Proposta de lei organica da PSP- UNIDADE ESPECIAL de POLICIA

  • 7 Respostas
  • 9352 Visualizações
*

springo

  • 31
  • +0/-0
SECÇÃO III
Unidade Especial de Polícia

Artigo 40.º
Missão

A Unidade Especial de Polícia (UEP) é uma unidade especialmente vocacionada para operações de manutenção e restabelecimento da ordem pública, combate a situações de violência concertada, segurança pessoal dos membros dos Órgãos de Soberania e de altas entidades e inactivação de explosivos e segurança em subsolo.

Artigo 41.º
Organização

1 – A UEP compreende as seguintes subunidades operacionais:
a)O Corpo de Intervenção;
b)O Grupo de Operações Especiais;
c)O Corpo de Segurança Pessoal;
d)O Centro de Inactivação de Explosivos e Segurança em Subsolo;
e)O Grupo Operacional Cinotécnico.
2 – Por despacho do Ministro da tutela, sob proposta do director nacional, podem ser destacadas, ou colocadas com carácter permanente, forças da UEP na dependência operacional, logística e administrativa dos comandos territoriais de polícia.
 

*

Yosy

  • Especialista
  • ****
  • 1086
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #1 em: Maio 10, 2007, 08:54:08 pm »
Não precebo nada do assunto, mas parece-me bem terem unido estas unidades num corpo comum.
 

*

nonameboy

  • 205
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #2 em: Maio 12, 2007, 06:30:34 pm »
sera melhor assim assim ou tirará algum prestigio ao GOE?  :?

*

springo

  • 31
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #3 em: Maio 12, 2007, 06:50:23 pm »
Citação de: "nonameboy"
sera melhor assim assim ou tirará algum prestigio ao GOE?  :?


porque irá tirar prestigio ao GOE??? o GOE é uma unidade de topo mas não são nenhuns seres transcendentes vindos de outro planeta!!!!
e independentemente do prestígio (indiscutivel) do GOE, as outras unidades especias da PSP tambem possuem as suas valências, e tb são bons nas suas respectivas áreas.....
Além disso cada sub-unidade da futura UEP manterá a sua identidade e competências.....o facto de formarem uma Unidade poderá maximizar as suas potêncialidades e torna mt mais fácil e célere as multiplas acçôes em conjunto......
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 7353
  • Recebeu: 605 vez(es)
  • Enviou: 746 vez(es)
  • +91/-30
(sem assunto)
« Responder #4 em: Maio 12, 2007, 06:55:13 pm »
Citação de: "nonameboy"
sera melhor assim assim ou tirará algum prestigio ao GOE?  :lol: .
 

*

springo

  • 31
  • +0/-0
(sem assunto)
« Responder #5 em: Maio 12, 2007, 07:04:35 pm »
....e ainda tem vantagem no treino, e em termos administrativos e logísticos, uma vez que vao partilhar as mesmas infraestuturas e comando único.
 

*

Lancero

  • Investigador
  • *****
  • 4140
  • Recebeu: 28 vez(es)
  • +57/-0
(sem assunto)
« Responder #6 em: Dezembro 21, 2008, 05:34:44 pm »
"Portugal civilizou a Ásia, a África e a América. Falta civilizar a Europa"

Respeito
 

*

Jorge Pereira

  • Administrador
  • *****
  • 2198
  • Recebeu: 58 vez(es)
  • Enviou: 116 vez(es)
  • +15/-0
    • http://forumdefesa.com
Re: Proposta de lei organica da PSP- UNIDADE ESPECIAL de POLICIA
« Responder #7 em: Setembro 21, 2009, 05:27:19 pm »
Citar
Especiais da PSP vão abranger todo o país

CARLOS VARELA

Comandos serão criados no Porto, Faro, Açores e Madeira para combate ao crime violento.

A medida, concebida e definida pela Direcção Nacional da PSP e que só está à espera da assinatura do ministro da Administração Interna para ser efectivada, por estar no âmbito da Lei Orgânica daquela força de segurança, envolve um total de mais de 500 homens, todos com origem na Unidade Especial de Polícia, localizada em Belas, nas imediações de Lisboa e que tem um efectivo de cerca de mil agentes.

O objectivo da medida é melhorar a capacidade de resposta das forças especiais da PSP, concebidas e preparadas para fazer face a incidentes de alta violência criminal, como o "carjacking" e os roubos à mão armada, mas vai ter também como consequência um aumento do efectivo da UEP (ver texto em baixo), tanto mais que vai ser também incrementado o patrulhamento em áreas de risco, como por exemplo o distrito de Setúbal.

O principal destacamento da UEP vai estar localizado no Porto, com 230 homens, e terá como quartel a Quinta da Bela Vista, nas imediações do Estádio do Dragão, onde já está instalada uma subunidade do Corpo de Intervenção. O destacamento do Porto vai ter como área de intervenção todo o norte do país.

Um outro destacamento especial vai ficar sediado em Faro, com 130 homens, responsável pela zona sul, um na Madeira e outro nos Açores, com 40 cada um. Prevista está também a criação de mais quatro ou cinco pequenas subunidades da UEP, com seis elementos cada uma, em locais que não foi possível apurar, mas mais viradas para a inactivação de engenhos explosivos.

Os destacamentos do Porto e Faro, os mais importantes, serão verdadeiras réplicas da UEP, com todas as valências operacionais, das operações especiais à segurança pessoal, e terão comandos próprios, mas ficarão dependentes em termos operacionais, logísticos e administrativos do comando da PSP do Porto e de Faro.

Já em termos de formação, doutrina de emprego e certificação das forças - que será anual - vão ficar sob dependência do comando da UEP, que poderá vir a sobrepor-se operacionalmente ao comando local em situação excepcional e depois de avaliação da gravidade do incidente, como foi determinado pela Direcção Nacional da PSP.

Movimento de forças especiais incrementa aumento de efectivo

A movimentação a que se vai assistir na PSP está associada à criação da Unidade Especial de Polícia (UEP), que, mercê da nova Lei Orgânica, concentrou forças, estruturas e serviços que anteriormente estavam dispersos, tal como aconteceu na Unidade de Intervenção da GNR, que vai também criar um destacamento no Norte, em Penafiel. Na prática, a criação das extensões da UEP constitui a primeira reestruturação ou adaptação da unidade às novas realidades da criminalidade, com maior foco na instrução conjunta e na doutrina. Mas o incremento das subunidades vai ter consequência no recrutamento, em particular no Corpo de Intervenção e no Grupo de Operações Especiais, as duas forças da UEP com maior empenhamento. No próximo ano vão ter lugar dois novos cursos, em números ainda a determinar.

Fonte

Um dos primeiros erros do mundo moderno é presumir, profunda e tacitamente, que as coisas passadas se tornaram impossíveis.

Gilbert Chesterton, in 'O Que Há de Errado com o Mundo'






Cumprimentos
 

 

COT (Comando de Operações Tácticas) - Polícia Federal

Iniciado por marcelo bahia

Respostas: 10
Visualizações: 33321
Última mensagem Julho 08, 2010, 07:33:03 pm
por marcelo bahia
GAT (Grupo de Ações Táticas) da Polícia Maritima

Iniciado por ACADO

Respostas: 29
Visualizações: 12299
Última mensagem Dezembro 31, 2017, 04:46:40 pm
por ACADO
Unidade de Resposta Táctica da PJ

Iniciado por Mar Verde

Respostas: 33
Visualizações: 22702
Última mensagem Maio 13, 2014, 10:32:21 pm
por Camuflage
Noticias da Unidade de Intervenção da GNR

Iniciado por Cabeça de Martelo

Respostas: 51
Visualizações: 15606
Última mensagem Novembro 05, 2018, 09:17:11 pm
por Lightning
A «BRIGADA ESPECIAL NACIONAL» de CUBA

Iniciado por Miguel Silva Machado

Respostas: 0
Visualizações: 2894
Última mensagem Março 13, 2009, 12:22:28 pm
por Miguel Silva Machado