Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER

  • 86 Respostas
  • 24654 Visualizações
*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5484
  • Recebeu: 1120 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +381/-136
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #45 em: Agosto 11, 2015, 10:26:33 am »
Salvo erro agora já estão 3 Kamov operacionais e 3 Écureuil (o que caiu como tinha seguro foi substituído por outro). O lamentavel foi não terem alugado mais pois, como aliás previ, o preço agora pedido era muito alto.


Citar
O presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) disse hoje que três dos cinco helicópteros Kamov estão operacionais para combater os incêndios florestais, sendo a recuperação dos outros dois "demorada e complexa".

Francisco Grave Pereira disse também que foi ponderada a possibilidade de alugar outros meios pesados para substituir os Kamov, mas foi descartada essa hipótese, ao ser feita uma ponderação entre preço, histórico do dispositivo a funcionar com os cinco helicópteros e comportamento de todos os meios envolvidos.

Na conferência de imprensa, o comandante operacional nacional, José Manuel Moura, afirmou que se tem conseguido dar, até agora, uma resposta operacional com os 47 meios aéreos.

Devido aos problemas dos helicópteros Kamov, detetados durante o processo de transferência para a empresa que ganhou o concurso público de operação e manutenção dos aparelhos para os próximos quatro anos, a ministra da Administração Interna, Anabela Rodrigues, determinou, em junho, à Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI), a abertura de um inquérito.

http://www.sapo.pt/noticias/recuperacao-de-dois-kamov-vai-ser-demorada-e-_55c0cbf1dfda06b616934b1d
Lá por fora as f.a. continuam a ajudar os meios privados mas por cá era mau para o negócio.  :roll:



Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 4148
  • Recebeu: 1970 vez(es)
  • Enviou: 753 vez(es)
  • +551/-71
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #46 em: Agosto 11, 2015, 02:33:31 pm »
Citação de: "mafets"
Salvo erro agora já estão 3 Kamov operacionais e 3 Écureuil (o que caiu como tinha seguro foi substituído por outro). O lamentavel foi não terem alugado mais pois, como aliás previ, o preço agora pedido era muito alto.


Citar
O presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) disse hoje que três dos cinco helicópteros Kamov estão operacionais para combater os incêndios florestais, sendo a recuperação dos outros dois "demorada e complexa".

Francisco Grave Pereira disse também que foi ponderada a possibilidade de alugar outros meios pesados para substituir os Kamov, mas foi descartada essa hipótese, ao ser feita uma ponderação entre preço, histórico do dispositivo a funcionar com os cinco helicópteros e comportamento de todos os meios envolvidos.

Na conferência de imprensa, o comandante operacional nacional, José Manuel Moura, afirmou que se tem conseguido dar, até agora, uma resposta operacional com os 47 meios aéreos.

Devido aos problemas dos helicópteros Kamov, detetados durante o processo de transferência para a empresa que ganhou o concurso público de operação e manutenção dos aparelhos para os próximos quatro anos, a ministra da Administração Interna, Anabela Rodrigues, determinou, em junho, à Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI), a abertura de um inquérito.

http://www.sapo.pt/noticias/recuperacao-de-dois-kamov-vai-ser-demorada-e-_55c0cbf1dfda06b616934b1d
Lá por fora as f.a. continuam a ajudar os meios privados mas por cá era mau para o negócio.  :roll:



Cumprimentos

Só possuímos um Kamov Operacional, pelo menos ontem só estava um no activo .
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8632
  • Recebeu: 805 vez(es)
  • Enviou: 1337 vez(es)
  • +89/-34
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #47 em: Agosto 11, 2015, 04:29:50 pm »
Este tópico era para ser apenas sobre os Bombardier...
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 4148
  • Recebeu: 1970 vez(es)
  • Enviou: 753 vez(es)
  • +551/-71
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #48 em: Agosto 12, 2015, 08:20:43 am »
Citação de: "HSMW"
Este tópico era para ser apenas sobre os Bombardier...

pois era mas vá se lá saber o porquê das derivas a que os tópicos neste fórum estão sujeitos, fala-se de tudo menos do que ao tópico diz respeito....... :lol:  :lol:  :lol: .
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 4148
  • Recebeu: 1970 vez(es)
  • Enviou: 753 vez(es)
  • +551/-71
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #49 em: Agosto 09, 2016, 08:55:07 pm »
O melhor dos melhores CL415 é sem dúvida este o CL415MP
a polivalência deste meio aéreo é a sua grande mais valia

http://www.bombardier.com/en/aerospace/amphibious-aircraft.html

http://www.redstar.gr/Foto_red/Eng/HAF/Air_Power_CL415MP.html

Abraços
« Última modificação: Agosto 09, 2016, 09:02:08 pm por tenente »
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 15086
  • Recebeu: 1031 vez(es)
  • Enviou: 964 vez(es)
  • +174/-170
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #50 em: Agosto 10, 2016, 02:52:43 pm »
O melhor dos melhores CL415 é sem dúvida este o CL415MP
a polivalência deste meio aéreo é a sua grande mais valia

http://www.bombardier.com/en/aerospace/amphibious-aircraft.html

http://www.redstar.gr/Foto_red/Eng/HAF/Air_Power_CL415MP.html

Abraços

Já se compravam uns 5, não?! >:(

Para a FAP!!!
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 4148
  • Recebeu: 1970 vez(es)
  • Enviou: 753 vez(es)
  • +551/-71
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #51 em: Agosto 10, 2016, 02:58:46 pm »
O melhor dos melhores CL415 é sem dúvida este o CL415MP
a polivalência deste meio aéreo é a sua grande mais valia

http://www.bombardier.com/en/aerospace/amphibious-aircraft.html

http://www.redstar.gr/Foto_red/Eng/HAF/Air_Power_CL415MP.html

Abraços

Já se compravam uns 5, não?! >:(

Para a FAP!!!

Já deveriam estar ao Serviço da FAP há uns bons anos e pelo menos seis unidades que eram as que necessitávamos, não só para os combates aos FF como para nos meses de inverno efectuarem a patrulha marítima, ou serem mesmo alugados a terceiros,  ao invés de andarmos ano após ano a alugar meios aéreos, e, mais grave, meios deste mesmo modelo e a mendigarmos mais uns quantos como este ano já aconteceu com dois Canadairs Espanhóis e uma aeronave Italiana do mesmo tipo, e o que é engraçado é que este equipamento para os outros Países é adequado combatendo os incêndios FF de há muitos anos a esta parte, mas, para PORTUGAL não serve ???????
No entanto andamos a alugar anualmente o mesmo tipo de aeronaves, Tenham Vergonha !!!!!

Abraços
« Última modificação: Agosto 10, 2016, 03:02:56 pm por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF, Lightning, Stalker79

*

oi661114

  • Membro
  • *
  • 146
  • Recebeu: 29 vez(es)
  • Enviou: 146 vez(es)
  • +15/-180
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #52 em: Agosto 10, 2016, 05:52:48 pm »
O melhor dos melhores CL415 é sem dúvida este o CL415MP
a polivalência deste meio aéreo é a sua grande mais valia

http://www.bombardier.com/en/aerospace/amphibious-aircraft.html

http://www.redstar.gr/Foto_red/Eng/HAF/Air_Power_CL415MP.html

Abraços

Já se compravam uns 5, não?! >:(

Para a FAP!!!



Pois, a bandeira portuguesa está lá no avião ... ::)
« Última modificação: Agosto 10, 2016, 05:56:35 pm por oi661114 »
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 5484
  • Recebeu: 1120 vez(es)
  • Enviou: 602 vez(es)
  • +381/-136
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #53 em: Agosto 10, 2016, 06:08:42 pm »
O melhor dos melhores CL415 é sem dúvida este o CL415MP
a polivalência deste meio aéreo é a sua grande mais valia

http://www.bombardier.com/en/aerospace/amphibious-aircraft.html

http://www.redstar.gr/Foto_red/Eng/HAF/Air_Power_CL415MP.html

Abraços

Já se compravam uns 5, não?! >:(

Para a FAP!!!

Já deveriam estar ao Serviço da FAP há uns bons anos e pelo menos seis unidades que eram as que necessitávamos, não só para os combates aos FF como para nos meses de inverno efectuarem a patrulha marítima, ou serem mesmo alugados a terceiros,  ao invés de andarmos ano após ano a alugar meios aéreos, e, mais grave, meios deste mesmo modelo e a mendigarmos mais uns quantos como este ano já aconteceu com dois Canadairs Espanhóis e uma aeronave Italiana do mesmo tipo, e o que é engraçado é que este equipamento para os outros Países é adequado combatendo os incêndios FF de há muitos anos a esta parte, mas, para PORTUGAL não serve ???????
No entanto andamos a alugar anualmente o mesmo tipo de aeronaves, Tenham Vergonha !!!!!

Abraços

A volta de 150 milhões de euros fora contratos, peças, etc, por inegável utilidade que tenham durante todo o ano, não estou a ver. Principalmente quando nem dinheiro para os restantes "Tejo", as suas calibre .50 e os seus radares de navegação existe. Mais isto sou eu, que face à negociata dos incêndios entre políticos e privados, principalmente quanto a meios aéreos, nem um Airtractor em segunda mão vejo o estado adquirir... ::)
 


Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

perdadetempo

  • Perito
  • **
  • 495
  • Recebeu: 165 vez(es)
  • Enviou: 311 vez(es)
  • +28/-1
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #54 em: Outubro 14, 2016, 06:21:11 pm »
A BOMBARDIER vendeu à  Viking Air Limited. os (type certificates) dos CL-215 e CL-415 que ficará a ser o único responsável pela manutenção, certificação/fornecimento de peças e eventual construção destas aeronaves.

fica aqui os links,
cumps,

http://fireaviation.com/2016/06/21/bombardier-sells-their-air-tanker-business/

http://www.bombardier.com/en/media/newsList/details.bca-201600620-bombardier-announces-a-definitive-agreement-for-th.bombardiercom.html

http://www.vikingair.com/
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 1711
  • Recebeu: 191 vez(es)
  • Enviou: 435 vez(es)
  • +7/-1
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #55 em: Agosto 19, 2017, 03:28:57 pm »
Continua o esforço para retomar a produção. Só nos ficava bem assinar uma letter of intent para 2 aeronaves, visto até que temos políticos que adoram assinar essas coisas e até as autárquicas estão aí à porta.

Global water bomber manufacturing program and '900 new jobs' could be headed for Calgary (1 de Junho de 2017)

Viking Air looking at new production of Bombardier CL-415
(18 de Agosto de 2017)
Citação de: David Pugliese / Ottawa Citizen
Viking Air of British Columbia is looking at whether it is worthwhile to begin new production of the Bombardier CL-415.

In 2016, Viking acquired Bombardier’s Amphibious Aircraft program, which includes Type Certificates for CL-215 and CL-415 and after-market services.

(...)

Viking president David Curtis told Carla Wilson of the Victoria Times Colonist that he is finalizing a business case to start building the CL-415. Curtis is going before the company’s board in two weeks to seek a green light to start talking to potential customers about the plane, the article noted.

"We have interest from around the globe," Curtis told Wilson.

A pause on the manufacture of Viking’s Twin Otter 400 aircraft has resulted in 212 employees being temporarily laid off both in the Victoria area and in Calgary, Alberta where the company has facilities. It will remain to be seen whether Viking proceeds with production of the water bomber. In May, the Calgary Sun was reporting on similar plans on the CL-415 that Viking said could bring up to 900 new jobs to Calgary. "What we’re looking to do is something very similar to what we did with the Twin Otter," Curtis told the Sun. "As you can imagine, it’s a pretty complex financing program to ramp it all up. You need customers on board, you need financing behind it. But we’ve already invested a significant amount."

In the past, Bombardier marketed the CL-415 not only as a forest fire fighting platform but one that could be used for specialized military and security missions.
Fonte: http://ottawacitizen.com/news/national/defence-watch/viking-air-looking-at-taking-over-production-of-bombardier

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: HSMW

*

Charlie Jaguar

  • Investigador
  • *****
  • 2440
  • Recebeu: 1216 vez(es)
  • Enviou: 728 vez(es)
  • +701/-172
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #56 em: Agosto 21, 2017, 01:08:04 pm »
Continua o esforço para retomar a produção. Só nos ficava bem assinar uma letter of intent para 2 aeronaves, visto até que temos políticos que adoram assinar essas coisas e até as autárquicas estão aí à porta.

Global water bomber manufacturing program and '900 new jobs' could be headed for Calgary (1 de Junho de 2017)

Viking Air looking at new production of Bombardier CL-415
(18 de Agosto de 2017)
Citação de: David Pugliese / Ottawa Citizen
Viking Air of British Columbia is looking at whether it is worthwhile to begin new production of the Bombardier CL-415.

In 2016, Viking acquired Bombardier’s Amphibious Aircraft program, which includes Type Certificates for CL-215 and CL-415 and after-market services.

(...)

Viking president David Curtis told Carla Wilson of the Victoria Times Colonist that he is finalizing a business case to start building the CL-415. Curtis is going before the company’s board in two weeks to seek a green light to start talking to potential customers about the plane, the article noted.

"We have interest from around the globe," Curtis told Wilson.

A pause on the manufacture of Viking’s Twin Otter 400 aircraft has resulted in 212 employees being temporarily laid off both in the Victoria area and in Calgary, Alberta where the company has facilities. It will remain to be seen whether Viking proceeds with production of the water bomber. In May, the Calgary Sun was reporting on similar plans on the CL-415 that Viking said could bring up to 900 new jobs to Calgary. "What we’re looking to do is something very similar to what we did with the Twin Otter," Curtis told the Sun. "As you can imagine, it’s a pretty complex financing program to ramp it all up. You need customers on board, you need financing behind it. But we’ve already invested a significant amount."

In the past, Bombardier marketed the CL-415 not only as a forest fire fighting platform but one that could be used for specialized military and security missions.
Fonte: http://ottawacitizen.com/news/national/defence-watch/viking-air-looking-at-taking-over-production-of-bombardier

Cumprimentos,

Sim, era uma excelente oportunidade para a trupe de circo Costa & Cia.

Dois já não eram maus; aliás, o que será feito do par de Canadairs/Bombardiers que era para vir no tempo do Passos Coelho por 37M USD cada, mais um mistério dos muitos que assolam há décadas a política portuguesa.  ::)

Contudo, duas aeronaves é claramente pouco. É melhor do que nada, verdade seja dita, porém basta uma avaria ou estar um deles em manutenção e volta-se à estaca zero, ou seja, sem meios aéreos pesados próprios e lá se volta de novo a ter de pedir ajuda aos vizinhos.
« Última modificação: Agosto 21, 2017, 01:09:48 pm por Charlie Jaguar »
Saudações Aeronáuticas,
Charlie Jaguar

         "PER ASPERA AD ASTRA"
               (Por Caminhos Árduos, Até Às Estrelas)
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Get_It, tenente, jorgeshot1

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 4148
  • Recebeu: 1970 vez(es)
  • Enviou: 753 vez(es)
  • +551/-71
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #57 em: Agosto 21, 2017, 02:10:07 pm »
Continua o esforço para retomar a produção. Só nos ficava bem assinar uma letter of intent para 2 aeronaves, visto até que temos políticos que adoram assinar essas coisas e até as autárquicas estão aí à porta.

Global water bomber manufacturing program and '900 new jobs' could be headed for Calgary (1 de Junho de 2017)

Viking Air looking at new production of Bombardier CL-415
(18 de Agosto de 2017)
Citação de: David Pugliese / Ottawa Citizen
Viking Air of British Columbia is looking at whether it is worthwhile to begin new production of the Bombardier CL-415.

In 2016, Viking acquired Bombardier’s Amphibious Aircraft program, which includes Type Certificates for CL-215 and CL-415 and after-market services.

(...)

Viking president David Curtis told Carla Wilson of the Victoria Times Colonist that he is finalizing a business case to start building the CL-415. Curtis is going before the company’s board in two weeks to seek a green light to start talking to potential customers about the plane, the article noted.

"We have interest from around the globe," Curtis told Wilson.

A pause on the manufacture of Viking’s Twin Otter 400 aircraft has resulted in 212 employees being temporarily laid off both in the Victoria area and in Calgary, Alberta where the company has facilities. It will remain to be seen whether Viking proceeds with production of the water bomber. In May, the Calgary Sun was reporting on similar plans on the CL-415 that Viking said could bring up to 900 new jobs to Calgary. "What we’re looking to do is something very similar to what we did with the Twin Otter," Curtis told the Sun. "As you can imagine, it’s a pretty complex financing program to ramp it all up. You need customers on board, you need financing behind it. But we’ve already invested a significant amount."

In the past, Bombardier marketed the CL-415 not only as a forest fire fighting platform but one that could be used for specialized military and security missions.
Fonte: http://ottawacitizen.com/news/national/defence-watch/viking-air-looking-at-taking-over-production-of-bombardier

Cumprimentos,

Sim, era uma excelente oportunidade para a trupe de circo Costa & Cia.

Dois já não eram maus; aliás, o que será feito do par de Canadairs/Bombardiers que era para vir no tempo do Passos Coelho por 37M USD cada, mais um mistério dos muitos que assolam há décadas a política portuguesa.  ::)

Contudo, duas aeronaves é claramente pouco. É melhor do que nada, verdade seja dita, porém basta uma avaria ou estar um deles em manutenção e volta-se à estaca zero, ou seja, sem meios aéreos pesados próprios e lá se volta de novo a ter de pedir ajuda aos vizinhos.

no Exercito aprendi o seguinte CJ:
dois = a um
Um = a zero

se fossem seis era o mínimo dos mínimos !!!!

Abraços
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Charlie Jaguar, HSMW

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 1711
  • Recebeu: 191 vez(es)
  • Enviou: 435 vez(es)
  • +7/-1
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #58 em: Agosto 23, 2017, 08:17:51 am »
se fossem seis era o mínimo dos mínimos !!!!
Pronto, 4 com a opção para mais 2 e não se fala mais nisso. ;)

Dois já não eram maus; aliás, o que será feito do par de Canadairs/Bombardiers que era para vir no tempo do Passos Coelho por 37M USD cada, mais um mistério dos muitos que assolam há décadas a política portuguesa.  ::)
É impressionante que a compra dos Canadair já vem de antes do governo do Coellho; é estudos e propostas com anos e mais anos. O Miguel Macedo foi provavelmente quem andou mais na nossa imprensa a falar de boca cheia acerca da compra de aviões pesados de combate aos incêndios: Portugal estuda compra de aviões usados a Espanha para combater fogos (24 de Março de 2014).

Citação de: Celso Paiva Sol / Renascença
A Renascença sabe que em cima da mesa de Miguel Macedo está a hipótese de comprar a Espanha aviões Canadair em segunda mão.

O Governo pondera comprar aviões usados de combate a incêndios, em vez dos novos Canadair que o ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, admitiu adquirir.

A Renascença sabe que em cima da mesa de Miguel Macedo está a hipótese de comprar a Espanha aviões Canadair em segunda mão.

Por se tratarem de aviões usados, Portugal poderá comprar mais do que os dois inicialmente pensados.

(...)

Portugal recusou €50 milhões da UE para compra de aviões
(28 de Agosto de 2016)
Citação de: Joana Nunes Mateus, Paulo Paixão / Expresso
A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) não aceitou a disponibilidade dos fundos europeus do Portugal 2020 para a compra de dois aviões pesados anfíbios de combate a incêndios com um "desconto" que podia chegar aos 85%.

O convite esteve aberto até 29 de Fevereiro de 2016, mas a ANPC optou por não apresentar qualquer candidatura. Em causa estavam €50 milhões, a fundo perdido, para comparticipar, até 85%, a compra das duas aeronaves.

A decisão do actual Governo causou estranheza na ‘máquina’ que trata dos fundos comunitários, até porque não foi nada fácil, durante o anterior Executivo, convencer a Comissão Europeia a aceitar desembolsar dinheiro para Portugal adquirir aviões.
Ao que o Expresso apurou, Bruxelas evita subsidiar meios de transporte e, no âmbito das negociações do Portugal 2020, Lisboa teve de justificar quão decisivo era este investimento.

Portugal «é o único país do sul da Europa que ainda não dispõe deste tipo de meios», ficando «dependente do mercado internacional de locação durante a época mais crítica de combate a incêndios florestais, mercado esse cada vez mais exíguo e oneroso», lê-se no convite do Portugal 2020 que a ANPC recusou.

O gabinete do secretário de Estado da Administração Interna (SEAI), Jorge Gomes, explicou ao Expresso as razões da recusa: «Não basta comprar os aviões. É preciso garantir a operação e manutenção, os voos de treino, os salários dos pilotos e mecânicos, a substituição de peças e os combustíveis, entre outros aspectos».

O Governo está agora a reavaliar a questão: «A sustentabilidade da operação e manutenção dos meios deve ser um factor decisivo na decisão de aquisição. É essa avaliação que, com transparência e rigor, iremos realizar».

Segundo o SEAI, actualmente, no período crítico de incêndios florestais, Portugal aluga dois aviões pesados anfíbios, que actuam em parelha. Para garantir a plena operacionalidade desses dois meios (ou seja, para acautelar as paragens para manutenções ou reparações), a empresa fornecedora tem três aviões em permanência. O Estado paga anualmente pela disponibilidade, manutenção e operação destes meios €4,7 milhões. Sem mais despesas ou custos de investimento.

Para o membro do Governo, comprar sai mais caro do que alugar. Primeiro, a aquisição de três aeronaves idênticas às usadas actualmente teria um custo aproximado para o Estado de €140 milhões. Depois, os encargos com a manutenção de dois aviões pesados anfíbios, para um ciclo de vida de 25 anos, foram estimados em €15 milhões.

Além disso, os €50 milhões davam apenas para comprar um avião e não dois. Quando o actual Governo iniciou funções, tomou conhecimento de que o modelo de avião previsto (Canadair) foi descontinuado pelo fabricante, que encerrou a linha de produção. Esse facto limitou, desde logo, a elaboração do estudo económico e financeiro (análise custo-benefício da operação), obrigatório em candidaturas deste montante.

João Almeida, secretário de Estado da Administração Interna do Executivo PSD/CDS, membro do Governo que se empenhou para que Bruxelas abrisse os cordões à bolsa para a compra de aviões pesados, mostrou-se prudente, quando instado a comentar a situação.

(...)
Fonte: http://expresso.sapo.pt/sociedade/2016-08-28-Portugal-recusou-50-milhoes-da-UE-para-compra-de-avioes

Recusaram este apoio e agora lemos estas pérolas:
Citação de: Lusa
O Governo autorizou hoje, por diploma, o início de negociações com a Embraer para comprar cinco aeronaves militares KC-390, usadas também para combate a incêndios florestais, e pediu uma avaliação da suspensão da modernização das actuais aeronaves C-130H.
:toto:

Cumprimentos,
« Última modificação: Agosto 23, 2017, 08:26:16 am por Get_It »
:snip: :snip: :Tanque:
 

*

Viajante

  • Investigador
  • *****
  • 1397
  • Recebeu: 406 vez(es)
  • Enviou: 202 vez(es)
  • +153/-13
Re: Os BOMBARDIER 415 MP QUE PORTUGAL DEVERIA TER
« Responder #59 em: Agosto 23, 2017, 10:36:08 am »
Vai uma aposta em como a ANPC não tinha os 15 a 50% da verba para efectuar a compra? :)
Mesmo com o dinheiro dado (não é reembolsado) à UE!

Não me admira essa decisão. A ANPC deve ter feito contas ao que precisava de investir para comprar os aviões, ao quadro permanente de pilotos, mecãnicos........ peças..... combustível...... para operar os mesmos e chegou à conclusão que é mais prático pagar a privados, as despesas são deles e se os aparelhos caírem, que se desenrasquem..... pagam só pelas horas de utilização!!!!!!
 

 

Sistemas de defesa antiaérea de longo alcance para Portugal

Iniciado por Tiger22

Respostas: 24
Visualizações: 12068
Última mensagem Agosto 21, 2006, 08:26:19 pm
por Pedro Monteiro
Portugal opta finalmente pelo A400M?

Iniciado por Jorge Pereira

Respostas: 68
Visualizações: 23008
Última mensagem Julho 13, 2007, 06:59:37 pm
por André
Portugal opta pelos P-3 holandeses

Iniciado por Ricardo Nunes

Respostas: 27
Visualizações: 8980
Última mensagem Novembro 29, 2004, 10:22:24 pm
por Jorge Pereira
Portugal vai adquirir 4 novos Fireboss AT-802

Iniciado por Joaoferriva

Respostas: 1
Visualizações: 906
Última mensagem Dezembro 12, 2018, 04:44:23 pm
por Stalker79
F-18 Espanhois fazem exercicios em Portugal

Iniciado por Rui Conceicao

Respostas: 41
Visualizações: 12757
Última mensagem Setembro 07, 2006, 06:07:02 pm
por Hollywood