EUA fora das Lajes?

  • 180 Respostas
  • 19668 Visualizações
*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 7168
  • Recebeu: 155 vez(es)
  • Enviou: 258 vez(es)
  • +12/-1
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #15 em: Novembro 15, 2012, 09:24:01 am »
Citação de: "Luso"
Os americanos sim, esses é que são responsáveis.
Ainda bem que eles estão aqui para tomar conta de nós. Através de gente nascida aqui, se possível.


É bom e tranquilizante saber que o grande homem-branco (actualmente preto) está a velar por nós, os indigenas inferiores!!!!!

agora vou postar isto aqui, se alguém quiser salivar ou fazer algo mais indecente e auto-satisfatório, esteja á vontade:

"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

scrupulum

  • 101
  • +0/-0
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #16 em: Novembro 15, 2012, 05:27:32 pm »
Se, (muito hipotéticamente claro), um governo português pedisse aos EUA para sairem das Lajes, eles aceitavam isso ?
Penso que não !
Eles ficavam nem que para isso tivessem que pagar o preço da independência dos Açores :  financiando uma UPA terrorista versão Açores, como o fizeram em Angola nos anos sessenta.  ( Os americanos não têm problema nenhum em financiar organizações terroristas para servir a sua estratégia, não faltam exemplos : os Contras na Nicaragua, alguns dos movimentos de "libertação" no nosso antigo ultramar, a Libia ou a Siria nos dias de hoje, etc etc.   Os Açores seriam "piece of cake" ) .
 
Dizer que precisamos dos EUA por causa dos empregos que eles geram no territorio é mesmo muito baixo. Dizer que Portugal precisa dos EUA para assegurar a sua defesa é antiquado, é pensar  como se ainda estivessemos nos tempos da Guerra Fria. Portugal faz parte da OTAN e é desta organizaçao no seu todo que Portugal depende, não dos EUA.
 Porque não alugar a base diretamente à OTAN ?  Impossivel !  Os EUA nunca aceitariam nem esta nem outra opção pacificamente. Se Portugal levanta a crista  perdemos os Açores, a nossa grandiosa ZEE vai às urtigas, e o nosso conceito de "triangulo estratégico" deixa de figurar nos nossos manuais.

Sejamos realistas : Portugal não é um pais soberano !
scrupulum aka legionario
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6528
  • Recebeu: 334 vez(es)
  • Enviou: 405 vez(es)
  • +18/-2
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #17 em: Novembro 16, 2012, 01:23:19 am »
Citação de: "scrupulum"
Dizer que precisamos dos EUA por causa dos empregos que eles geram no territorio é mesmo muito baixo. Dizer que Portugal precisa dos EUA para assegurar a sua defesa é antiquado, é pensar  como se ainda estivessemos nos tempos da Guerra Fria. Portugal faz parte da OTAN e é desta organizaçao no seu todo que Portugal depende, não dos EUA.

A NATO sem os Estados Unidos não é nada, bem mais de 50% do orçamento da NATO vem do Tio Sam, cerca de 2/3 das unidades de combate ao serviço da NATO são Norte-Americanas, e muito perto de 100% da capacidade de reabastecedores, aviões de vigilancia aérea, porta-aviões, etc, ao serviço da NATO é dos Estados Unidos.

Citar
Porque não alugar a base diretamente à OTAN ?

Para que é que a NATO quer os Açores? É que os EUA sei para o que querem, agora a NATO não sei...

E caso não saibam, qualquer avião da NATO, civil ou militar, e mesmo sem ser da NATO pode utilizar a base das Lajes, se estiverem em transito sobre Atlantico e precisarem de lá aterrar, aterram...

Citar
Impossivel !  Os EUA nunca aceitariam nem esta nem outra opção pacificamente. Se Portugal levanta a crista  perdemos os Açores, a nossa grandiosa ZEE vai às urtigas, e o nosso conceito de "triangulo estratégico" deixa de figurar nos nossos manuais.

Sejamos realistas : Portugal não é um pais soberano !

Se calhar até aceitariam, seria uma maneira de continuarem a usar a base e podiam reduzir parte ou todo do seu pessoal e substitui~lo por pessoal europeu e canadiano.
 

*

scrupulum

  • 101
  • +0/-0
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #18 em: Novembro 16, 2012, 11:55:18 am »
Lightning disse :
A NATO sem os Estados Unidos não é nada, bem mais de 50% do orçamento da NATO vem do Tio Sam, cerca de 2/3 das unidades de combate ao serviço da NATO são Norte-Americanas, e muito perto de 100% da capacidade de reabastecedores, aviões de vigilancia aérea, porta-aviões, etc, ao serviço da NATO é dos Estados Unidos.

Isto é bem verdade, Lightning. Os EUA contribuem com a maior fatia mas acabam por comer o bolo todo; é tudo lucro para eles.    A OTAN, desde o fim da guera fria tornou-se num instrumento quasi exclusivo da politica externa dos EUA e dos seus principais aliados, a GBR e Israel.
(E quem é que não se lembra do famoso ultimatum que Bush lançou ao mundo inteiro : "Quem não esta com os EUA, esta contra os EUA". )
Portugal com o pouco que contribui, onde é que é retribuido ?
As nossas empresas ganharam quantos contratos na reconstrução do Iraque ? (uma das guerras da OTAN/EUA em que participamos)
E a nossa participação como aliado dos EUA na guerra contra o Afeganistão, traz-nos o quê ? Temos conseguido outra coisa para além da experiencia ?

Voltando ao tema das Lajes : o facto do tio Sam não pagar absolutamente nada pela utilização da base so quer dizer que aquilo é tudo deles. Eles têm muitas bases por esse planeta mas penso que as Lajes são as unicas gratuitas para eles.
Nos anos sessenta e principios dos anos setenta as Lajes ainda serviam como moeda de troca para comprar os americanos, para os fazer moderar nos seus propositos contra Portugal  :roll: ...
« Última modificação: Novembro 16, 2012, 07:12:20 pm por scrupulum »
scrupulum aka legionario
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7487
  • Recebeu: 256 vez(es)
  • Enviou: 97 vez(es)
  • +31/-26
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #19 em: Novembro 16, 2012, 05:11:50 pm »
Citação de: "scrupulum"
A OTAN, desde o fim da guera fria tornou-se num instrumento quasi exclusivo da politica esterna dos EUA e dos seus principais aliados, a GBR e Israel.

Descaradamente.
E mesmo sem os EUA, seriamos sempre secundarizados.
Sem assumirmos a individualidade e as responsabilidades inerentes a SERMOS, apenas se faz de conta - junto dos distraídos e dos cegos por opção - que isto ainda é um país.
Quem contribui para tal farsa deve ser responsabilizado.
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5580
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +1/-0
    • http://www.areamilitar.net
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #20 em: Novembro 17, 2012, 08:43:00 pm »
Sejamos realistas.

Portugal foi uma potência do Indico, mas nunca foi uma potência com capacidade para controlar o Atlântico.
Do ponto de vista formal, nós fomos depois de 1580 parte de uma realidade política que durou até 1638/1640, altura após a qual os países ibéricos deixaram de dar cartas.

Depois disso, Portugal apoiou-se sempre na potência naval dominante. Durante um pequeno periodo tivemos apoio dos franceses e posteriormente aliamo-nos ao aliado tradicional a Inglaterra, que nos serviu de apoio.
Foram os ingleses que nos ajudaram a expulsar o Napoleão e foram eles que apoiaram a transferência da família real para o Brasil.
Também foram eles que torpedearam logo que puderam o Reino Unido de Portugal e Brasil e foram eles que garantiram a existência dos nossos territórios ultramarinos.

Ainda assim, no final do século XIX, eles negociaram com a Alemanha a entrega de grande parte de Angola e do norte de Moçambique aos alemães, ficando os ingleses com o resto.

Antes da II guerra mundial, o Roosevelt aumentou a dimensão do anel de segurança americano, técnicamente incluindo os Açores na américa e dando aos Açores mais ou menos o mesmo tipo de estatuto dos países da América do Sul.
Ao faze-lo Roosevelt disse muito claramente a Hitler em 1940, onde se encontrava a fronteira que ele (Hitler) não podia ultrapassar.

Desde essa altura o status quo mantem-se
E nós temos tanta capacidade para defender os Açores como tínhamos capacidade para defender Moçambique dos alemães em 1916.
Enquando os americanos tiverem interesses na Europa e enquanto não inventarem um raio teletransportador barato, os Açores vão continuar a ser importantes para os americanos.

E nós não podemos fazer nada para alterar isso. Nem temos interesse em alterar isso.

E os americanos sabem...
 

*

scrupulum

  • 101
  • +0/-0
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #21 em: Novembro 18, 2012, 02:23:54 pm »
Papatango disse :
..."E nós temos tanta capacidade para defender os Açores como tínhamos capacidade para defender Moçambique dos alemães em 1916."...

A ameaça do Pacto de Varsovia ja não existe. No contexto atual, os Açores precisariam (precisam) de ser defendidos contra quem ? Quem é que eventualmente poderia pôr em causa a nossa soberania sobre o terrirorio ?
Portugal faz parte da OTAN e é esta organização que garante (tecnicamente) a segurança dos seus estados membros. A integridade territorial de Portugal não é uma competencia dos EUA.

Papatango disse :
..."Antes da II guerra mundial, o Roosevelt aumentou a dimensão do anel de segurança americano, técnicamente incluindo os Açores na américa e dando aos Açores mais ou menos o mesmo tipo de estatuto dos países da América do Sul.".;.

Podemos pois concluir que os EUA são a unica ameaça à soberania portuguesa nos Açores. Portugal, para não perder completamente esta soberania, resigna-se a partilha-la com os EUA.
Esta situação continua a ser humilhante mas ja não é necessaria... pois Portugal (para o mal e para o bem) tambem faz parte da UE (e da OTAN), o que teoricamente nos põe ao abrigo de uma "invasão militar"  pelos EUA. Portugal, contudo, continua obrigado a uma grande prudência em relação aos EUA, pois poderiamos perder os Açores se estes se tornassem independentes, "estimulados" pelos EUA. Temos na Europa um precedente recente : o do Kosovo.
scrupulum aka legionario
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7487
  • Recebeu: 256 vez(es)
  • Enviou: 97 vez(es)
  • +31/-26
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #22 em: Novembro 18, 2012, 02:39:52 pm »
Citação de: "scrupulum"
Podemos pois concluir que os EUA são a unica ameaça à soberania portuguesa nos Açores. Portugal, para não perder completamente esta soberania, resigna-se a partilha-la com os EUA.
Esta situação continua a ser humilhante mas ja não é necessaria... pois Portugal (para o mal e para o bem) tambem faz parte da UE (e da OTAN), o que teoricamente nos põe ao abrigo de uma "invasão militar"  pelos EUA. Portugal, contudo, continua obrigado a uma grande prudência em relação aos EUA, pois poderiamos perder os Açores se estes se tornassem independentes, "estimulados" pelos EUA. Temos na Europa um precedente recente : o do Kosovo.

Muito, muito bem dito e lembrado.
Desconfiar sempre dessa gente que não é certa.
Não falo do povo, claro, mas o povo nunca manda, por definição.
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 7168
  • Recebeu: 155 vez(es)
  • Enviou: 258 vez(es)
  • +12/-1
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #23 em: Novembro 18, 2012, 06:01:44 pm »
Bem lembrado scrupulum.

Não esquecer da capacidade dos americanos para as punhaladas pelas costas aos seus "aliados", quando é do seu interesse!
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6528
  • Recebeu: 334 vez(es)
  • Enviou: 405 vez(es)
  • +18/-2
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #24 em: Novembro 18, 2012, 06:24:27 pm »
Citação de: "scrupulum"
Podemos pois concluir que os EUA são a unica ameaça à soberania portuguesa nos Açores. Portugal, para não perder completamente esta soberania, resigna-se a partilha-la com os EUA.

Ai concordo, se expulsarmos os Americanos dos Açores, não me parece que eles gostassem, assim os submarinos já não parecem tão dinheiro mal gasto :lol:

No maximo os outros paises "pediam" com "por favor" para eles sairem de lá, isso iria ser bem pior do que os deixar estar lá com o nosso acordo como tem estado, em Cuba também não me parece que gostem dos Americanos em Guantanamo, e olha, eles ainda não sairam de lá.
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6528
  • Recebeu: 334 vez(es)
  • Enviou: 405 vez(es)
  • +18/-2
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #25 em: Novembro 18, 2012, 06:40:41 pm »
Citação de: "papatango"
nós não podemos fazer nada para alterar isso. Nem temos interesse em alterar isso.

E os americanos sabem...

Papatango, aqui dizes tudo.
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6528
  • Recebeu: 334 vez(es)
  • Enviou: 405 vez(es)
  • +18/-2
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #26 em: Novembro 18, 2012, 07:04:57 pm »
Há aqui pessoal que nem está a ver bem o que é hostilizar os Estados Unidos, é que não é só a questão de "criarem" uma UPA Açoreana ou de invadirem os Açores, era o pais todo que ia sentir no pelo (lá se ia as redes de telemovel, tv cabo, internet :wink: ), da mesma maneira também podiam "criar" noticias contra nós (ex: Iraque, Siria, etc), embargos economicos, explusão de organizações internacionais como NATO (essa era logo a primeira) e outras como a UE pois mesmo sem os EUA fazerem parte tem de certeza influencia em paises que lá estão.

No extremo podiam efectuar uma campanha militar contra nós o que provoca sempre mortes civis, destruição de muitas infra-estruturas (aquelas pontes bonitas do rio tejo, etc), no fim disso fazia-se um acordo de paz, punham no poder um "fantoche" que diga "Yes Sir" e como compensações de guerra davamos os Açores aos EUA.

Eu não estou a ver a vantagem nisso...

Os paises não tem amigos, tem interesses, e Portugal tem interesse em os EUA, não vou dizer serem nossos amigos pois disse no inicio que os paises não tem amigos, mas vou dizer não serem nossos inimigos.
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7487
  • Recebeu: 256 vez(es)
  • Enviou: 97 vez(es)
  • +31/-26
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #27 em: Novembro 18, 2012, 09:45:39 pm »
O facto de utilizar bem as palavras já é de sim um passo importante.
Porque eles não são "amigos" nem "aliados", mas mais o menor dos males.
Quanto ao resto, parece-me que temos nas Lajes, mais uma Olivença em miniatura, conservada sob a ameaça velada da força e da propaganda.
Por coacção, portanto.
Descemos muito, muito mesmo, como país...
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6528
  • Recebeu: 334 vez(es)
  • Enviou: 405 vez(es)
  • +18/-2
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #28 em: Novembro 18, 2012, 10:40:47 pm »
Citação de: "Luso"
Quanto ao resto, parece-me que temos nas Lajes, mais uma Olivença em miniatura, conservada sob a ameaça velada da força e da propaganda.
Por coacção, portanto.
Descemos muito, muito mesmo, como país...

Descemos mas não foi agora com os Americanos.

E o que é que foi o ultimato inglês de 1890?

E o que é que foram tratados e tratados com outros paises (como a Holanda por exemplo) ao longo dos séculos em que se dá territorios pelo mundo fora para não atacarem mais os nossos navios com especiarias?
 

*

Luso

  • Investigador
  • *****
  • 7487
  • Recebeu: 256 vez(es)
  • Enviou: 97 vez(es)
  • +31/-26
Re: EUA fora das Lajes?
« Responder #29 em: Novembro 18, 2012, 11:35:57 pm »
Olha para o "mapa", Lightning.
Ai de ti Lusitânia, que dominarás em todas as nações...
 

 

SA-330 "Puma" de volta às Lajes

Iniciado por pmdavilaQuadro Força Aérea Portuguesa no ForumDefesa.com

Respostas: 44
Visualizações: 16225
Última mensagem Outubro 20, 2014, 01:52:08 am
por Cabecinhas
Base das Lajes (BA4) - 65th Air Base Wing

Iniciado por pmdavilaQuadro Portugal

Respostas: 94
Visualizações: 11794
Última mensagem Dezembro 04, 2008, 08:19:46 am
por P44
Movimento nas Lajes em altura de crise no médio Oriente

Iniciado por MaginotQuadro Portugal

Respostas: 9
Visualizações: 2350
Última mensagem Agosto 14, 2006, 01:48:52 am
por Maginot
Sócrates instado a recusar utilização Base das Lajes

Iniciado por ricardonunesQuadro Portugal

Respostas: 24
Visualizações: 5555
Última mensagem Julho 01, 2008, 09:01:24 am
por legionario
Base das Lajes - impera lei da segurança interna dos EUA

Iniciado por Cabeça de MarteloQuadro Portugal

Respostas: 4
Visualizações: 1269
Última mensagem Janeiro 31, 2006, 03:43:26 pm
por Rui Elias