Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil

  • 1254 Respostas
  • 148005 Visualizações
*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5513
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +3/-0
    • http://www.areamilitar.net
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #30 em: Fevereiro 27, 2014, 12:03:27 am »
Erro meu quanto à questão da demissão do presidente, influência de acompanhar situações por exemplo no Brasil ou países da América do Sul.

A expressão semi-presidencialista com pendor parlamentar foi uma expressão que foi utilizada quando começaram a tirar poderes ao presidente, no tempo em que o cargo era desempenhado pelo Ramalho Eanes.

Mas a capacidade de atuação do presidente foi desaparecendo pela via legal, chegando ao ponto de o presidente ser um mero assinante de leis, porque uma interpretação fiel da lei, exige que o presidente seja apenas isso.
Nós temos o presidente como uma válvula de escape, mas na realidade a válvula não funciona. Por isso há tanta gente irritada como Cavaco, por achar que ele deveria inventar para o presidente, poderes que não tem, para fazer coisas que não pode fazer.
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14356
  • Recebeu: 762 vez(es)
  • Enviou: 742 vez(es)
  • +59/-50
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #31 em: Fevereiro 27, 2014, 10:23:57 am »
Citação de: "brunopinto90"
Citação de: "papatango"
Não estamos lá.
Não é facil tirar conclusões sobre o que é legal.
À partida tentar remover um governo eleito pela via da força, é uma tese indefensável.
Do outro lado dirão que Yanukovich não representava já ninguém, que não resolveu problema nenhum e que chegado ao fim do seu mandato, sabendo que provavelmente perderia as eleições, se preparava para atar a Ucrânia à Russia.
Além disso, prendeu opositores e preparava-se para controlar o país ao estilo de Putin.

Quem é que gostaria disso para o seu próprio país ?

A votação para demitir o presidente foi aliás unânime.

Em Portugal temos um sistema parlamentar, e o presidente da república é essencialmente um cargo cerimonial, mas mesmo assim seria possível demitir o presidente.

Seria ilegal ?
Não !

Sempre pensei que Portugal tinha uma política semi-presidencial em que o Presidente ainda tem algum poder executivo. Ficando encarregue de sancionar ou vetar o projeto de lei. Não creio que seja Parlamentar. Sim é possível demitir o Presidente, pois "ele" divide poderes com o primeiro-ministro e o Parlamento. Já no EUA e no Brazil, creio que não é possível, pois são Presidencialistas, mas Bill Clinton foi demitido :?:

Sim, é sempre difícil, não estando lá. O que mais irrita é amigos, familiares a comentarem a situação nas redes sociais sem saberem as causas. Houve votos para que o Presidente Yanukov saísse e mesmo assim não saiu? Confesso que é a primeira vez que estou a ouvir isso. Aliás o Presidente mudou a constituição para ter mais poder. Isso claro é errado. Claro que não gostaria de viver num país assim.

Bruno é Brasil e não o Bill Clinton não foi demitido.
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1310
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #32 em: Fevereiro 27, 2014, 11:17:12 am »
Neste momento qual é a capacidade militar da Ucrânia. Meios e homens, possui armamento nuclear ex- união soviética?
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

Cabeça de Martelo

  • Investigador
  • *****
  • 14356
  • Recebeu: 762 vez(es)
  • Enviou: 742 vez(es)
  • +59/-50
7. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

 

*

papatango

  • Investigador
  • *****
  • 5513
  • Recebeu: 9 vez(es)
  • +3/-0
    • http://www.areamilitar.net
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #34 em: Fevereiro 27, 2014, 03:56:31 pm »
A Ucrânia não tem armas nucleares.

Terá operacionais de meia a uma duzia de caças Su-27 antiquados, até uma vintena de MiG-29, uns 10 Su-25 de ataque ao solo.
A marinha tem uma fragata do tipo Krivak III.

O exército tem várias formações, divide-se em três corpos de exército cada um deles na teoria com uma brigada mecanizada, uma brigada blindada e ao bom estilo russo uma brigada de artilharia.

Eles possuem tanques T-80 (100 a 150 operacionais), tanques T-64 modernizados (O T-64 está na origem do T-80) e vários T-72. O tanque T-84 120 Yatagan foi produzido em pré-série num total de 10 unidades.

As unidades ucranianas deslocam-se em terreno aberto, pelo que os ucranianos como os russos dão importância à capacidade anti-aérea das formações blindadas.

Os ucranianos têm graves problemas de logística, tal como os russos e agravados pelo estado depauperado das finanças.
No entanto, em caso de conflito aberto, eles estariam em combate no seu próprio território.
Ainda assim, se o conflito se ficasse pela região leste, eles teriam bastante apoio de parte das populações de língua russa.
 

*

brunopinto90

  • 159
  • +0/-0
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #35 em: Fevereiro 27, 2014, 07:40:04 pm »
Citação de: "papatango"
A Ucrânia não tem armas nucleares.

Terá operacionais de meia a uma duzia de caças Su-27 antiquados, até uma vintena de MiG-29, uns 10 Su-25 de ataque ao solo.
A marinha tem uma fragata do tipo Krivak III.

O exército tem várias formações, divide-se em três corpos de exército cada um deles na teoria com uma brigada mecanizada, uma brigada blindada e ao bom estilo russo uma brigada de artilharia.

Eles possuem tanques T-80 (100 a 150 operacionais), tanques T-64 modernizados (O T-64 está na origem do T-80) e vários T-72. O tanque T-84 120 Yatagan foi produzido em pré-série num total de 10 unidades.

As unidades ucranianas deslocam-se em terreno aberto, pelo que os ucranianos como os russos dão importância à capacidade anti-aérea das formações blindadas.

Os ucranianos têm graves problemas de logística, tal como os russos e agravados pelo estado depauperado das finanças.
No entanto, em caso de conflito aberto, eles estariam em combate no seu próprio território.
Ainda assim, se o conflito se ficasse pela região leste, eles teriam bastante apoio de parte das populações de língua russa.

Brigada de Artilharia? Eles têm uma brigada com 2 batalhões (1 howitzer, 1 anti-tanque) Não é uma formação pesada e antiquada? Confesso que não gosto, apesar da Espanha e Itália terem um comando próprio e o respectivo regimento.
 

*

brunopinto90

  • 159
  • +0/-0
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #36 em: Fevereiro 27, 2014, 07:41:54 pm »
Citação de: "Cabeça de Martelo"
Citação de: "brunopinto90"
Citação de: "papatango"
Não estamos lá.
Não é facil tirar conclusões sobre o que é legal.
À partida tentar remover um governo eleito pela via da força, é uma tese indefensável.
Do outro lado dirão que Yanukovich não representava já ninguém, que não resolveu problema nenhum e que chegado ao fim do seu mandato, sabendo que provavelmente perderia as eleições, se preparava para atar a Ucrânia à Russia.
Além disso, prendeu opositores e preparava-se para controlar o país ao estilo de Putin.

Quem é que gostaria disso para o seu próprio país ?

A votação para demitir o presidente foi aliás unânime.

Em Portugal temos um sistema parlamentar, e o presidente da república é essencialmente um cargo cerimonial, mas mesmo assim seria possível demitir o presidente.

Seria ilegal ?
Não !

Sempre pensei que Portugal tinha uma política semi-presidencial em que o Presidente ainda tem algum poder executivo. Ficando encarregue de sancionar ou vetar o projeto de lei. Não creio que seja Parlamentar. Sim é possível demitir o Presidente, pois "ele" divide poderes com o primeiro-ministro e o Parlamento. Já no EUA e no Brazil, creio que não é possível, pois são Presidencialistas, mas Bill Clinton foi demitido :D
« Última modificação: Fevereiro 28, 2014, 01:38:21 pm por brunopinto90 »
 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4788
  • Recebeu: 786 vez(es)
  • Enviou: 538 vez(es)
  • +37/-16
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #37 em: Fevereiro 27, 2014, 10:56:38 pm »
Citação de: "Instrutor"
Neste momento qual é a capacidade militar da Ucrânia. Meios e homens, possui armamento nuclear ex- união soviética?
- Marinhahttp://en.wikipedia.org/wiki/Ukrainian_Navy. A Kivak III não tem misseis anti-navio (só as Tarantul e a Matka possuem) e o resto é práticamente convencional (com alguns missies Anti-Aéreos Sa-N-4, que não são propriamente "grande espingarda"). Um submarino, alguns draga-minas, um navio espião e 2 de desembarque. A ala aérea é na teoria composta por 50 helicópteros Kamov/MI e 6 Beriev de patrulha maritima ASW.
 - Força Aéreahttp://en.wikipedia.org/wiki/Ukrainian_Air_Force. Se alguns upgrade tiverem sido feitos teremos a voar para aí uma dezena de L39 (ataque/treino),  20 yak-52 (treino), 16 Su-27 (caça/ataque), 7 Mig-29 (caça/ataque), 36 Su-24(ataque, mas não deverão restar mais de uma duzia e talvez alguns  MR de reconhecimento), 36 Su-25 (ataque mas com os biplace de treino devem ficar-se pela duzia). Uma vintena (no maximo) de aparelhos de transporte enquanto helicopteros entre Mi-8/17, Mi-24 e Mi-2 se chegarem a meia centena é muito.
- Exercitohttp://en.wikipedia.org/wiki/Ukrainian_Army. Não me vou alongar muito pois já aqui foi referido mas atenção que os T-64 são blindados complexos e caros de operara (por alguma razão só os Sovieticos os possuiam e lançaram o T-72 bem mais barato, facil de produzir e operar). Por norma os BTR e BMP não apresentam grandes problemas de manutenção e a artilharia com a diversificação de sistemas e os problemas financeiros e logisticos é possivel que esteja reduzida a uma pequena parte auto-propulsada enquanto que a maioria é rebocada. A aviação do exercito teve alguns Mi-8/24 recuperados mas não deverão ir alem das 3 duzias. Já os sistemas AA são pelo menos uma dezena e não se conheçe quantidades (à exepção dos shilka mas se um terço dos 300 tiver em condições já é um feito notável).

De resto muita coisa armazenada, mas tanto as armas nucleares como os bombardeiros estratégicos ou foram vendidos aos russos ou viraram sucata. Outros sistemas como o porta-aviões Varyag (agora o Liaoning chinês) foram vendidos à China, e existem pelo menos 2 navios por acabar (uma fragata Krivak e um cruzador Slava).






Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

Alvalade

  • Especialista
  • ****
  • 1044
  • Recebeu: 266 vez(es)
  • Enviou: 78 vez(es)
  • +15/-5
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #38 em: Fevereiro 28, 2014, 12:58:10 am »
Os números que estão na Wikipédia são do "Military Balance 2011" (feito em 2010), eu fui ver ao de 2013 (feito em 2012) e é isto que lá está:



 

*

mafets

  • Investigador
  • *****
  • 4788
  • Recebeu: 786 vez(es)
  • Enviou: 538 vez(es)
  • +37/-16
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #39 em: Fevereiro 28, 2014, 10:33:38 am »
Vão existir sempre números diferentes. A Ucrânia de facto tem recuperado algum material do que está em armazém (que muitas vezes é feito da forma como está em baixo), pelo que cruzei os dados com o que supostamente se recuperou, vendas para o exterior e com equipamento usado quer em exercícios como também em missões internacionais (alguns dos sites estão aqui exemplificados). Agora, estamos falar de valores muito por alto e no máximo aproximados pois as informações destas proveniências são sempre algo duvidosas sobre o que se queria fazer e realmente se fez, principalmente a nível do exército. O pais tem grandes dificuldades económicas, material antiquado e uma industria dos tempos da URSS, portanto é duvidoso que entre o que existiu, existe e o que não foi vendido, esteja muita coisa em uso (aliás, mas para menos do que para mais).

http://en.ria.ru/military_news/20120125/170941238.html
http://www.kyivpost.com/content/ukraine/officials-pleased-with-pace-of-recovery-of-ukraini-309954.html
http://www.armyrecognition.com/july_2013_news_defence_security_industry_military/ukraine_sold_14_bts-5b_tracked_armoured_recovery_vehicles_to_azerbaijan_1707136.html
http://tanknutdave.com/the-ukrainian-t-80ud-main-battle-tank/
http://nato.mfa.gov.ua/en/ukraine-nato/contribution
http://www.un.org/apps/news/story.asp//story.asp?NewsID=41480&Cr=democratic&Cr1=congo#.UxBjv_l_uHY
https://www.kyivpost.com/content/ukraine/defense-minister-un-asks-ukraine-for-assistance-to-peacekeeping-mission-to-mali-326379.html
http://wnu-ukraine.com/news/economy-business/?id=2625










Cumprimentos
"Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos." W.Churchil

http://mimilitary.blogspot.pt/
 

*

nelson38899

  • Investigador
  • *****
  • 4048
  • Recebeu: 224 vez(es)
  • Enviou: 233 vez(es)
  • +11/-0
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #40 em: Fevereiro 28, 2014, 02:09:19 pm »
Se por acaso houver guerra, este conflito será mais uma passeio para os russos, tal como foi com a Georgia. Pelo que tenho seguido através do military photos, a Ucrânia ainda mantêm  muito equipamento do tempo da URSS e no máximo dos máximos o que tem feito são algumas atualizações a esse mesmos equipamentos. Por isso e para evitar mais problemas é negociar com o Putin, um acordo sobre a partilha da crimeira.
"Que todo o mundo seja «Portugal», isto é, que no mundo toda a gente se comporte como têm comportado os portugueses na história"
Agostinho da Silva
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8222
  • Recebeu: 673 vez(es)
  • Enviou: 978 vez(es)
  • +39/-6
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #41 em: Fevereiro 28, 2014, 02:20:58 pm »
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

*

Instrutor

  • Investigador
  • *****
  • 1310
  • Recebeu: 3 vez(es)
  • Enviou: 1 vez(es)
  • +0/-0
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #42 em: Fevereiro 28, 2014, 04:14:35 pm »
Muito embora em termos militares os Russos estejam muito a frente, não podemos menosprezar o povo ucraniano, a história e as pressões exercidas pelos Russos no tempo da União Soviética, os ucranianos preferem morrer a serem novamente colonizados pelos Russos, por isso viu-se nas manifestações nas quais o ex-presidente tentava uma aproximação à Russia ao invés da U.E, o povo simplesmente não quer saber disso, e também o facto da grande mobilidade de milícias e não esquecer o grande conhecimento militar pelos civis, pelo que o povo ucraniano não vai facilitar a entrada dos russos no seu país.

Um ucraniano prefere ser chamado de  filho da........ do que ser confundido com um russo e mais não digo.
"Aqui na Lusitanea existe um povo que não se governa nem se deixa governar" voz corrente entre os Romanos do Séc. I a.C
 

*

PereiraMarques

  • Moderador Global
  • *****
  • 6547
  • Recebeu: 185 vez(es)
  • Enviou: 142 vez(es)
  • +10/-0
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #43 em: Fevereiro 28, 2014, 04:26:26 pm »
Citação de: "Instrutor"
Um ucraniano prefere ser chamado de  filho da........ do que ser confundido com um russo e mais não digo.

Quem está no Estado-Nação mais antigo da Europa não consegue perceber isto, mas num país em que 20 a 30% dos residentes são de língua e/ou etnia russa essas questões não são assim tão lineares.
 

*

HSMW

  • Moderador Global
  • *****
  • 8222
  • Recebeu: 673 vez(es)
  • Enviou: 978 vez(es)
  • +39/-6
    • http://youtube.com/HSMW
Re: Protestos na Ucrânia e a possibilidade de guerra civil
« Responder #44 em: Fevereiro 28, 2014, 05:19:12 pm »
Ainda sobre os recentes confrontos.



Forças desconhecidas a ocupar o aeroporto de Sevastopol.
http://www.youtube.com/profile_videos?user=HSMW

"Tudo pela Nação, nada contra a Nação."
 

 

A guerra com o Iraque foi um "erro estratégico"

Iniciado por Tiger22

Respostas: 7
Visualizações: 3911
Última mensagem Maio 04, 2004, 03:16:28 pm
por Guilherme
Filme sobre porque estamos em Guerra e sobre o Islao

Iniciado por Miguel

Respostas: 1
Visualizações: 1786
Última mensagem Janeiro 13, 2009, 01:50:44 pm
por RODIAS
Guerra de Propaganda na Síria - ou como fomentar um confronto mundial

Iniciado por Luso

Respostas: 5
Visualizações: 2202
Última mensagem Outubro 11, 2016, 04:50:15 pm
por mafets
Portugueses apenas: Apoiam a Guerra no Iraque?

Iniciado por P44

Respostas: 8
Visualizações: 2417
Última mensagem Novembro 26, 2004, 10:52:10 am
por JNSA
Como Vencer a Guerra que estamos a perder?

Iniciado por Miguel

Respostas: 48
Visualizações: 11809
Última mensagem Setembro 07, 2014, 05:08:58 pm
por Cabecinhas