Furto de Munições em Tancos

  • 249 Respostas
  • 27267 Visualizações
*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4652
  • Recebeu: 758 vez(es)
  • Enviou: 532 vez(es)
  • +31/-13
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #15 em: Julho 01, 2017, 11:27:34 am »
Só espero que um dia não se lembrem de ir à Força Aérea roubar um F-16 ;D.

Na Venezuela roubam helis e dos mesmos atiram granadas. Esperemos que a moda não pegue por cá...  ;D

http://www.dn.pt/mundo/interior/venezuela-tiros-contra-ministerio-e-granadas-contra-supremo-tribunal-a-partir-de-helicoptero-8596575.html
Citar
O Governo da Venezuela afirmou que foram disparados 15 tiros contra o Ministério do Interior e lançadas quatro granadas contra o Supremo Tribunal durante um ataque, na terça-feira, a partir de um helicóptero tomado por um polícia.

Só por curiosidade. Nos casos anteriores alguém foi responsabilizado ou tomaram-se medidas? E relativamente aos assaltos a carrinhas de valor, com material de guerra (será desta que se investigam a sério junto com o trafico de armas, ou o alarido é só ate a poeira assentar como das outras vezes...)  ::)

http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/militares/armas-desaparecem-de-quartel-em-sintra
Citar
O exército está a investigar o desaparecimento de armamento do quartel da Carregueira, em Sintra, que alberga um batalhão de 200 comandos e outras unidades de elite, num total de 350 militares. Em causa está o desaparecimento de dez armas de guerra entre as quais, segundo sabe a TVI duas G3, duas HK MP5 e outras seis metralhadoras e pistolas

https://www.publico.pt/2017/02/16/sociedade/noticia/psp-desaparecimento-de-50-armas-leva-a-abertura-de-inquerito-1762292
Citar
O Ministério Público, através do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa, está a investigar o desaparecimento de um lote de 50 armas Glock que estavam numa arrecadação da Direcção Nacional da PSP, em Lisboa. A polícia só notou que as armas tinham desaparecido quando uma Glock da PSP foi apreendida no Porto, a 25 de Janeiro. Estava no Bairro da Pasteleira com um estudante de 21 anos, suspeito de tráfico de droga.

http://expresso.sapo.pt/actualidade/marinha-seis-armas-desaparecem-da-base-do-alfeite-video=f668044
Citar
Seis armas desapareceram hoje da base da Marinha no Alfeite, em Almada, disse à agência Lusa fonte oficial da Marinha, acrescentando que as munições são iguais às usadas pelo corpo de fuzileiros.

O furto foi detetado durante uma "ronda de vigilância ao final da tarde" de ontem, afirmou à Lusa o comandante Santos Fernandes, relações públicas da Marinha.

Desapareceram do local "duas espingardas, duas pistolas metralhadoras e duas pistolas", de acordo com a mesma fonte.

https://www.publico.pt/portugal/jornal/carrinha-de-valores-roubada-com-explosivos-num-golpe-raro-em-portugal-273164
Citar
Cinco homens munidos de armas automáticas e explosivos rebentaram, na madrugada de ontem, uma carrinha de transporte de valores. Em plena A2, junto à saída para Canhestros (Ferreira do Alentejo, distrito de Beja), o grupo apoderou-se de uma quantia não divulgada mas que deverá ascender, no mínimo, a 100 mil euros. O dinheiro, transportado pela Prosegur, destinava-se a abastecer bancos, supermercados e outros estabelecimentos do distrito de Faro. Um dos dois ocupantes do veículo assaltante sofreu ferimentos ligeiros.

http://www.dn.pt/portugal/sul/interior/armas-militares-usadas-em-assalto-escondidas-na-capela-1822598.html
Citar
No sótão da capela em Portugal foram encontradas, dissimuladas em sacos, cinco granadas, uma arma anti-tanque de calibre 64 mm, duas espingardas de assalto Kalashnikov, de calibre 7,62 mm e uma espingarda "shotgun" de calibre 12, duas pistolas de calibre 9 mm. No mesmo local encontraram ainda quatro barras de "alto teor explosivo" PEP 500, detonadores eléctricos, dispositivos com ventosa e carga explosiva para corte linear, 200 munições de calibre 9 mm e 7,62 mm, cinco coletes à prova de bala, dois coletes táticos, dois gorros e fatos específicos para manuseamento de explosivos. Uma das armas automáticas apreendidas foi a utilizada na rajada disparada sobre a carrinha no final de assalto, segundo análises efectuadas no Laboratório de Polícia Científica, da PJ.

Cumprimentos
« Última modificação: Julho 01, 2017, 11:44:12 am por mafets »
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14280
  • Recebeu: 720 vez(es)
  • Enviou: 721 vez(es)
  • +53/-33
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #16 em: Julho 01, 2017, 03:11:11 pm »
Algo me diz que o próximo alvo serão as OE? Comandos, Fuzileiros e agora paraquedistas, o trilho aponta todo para o mesmo.

Não saberemos nada, as granadas serão usadas em ataques terroristas na europa e nada será divulgado, país de terceiro mundo.

Paraquedistas?! Como sabes que quem estava a tomar conta dos paióis eram Páras? Aquilo é tomado conta por todas as unidades do Polígono Militar de Tancos.

Acho que ninguém está a apontar o dedo a ninguém...simplesmente porque se associa Tancos aos páras, mas também anda por lá a BRR.
Mais que dizer se eram páras ou malta da boina castanha...o real e efetivo é que a instalação não estava segura e também não é com a nova vedação que fica muito melhor.
Qualquer paiol que guarde material sensível deve ter vigilância e mais que as patrulhas móveis que têm desenrascado desde que o CCTV foi à vida há 2 anos todos os paióis deveriam ter alarme de contato nas portas e alarme volumétrico interior, porque mesmo com câmaras o Praça de serviço não está sempre a olhar para as ditas....

A ocasião faz o ladrão.

Talvez se fossem páras a fazer a segurança fosse melhor, talvez fosse a mesma coisa, porque quem lá foi conhecia bem a vulnerabilidades da área e o conteúdo efetivo dos referidos paióis.

Os problemas são variados e estão perfeitamente identificados. Temos três unidades militares em ponto de ruptura com a falta de efectivos, de tal forma que as torres foram desactivadas e a vigilância permanente foi substituída por patrulhas aleatórias, tens um sistema de segurança inoperacional, tens vedações e infraestruturas em perfeita decadência e tens carradas de pessoal que sabe a situação em que aquilo se encontra.

Junta tudo e tens uma situação impossível e que é um convite ao desastre.

O pior de tudo já foi apontado pelo FoxTroop, isto não é o típico roubo da G3 para mostrar aos amigos/família ou a recordação da tropa. Isto cheira a mais, a algo organizado e planeado.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6964
  • Recebeu: 461 vez(es)
  • Enviou: 554 vez(es)
  • +23/-2
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #17 em: Julho 01, 2017, 10:30:27 pm »
Já rolaram cabeças no caso do roubo de armas em Tancos, comandantes do Regimento de Pára-quedistas, Regimento de Engenharia 1, Regimento de Infantaria 15, Unidade de Apoio da BrigRR e da Unidade de Apoio Geral de Material do Exército foram exonerados.

A UAGME é a unidade responsável pelos paióis e as outras 4 unidades seriam as responsáveis pela segurança num sistema de rotatividade.
 

*

ARIES

  • Membro
  • *
  • 66
  • Recebeu: 19 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +1/-0
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #18 em: Julho 02, 2017, 06:58:01 pm »
Jornal espanhol divulga lista de todo o material roubado dos paióis de Tancos
http://24.sapo.pt/atualidade/artigos/jornal-espanhol-divulga-lista-de-todo-o-material-roubado-dos-paiois-de-tancos
 

*

Jorge Pereira

  • Administrador
  • *****
  • 2215
  • Recebeu: 42 vez(es)
  • Enviou: 108 vez(es)
  • +9/-0
    • http://forumdefesa.com
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #19 em: Julho 02, 2017, 07:06:43 pm »
http://www.elespanol.com/espana/20170701/227977692_0.html

Olho para esta lista e fico mesmo preocupado...
Um dos primeiros erros do mundo moderno é presumir, profunda e tacitamente, que as coisas passadas se tornaram impossíveis.

Gilbert Chesterton, in 'O Que Há de Errado com o Mundo'






Cumprimentos
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Get_It, Clausewitz

*

ARIES

  • Membro
  • *
  • 66
  • Recebeu: 19 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +1/-0
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #20 em: Julho 02, 2017, 07:29:31 pm »
 

*

P44

  • Investigador
  • *****
  • 7356
  • Recebeu: 200 vez(es)
  • Enviou: 310 vez(es)
  • +14/-3
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #21 em: Julho 03, 2017, 11:10:37 am »
Citar
retirado da associação de oficiais do exército

Coronel António Feijó - "DEIXEMO-NOS DE FANTASIAS"

O que aconteceu com o paiol de Tancos foi realizado por quem sabe e tem capacidade para o fazer, não olhando a meios, incluindo, muito provavelmente, a eliminação de quem, eventualmente, se lhes opusesse.
Poder-se-á aventar a hipótese que, se por acaso, a ronda militar apanhasse em flagrante este grupo, muito provavelmente seria neutralizada ou até eliminada. E sabem porquê? É que as sentinelas nos nossos quartéis andam sem carregadores municiados nas armas e apenas dispõem de um outro, nas cartucheiras, com poucos cartuchos e lacrado.
Em resumo: NÃO PODEM DEFENDER AS INSTALAÇÕES QUE LHES SÃO CONFIADAS, MESMO QUE O QUEIRAM: retirar o carregador vazio, deslacrar o que levam na cartucheira, colocá-lo na arma e disparar é uma impossibilidade, porque antes - já foram desta para melhor.

E isto a que é devido? A uma directiva política que proíbe os militares de defenderem o que é da sua responsabilidade. Não têm cobertura legal e, por conseguinte, há uma ausência de regras de empenhamento conformes que lhes dêem a capacidade de serem oportunos no cumprimento da a sua missão com eficiência e eficácia. Assim, actualmente, se uma sentinela, no exercício da sua missão, disparar a sua arma em defesa do pessoal, das instalações ou do material que lhe estão confiados, uma coisa é certa: está metido numa encrencada que pode resultar na sua prisão e pagar grossa indemnização ao(s) "coitado(s)" de um ou mais assaltantes.

Continuando: o Exército está a cumprir com grande dificuldade as suas missões - que lhes são cometidas pelo poder político -como deve ser - à custa de enormes sacrifícios dos seus militares - que os fazem devido ao seu inexcedível profissionalismo, ao espírito do Dever e, principalmente, ao seu amor à Pátria.
Este Ramo das FFAA está a trabalhar aquém dos mínimos em pessoal. Segundo consta, tem menos de uma dezena de milhar de homens nos quadros orgânicos aprovados.
Mesmo assim, não regateia esforços e, exemplo disso, é a sua presença na Colômbia, no Mali, no Afeganistão, Iraque e em outras partes do Mundo.
Por cá, encontramo-lo nos treinos operacionais para render os seus militares nos Teatro de Operações onde estão empenhados, apoiar as populações desprotegidas e a combater incêndios com grande eficiência e descrição.
A descredibilização da Defesa e a Segurança do País tem sido uma constante dos agentes políticos que têm exercido o poder, sejam de que partido forem. Olham para a estrutura do Estado, como uma sua quinta para colocarem os seus boys na manjedoura do orçamento. E se dúvidas houver, basta olhar para a Protecção Civil e SIRESP. Choram lágrimas de crocodilo. Já é tempo de dizer BASTA!
« Última modificação: Julho 03, 2017, 11:22:26 am por HSMW »
"[Os portugueses são]um povo tão dócil e tão bem amestrado que até merecia estar no Jardim Zoológico"
-Dom Januário Torgal Ferreira, Bispo das Forças Armadas
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8110
  • Recebeu: 633 vez(es)
  • Enviou: 923 vez(es)
  • +37/-5
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Roubo de Munições em Tancos
« Responder #22 em: Julho 03, 2017, 11:20:07 am »
Movido para tópico próprio devido à gravidade do assunto em questão.

P44. Ia agora mesmo postar esse texto!! Vou sublinhar as partes que considero de extrema relevância.
 :G-beer2:
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Jorge Pereira

*

Turlu

  • Membro
  • *
  • 79
  • Recebeu: 7 vez(es)
  • Enviou: 34 vez(es)
  • +2/-0
Re: Re: Notícias do Exército Português
« Responder #23 em: Julho 03, 2017, 12:00:09 pm »
Citar
retirado da associação de oficiais do exército

Coronel António Feijó - "DEIXEMO-NOS DE FANTASIAS"

É que as sentinelas nos nossos quartéis andam sem carregadores municiados nas armas e apenas dispõem de um outro, nas cartucheiras, com poucos cartuchos e lacrado. [/u]
Em resumo: NÃO PODEM DEFENDER AS INSTALAÇÕES QUE LHES SÃO CONFIADAS, MESMO QUE O QUEIRAM: retirar o carregador vazio, deslacrar o que levam na cartucheira, colocá-lo na arma e disparar é uma impossibilidade, porque antes - já foram desta para melhor.
!

Isto agora é mesmo assim?  :N-icon-Axe:
Fui militar dos QP's na Marinha entre 1988 e 1995. Fiz bastantes guardas e reforços em terra e serviços à prancha a bordo de navios e nessa altura tínhamos as armas municiadas, as G3 tinham 1 dezena de munições (durante o CFT!) e a pistola estava com o carregador devidamente completo.
Cumprimentos,

Turlu
Com gente tola e toiros, paredes bem altas!
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6964
  • Recebeu: 461 vez(es)
  • Enviou: 554 vez(es)
  • +23/-2
Re: Roubo de Munições em Tancos
« Responder #24 em: Julho 03, 2017, 12:24:24 pm »
Não sou nenhum especialista em segurança, mas estas regras tem que mudar, para o português comum, civil, que nunca foi militar, isto é algo ilógico, gastasse milhões em sistemas de combate, mas estamos à 2 anos para ter autorização para gastar alguns milhares para reparar uma vedação e o sistema de video-vigilância, eu até posso querer ir de férias para o Algarve, mas se tiver a porta de casa destruída, não vou sem ter uma porta nova em casa, os procedimentos para estas coisas, em infraestruturas críticas, tem que se prioridade, sempre.

Isto devia ser à filme americano, mais vale errar por exagero que por defeito, à primeira intrusão (nestes locais críticos pelo menos) devia cair logo no local uma força militar em alta prontidão e da GNR ou PSP consoante a área.

Outro assunto é, quais as regras de empenhamento para os militares, em território nacional.
« Última modificação: Julho 03, 2017, 12:29:02 pm por Lightning »
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2202
  • Recebeu: 822 vez(es)
  • Enviou: 261 vez(es)
  • +58/-5
Re: Roubo de Munições em Tancos
« Responder #25 em: Julho 03, 2017, 12:59:02 pm »
Só vos digo isto, quem executou este golpe de mão sabia o que fazia e estava preparado para o pior !!

Abraços
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Lightning

*

Major Alvega

  • Perito
  • **
  • 309
  • Recebeu: 155 vez(es)
  • Enviou: 67 vez(es)
  • +43/-67
Re: Roubo de Munições em Tancos
« Responder #26 em: Julho 03, 2017, 02:12:16 pm »
  Embora este tipo de episódios de roubo de armas ocorridos em instalações militares portuguesas não seja um acontecimento raro, vem só demonstrar aquilo que venho aqui repetidamente a dizer sempre. As FA's que existem é só para manter as aparências perante o exterior e não têm actualmente objectivamente qualquer valor táctico ou militar, estando cingidas a um ou dois pequenos contigentes simbólicos sofrivelmente equipados para poderem participar em missões internacionais ou em exercícios pontuais da NATO.

 Tudo o resto é indigente, incipiente e para além de terceiro-mundista. A imagem de uma vedação antiga toda ferrugenta com as torres de vigia já sem nenhuma tinta, tapada por uma marquise de alumínio com as vidraças todas partidas é o espelho exacto das nossas FA's. Com um sistema de CCTV barato sem sistema de visão noturna e que estava sem manutenção há anos devido aos cortes criminosos e desvio sistemático de verbas para a oligarquia corrupta que orbitam em torno do regime saído do golpe de Lisboa de 74. Levou o país a este estado em que somos encarados com os indigentes da Europa.
No outro dia um chefe operacional da Unidade Militar de Emergência de Espanha sobre Pedrogão dizia à RTP que estavam sempre prontos a auxiliar mas os países têm de ter meios próprios para fazer face a estes desastres. As verbas que o regime disponibiliza para a Defesa é só para pagar vencimentos. Para manutenção, capacidade e equipamento é ZERO. Para quê adquirir viaturas logisticas para o Exército que circulam com 40 anos (e muitas delas abatidas noutros países e doadas) se por exemplo podemos sacar mais uns votos construindo umas rotundas, um multiusos, fontanários ou organizar festas com artistas convidados lá na terra?

E como toda esta situação indecorosa tem passado em branco e entre os pingos da chuva ao longo destes anos? Porque o estratagema dos políticos do regime é pagar altas folhas de vencimentos ás chefias de topo e dar-lhes grandes regalias para estarem com o bico calado e não levantarem muitas ondas e tentar esconder a degradação completa a que chegaram as nossas FA's e as instituições fundamentais do país. Vimos no último 10 de Junho no desfile da sucata os seus representantes a falarem a tentarem com todos os eufemismos e embaraçadamente disfarçarem o vergonhoso estado de vetustez do material que desfilava perante os écrans.

Quem tiver o mínimo de inteligência e capacidade de análise,  tudo isto que aconteceu ultimamente em que os cidadãos pagam impostos confiscatórios ao regime mas depois este não tem meios e capacidade para o socorrer e deixa-o entregue a si próprio. E a tropa fandanga que faz vigias a pontos sensíveis de 20 em 20 horas etc. É o estado de absoluta podridão que o Estado chegou. Em 74 no regime de Marcello Caetano, o Estado por muitos defeitos que tivesse, entre os quais ser autocrático estava nos antípodas desta incompetência, degradação, desorganização e medíocridade que este apresenta à vista desarmada.

« Última modificação: Julho 03, 2017, 02:33:39 pm por Major Alvega »
 

*

Lightning

  • Moderador Global
  • *****
  • 6964
  • Recebeu: 461 vez(es)
  • Enviou: 554 vez(es)
  • +23/-2
Re: Roubo de Munições em Tancos
« Responder #27 em: Julho 03, 2017, 02:57:05 pm »
Só vos digo isto, quem executou este golpe de mão sabia o que fazia e estava preparado para o pior !!

Abraços

Foi o que disse o Hernani Carvalho na SIC, se calhar até foi bom não se ter feito nenhum ronda nesse espaço temporal (ou até foi de propósito), senão terias esses militares da ronda mortos, os procedimentos dos militares na ronda não ajudam, como ter as munições reais num carregador à parte, selado, para quem tem que agir em segundos é mortal.
 

*

tenente

  • Investigador
  • *****
  • 2202
  • Recebeu: 822 vez(es)
  • Enviou: 261 vez(es)
  • +58/-5
Re: Roubo de Munições em Tancos
« Responder #28 em: Julho 03, 2017, 04:03:03 pm »
Só vos digo isto, quem executou este golpe de mão sabia o que fazia e estava preparado para o pior !!

Abraços

Foi o que disse o Hernani Carvalho na SIC, se calhar até foi bom não se ter feito nenhum ronda nesse espaço temporal (ou até foi de propósito), senão terias esses militares da ronda mortos, os procedimentos dos militares na ronda não ajudam, como ter as munições reais num carregador à parte, selado, para quem tem que agir em segundos é mortal.

Nas décadas de 70 e 80 os paióis, nas unidades onde estive, eram guarnecidos com pelo menos uma secção de atiradores, três vezes por dia recebiam as refeições, pelo menos, duas vezes por dia eram efectuadas rondas (a), além de serem rendidos diariamente, uma área tão sensível como os paióis a tais medidas obrigava, portanto, em termos de segurança a diferença para o que hoje em dia acontece, é abismal !!!

(a) quando eu estava de oficial de dia por vezes determinava maior número de rondas aos ditos paióis. Eram prerrogativas que na altura os OD disponham e que agora, penso não terem poder para tal !
Os paióis eram " visitados " pela unidade pelo menos seis vezes diariamente.

Abraços
« Última modificação: Julho 03, 2017, 04:04:51 pm por tenente »
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8110
  • Recebeu: 633 vez(es)
  • Enviou: 923 vez(es)
  • +37/-5
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Roubo de Munições em Tancos
« Responder #29 em: Julho 03, 2017, 04:21:10 pm »
A diferença de efectivos dessa altura para agora é que é abismal!!!
Tal como é abismal a evolução tecnológica nos sistemas de vigilância e detecção e que são mais eficientes que uma secção de atiradores.

E existe uma projecto de vídeo-vigilância dentro do Exército na DCSI, que depois está entregue a duas ou três pessoas que também têm outras funções para além disso...
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

 

Novas Munições .223Rem militares/5,56mm - ainda terá futuro?

Iniciado por ACADOQuadro Exércitos/Sistemas de Armas

Respostas: 65
Visualizações: 14970
Última mensagem Abril 26, 2011, 05:12:43 pm
por ACADO
Falta de limpeza da área militar provocou o alastramento do incendio de Tancos?

Iniciado por SertorioQuadro Exército Português no ForumDefesa.com

Respostas: 1
Visualizações: 785
Última mensagem Agosto 26, 2017, 04:34:26 pm
por Lightning
Lei nº5/2006 (Novo regime jurídico das armas e munições)

Iniciado por PereiraMarquesQuadro Portugal

Respostas: 2
Visualizações: 1334
Última mensagem Fevereiro 23, 2006, 05:46:24 pm
por PereiraMarques
É crime ter munições mesmo que não funcionem????

Iniciado por PortuguêsdesiludidoQuadro Área Livre-Outras Temáticas de Defesa

Respostas: 8
Visualizações: 4199
Última mensagem Junho 29, 2016, 02:14:38 pm
por tenente
Campeonato Europeu de Pára-quedismo em Tancos

Iniciado por ricardonunesQuadro Área Livre-Outras Temáticas de Defesa

Respostas: 16
Visualizações: 5865
Última mensagem Outubro 11, 2006, 12:52:54 am
por Cabeça de Martelo