Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP

  • 284 Respostas
  • 26051 Visualizações
*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3818
  • Recebeu: 1742 vez(es)
  • Enviou: 667 vez(es)
  • +489/-68
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #60 em: Fevereiro 15, 2019, 05:10:35 pm »
« Última modificação: Fevereiro 15, 2019, 05:11:45 pm por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Charlie Jaguar

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3818
  • Recebeu: 1742 vez(es)
  • Enviou: 667 vez(es)
  • +489/-68
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #61 em: Fevereiro 15, 2019, 06:40:01 pm »
Ministro da Defesa assiste à chegada de novo helicóptero à Base Aérea de Beja
15 Fevereiro, 2019



A Base Aérea N.º 11, em Beja, recebe na próxima segunda-feira o novo helicóptero da Força Aérea Portuguesa (FAP), o Koala AW119, que substitui os Alouette III.
A cerimónia, marcada para o hangar da Esquadra 552 – “Zangões”, é presidida pelo Ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho.

De acordo com a Força Aérea Portuguesa, este novo helicóptero é um “monomotor, desenvolvido a partir do helicóptero bimotor AW109, do qual herdou as dimensões exteriores e interiores, assim como a redundância dos sistemas hidráulico, eléctrico e do combustível”.

A mesma fonte adianta que se trata de “um helicóptero extremamente versátil, capaz de operar em ambiente nocturno com a utilização de óculos de visão nocturna e cumprindo um leque bastante alargado de missões como sejam: instrução básica e avançada de voo, busca e salvamento, evacuação sanitária, patrulhamento e observação e apoio ao combate aos incêndios rurais”.

Está equipado com um trem de aterragem do tipo “patins”, com capacidade de instalação de flutuadores para a missão de busca e salvamento sobre ambiente marítimo e pode transportar até sete passageiros (além do piloto), ou uma maca e cinco passageiros, ou ainda 1400Kg em carga suspensa, onde se inclui um balde para o combate aos incêndios rurais.

https://www.radiopax.com/ministro-da-defesa-assiste-a-chegada-de-novo-helicoptero-a-base-aerea-de-beja/

Abraços
« Última modificação: Fevereiro 15, 2019, 06:41:30 pm por tenente »
 

*

Major Alvega

  • Perito
  • **
  • 539
  • Recebeu: 450 vez(es)
  • Enviou: 217 vez(es)
  • +282/-114
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #62 em: Fevereiro 15, 2019, 09:08:07 pm »
 Gostaria muito que a Sec. Estado da Defesa estivesse na apresentação do Koala e que proferisse algumas palavras sobre o helicóptero.

 Na última vez que a vi a falar de helicópteros, vira-se para um velho Lynx da Marinha e diz: "O helicóptero que está atrás de mim é uma ferramenta fundamental para a política da NATO."

 O país está entregue a estes meninoscos e meninoscas que não percebem nada de nada e que só lá foram metidos para preencher o lugar.
 No final da década que se avizinha seremos os mais pobres da UE. Mas como bons "tugas" (portugueses, isso é outra coisa) mesmo atulhados com a porcaria pelos joelhos sob um cheiro nauseabundo. Nunca perdemos a compostura e até estamos convencidos que somos muitos bons e que contamos para alguma coisa no mundo.
« Última modificação: Fevereiro 16, 2019, 02:11:35 pm por Major Alvega »
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3818
  • Recebeu: 1742 vez(es)
  • Enviou: 667 vez(es)
  • +489/-68
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #63 em: Fevereiro 17, 2019, 06:03:27 am »
Já cá estão !!

Chegaram os novos Koala AW-119 para a Força Aérea Portuguesa sábado, 16 de fevereiro de 2019






Chegaram hoje à Base Aérea de Beja os primeiros dois Koala AW-119 de uma aquisição de 5 que vão substituir os Alouette III da Esquadra 552, que estão ao serviço da Força Aérea desde os tempos da guerra colonial em África.



Em termos militares, estes helicópteros ligeiros podem cumprir as missões até agora desempenhadas pelos Alouette: instrução básica e avançada de voo, busca e salvamento, evacuação sanitária, patrulhamento e observação. Além destas missões, os Koala têm a capacidade de operar de noite e apoiar as operações de combate aos incêndios.



Os Koala AW119 têm a capacidade de transportar até sete passageiros ou uma maca e cinco passageiros podendo ainda deslocar ainda 1400 quilos de carga suspensa. O 29701 e 29702 já estão na Base Aérea de Beja.

Um agradecimento especial ao João Calado pela amabilidade da cedência das fotos da chegada dos 2 novos helicópteros a Beja.

http://cannontwo.blogspot.com/2019/02/

Abraços
« Última modificação: Fevereiro 17, 2019, 06:10:44 am por tenente »
 

*

zocuni

  • Especialista
  • ****
  • 982
  • Recebeu: 11 vez(es)
  • Enviou: 29 vez(es)
  • +24/-0
    • http://www.mochileiros.com
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #64 em: Fevereiro 17, 2019, 09:13:03 am »
Já cá estão !!

Chegaram os novos Koala AW-119 para a Força Aérea Portuguesa sábado, 16 de fevereiro de 2019






Chegaram hoje à Base Aérea de Beja os primeiros dois Koala AW-119 de uma aquisição de 5 que vão substituir os Alouette III da Esquadra 552, que estão ao serviço da Força Aérea desde os tempos da guerra colonial em África.



Em termos militares, estes helicópteros ligeiros podem cumprir as missões até agora desempenhadas pelos Alouette: instrução básica e avançada de voo, busca e salvamento, evacuação sanitária, patrulhamento e observação. Além destas missões, os Koala têm a capacidade de operar de noite e apoiar as operações de combate aos incêndios.



Os Koala AW119 têm a capacidade de transportar até sete passageiros ou uma maca e cinco passageiros podendo ainda deslocar ainda 1400 quilos de carga suspensa. O 29701 e 29702 já estão na Base Aérea de Beja.

Um agradecimento especial ao João Calado pela amabilidade da cedência das fotos da chegada dos 2 novos helicópteros a Beja.

http://cannontwo.blogspot.com/2019/02/

Abraços

Uma boa compra para o tipo de missoes que irá desempenhar.
zocuni
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 2332
  • Recebeu: 1127 vez(es)
  • Enviou: 633 vez(es)
  • +623/-172
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #65 em: Fevereiro 17, 2019, 09:33:40 am »
São bem catitas ao pé dos velhinhos "zingarelhos".  ;)

De notar a dimensão da Cruz de Cristo que é praticamente o dobro daquela aplicada nos Alouette III.

Um monomotor que irá operar também em missões nocturnas? Espero bem que tenha vindo convenientemente equipado para tal, já chega o tremendo risco de ser precisamente um aparelho com um só motor.
« Última modificação: Fevereiro 17, 2019, 09:36:04 am por Charlie Jaguar »
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3818
  • Recebeu: 1742 vez(es)
  • Enviou: 667 vez(es)
  • +489/-68
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #66 em: Fevereiro 17, 2019, 09:39:15 am »
São bem catitas ao pé dos velhinhos "zingarelhos".  ;)

De notar a dimensão da Cruz de Cristo que é praticamente o dobro daquela aplicada nos Alouette III.

Um monomotor que irá operar também em missões nocturnas? Espero bem que tenha vindo convenientemente equipado para tal, já chega o tremendo risco de ser precisamente um aparelho com um só motor.

Eu devo ser dos poucos, que continua a afirmar, que deveria ter sido adquirido um Bimotor, tendo em consideração que querem efectuar voos nocturnos e as muito prováveis missões SAR, Marítimas !
Em quanto ficariam os aw119 ou a109 biturbinas ???

Espero bem que a FAP apenas se fique com estes cinco monomotores !
A concretizar-se a compra dos tais Helis de apoio, que não se cometa o erro de irem para este modelo, que vão para o 169, se os custos não o permitirem que se atire a toalha ao chão, sem sabonete……. e comprem bimotores os TrekkerM ou os 109M !

Abraços
« Última modificação: Fevereiro 17, 2019, 09:50:12 am por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Major Alvega

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 2332
  • Recebeu: 1127 vez(es)
  • Enviou: 633 vez(es)
  • +623/-172
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #67 em: Fevereiro 17, 2019, 09:45:45 am »
Falta o FLIR, farol de busca e armamento. :jaja2: :mrgreen:


Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3818
  • Recebeu: 1742 vez(es)
  • Enviou: 667 vez(es)
  • +489/-68
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #68 em: Fevereiro 17, 2019, 09:52:47 am »
Falta o FLIR, farol de busca e armamento. :jaja2: :mrgreen:


Estas duas fotos do 119, até me metem medo.
Se os iluminados as topam, toca a ir comprar a versão de ataque deste monomotor, pelo simples motivo que já temos o mesmo modelo/tipo, mas para outras missões !!





Parece-me que as Cruzes de Cristo e o palavreado vão ser encolhidos !

Abraços
« Última modificação: Fevereiro 17, 2019, 10:01:06 am por tenente »
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 2332
  • Recebeu: 1127 vez(es)
  • Enviou: 633 vez(es)
  • +623/-172
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #69 em: Fevereiro 17, 2019, 10:58:52 am »
Mais fotos da chegada dos Koala a Beja ontem ao final da tarde, cortesia do Pássaro de Ferro.  :)

Citar
PRIMEIROS DOIS AW119 KOALA CHEGAM A BEJA [M2021 - 08/2019]
domingo, 17 de fevereiro de 2019 às 09:00

Os primeiros dois helicópteros Leonardo AW119 Koala chegaram ontem ao final da tarde, à Base Aérea nº11, em Beja. Fica o registo fotográfico que fará parte, evidentemente, dos dias da História da Força Aérea Portuguesa. O ínicio do fim de ciclo de mais de meio século dos velhos "zingarelhos" (Sud Aviation SA316 Alouette III), o início das operações de uma nova aeronave de asa rotativa, polivalente, na arma aérea nacional. A passagem de testemunho adivinha-se e vai ser difícil bater o Alouette III em longevidade e fidelidade.

http://www.passarodeferro.com/2019/02/primeiros-dois-aw119-koala-chegam-beja.html












Nota-se o suporte do farol de busca instalado sob o lado esquerdo da carlinga na primeira imagem, situado logo abaixo da porta do piloto. FLIR é que parece que continua a provocar urticária às chefias tanto da Força Aérea como da Marinha.  ::)
« Última modificação: Fevereiro 17, 2019, 11:04:43 am por Charlie Jaguar »
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, tenente

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5466
  • Recebeu: 1098 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +373/-136
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #70 em: Fevereiro 17, 2019, 11:25:37 am »
Já vem navalizado e tudo (já não existe desculpa para não operar dos NPO)... ;D ;D :mrgreen: :mrgreen:









https://www.verticalmag.com/press-releases/leonardo-partners-with-ilandmiami-for-convenient-art-basel-event-transportation/

Saudações  :-P ;)
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4140
  • Recebeu: 28 vez(es)
  • +58/-0
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #71 em: Fevereiro 17, 2019, 12:24:54 pm »
Estas duas fotos do 119, até me metem medo.
Se os iluminados as topam, toca a ir comprar a versão de ataque deste monomotor, pelo simples motivo que já temos o mesmo modelo/tipo, mas para outras missões !!





Parece-me que as Cruzes de Cristo e o palavreado vão ser encolhidos !

Abraços

https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/portugal--vai-ter-seis-helis-de-ataque
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 3818
  • Recebeu: 1742 vez(es)
  • Enviou: 667 vez(es)
  • +489/-68
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #72 em: Fevereiro 17, 2019, 01:09:12 pm »
Estas duas fotos do 119, até me metem medo.
Se os iluminados as topam, toca a ir comprar a versão de ataque deste monomotor, pelo simples motivo que já temos o mesmo modelo/tipo, mas para outras missões !!





Parece-me que as Cruzes de Cristo e o palavreado vão ser encolhidos !

Abraços

https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/portugal--vai-ter-seis-helis-de-ataque

A notícia vinda de onde vem, vale o que vale.
Espero bem que haja bom senso e se adquira :
1) um modelo bimotor;
2) de maior capacidade, de transporte, no mínimo uma secção de infantaria completa;
3) que possa ser usado também para evacuação médica e transporte duas, de preferência três macas .

Este 119Kx veio substituir o ALIII Monomotor, comprado na decada de 60, há mais de cinquenta anos, qual foi a vantagem desta substituição ??
à já sei foram a idade do ALIII e os instrumentos de bordo do 119 por que são  "state of the art ", não sendo por isso, não sei porque motivo compraram o 119.

Abraços
 
« Última modificação: Fevereiro 17, 2019, 01:10:33 pm por tenente »
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 2816
  • Recebeu: 1210 vez(es)
  • Enviou: 2564 vez(es)
  • +459/-88
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #73 em: Fevereiro 17, 2019, 02:01:37 pm »
Estou a fazer um esforço enorme para não comentar este thread. Esta aquisição é demasiado miserabilista para merecer qualquer tipo de comentário mais sério. Um pouco como os Tejo, os VdC, e os MLU às fragata, aos Lynx e às G3 dos fuzileiros.
Everyone you will ever meet knows something that you don't.
- Bill Nye
 

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 2332
  • Recebeu: 1127 vez(es)
  • Enviou: 633 vez(es)
  • +623/-172
Re: Leonardo AW119 Mk.II Koala na FAP
« Responder #74 em: Fevereiro 17, 2019, 02:18:22 pm »
Estas duas fotos do 119, até me metem medo.
Se os iluminados as topam, toca a ir comprar a versão de ataque deste monomotor, pelo simples motivo que já temos o mesmo modelo/tipo, mas para outras missões !!





Parece-me que as Cruzes de Cristo e o palavreado vão ser encolhidos !

Abraços

https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/portugal--vai-ter-seis-helis-de-ataque


Aeronaves de evacuação com artilheiros ou equipados com ninhos de metralhadoras ou foguetes dificilmente poderão ser considerados helicópteros de ataque.

Além disso o número agora apontado é de 5 e não 6 aparelhos.

Bom, já há dados mais concretos: 5 helicópteros por 53M€. Resta saber qual será o escolhido.

Citar
Exército procura helicópteros para apoiarem militares na República Centro-Africana
Chefe do Estado-Maior do Exército reuniu pela primeira vez com a Comissão parlamentar de Defesa, onde falou sobre a revisão da Lei de Programação Militar.

Manuel Carlos Freire
23 Janeiro 2019 — 16:05

O general Nunes da Fonseca informou o Parlamento que o Exército está a "fazer esforços" para os militares destacados na República Centro-Africana (RCA) terem apoio de helicópteros armados de "outros países" nas suas operações de combate. A informação doi dada pelo chefe do Estado-Maior do Exército na sua primeira audição com a Comissão parlamentar de Defesa, centrada na discussão da proposta de revisão da Lei de Programação Militar (LPM) e que também serviu para o general apresentar a diretiva estratégica do seu mandato. Os helicópteros "são fundamentais e há um défice" desses aparelhos na RCA, sendo "muito útil" que estivessem a dar apoio aos capacetes azuis portugueses e que "viessem quanto antes" aqueles que Portugal vai adquirir, disse o CEME.

Mas como tão depressa não virão, pois "não há" aeronaves de asa rotativa disponíveis no mercado ou para construir "no prazo de dois anos", a opção passa por tentar que alguns dos países com esses meios no terreno os possam destacar para as missões que os portugueses são chamados a cumprir enquanto força de reação rápida da ONU. Portugal vai adquirir cinco helicópteros para apoiar as operações das forças terrestres, cabendo à Força Aérea operá-los e mantê-los - algo que até há pouco tempo era visto no Exército como uma linha vermelha, mas que o atual CEME disse "não se traduzir num grande desconforto se, no momento exato, estiverem disponibilizados [pela Força Aérea] para intervirem" com as tropas no terreno. "Entendemos que, mais do que gerir os helicópteros ou ter na nossa posse, [o importante] é dispor dos mesmos no momento e quantidade necessária", destacou o general Nunes da Fonseca.

Esta posição do CEME, quando questionado diretamente pelo PSD sobre o facto de o Exército não adquirir nem operar helicópteros próprios, acabou por ser um exemplo do que foi a sua audição de três horas: evitar respostas que suscitassem polémica. Daí que Ascenso Simões (PS) tivesse observado que Nunes da Fonseca recorreu à "tática dos três Pês, paciência, prudência e perseverança" - a que poderia ter juntado "a letra E, de energia".

A proposta de Lei de Programação Militar (LPM) destina 762,5 milhões de euros para o Exército ao longo dos próximos 12 anos, privilegiando a modernização e reequipamento da sua componente ligeira. O Exército votou inicialmente contra a proposta em Conselho de Chefes de Estado-Maior, por entender que estava a ser prejudicado - embora, como lembrou o PCP, o custo de cada um dos seus programas seja muito inferior aos da Força Aérea ou da Marinha - mas, agora e tudo somado, considera que he permite cumprir as suas missões em território nacional e no exterior.

https://www.dn.pt/poder/interior/exercito-procura-helicopteros-para-apoiarem-militares-na-republica-centro-africana-10477519.html


Estou a fazer um esforço enorme para não comentar este thread. Esta aquisição é demasiado miserabilista para merecer qualquer tipo de comentário mais sério. Um pouco como os Tejo, os VdC, e os MLU às fragata, aos Lynx e às G3 dos fuzileiros.

E não deixas de ter razão. Só que entre isto e nada, entre o zero e irrelevância aeronáutica e nada... :-\
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)