Fuzileiros da Armada Portuguesa

  • 1182 Respostas
  • 333397 Visualizações
*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14644
  • Recebeu: 864 vez(es)
  • Enviou: 840 vez(es)
  • +104/-100
(sem assunto)
« Responder #60 em: Novembro 30, 2006, 11:49:38 am »
Citação de: "p_shadow"
Considero que esta missão foi um excelente treino para os homens do DAE.
Certamente que puderam praticar operações de inserção e vigilância, entre outras, num ambiente mais próximo de um conflito "real" que qualquer exercício.


Cumptos


Shadow eles não treinaram, eles fizeram; essa é a diferença entre um exercicio militar e uma missão real. O pessoal pensa que estas missões são umas autênticas férias, mas não são, longe disso.  :wink:
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4123
  • Recebeu: 24 vez(es)
  • +35/-0
(sem assunto)
« Responder #61 em: Novembro 30, 2006, 07:25:10 pm »
Exactamente Cabeça de Martelo


Fuzileiros chegam da República Democrática do Congo  
 
Publicado em:
 2006-11-30



Citar
No próximo sábado dia 2 de Dezembro chegam a Portugal os Fuzileiros que desde 14 de Julho cumpriram uma missão de apoio à República Democrática do Congo (RD Congo) no âmbito da União Europeia (EUFOR RD Congo) com o objectivo de garantir no terreno as condições e os meios necessários a uma situação de estabilidade e segurança no decorrer do período eleitoral até à confirmação de resultados.
Na cerimónia de recepção ao contingente português estará presente S. Exa. o Ministro da Defesa Nacional, Professor Nuno Severiano Teixeira, e S. Exa. o Almirante CEMA, Almirante Fernando Melo Gomes.
Os 30 Fuzileiros Portugueses das Forças de Operações Especiais da Marinha foram Integrados na Companhia de Operações Especiais da Missão da União Europeia, conjuntamente com os seus congéneres Franceses e Suecos, num total de 150 Homens.
Nesta missão a Força foi empregue em diversas tarefas, sendo de realçar as de reconhecimento especial:
- Em meados de Julho de 2006, ainda antes de atingida a Full Operational Capability, na parte Sul da Província do Katanga;
- Entre 10 e 13 de Agosto, nas imediações da cidade de Kananga, na província do Kassai Ocidental;
- Entre 09 e 13 de Setembro os Fuzileiros marcaram presença nas imediações da cidade de Lubumbashi (próximo da fronteira com a Zâmbia), na província do Katanga (a mais rica em recursos naturais do país).

Durante os período de permanência em Kinshasa os Fuzileiros mantiveram-se sempre em prontidão para possíveis missões de acção directa e ou missões de reconhecimento especial, com destaque para a última presença compreendida entre 21 e 25NOV.
O fim do mandato da União Europeia na RD Congo e consequente término do empenhamento operacional teve lugar na passada segunda-feira, altura em que foi dado início à retracção da Força Portuguesa.
Recorde-se que as missões de acção directa podem envolver resgate de reféns, protecção de entidades e outras acções militares mais delicadas e complexas como sejam acções de inserção e evacuação em fases de conflito armado.
Nos períodos em que a força não esteve na Capital da RD Congo, foram desenvolvidos exercícios específicos e treinos conjuntos com vista à articulação e interoperabilidade com as outras Forças de Operações Especiais utilizando para o efeito os meios aéreos dedicados (Meios todo o terreno, Helicópteros e Aeronaves de Asa Fixa).
A força de Fuzileiros operou conjuntamente com o destacamento da Força Aérea Portuguesa consubstanciado numa aeronave de transporte C 130.
A chegada está prevista para o dia 2 de Dezembro, Sábado, pelas 09h00, à Base Aérea nº 6, localizada no Montijo.


http://www.marinha.pt/Marinha/PT/Menu/N ... npublished
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

p_shadow

  • Perito
  • **
  • 448
  • +0/-0
    • http://www.falcoes.net/9gs
(sem assunto)
« Responder #62 em: Dezembro 02, 2006, 03:45:45 am »
Citação de: "Cabeça de Martelo"
Shadow eles não treinaram, eles fizeram; essa é a diferença entre um exercicio militar e uma missão real. O pessoal pensa que estas missões são umas autênticas férias, mas não são, longe disso.  :wink:


Mas foi o que eu disse, "...esta missão foi um excelente treino para os homens do DAE".

Acho é que não se pode comparar esta missão com outras mais "escuras", onde não é suposto militares portugueses estarem envolvidos, por exemplo.


Cumptos
A realidade não alimenta fóruns....
 

*

TOMKAT

  • Especialista
  • ****
  • 1175
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #63 em: Dezembro 03, 2006, 01:54:51 am »
Citação de: "p_shadow"
Mas foi o que eu disse, "...esta missão foi um excelente treino para os homens do DAE".

Deve ter sido um pouco mais que um "treino"... no mínimo foi um "treino" em situação real e num ambiente adverso.

Citar
Uma missão reservada



A força portuguesa que regressou do Gabão, no âmbito da monotorização das eleições no Congo, era constituída por unidades especiais do Corpo de Fuzileiros e tripulações de C-130 e foi realizada no âmbito da União Europeia. E o facto de grande parte desses elementos ser constituída pelo Destacamento de Acções Especiais justificou que na Base Aérea do Montijo, a maioria dos militares recém-chegados de África viessem encapuzados. Foi uma medida de precaução face à presença da comunicação social, para não divulgar o rosto de homens que muitas vezes são usados em missões, no mínimo, de carácter reservado. Mais uma vez assim aconteceu, tanto que o ministro da Defesa saudou a capacidade dos militares em realizar algumas missões de carácter complexo, mas sem deixar escapar qualquer pormenor. E o mesmo aconteceu com o comandante da força especial, um total de cerca de 30 homens, que admitiu algumas dificuldades na realização de determinadas missões, mas recusando também entrar em elementos concretos. É que a força portuguesa estava também integrada num módulo de operações especiais, algo que não é comum, mas que reforça a reserva da missão.

http://jn.sapo.pt/2006/12/03/nacional/governo_rever_subsidio_seria_atribui.html
IMPROVISAR, LUSITANA PAIXÃO.....
ALEA JACTA EST.....
«O meu ideal político é a democracia, para que cada homem seja respeitado como indivíduo e nenhum venerado»... Albert Einstein
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 1700
  • Recebeu: 187 vez(es)
  • Enviou: 432 vez(es)
  • +7/-1
(sem assunto)
« Responder #64 em: Dezembro 03, 2006, 02:31:30 am »
Citação de: "Jornal de Notícias"
Foi uma medida de precaução face à presença da comunicação social, para não divulgar o rosto de homens que muitas vezes são usados em missões, no mínimo, de carácter reservado. Mais uma vez assim aconteceu, tanto que o ministro da Defesa saudou a capacidade dos militares em realizar algumas missões de carácter complexo, mas sem deixar escapar qualquer pormenor.

Para o Ministério da Defesa deixar escapar pormenores de qualquer negócio da compra de material militar teria de acontecer um milagre, então só para deixar escapar pormenores de operações especiais... não podia, é impossível.

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4123
  • Recebeu: 24 vez(es)
  • +35/-0
(sem assunto)
« Responder #65 em: Dezembro 05, 2006, 08:36:01 pm »










Citar
MONTIJO - SETUBAL - PORTUGAL
O Ministro da Defesa Nuno Severiano Teixeira conversa com o Almirante Mendes Cabecadas apos o contigente militar portugues que esteve integrado na EUFOR em missao na Republica Democratica do Congo, ter regressado a Portugal, Sabado, 2 Dezembro 2006 na Base Aerea do Montijo. ANDRE KOSTERS/LUSA
LUSA / STF / ANDRE KOSTERS
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4123
  • Recebeu: 24 vez(es)
  • +35/-0
(sem assunto)
« Responder #66 em: Dezembro 05, 2006, 09:02:53 pm »
A Marinha colocou isto no site - com três fotos. Gosto muito do novo navio da Armada que está ao longe na última...

Citar
Fuzileiros cumpriram mais uma missão
 
Publicado em:
 2006-12-05

No sábado chegaram a Portugal os Fuzileiros que estiveram durante quatro meses na República Democrática do Congo e que cumpriram uma missão militar de apoio à União Europeia (EUFOR RD Congo) com o objectivo de garantir no terreno as condições e capacidades de segurança durante as eleições que se realizaram naquele país. Na recepção ao contingente português esteve presente S. Exa o Ministro da Defesa Nacional, Professor Nuno Severiano Teixeira.
Esta missão surge no seguimento das várias presenças fora de Portugal a que os Fuzileiros são chamados a intervir, como foram o caso da Bósnia-Herzegovina, da Guiné-Bissau e mais recentemente em Timor-Leste.
Também no seguimento de uma Marinha de duplo uso, os Fuzileiros têm actuado no nosso País em missões de Serviço Público, como é o caso da prevenção de incêndios e em caso de cheias, para além das missões militares que lhe estão incumbidas e para as quais a prontidão revelada pelos “fuzos” é sempre máxima.
A Boina azul ferrete continua a ser uma marca importante da presença da Marinha nos mais variados teatros, daí que ao longo dos anos muitos jovens tenham querido pertencer a esta força de elite que tem como lema “Fuzileiro uma vez … Fuzileiro para sempre”.
Os jovens interessados em ingressar nos fuzileiros têm agora oportunidade já que estão a decorrer concursos nas categorias de oficial (concurso termina a 12 de Janeiro de 2007) e de praça (concurso termina a 15 de Dezembro de 2006), os requisitos podem ser consultados em www.marinha.pt.

Fuzileiros_foto1
http://www.marinha.pt/NR/rdonlyres/FD30 ... 7/025a.jpg

Fuzileiros_foto2
http://www.marinha.pt/NR/rdonlyres/FD30 ... 8/027a.jpg

Fuzileiros_foto3
http://www.marinha.pt/NR/rdonlyres/FD30 ... 9/028a.jpg
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

Get_It

  • Investigador
  • *****
  • 1700
  • Recebeu: 187 vez(es)
  • Enviou: 432 vez(es)
  • +7/-1
(sem assunto)
« Responder #67 em: Dezembro 06, 2006, 01:16:45 am »
Citação de: "Lancero"
A Marinha colocou isto no site - com três fotos. Gosto muito do novo navio da Armada que está ao longe na última...

De facto, também gostei muito do novo navio. Mas andou alguém na Marinha a brincar com o Photoshop, ou essa fotografia foi durante um exercício ou no Congo juntamente com outras forças?

Cumprimentos,
:snip: :snip: :Tanque:
 

*

Creoula

  • Membro
  • *
  • 155
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #68 em: Dezembro 06, 2006, 01:51:33 am »
Citar
A Marinha colocou isto no site - com três fotos. Gosto muito do novo navio da Armada que está ao longe na última...

É uma foto futurista :amazing:  max1x1
 

*

Pantera

  • Perito
  • **
  • 399
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #69 em: Dezembro 06, 2006, 08:58:34 am »
parabens ao DAE pela boa missão lá fora

*

psychocandy

  • Membro
  • *
  • 109
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #70 em: Dezembro 06, 2006, 12:33:54 pm »
Onde eh que esta' a dizer que o navio eh da Armada ? Eu nao vejo, nem  vejo qual seja o problema. Se a foto foi tirada num exercicio, censuram-se em photoshop os navios aliados ?
Alias no site do Exercito, na galeria tambem estao soldados a desembarcar feridos de um Blackhawk.
Secalhar tambem se deviam censurar, visto que os NH 90 ainda nao chegaram. Ai o autoflagelo.
"The nation which forgets its defenders will be itself forgotten."
 

*

snakeye25

  • Membro
  • *
  • 133
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #71 em: Dezembro 06, 2006, 11:10:58 pm »
Essa foto remonta ao exercício Swordfish 2003. O navio é o SPS Castilla.
Um abraço,

André Carvalho
 

*

Creoula

  • Membro
  • *
  • 155
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #72 em: Dezembro 07, 2006, 01:18:35 am »
Citar
Onde eh que esta' a dizer que o navio eh da Armada ?
Em lado nenhum! Nem precisa de estar, todos sabemos que não é!
Citar
Eu nao vejo, nem vejo qual seja o problema.
Não há problema nenhum! Aliás, há o problema de ainda não termos um "bicho" daqueles.
Citar
Se a foto foi tirada num exercicio, censuram-se em photoshop os navios aliados ?
Claro que não! Mas porquê a pergunta?
Citar
Ai o autoflagelo.
Ai o mau humor!

O psychocandy não considera normal brincar-se com a dita fotografia? Eu gostaria muito que o que nela se vê fosse 100% nosso. Mas podemos dizer umas piadas ou não? Sem magoar...

Citar
O navio é o SPS Castilla.
Obrigado snakeye25, desconfiava que fosse.

Cumprimentos
 max1x1
 

*

luis filipe silva

  • Investigador
  • *****
  • 2051
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • +1/-0
(sem assunto)
« Responder #73 em: Dezembro 07, 2006, 01:27:44 am »
Qual novo navio. Este??????
http://www.marinha.pt/NR/rdonlyres/FD30 ... 7/025a.jpg
 :lol:  :lol:  :lol:
-----------------------------
saudações:
Luis Filipe Silva
 

*

migbar2

  • Perito
  • **
  • 334
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #74 em: Dezembro 08, 2006, 04:11:29 am »
:mrgreen:  :mrgreen:  :mrgreen:
 

 

Um LHC Usado Classe Tarawa para a Marinha Portuguesa

Iniciado por Rvsantinho

Respostas: 20
Visualizações: 7610
Última mensagem Janeiro 20, 2011, 09:01:46 pm
por ICE 1A+
Futuro dispositivo naval da Marinha portuguesa

Iniciado por JLRC

Respostas: 55
Visualizações: 18838
Última mensagem Junho 28, 2004, 12:29:14 pm
por Rui Elias
História da componente submarina da Marinha Portuguesa

Iniciado por Jorge Pereira

Respostas: 43
Visualizações: 20332
Última mensagem Janeiro 05, 2013, 12:03:27 am
por HSMW
Marinha de Guerra Portuguesa: Album de Fotografias

Iniciado por Luso

Respostas: 20
Visualizações: 19570
Última mensagem Abril 25, 2008, 03:29:37 pm
por jmg
Presente e futuro da Marinha de Guerra Portuguesa

Iniciado por Filipe de Chantal

Respostas: 327
Visualizações: 50100
Última mensagem Junho 29, 2009, 05:18:31 pm
por paraquedista