Notícias (Indústrias de Defesa)

  • 111 Respostas
  • 29412 Visualizações
*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4032
  • Recebeu: 212 vez(es)
  • Enviou: 231 vez(es)
  • +10/-0
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #15 em: Abril 19, 2015, 02:33:34 pm »
Não falharam  por muito

Citar
Since 2001 TEKEVER has invested in the development of advanced technologies that have been integrated into its family of platforms, providing a common, scalable architecture. These technologies have been integrated on-board the vehicles, into the ground control station and also within the communication systems. They offer a unique set of capabilities that have been developed through a high degree of innovation at TEKEVER sites across the globe

http://airray.tekever.com/

Mas penso que a parceria com o exercito Português só aconteceu muito recentemente, ou seja, desde 2012.

https://accaopopularlibertaria.files.wordpress.com/2013/01/tekever-drones-liberdade.pdf
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

Crypter

  • Especialista
  • ****
  • 1027
  • Recebeu: 150 vez(es)
  • Enviou: 152 vez(es)
  • +8/-2
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #16 em: Abril 19, 2015, 09:34:56 pm »
Citação de: "nelson38899"
Não falharam  por muito

Realmente uma década nem é muito..  :wink:
 

*

ICE 1A+

  • Perito
  • **
  • 590
  • Recebeu: 376 vez(es)
  • Enviou: 37 vez(es)
  • +26/-0
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #17 em: Abril 20, 2015, 09:43:30 am »
Insólito
     Estaleiros Vianenses com três administrações distintas
 
  O espaço dos estaleiros não está só a ser gerido por duas empresas, a ENVC S.A. e a West Sea.   Empordef constituiu uma terceira empresa com o único intuito  de tratar do negócio dos asfalteiros com a Venezuela.

  Assim sendo, são três as empresas a operar nos Estaleiros de Viana, sendo que duas delas são públicas.
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #18 em: Abril 22, 2015, 09:16:44 am »
http://www.helis.com/database/news/uh-72_th_airbus
Citar
Defence.gov, April 03, 2015 - Airbus Defense & Space Inc from Herndon, Virginia was awarded a FMS ( foreign military sales) contract to support the Royal Thai Army UH-72A helicopter.

A $9,360,135 firm-fixed-price foreign military sales contract (Thailand) was awared for UH-72A helicopter support, hardware, and services for the Royal Thai Army.

Work will be performed in Thailand with an estimated completion date of March 31, 2017.

One bid was solicited with one received.

Fiscal 2015 other procurement funds in the amount of $9,360,135 are being obligated at the time of the award. Army Contracting Command, Redstone Arsenal, Alabama, is the contracting activity (W58RGZ-15-C-0027).


Cumprimentos
« Última modificação: Abril 24, 2015, 10:37:51 am por mafets »
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #19 em: Abril 24, 2015, 10:37:34 am »
http://www.helis.com/database/news/kazan_cuba/
Citar
Rostec, April 22, 2015 - Kazan Helicopters, a subsidiary of the holding company Russian Helicopters, hosted a meeting of the Intergovernmental Russian-Cuban Commission on Economic and Scientific-Technical Cooperation.

Members of the commission visited the production facility and inspected new helicopters developed and manufactured at this plant. The visitors expressed particular interest in the multipurpose Mi-17V-5 and Ansat helicopters, including the VIP, medical, passenger editions.

Ildar Khalikov, Prime Minister of the Republic of Tatarstan, and Ravil Zaripov, Deputy Prime Minister and Minister of Industry and Trade of the Republic of Tatarstan, accompanied the Cuban representatives in the factory.

Economic and technical cooperation between the two countries has been developing for many years. In December 2014, a Russian delegation visited Havana, which hosted the previous meeting of the Intergovernmental Russian-Cuban Commission, led by Dmitry Rogozin, Deputy Prime Minister of Russia, and Ricardo Cabrisas Ruiz, Deputy Chairman of the Council of Ministers of Cuba.


Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #20 em: Abril 25, 2015, 09:59:43 am »
http://www.aereo.jor.br/2015/04/25/cupula-argentino-russa-de-moscou-terminou-com-resultados-modestos/
Citar
O encontro do presidente da uma potência que vem sendo alvo de sanções internacionais e tem sua economia enfraquecida pelo baixo preço do barril de petróleo, com a chefe de um Governo sem dinheiro e sem crédito no mundo dos negócios não poderia mesmo dar em outra coisa.

Os dois dias da visita oficial da presidenta argentina Cristina Fernández de Kirchner a Moscou, encerrada nesta quinta-feira, produziram cerca de 20 documentos oficiais nos campos da parceria tecnológica e econômica, mas apenas alguns resultados bastante ralos no setor da cooperação militar – apesar de o ministro da Defesa russo, Serguéi Shoigú, ter encontrado tempo, em sua agenda, para receber seu correspondente argentino, Agustín Rossi.

De novidade mesmo, apenas o convite formal para que uma delegação do Exército argentino assista o próximo “Foro Internacional Técnico-Militar Exército 2015”, que a força terrestre russa promoverá entre os dias 16 e 19 de junho em Kúbinka, cidadezinha de pouco mais de 20.000 habitantes, 63 km a oeste de Moscou.

Kúbinka é um enclave militar de grande importância para os generais russos. É lá que estão delimitados os extensos campos de provas para os blindados produzidos pela indústria bélica local.
E ainda havia quem quisesse dar mais responsabilidade aos argentinos em programas militares e lhes vender aviões... :roll:  


Citar
Os dois Mi-17 operados pela FAA em missão humanitária

Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #21 em: Abril 27, 2015, 09:42:34 am »
http://www.aereo.jor.br/2015/04/26/russos-propoem-montar-em-cuba-helicopteros-militares-de-menor-tecnologia/
Citar
O vice-primeiro-ministro russo para os assuntos da indústria aeroespacial e de Defesa da Rússia, Dmitry Rogozin, declarou, nesta sexta-feira (24.04), à imprensa de seu país, que a empresa Kazan – da cidade de Kazan, capital da República do Tataristão – poderia instalar um centro de montagem de helicópteros leves Ansat em Cuba.

A Força Aérea da Rússia usa o modelo Ansat-U, de comandos redundantes, em sua Escola de Treinamento em Voo para Pilotos Militares da cidade de Syzran, 891 km a sudoeste de Moscou.

A Kazan também desenvolveu um modelo medevac militar para até quatro macas, e uma versão de ataque do aparelho, mais recente e de design completamente inovador, denominada Ansat 2RC. Esta aeronave foi dotada de designador laser, pods para metralhadoras de 12,7 mm e quatro pontos duros capazes de receber um mix de tubos lançadores de foguetes e disparadores de mísseis antiaéreos de curto alcance.

O nível de sofisticação da sua aviônica é, contudo, mantido em segredo. Não se sabe, por exemplo, se a aeronave é capaz de operar despistadores de mísseis inimigos.



Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #22 em: Abril 28, 2015, 10:10:47 am »
http://vitimasdataurus.com/tag/pane-nas-pistolas-taurus/
Citar
No dia 04 de abril deste ano, O Investigador Renan Stefano Bellini, 28 anos, estava de férias com sua noiva no litoral paulista, na cidade de São Sebastião, quando ao chegar em sua casa por volta das 5 horas da manhã, percebeu a presença de criminosos, quando efetuou um disparo no tórax do primeiro bandido, mas sua pistola parou de funcionar por causa de uma pane de chaminé logo no segundo disparo, momento em que o bandido alvejou o Investigador.

A pergunta que temos que fazer é porque as polícias ainda compram pistolas da Taurus, se elas são de péssima qualidade?

Sabemos que por força legal – Lei 10.826/2003, as polícias só podem comprar armas para seus agentes se não houver no mercado nacional outra arma similar. Isto é, segundo a lei e segundo o Exército Brasileiro, pois é ele quem autoriza ou não a compra de armas de fogo, não podemos comprar uma Glock por exemplo, pois existe uma arma nacional semelhante. Nesse caso eles se referem a outra arma de polímero, hammerless, com sistema de percussor lançado, que para eles seria uma pistola da Taurus, tipo a 24/7.

Venhamos e convenhamos, mesmo que a 24/7 seja “semelhante” a uma Glock, nunca será uma Glock ou uma CZ. Segurança, qualidade, fabricação, matéria prima, projeto e tudo mais de várias marcas importadas são extremamente melhores que as Taurus fabricadas no Brasil.

Enquanto fabricantes de armas de outros países não entrarem no Brasil, as fábricas nacionais nuncam serão obrigadas a melhorarem seus produtos. Enquanto isso pessoas continuam se ferindo e morrendo com as pistolas da Taurus.
Se você souber de algum caso envolvendo armas da Taurus, deixe sua mensagem, ajude-nos a mostrar a verdade que a Taurus quer a todo custo esconder.

Críticas à Taurus fabricada no Brasil e à obrigatoriedade da Policia a ter de comprar por  Lei 10.826/2003. :roll:
Citar
Pistola PT940 do Investigador em pane

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #23 em: Maio 01, 2015, 10:51:31 am »
http://www.helis.com/database/news/kmax_casevac/
Citar
Lockheed Martin, April 29, 2015 - BLOOMFIELD, Conn. – Dangerous frontline operations call for a safe and efficient method to locate and evacuate wounded personnel.

To address this critical need and help save lives, Lockheed Martin, Kaman Aerospace, and Neya Systems demonstrated the first ever collaborative unmanned air and ground casualty evacuation using the unmanned aerial system (UAS) Control Segment (UCS) Architecture and K-MAX cargo helicopter on March 26.

During the demonstration, a distress call led ground operators to send an unmanned ground vehicle to assess the area and injured party. The ground operators used control stations that communicated with one another using the UAS control segment architecture. Upon successful identification, the ground operators requested airlift by unmanned K-MAX of one individual who was injured. From the ground, the K-MAX operators used a tablet to determine the precise location and a safe landing area to provide assistance to the team. The injured team member was strapped into a seat on the side of the unmanned K-MAX, which then flew that individual to safety.
Impressionante este K Max. Pena o preço pois 5,10 milhões USD é mais caro que o Sh70 ou a maior parte dos modelos 200 e 400 da Bell :wink:
Citar
Unmanned K-Max Demonstrate Firefighting Capability, 18-Nov-14 :  Video OWEGO, N.Y. – A team of Lockheed Martin and Kaman unmanned aircraft successfully demonstrated its ability to aid in firefighting operations.

Marines Unmanned K-MAX returns from Afghanistan, 24-Jul-14 : OWEGO, N.Y. – After lifting more than 4.5 million pounds of cargo and conducting thousands of delivery missions for the U.S. Marine Corps, the Lockheed Martin and Kaman Aerospace Corporation K-MAX cargo unmanned aircraft system (UAS) has returned to the United States following a nearly three-year deployment in Afghanistan.





Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #24 em: Maio 06, 2015, 10:20:30 am »
https://www.facebook.com/IADnews?fref=nf
Citar
HAL begins feasibility report for helicopter manufacturing unit in Goa. HAL has three options to set up a unit in Goa, which includes manufacturing of helicopters, a repair and overhauling facility and component integration
If set up, it could be the country’s second helicopter manufacturing unit.
A HAL está a pensar em fazer uma fabrica de helicópteros em GOA. Mais de meio século depois da invasão lembraram-se do antigo território português...  :roll:



Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7531
  • Recebeu: 309 vez(es)
  • Enviou: 103 vez(es)
  • +45/-81
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #25 em: Maio 06, 2015, 11:32:22 am »
Veremos como as coisas vão decorrer.
Tirando as questões de benefícios fiscais estou convicto que a cultura afecta decisivamente a ética de trabalho e, consequentemente a produtividade.
E conhecendo os problemas da HAL...
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #26 em: Maio 07, 2015, 09:22:25 am »
http://www.naval.com.br/blog/2015/05/06/negociacao-da-emgepron-com-angola-subiu-no-telhado-africanos-nao-tem-dinheiro/
Citar
A negociação iniciada, ano passado, pela Empresa Gerencial de Projetos Navais (EMGEPRON), vinculada à Marinha do Brasil, para fornecer sete navios-patrulha costeiros de 500 toneladas à Força Naval de Angola, está congelada e, nesse momento, sem perspectivas de ser retomada. Os angolanos não tem dinheiro para custear a construção das unidades.

Na verdade, os dois caminhos que se abrem como passo seguinte aos contatos havidos até aqui sobre o assunto, são igualmente ruins:

Hipótese A: a formalização do adiamento das tratativas sobre o contrato que garantiria a fabricação das embarcações, em função da incapacidade do governo de Luanda de honrar os aportes iniciais de recursos considerados necessários ; ou

Hipótese B: a finalização, pura e simples, dos entendimentos bilaterais que visavam respaldar o apoio da Marinha do Brasil ao chamado Programa de Desenvolvimento do Poder Naval de Angola (PRONAVAL) – que prevê, além da aquisição de navios, a montagem de um estaleiro para a produção de navios militares em território angolano.

MET – Militares do Brasil e de Angola mantém em sigilo os detalhes da venda dos barcos de patrulha – cujo valor é estimado no patamar dos 170 milhões de dólares –, mas sabe-se que apenas quatro deles seriam fabricados no Brasil (no Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro ou em uma empresa privada). Os restantes sairiam do estaleiro que os angolanos planejam erguer, com assistência técnica e equipamentos brasileiros, em uma localidade litorânea a 200 km da capital angolana.



Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #27 em: Maio 12, 2015, 11:11:34 am »
http://www.forte.jor.br/2015/05/11/alcance-denel-t5-52-atira-granadas-a-quase-55-km-de-distancia/
Citar
A sul-africana Denel Land Systems teve a oportunidade de testar, mês passado, o seu sistema de artilharia de longo alcance T5-52, que consiste em uma peça de 155 mm montada sobre um caminhão.

Os deslocamentos da viatura e os disparos foram realizados em um evento fechado para convidados, que teve lugar no Campo de Testes de Overberg, no litoral sul da África do Sul, perto da cidade de Arniston.

Dotado de munição especial, de impulso assistido, o sistema T5-52 provou ter alcance confiável de 54,8 km, ao nível do mar. A cadência de fogo no primeiro minuto alcançou seis projetis, e o ritmo sustentado (por tripulação da fábrica) foi de dois disparos por minuto.

Apenas como dado de comparação: o obuseiro autopropulsado de origem americana M-109 A5, adotado pelos exércitos do Brasil e do Chile, possui alcance  23,5 km com munição desassistida, e de 30 km com projetis de impulso especial.

O canhão sul-africano pode ser elevado de 3° até um ângulo superior a 72º (o dado exato é confidencial). Os predicados da arma já despertaram o interesse dos generais indianos (e certo alarma no Paquistão…).



Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #28 em: Maio 15, 2015, 09:31:31 am »
http://aeromagazine.uol.com.br/artigo/embraer-produzira-o-phenom-apenas-nos-eua_2126.html
Citar
De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, a Embraer vai transferir a produção da família Phenom para os EUA.

Entre os motivos está uma a mudança na estratégia de mercado da fabricante, que inclui a ampliação de espaço físico de unidade de São José dos Campos, no interior de São Paulo, que deverá abrigar apenas a produção das aeronaves da aviação comercial.

O projeto prevê a transferência da linha de produção em 2016. O sindicato afirma que até 1.500 trabalhadores, diretos e indiretos, poderão ser afetados pela mudança.

Em 2014, a Embraer entregou 116 aviões de negócios, dos quais 92 foram da família Phenom.


Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4656
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Notícias (Indústrias de Defesa)
« Responder #29 em: Maio 17, 2015, 06:38:24 pm »
http://www.janes.com/article/51475/mast-asia-2015-japanese-industry-lukewarm-on-export-possibilities
Citar
Japan's two major defence manufacturers, Mitsubishi Heavy Industries (MHI) and Kawasaki Heavy Industries (KHI), are both waiting for government input on the two most high-profile opportunities since Tokyo eased export restrictions in 2014, officials said at MAST Asia 2015 in Yokohama.

The possible sale of MHI's Soryu-class submarines to Australia is pending Japanese participation in a limited competitive valuation process. India has also invited Japan to submit the Soryu for consideration in its Project 75I future submarine programme. However, company officials emphasised that they are waiting for the Japan government to take the lead.

Export opportunities for KHI's P-1 maritime patrol aircraft (MPA) are more complicated.


Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

 

Johnson&Johnson: Notícias

Iniciado por MarauderQuadro Mundo

Respostas: 0
Visualizações: 1707
Última mensagem Junho 26, 2006, 06:36:44 pm
por Marauder
SIC Notícias suspende Plano Inclinado de Mário Crespo

Iniciado por P44Quadro Área Livre-Outras Temáticas de Defesa

Respostas: 15
Visualizações: 4287
Última mensagem Março 01, 2011, 06:20:55 pm
por papatango
Notícias (Forças Aéreas/Sistemas de Armas)

Iniciado por dremanuQuadro Forças Aéreas/Sistemas de Armas

Respostas: 1151
Visualizações: 240120
Última mensagem Outubro 19, 2018, 10:40:01 am
por mafets
MB Libera Notícias / Fotos do Submarino Tikuna

Iniciado por ALXQuadro Armadas/Sistemas de Armas

Respostas: 1
Visualizações: 1618
Última mensagem Outubro 14, 2004, 01:45:09 pm
por J.Ricardo
Notícias sobre os novos blindados de rodas

Iniciado por TaGOsQuadro Exército Português no ForumDefesa.com

Respostas: 2
Visualizações: 2093
Última mensagem Novembro 02, 2004, 06:16:35 pm
por TaGOs