Junho 02, 2019, 08:28:16 pm por tenente »
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3939
  • Recebeu: 1825 vez(es)
  • Enviou: 696 vez(es)
  • +522/-70
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #81 em: Junho 02, 2019, 08:25:08 pm »
As Anzac vão ser retiradas tão cedo? Pensei que fossem só as Adelaide. Sendo assim, acho que preferia as Anzac, e até podiam ser adquiridas 3 unidades.

Excelente artigo sobre todas as capacidades das ANZAC Australianas Pós modernização.

https://thaimilitaryandasianregion.wordpress.com/2016/08/25/anzac-class-frigate-australia/





Abraços
 

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 995
  • Recebeu: 202 vez(es)
  • Enviou: 1015 vez(es)
  • +100/-11
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #82 em: Junho 02, 2019, 09:47:10 pm »
As Anzac até estão em boa estado, modernas que baste e não são muito antigas, é pena não sairem de serviço mais cedo!
 :-P
 

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1101
  • Recebeu: 205 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-18
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #83 em: Junho 02, 2019, 11:22:51 pm »
https://www.naval.com.br/blog/2019/06/02/confidencial-marinha-do-brasil-avalia-compra-de-navios-usados-da-australia-do-canada-dos-eua-e-do-japao/

Na minha opinião poderiamos negociar com os USA, " 2 Arleigh Buirk" Flight I, e não modernizar as MEKO.

Cump,

Até que ponto é que 2 navios destes nos ficariam a um preço apelativo? Mesmo bem negociado, não deveriam ficar baratas... além do mais, devem ser caras de operar, manter e guarnecer.  :bang:
Mas em termos de capacidade... 2 destes faziam a vez de 3 ou 4 Karel Doorman.

As Anzac até estão em boa estado, modernas que baste e não são muito antigas, é pena não sairem de serviço mais cedo!
 :-P

Relativamente às Anzac, se de facto estiverem a planear retirá-las em 2024, acho que era um bom negócio para nós! Aliás, no mercado em segunda mão, por essa altura não vejo nada melhor. Nos tempos em que se falava num MLU a sério às VdG, sempre achei que este MLU fosse muito interessante.
 

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 995
  • Recebeu: 202 vez(es)
  • Enviou: 1015 vez(es)
  • +100/-11
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #84 em: Junho 03, 2019, 12:09:56 am »
Não me acredito que eles se livrem de alguma tão cedo. As Arleigh Burke tem um custo muito alto de operar pra nossa carroça, guarnição á volta dos 300 e motorização COGAG...
Pra não falar que só em armamento cada uma leva tanto como a nossa marinha toda. 90 celulas VLS mk 31 + o mk 141 para os Harpoon nas Flight I.
4 turbinas pra alimentar, obviamente por terem um deslocamento tão grande, + de 8000 toneladas.
Não acredito nem que eles se desfaçam de umas, nem que a gente tenha arcaboiço pra operar navios daqueles.
Uma AB vale a vontade 2 a 3 KD!

 :-P
 

*

dc

  • Especialista
  • ****
  • 1101
  • Recebeu: 205 vez(es)
  • Enviou: 32 vez(es)
  • +52/-18
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #85 em: Junho 03, 2019, 01:46:31 am »
É uma questão de ver quando é que os Australianos se livram das Anzac. Propunha até mesmo o cancelamento total do MLU das VdG, e deixar o dinheiro para quando ficassem disponíveis as Anzac.

Quanto às Arleigh Burke, seriam dos poucos casos em que se justificaria uma redução do número de navios, ficando 2 BD e duas AB. No entanto também acho pouco provável, a não ser que houvesse alguma negociação à séria por causa das Lajes, um eventual conflito com o Irão que fizesse com que esta base tomasse uma importância estratégica maior do que a que os americanos lhe dão actualmente.

Ora aqui imaginando a MP com 2 BD e 3 ou 4 Anzac... não ficávamos muito mal até 2030!
 

*

Stalker79

  • Especialista
  • ****
  • 995
  • Recebeu: 202 vez(es)
  • Enviou: 1015 vez(es)
  • +100/-11
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #86 em: Junho 03, 2019, 02:28:39 pm »
É preciso é deixar as duas mais velhas irem primeiro porque não estão equipadas pra lançar os ESSM.
Só a partir da Warramunga - FFG 152 é que tem os MLU´s feitos por completo!

"From Warramunga onwards, the frigates were launched with the ability to carry and fire the RIM-162 Evolved Sea Sparrow Missile (ESSM) as a replacement for the Sea Sparrow missile; these were quad-packed into the Mark 41 launcher for a payload of 32 missiles."

 :P

PS: Não percebo é porque carga d´agua é que os Australianos não puseram os Harpoon no mesmo local que todas as outras marinhas, ou seja atrás da ponte?
O espaço está lá!
Não creio que estar ali á frente sujeitos á carga do mar seja uma boa posição para fazer durar os misseis.



 

*

asalves

  • Perito
  • **
  • 412
  • Recebeu: 138 vez(es)
  • Enviou: 48 vez(es)
  • +20/-8
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #87 em: Junho 03, 2019, 02:58:37 pm »
É preciso é deixar as duas mais velhas irem primeiro porque não estão equipadas pra lançar os ESSM.
Só a partir da Warramunga - FFG 152 é que tem os MLU´s feitos por completo!

"From Warramunga onwards, the frigates were launched with the ability to carry and fire the RIM-162 Evolved Sea Sparrow Missile (ESSM) as a replacement for the Sea Sparrow missile; these were quad-packed into the Mark 41 launcher for a payload of 32 missiles."

 :P

PS: Não percebo é porque carga d´agua é que os Australianos não puseram os Harpoon no mesmo local que todas as outras marinhas, ou seja atrás da ponte?
O espaço está lá!
Não creio que estar ali á frente sujeitos á carga do mar seja uma boa posição para fazer durar os misseis.





Porque ali não estraga a pintura dos navios ?  :mrgreen:
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2844
  • Recebeu: 1246 vez(es)
  • Enviou: 2628 vez(es)
  • +482/-89
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #88 em: Junho 03, 2019, 02:58:44 pm »
Oh Stalker, tens que alargar as tuas fontes. Então os aussies iam gastar aquele dinheiro todo em novos radares xpto e depois não colocavam os ESSM em todos os navios? Achas que eles sao tugas, ou quê?  :mrgreen:

Citar
Sea Sparrow has been replaced by the evolved Sea Sparrow missile (ESSM) in HMAS Warramunga, Stuart and Parramatta, increasing the capacity from eight to 32 missiles, and the weapon system was declared operational on these vessels in June 2004. ESSM will be retrofitted in the first two Australian ships. HMAS Warramunga was the first vessel in the world to be fitted with the ESSM.
https://www.naval-technology.com/projects/anzac/

Quanto à colocação dos Harpoon à frente da ponte, acho que teve a ver com a distribuição de massa, mas não tenho a certeza. No entanto, a wiki diz isto:

Citar
The Australian Anzacs were fitted for but not with the launchers, but the original planned location on 02 deck was found to be unsuitable, and the launchers were relocated to 01 deck, in front of the bridge.
« Última modificação: Junho 03, 2019, 02:59:38 pm por NVF »
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

MATRA

  • Membro
  • *
  • 212
  • Recebeu: 55 vez(es)
  • Enviou: 377 vez(es)
  • +16/-4
Re: A Marinha Portuguesa e o Zero Naval !
« Responder #89 em: Junho 03, 2019, 02:59:06 pm »
E o pessoal a dar com as Arleigh Burke  :mrgreen:

1º Os EUA estão é a aumentar o número de AB, não se vão livrar delas.
2º Todos os Flight´s estão ter os upgrade´s necessários para ficarem no mínimo 45 anos ao serviço, possivelmente mais, uma vez que a Us Navy está a ver cada vez mais difícil conseguir ter no activo os 355 navios combatentes que a administração Thrump pretende.
3º Os EUA com certeza  não se importam de vender AB, mas, novas e construídas lá :) .

Citar
Navy Will Extend All DDGs to a 45-Year Service Life; ‘No Destroyer Left Behind’ Officials Say

https://news.usni.org/2018/04/12/navy-will-extend-ddgs-45-year-service-life-no-destroyer-left-behind-officials-say

 

 

Passos quer Marinha com nova "abertura ao mar"

Iniciado por zawevo

Respostas: 4
Visualizações: 3477
Última mensagem Maio 15, 2012, 09:42:43 am
por P44
Marinha entrega pela primeira vez comando de navio a mulher

Iniciado por Marauder

Respostas: 38
Visualizações: 11837
Última mensagem Maio 18, 2006, 09:03:15 am
por Pedro Monteiro
Fragatas e Corvetas Portuguesas a vela da Marinha 1815/1860

Iniciado por mkorobok

Respostas: 9
Visualizações: 3725
Última mensagem Julho 12, 2011, 12:13:30 pm
por mkorobok
Fará sentido comprar mais EH-101 para a marinha?

Iniciado por papatango

Respostas: 28
Visualizações: 10201
Última mensagem Setembro 12, 2005, 05:04:26 pm
por Rui Elias
Novo artigo sobre a Esquadrilha de Helicópteros da Marinha

Iniciado por Pedro Monteiro

Respostas: 0
Visualizações: 1831
Última mensagem Maio 06, 2009, 09:03:24 pm
por Pedro Monteiro