Combate a fogos pela F.A.P.

  • 816 Respostas
  • 145689 Visualizações
*

sivispacem

  • Perito
  • **
  • 320
  • Recebeu: 11 vez(es)
  • Enviou: 2 vez(es)
  • +6/-0
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #780 em: Outubro 09, 2018, 05:54:10 pm »
E que tal para reforçar os meios orgânicos da FAP no combate aos incêndios???

https://airforcesmonthly.keypublishing.com/2018/10/09/ex-change-parts-acquires-swedish-super-pumas/
 

*

raphael

  • Especialista
  • ****
  • 1058
  • Recebeu: 119 vez(es)
  • Enviou: 131 vez(es)
  • +8/-0
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #781 em: Outubro 09, 2018, 06:39:18 pm »
E que tal para reforçar os meios orgânicos da FAP no combate aos incêndios???

https://airforcesmonthly.keypublishing.com/2018/10/09/ex-change-parts-acquires-swedish-super-pumas/

Que frotas utilizarias?
Um abraço
Raphael
__________________
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 1960
  • Recebeu: 527 vez(es)
  • Enviou: 1383 vez(es)
  • +27/-0
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #782 em: Outubro 09, 2018, 07:35:38 pm »
Vendiam-se os 5 Kamov e substituíam-se por estes Super Puma que, segundo a notícia, têm relativamente poucas horas nas células e bastantes  sobresselentes. Os SP suecos entraram ao serviço em 1988 (18 anos depois dos Puma da FAP) e foram retirados em 2015. Os seis ou oito Pumas da FAP que estão armazenados poderiam fornecer ainda mais sobresselentes (os motores Makila são os mesmos).  OS SP podiam dar uma mãozinha no SAR continental e, de certeza, que o Exército não se ia importar de haver mais umas células para lhes dar apoio.

Mas, claramente, trata-se de algo que não ira acontecer.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: tenente, jorgeshot1

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2188
  • Recebeu: 820 vez(es)
  • Enviou: 260 vez(es)
  • +58/-5
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #783 em: Outubro 09, 2018, 09:08:57 pm »
Vendiam-se os 5 Kamov e substituíam-se por estes Super Puma que, segundo a notícia, têm relativamente poucas horas nas células e bastantes  sobresselentes. Os SP suecos entraram ao serviço em 1988 (18 anos depois dos Puma da FAP) e foram retirados em 2015. Os seis ou oito Pumas da FAP que estão armazenados poderiam fornecer ainda mais sobresselentes (os motores Makila são os mesmos).  OS SP podiam dar uma mãozinha no SAR continental e, de certeza, que o Exército não se ia importar de haver mais umas células para lhes dar apoio.

Mas, claramente, trata-se de algo que não ira acontecer.

Claro que não depois ficavamos sem dinheiro para ajudar os amigalhaços dos IrResponsáveis politicos cá do burgo !!
A ideia é boa,e até tem pernas para andar e esses Helis são bons, mesmo muito bons, podendo ser utilizados nos combates aos FF, embarcados no substituto do Bérrio, e no futuro NPL, aquele que virá numa manhã de nevoeiro...........era uma excelente aquisição nós até temos ainda nas OGMA, pessoal certificado para trabalhar nestas aeronaves, mas para os comprar, só se fossem adquiridos por menos de vinte milhões, Tás a ver NVF ???:nice: :nice: :nice:







Abraços
« Última modificação: Outubro 09, 2018, 09:13:30 pm por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2188
  • Recebeu: 820 vez(es)
  • Enviou: 260 vez(es)
  • +58/-5
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #784 em: Outubro 09, 2018, 09:22:49 pm »
O phase out dos Super Pumas Suecos iniciou-se em março 2013 !!


https://www.flightglobal.com/news/articles/swedish-military-retires-last-super-puma-417966/

http://helihub.com/2015/10/16/swedish-military-retires-last-super-puma/

.....The last remaining Super Puma, H-97, made some of its last flights during the event, and by coincidence it just passed 7000 flight hours the very same day. It will now make a few more flights prior to making its final landing in Linköping next week. Following the retirement, two helicopters will be displayed at air museums, one will be used as a technical training airframe in Halmstad and the remaining six will be offered for sale.....


Abraços

 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4646
  • Recebeu: 754 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #785 em: Outubro 09, 2018, 09:59:23 pm »
Vendiam-se os 5 Kamov e substituíam-se por estes Super Puma que, segundo a notícia, têm relativamente poucas horas nas células e bastantes  sobresselentes. Os SP suecos entraram ao serviço em 1988 (18 anos depois dos Puma da FAP) e foram retirados em 2015. Os seis ou oito Pumas da FAP que estão armazenados poderiam fornecer ainda mais sobresselentes (os motores Makila são os mesmos).  OS SP podiam dar uma mãozinha no SAR continental e, de certeza, que o Exército não se ia importar de haver mais umas células para lhes dar apoio.

Mas, claramente, trata-se de algo que não ira acontecer.

Vindo directamente de alguma malta Fap e ex Fap que anda a apagar fogos (e estou a citar, não quero dizer que concordo com isso), relativo tanto os Puma alemães como aos Super Puma suíços, "não tiveram desempenho por aí além" e "não servem para combater incêndios. Quando se mostram as fotos as respostas são "só para as câmaras e fotografia".   ;) :P



 

Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

NVF

  • Investigador
  • *****
  • 1960
  • Recebeu: 527 vez(es)
  • Enviou: 1383 vez(es)
  • +27/-0
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #786 em: Outubro 10, 2018, 12:01:40 am »
Os gajos da protecção civil grega também os usam para a fotografia. Típico de gajos que tem CL-415 à fartazana. Aposto que os teus amigos da FAP advogam que os melhores helis para combate a FF são os alugados que eles voam. :mrgreen:  Mas se de repente o Estado decidisse alugar helis pesados e uma das empresas oferecesse Super Pumas, aposto que rapidamente se tornavam nos melhores helis do mundo para combater incêndios, com um desempenho do outro mundo.

 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6964
  • Recebeu: 461 vez(es)
  • Enviou: 552 vez(es)
  • +23/-2
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #787 em: Outubro 10, 2018, 12:37:46 am »
O que também ouvi dizer dos helis alemães, (pois não vi nada, mas acho que até há videos), é que a técnica deles é muito ineficiente, pois os Alemães paravam sobre o fogo (os helis fazem isso) e largavam a água do balde, mas isso só fazia alastrar ainda mais o incèndio, tendo um efeito de sopro sobre material a arder que era projectado em todas as direcçóes, realmente nas imagens que vemos na tv dos helis alugados e dos Kamov, os helis costumam largar a água em movimento, por isso talvez essa técnica seja mais eficiente.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2188
  • Recebeu: 820 vez(es)
  • Enviou: 260 vez(es)
  • +58/-5
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #788 em: Outubro 10, 2018, 07:21:38 am »
O que também ouvi dizer dos helis alemães, (pois não vi nada, mas acho que até há videos), é que a técnica deles é muito ineficiente, pois os Alemães paravam sobre o fogo (os helis fazem isso) e largavam a água do balde, mas isso só fazia alastrar ainda mais o incèndio, tendo um efeito de sopro sobre material a arder que era projectado em todas as direcçóes, realmente nas imagens que vemos na tv dos helis alugados e dos Kamov, os helis costumam largar a água em movimento, por isso talvez essa técnica seja mais eficiente.

Os Alemães tem de vir cá aprender connosco, pois somos os maiores da Europa, mas só se for em Area ardida !!
Somos tão bons, e tão eficazes que nem precisamos de comprar Helis para os combates aos FF essa é que é essa !! 

Abraços
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: mayo

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4646
  • Recebeu: 754 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #789 em: Outubro 10, 2018, 03:36:25 pm »
O que também ouvi dizer dos helis alemães, (pois não vi nada, mas acho que até há videos), é que a técnica deles é muito ineficiente, pois os Alemães paravam sobre o fogo (os helis fazem isso) e largavam a água do balde, mas isso só fazia alastrar ainda mais o incèndio, tendo um efeito de sopro sobre material a arder que era projectado em todas as direcçóes, realmente nas imagens que vemos na tv dos helis alugados e dos Kamov, os helis costumam largar a água em movimento, por isso talvez essa técnica seja mais eficiente.

Os Alemães tem de vir cá aprender connosco, pois somos os maiores da Europa, mas só se for em Area ardida !!
Somos tão bons, e tão eficazes que nem precisamos de comprar Helis para os combates aos FF essa é que é essa !! 

Abraços

Depois de um tipo que voa nos Mi8 na época citada, ter dito que na "Suiça não à fogos florestais", já acredito em tudo...  ;D 8) :P ::)

https://www.thelocal.ch/tag/forest+fires

Citar
19 April 2017

The Swiss environment office raised the risk of forest fires in the southern Swiss canton of Ticino to its maximum level on Tuesday after a prolonged dry spell and strong winds provoked several blazes in the region.
Swiss and Italian firefighters battled two forest fires in the Lake Maggiore region over the weekend, before another blaze broke out in Gordola, near Locarno, on Tuesday, according to news agencies.
 
Three helicopters, including a Swiss army Super Puma, were used on Tuesday evening to combat the flames, however the fire continued to gain ground during the night, according to local paper 20 Minuti.
 
The risk level in Ticino is now at the highest possible level, the only canton in the country to reach the maximum five out of five. However parts of Graubünden are currently at four, classed as a ‘strong danger’ of forest fire.
 
The situation on Tuesday wasn’t helped by a strong foehn wind bringing gusts of up to 110km/hr to the Ticino region, a MeteoSuisse spokesman told news agency ATS.



https://www.thelocal.ch/userdata/images/article/6bfe980be2e4a50693c99178bb8421d9ed3f59e191cc9baeb74ba3e90f8238a0.jpg


 
http://www.passarodeferro.com/2016/04/mil-mi-8mtv-no-combate-indendios.html



Saudações
« Última modificação: Outubro 10, 2018, 03:39:33 pm por mafets »
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Igor

  • Membro
  • *
  • 22
  • Recebeu: 5 vez(es)
  • +1/-0
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #790 em: Outubro 10, 2018, 04:27:52 pm »
Meus caros, os Kamov são seguramente dos helicopteros existentes atualmente no mercado um dos meios mais eficazes no combate aos fogos florestais, não só pela sua capacidade de carga bem como pela possibilidade de operar em condições extremas nomeadamente elevadas temperaturas, típicas dos incendios florestais, dúvido muito que um super puma demonstre maior  eficácia no combate aos incendios florestais, daí o facto de não perceber qual a ideia de vender os kamov e comprar super pumas usados, agora podem me confrontar com as questões de manutenção, mas não sei se já repararam que existem inúmeras aeronaves do mesmo modelo que os nossos a operar por esse mundo fora e não se verifica a palhaçada que tem existido com a manutenção dos nossos. Agora tirem as vossas conclusões.
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4646
  • Recebeu: 754 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #791 em: Outubro 11, 2018, 10:17:20 am »
Os sul Coreanos têm a mesma opinião. Ah, mas sempre fizeram as coisas de modo diferente como está atestado nos links em baixo.

https://www.helis.com/database/model/1030/cn?filc=KR
Citar
South Korea - 44

https://www.ruaviation.com/news/2014/1/29/2147/?h
Citar
The Korea Forest Service has held the opening ceremony of the new service center for Ka-32 helicopters manufactured by Russian Helicopters Holding Company (part of Oboronprom Corporation and Rostec State Corporation), the holding’s press-service reports.

Representatives of Russian Helicopters took part in the opening ceremony. The opening of this center will give an impulse to promotion of Ka-32 helicopters in the Republic of Korea and other countries of the Asia-Pacific. It will also reduce time required for maintenance and overhaul of the helicopters.

“First of all, the opening of the new service center will have a positive impact on promotion of Russian-produced Kamov helicopters in East Asia”, - said Russian Helicopters CEO, Alexander Mikheev. “It is one of the key regions for us and we are interested in offering the high-quality MRO services to helicopter operators throughout the whole life cycle of our products”.

“The first multi-role Ka-32 helicopters were delivered to South Korea in 1993. The Korea Forest Service uses the helicopters for monitoring forests and fire-fighting; the Korean air forces use the vehicles for search-and-rescue missions; the coast guard uses the helicopters for patrolling its coastal water zone. Moreover, Ka-32 is used in the commercial sector for carrying cargo, performing construction work and other missions. A total of 61 Ka-32 helicopters are operated in South Korea; their total flying time is over 100,000 hours”, - the press-service noted.

The Ka-32 service center is located in a new multi-purpose facility near the headquarters of the Korea Forest Service. The center will be able to service all types of Ka-32 helicopters operated in the region. Previously these vehicles were serviced by Korean company LGI, one of Russian Helicopters’ key partners in the country. The LGI service center will also continue its work, Russian Helicopters noted.

“At present the Korea Forest Service is considering the possibility of expanding its fleet of Ka-32 helicopters by purchasing the latest model - Ka-32A11BC. It is a unique coaxial helicopter operated in more than 30 countries of the world including EU states, South Korea, China, Japan, Canada, Russia, etc. Ka-32A11BC is used for performing special search-and-rescue and high-rise construction operations, complex fire-fighting missions, cargo transportation inside the cabin or using an external sling, skidding and medevac operations, patrolling and monitoring”, - the press-service noted.

https://www.helis.com/database/modelorg/2489/
Citar
First Civil Kamov Ka-32 NVG Modification, 04-Feb-16 : Texas-based REBTECH announced approval by the Korean Office of Civil Aviation (KOCA) for a night vision (NVG) modification to Russian made KA-32 helicopter to perform night fire suppression operations


Russian Support for South Korea KA-32 Engines, 08-Oct-15 : South Korea’s Civil Aviation Authority and Heli Korea visited Russian Helicopters Aviation Repair Plant No. 150 and extended a certificate for maintenance of Ka-32 helicopter engines.

Ka-32 service and maintenance centre in Korea, 28-Jan-14 : Moscow - The Korea Forest Service has formally opened a new service and maintenance centre for Ka-32 helicopters manufactured by Russian Helicopters, a subsidiary of Oboronprom, part of State Corporation Rostec.







Saudações
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

oi661114

  • Membro
  • *
  • 52
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • Enviou: 56 vez(es)
  • +1/-2
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #792 em: Outubro 11, 2018, 12:29:51 pm »
Os sul Coreanos têm a mesma opinião. Ah, mas sempre fizeram as coisas de modo diferente como está atestado nos links em baixo.

https://www.helis.com/database/model/1030/cn?filc=KR
Citar
South Korea - 44

https://www.ruaviation.com/news/2014/1/29/2147/?h
Citar
The Korea Forest Service has held the opening ceremony of the new service center for Ka-32 helicopters manufactured by Russian Helicopters Holding Company (part of Oboronprom Corporation and Rostec State Corporation), the holding’s press-service reports.

Representatives of Russian Helicopters took part in the opening ceremony. The opening of this center will give an impulse to promotion of Ka-32 helicopters in the Republic of Korea and other countries of the Asia-Pacific. It will also reduce time required for maintenance and overhaul of the helicopters.

“First of all, the opening of the new service center will have a positive impact on promotion of Russian-produced Kamov helicopters in East Asia”, - said Russian Helicopters CEO, Alexander Mikheev. “It is one of the key regions for us and we are interested in offering the high-quality MRO services to helicopter operators throughout the whole life cycle of our products”.

“The first multi-role Ka-32 helicopters were delivered to South Korea in 1993. The Korea Forest Service uses the helicopters for monitoring forests and fire-fighting; the Korean air forces use the vehicles for search-and-rescue missions; the coast guard uses the helicopters for patrolling its coastal water zone. Moreover, Ka-32 is used in the commercial sector for carrying cargo, performing construction work and other missions. A total of 61 Ka-32 helicopters are operated in South Korea; their total flying time is over 100,000 hours”, - the press-service noted.

The Ka-32 service center is located in a new multi-purpose facility near the headquarters of the Korea Forest Service. The center will be able to service all types of Ka-32 helicopters operated in the region. Previously these vehicles were serviced by Korean company LGI, one of Russian Helicopters’ key partners in the country. The LGI service center will also continue its work, Russian Helicopters noted.

“At present the Korea Forest Service is considering the possibility of expanding its fleet of Ka-32 helicopters by purchasing the latest model - Ka-32A11BC. It is a unique coaxial helicopter operated in more than 30 countries of the world including EU states, South Korea, China, Japan, Canada, Russia, etc. Ka-32A11BC is used for performing special search-and-rescue and high-rise construction operations, complex fire-fighting missions, cargo transportation inside the cabin or using an external sling, skidding and medevac operations, patrolling and monitoring”, - the press-service noted.

https://www.helis.com/database/modelorg/2489/
Citar
First Civil Kamov Ka-32 NVG Modification, 04-Feb-16 : Texas-based REBTECH announced approval by the Korean Office of Civil Aviation (KOCA) for a night vision (NVG) modification to Russian made KA-32 helicopter to perform night fire suppression operations


Russian Support for South Korea KA-32 Engines, 08-Oct-15 : South Korea’s Civil Aviation Authority and Heli Korea visited Russian Helicopters Aviation Repair Plant No. 150 and extended a certificate for maintenance of Ka-32 helicopter engines.

Ka-32 service and maintenance centre in Korea, 28-Jan-14 : Moscow - The Korea Forest Service has formally opened a new service and maintenance centre for Ka-32 helicopters manufactured by Russian Helicopters, a subsidiary of Oboronprom, part of State Corporation Rostec.







Saudações

Pois é!

Aqui na terra é que têm a mania que são todos finos... ;)
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2188
  • Recebeu: 820 vez(es)
  • Enviou: 260 vez(es)
  • +58/-5
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #793 em: Outubro 11, 2018, 01:29:31 pm »
Os sul Coreanos têm a mesma opinião. Ah, mas sempre fizeram as coisas de modo diferente como está atestado nos links em baixo.

https://www.helis.com/database/model/1030/cn?filc=KR
Citar
South Korea - 44

https://www.ruaviation.com/news/2014/1/29/2147/?h
Citar
The Korea Forest Service has held the opening ceremony of the new service center for Ka-32 helicopters manufactured by Russian Helicopters Holding Company (part of Oboronprom Corporation and Rostec State Corporation), the holding’s press-service reports.

Representatives of Russian Helicopters took part in the opening ceremony. The opening of this center will give an impulse to promotion of Ka-32 helicopters in the Republic of Korea and other countries of the Asia-Pacific. It will also reduce time required for maintenance and overhaul of the helicopters.

“First of all, the opening of the new service center will have a positive impact on promotion of Russian-produced Kamov helicopters in East Asia”, - said Russian Helicopters CEO, Alexander Mikheev. “It is one of the key regions for us and we are interested in offering the high-quality MRO services to helicopter operators throughout the whole life cycle of our products”.

“The first multi-role Ka-32 helicopters were delivered to South Korea in 1993. The Korea Forest Service uses the helicopters for monitoring forests and fire-fighting; the Korean air forces use the vehicles for search-and-rescue missions; the coast guard uses the helicopters for patrolling its coastal water zone. Moreover, Ka-32 is used in the commercial sector for carrying cargo, performing construction work and other missions. A total of 61 Ka-32 helicopters are operated in South Korea; their total flying time is over 100,000 hours”, - the press-service noted.

The Ka-32 service center is located in a new multi-purpose facility near the headquarters of the Korea Forest Service. The center will be able to service all types of Ka-32 helicopters operated in the region. Previously these vehicles were serviced by Korean company LGI, one of Russian Helicopters’ key partners in the country. The LGI service center will also continue its work, Russian Helicopters noted.

“At present the Korea Forest Service is considering the possibility of expanding its fleet of Ka-32 helicopters by purchasing the latest model - Ka-32A11BC. It is a unique coaxial helicopter operated in more than 30 countries of the world including EU states, South Korea, China, Japan, Canada, Russia, etc. Ka-32A11BC is used for performing special search-and-rescue and high-rise construction operations, complex fire-fighting missions, cargo transportation inside the cabin or using an external sling, skidding and medevac operations, patrolling and monitoring”, - the press-service noted.

https://www.helis.com/database/modelorg/2489/
Citar
First Civil Kamov Ka-32 NVG Modification, 04-Feb-16 : Texas-based REBTECH announced approval by the Korean Office of Civil Aviation (KOCA) for a night vision (NVG) modification to Russian made KA-32 helicopter to perform night fire suppression operations


Russian Support for South Korea KA-32 Engines, 08-Oct-15 : South Korea’s Civil Aviation Authority and Heli Korea visited Russian Helicopters Aviation Repair Plant No. 150 and extended a certificate for maintenance of Ka-32 helicopter engines.

Ka-32 service and maintenance centre in Korea, 28-Jan-14 : Moscow - The Korea Forest Service has formally opened a new service and maintenance centre for Ka-32 helicopters manufactured by Russian Helicopters, a subsidiary of Oboronprom, part of State Corporation Rostec.







Saudações

Pois é!

Aqui na terra é que têm a mania que são todos finos... ;)

Só te coloco duas questões, já que devo fazer parte dos que tem a mania que são finos.......
Tens noção do custo hora de voo de um Kamov e de um Super Puma ??

https://expresso.sapo.pt/sociedade/2016-04-06-Cada-hora-de-voo-de-um-Kamov-custou-35-mil-euros
Cerca de cinco vezes os custos de um A330, bem e os consumos de um A330 mais a tripulação das duas aeronaves são mesmo comparáveis ... :conf: :conf: :conf:

Por acaso sabes quais os custos que teriamos de suportar para termos pessoal MNT certificado, nosso e sobressalentes para manter os poucos KAMOV operacionais ?

Por acaso para os Super Puma, ainda temos pessoal MNT e não só, certificado, além de muitos sobressalentes para os mesmos e convenhamos que no mercado aeronautico do mundo ocidental a aquisição de peças para os SP são conseguidas muito mais baratas e sem os problemas de alfândegas e não só que existem nos mercados do Leste, mas isto sou eu a falar.
No médio longo prazo a negociata dos KAMOV, é deficitária para o estado Português !

não discuto as capacidades de payload do KA32 com os SP, os Kamov tem cerca de mais 25% de capacidade de transporte mas só em carga suspensa porque para transporte de pessoal, vai lá vai............. teria sido bem melhor, e muitissimo mais barato para o erário Público, ter reativado alguns dos nossos PUMAS !

http://www.lidadornoticias.pt/incendios-helicopteros-puma-deixados-a-apodrecer-em-alverca-depois-de-revistos-em-beja/

Abraços
« Última modificação: Outubro 11, 2018, 01:55:59 pm por tenente »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

oi661114

  • Membro
  • *
  • 52
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • Enviou: 56 vez(es)
  • +1/-2
Re: Combate a fogos pela F.A.P.
« Responder #794 em: Outubro 11, 2018, 02:08:27 pm »

Só te coloco duas questões, já que devo fazer parte dos que tem a mania que são finos.......
Tens noção do custo hora de voo de um Kamov e de um Super Puma ??

https://expresso.sapo.pt/sociedade/2016-04-06-Cada-hora-de-voo-de-um-Kamov-custou-35-mil-euros
Cerca de cinco vezes os custos de um A330, bem e os consumos de um A330 mais a tripulação das duas aeronaves são mesmo comparáveis ... :conf: :conf: :conf:

Por acaso sabes quais os custos que teriamos de suportar para termos pessoal MNT certificado, nosso e sobressalentes para manter os poucos KAMOV operacionais ?

Por acaso para os Super Puma, ainda temos pessoal MNT e não só, certificado, além de muitos sobressalentes para os mesmos e convenhamos que no mercado aeronautico do mundo ocidental a aquisição de peças para os SP são conseguidas muito mais baratas e sem os problemas de alfândegas e não só que existem nos mercados do Leste, mas isto sou eu a falar.
No médio longo prazo a negociata dos KAMOV, é deficitária para o estado Português !

não discuto as capacidades de payload do KA32 com os SP, os Kamov tem cerca de mais 25% de capacidade de transporte mas só em carga suspensa porque para transporte de pessoal, vai lá vai............. teria sido bem melhor, e muitissimo mais barato para o erário Público, ter reativado alguns dos nossos PUMAS !

http://www.lidadornoticias.pt/incendios-helicopteros-puma-deixados-a-apodrecer-em-alverca-depois-de-revistos-em-beja/

Abraços

Claro que como qualquer aeronave de fabrico russo a manutenção é sempre elevada, mas qual é a alternativa o CH-47 ou Skycrane ou ainda adquirir mais 20 milhões de algo que voe, que depois não serve para a função?

O nossos Puma já não têm disponibilidade das células (sem um elevado investimento) para voar muitas mais horas e nem sequer têm a capacidade do Kamov, além da vantagem que os Kamov têm pelo tipo de sistema de propulsão (rotores) para o levantamento o transporte de cargas suspensas.

Pode ser que com a passagem para a FAP da gestão dos meios se acabe com as negociatas e que a sua manutenção comece a ser mais barata e eficaz.

Um abraço

 ;)

 

 

Procuro - "Filme" combate paras Timor

Iniciado por LMQuadro Livros-Revistas-Filmes-Documentários

Respostas: 6
Visualizações: 5154
Última mensagem Setembro 20, 2016, 09:31:28 pm
por JPMM
"Invasão" acidental de Liechtenstein pela Suiça

Iniciado por Get_ItQuadro Área Livre-Outras Temáticas de Defesa

Respostas: 1
Visualizações: 2114
Última mensagem Maio 06, 2007, 11:25:56 am
por Upham
Fogos: apenas quatro PUMAS disponíveis em 2006

Iniciado por P44Quadro Área Livre-Outras Temáticas de Defesa

Respostas: 6
Visualizações: 1983
Última mensagem Setembro 08, 2005, 04:54:04 pm
por Rui Elias
Jogos de guerra ajudam descobrir hormona que combate stress

Iniciado por Fábio G.Quadro Área Livre-Outras Temáticas de Defesa

Respostas: 0
Visualizações: 1353
Última mensagem Agosto 03, 2004, 07:42:10 pm
por Fábio G.
Portugal prepara criação de novo «grupo de combate» europeu

Iniciado por MarauderQuadro Exércitos/Sistemas de Armas

Respostas: 43
Visualizações: 13940
Última mensagem Maio 10, 2008, 09:45:41 pm
por pedro