Separatismos em Espanha

  • 2243 Respostas
  • 258201 Visualizações
*

Menacho

  • Investigador
  • *****
  • 2819
  • Recebeu: 301 vez(es)
  • Enviou: 60 vez(es)
  • +6/-50
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2205 em: Janeiro 24, 2018, 01:54:07 pm »
Ridículo diplomático de Puigdemont en Dinamarca. Nadie le hace ni caso y rehuyen verle

Citar
Carles Puigdemont no ha conseguido reunirse con ningún representante del gobierno de Dinamarca en su viaje de dos días que le ha llevado desde Bruselas a Copenhague.

Los tres partidos que forman la coalición del gobierno danés han rechazado participar en la reunión que este martes Puigdemont hará, finalmente, con siete diputados independentistas de las islas Feroe y Groenlandia en la sede del Folketing (Parlamento danés).

El encuentro ha sido organizado por el parlamentario independentista, Magni Arge, quién había convocado a los miembros de la comisión de Exteriores del Parlamento danés a pesar de que finalmente sólo participarán los siete diputados de los dos territorios autónomos de Dinamarca.  Los representantes del resto de partidos han dado diferentes excusas para no reunirse con el expresidente de la Generalitat.

https://somatemps.me/2018/01/23/ridiculo-diplomatico-de-puigdemont-en-dinamarca-nadie-le-hace-ni-caso-y-rehuyen-verle/
 

*

Menacho

  • Investigador
  • *****
  • 2819
  • Recebeu: 301 vez(es)
  • Enviou: 60 vez(es)
  • +6/-50
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2206 em: Janeiro 24, 2018, 01:56:04 pm »
De nuevo un ridículo internacional. Mariano Gomà comenta el viaje de Puigdemont a Dinamarca

Citar
Visto y oído el espectáculo de Puigdemont en Dinamarca uno se pregunta hasta donde tenemos los catalanes que llegar avergonzados del ridículo que hacen algunos personajes que solo representan a una parte de Cataluña, paseando su palmito por una asombrada Europa que ha desterrado ya las payasadas profundamente.

Para empezar, en el auditorio se sentaron todos los indepes que viven en Dinamarca más el público del autocar que va paseando acólitos allá donde convenga, eso sí, pagando entre todos nosotros. Si a ellos les sumamos unos pocos estudiantes boquiabiertos así como a los medios convocados también por la farándula indepe ya podemos completar el auditorio.  He hablado con amigos y familiares daneses sin que hayan recibido información alguna lo cual indica que sabemos aquí infinitamente más de lo que pasó allí que la población danesa.

Pero volviendo al ridículo y sin ánimo de ofender, me asalta la frase de Jesús. Señor, si es posible, pase de mí éste cáliz. No sé cómo deberíamos hacer pero es indispensable que Societat Civil Catalana lidere un movimiento ciudadano de alcance europeo que clame por impedir ese circo, tanto desde nuestras embajadas oficiales como desde todos los estamentos y foros europeos que puedan llegar a recibir la solicitud de instalar la carpa de la mentira y el engaño con la estelada como coronación.

no recibe subvenciones de la Generalitat de Catalunya ni de otros organismos públicos.
Si quieres leer nuestras noticias necesitamos tu apoyo.

DONA

¿Dónde está pues, no solo el orgullo español sino aquél sentimiento y emoción por nuestra tierra, idioma y cultura que siempre manifestamos los catalanes? Ya no solo hemos perdido el tren de la economía, la cabeza del desarrollo de España y el prestigio que el pueblo catalán gozaba en Europa y España, sino que además aceptamos el ridículo que en nuestro nombre hacen los personajes más siniestros y mediocres de nuestra reciente historia.

Personalmente, si debo ser catalán así, quisiera darme de baja y apearme del autobús de la corrupción, de la trampa, de la ilegalidad y de la payasada porque no quiero que amigos y familiares españoles y europeos me vean pasar en la ventana de la comparsa de ese indigno circo.

Sugiero encarecidamente iniciar una campaña divulgativa de amplio espectro con lemas parecidos a : Cataluña no es un circo./ No más ridículos en mi nombre./ Payasos catalanes. No gracias./ o similares, que deberían representar un reclamo para obtener decenas de miles de adhesiones de todo Cataluña y España.

Hay momentos en que quizás no sea necesario sacar una multitud a la calle pero sí seguir protagonizando acciones multitudinarias. Con toda modestia quizás sea una iniciativa a considerar seriamente por su escaso costo en relación a un probable éxito de convocatoria.

Podemos pensarlo.

Mariano Gomá

https://www.elcatalan.es/nuevo-ridiculo-internacional-mariano-goma-comenta-viaje-puigdemont-dinamarca/
 

*

Menacho

  • Investigador
  • *****
  • 2819
  • Recebeu: 301 vez(es)
  • Enviou: 60 vez(es)
  • +6/-50
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2207 em: Janeiro 25, 2018, 09:45:13 am »
En Alemania se burlan de Carles Puigdemont: “Es un perturbado”

Citar
Cada vez son más los países que se meten con Carles Puigdemont. El ex president de la Generalitat sigue teniendo escasos apoyos en la Unión Europea tal y como se demostró en su visita a Copenhague, donde solamente fue recibido por los diputados que defienden la independencia de las Islas Feroe.

En esta ocasión ha sido el prestigioso diario alemán ‘Handelsblatt’, el que no ha dudado en meterse con Carles Puigdemont. En un artículo que tiene como título “El gran espectáculo en torno a Puigdemont”, la periodista Sandra Louven deja claro que el ex president de la Generalitat está “perturbado”.

“Puigdemont quiere ser investido desde Bruselas porque en España existe una orden de deteneción contra él. El Gobierno español ha dejado claro una y otra vez que una investidura a distancia viola las reglas del Parlamento catalán”, explica el artículo, que en su primera parte repasa la situación política que está viviendo estos días Cataluña.

A medida que avanza el artículo, la periodista alemana centra su atención en Carles Puigdemont, a quien no duda en criticar duramente: “Puigdemont está siendo el protagonista de un espectáculo perturbador”.

“Prometió volver a Cataluña si ganaba las elecciones, pero como muchas de las promesas de los separatistas, esta no ha llegado”, afirma. “Puigdemont está actuando como un perturbado. Continuará presentándose como el presidente legítimo de Cataluña y víctima de un estado despótico que ignora la voluntad del pueblo catalán”.

“Puigdemont sigue sin darse cuenta de que la disputa desestabiliza a las empresas y a los inversores y por lo tanto, perjudica tanto a Cataluña como a España”, sentencia el artículo.

http://casoaislado.com/la-prensa-alemana-se-burla-de-carles-puigdemont-es-un-perturbado/
 

*

Menacho

  • Investigador
  • *****
  • 2819
  • Recebeu: 301 vez(es)
  • Enviou: 60 vez(es)
  • +6/-50
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2208 em: Janeiro 25, 2018, 09:46:27 am »
Un exdiputado de CiU denuncia las atrocidades del procés en la tele francesa

Citar
Qué mal le viene al independentismo que Ignasi Guardans domine el inglés tanto como Raúl Romeva, que hasta ahora parecía la única voz catalana con derecho a hablar en la prensa internacional
No sólo Raúl Romeva sabe inglés para esparcir el discurso del independentismo por las televisiones internacionales. También lo habla a la perfección, para desgracia de ellos, Ignasi Guardans, quien fuera diputado y eurodiputado de la extinta CiU y ahora convertido en una de las voces más críticas contra el procés. Una de las que más daño les hace, además, porque Guardans fue uno de los suyos.
El canal France 24 invitó a Guardans a su plató y allí éste se despachó a gusto y contó todas las atrocidades y miserias del procés, declarándose totalmente "en contra" del independentismo. 


Guardans relató cómo hemos llegado a este punto porque los gobernantes catalanes se creyeron que podían ignorar la Constitución y las leyes y "aplicar lo que el pueblo o la democracia en su propia interpretación había dicho".
Llegados a este punto el abogado remachó que no cabe en ninguna cabeza que Carles Puigdemont, huido de la Justicia porque sabe que "la ley debe ser aplicada", pueda ser elegido por Skype en una democracia.
Entre otras cosas porque esa elección no tendría el refrendo necesario del jefe del Estado, Felipe VI. Una "tragedia".
Guardans denunció en el canal francés como durante años, y hasta llegar al 1 de octubre, Puigdemont y sus correligionarios violaron las leyes, cometieron abuso de poder, mangonearon el Parlamento e impusieron un referéndum del todo ilegal.
No obstante recordó que en Cataluña hay dos millones de personas que no quieren ser españolas y eso necesita una solución política, no únicamente judicial como a su juicio es lo que está haciendo Mariano Rajoy.

https://www.esdiario.com/516943617/Un-exdiputado-de-CiU-denuncia-las-atrocidades-del-proces-en-la-tele-francesa.html
 

*

Lusitan

  • Membro
  • *
  • 111
  • Recebeu: 35 vez(es)
  • Enviou: 27 vez(es)
  • +42/-3
  • Hic et Ubique
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2209 em: Janeiro 25, 2018, 11:10:29 am »
Menacho,

rídiculo ou não, o facto é que existe em Espanha uma parte significativa de população que quer independência do Estado castelhano, e da parte do Estado central não vejo qualquer acção para acalmar essa ânsia independentista. Antes pelo contrário, parece que cada acção do Governo de Espanha tem o condão de acicatar o movimento independentista.
Para problemas políticos deve existir respostas políticas, mas a incapacidade do Governo central parece piorar a situação a cada segundo que passa.

Todo o processo foi conduzido de forma calamitosa por Rajoy e aproveitado pelos movimento independentista. Puidgemont é rídiculo, mas Rajoy é bem pior e fosse o líder dos independentistas melhor e o caos estaria lançado em Espanha. Cantar "a por Ellos" não é a melhor forma de trazer alguém para o nosso lado.

 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1153
  • Recebeu: 23 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +43/-31
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2210 em: Janeiro 25, 2018, 03:03:48 pm »
Menacho,

rídiculo ou não, o facto é que existe em Espanha uma parte significativa de população que quer independência do Estado castelhano, e da parte do Estado central não vejo qualquer acção para acalmar essa ânsia independentista. Antes pelo contrário, parece que cada acção do Governo de Espanha tem o condão de acicatar o movimento independentista.
Para problemas políticos deve existir respostas políticas, mas a incapacidade do Governo central parece piorar a situação a cada segundo que passa.

Todo o processo foi conduzido de forma calamitosa por Rajoy e aproveitado pelos movimento independentista. Puidgemont é rídiculo, mas Rajoy é bem pior e fosse o líder dos independentistas melhor e o caos estaria lançado em Espanha. Cantar "a por Ellos" não é a melhor forma de trazer alguém para o nosso lado.


Caro Lusitan, esse video que é excelente acaba de demonstrar a mentalidade dos castilhanos, esse senhor disse tudo. Quanto ao castilhano do Menacho disfarçado de bom samaritano apenas acrescentar que, basta ver os seus postes antigos para perceber o que ele pensa de Portugal e dos portugueses, não é por acaso, que é o único castilhano que ainda por aqui anda. Não passa de uma imbecil que continua a ignorar que existe milhões de pessoas na espanha que não querem ser castilhanos, que sofrem com a pressão falangista e franquista, (PP) eu sei que é muito difícil para um castilhano ter que aceitar essa realidade.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1153
  • Recebeu: 23 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +43/-31
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2211 em: Janeiro 25, 2018, 08:45:27 pm »
Conselho de Estado diz que não há fundamento para impugnar candidatura de Puigdemont
http://rr.sapo.pt/noticia/103960/conselho-de-estado-diz-que-nao-ha-fundamento-para-impugnar-candidatura-de-puigdemont?utm_source=rss

Citar
O Conselho de Estado espanhol considera que não há fundamento para impugnar a candidatura de Carles Puigdemont como presidente do Governo da Catalunha.

A resposta, pedida pelo Executivo de Madrid foi conhecida há poucos minutos, e está a ser citada pelo jornal El Pais.

O Governo central já revelou que vai recorrer desta decisão para o Supremo tentando impedir a investidura.

A reunião no Parlamento catalão para debater a eventual investidura de Carles Puigdemont como presidente do governo regional está marcado para 30 de Janeiro.

A informação foi confirmada por um comunicado de Roger Torrent, presidente do Parlamento.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Menacho

  • Investigador
  • *****
  • 2819
  • Recebeu: 301 vez(es)
  • Enviou: 60 vez(es)
  • +6/-50
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2212 em: Janeiro 26, 2018, 10:47:33 am »

Caro Lusitan, esse video que é excelente acaba de demonstrar a mentalidade dos castilhanos, esse senhor disse tudo. Quanto ao castilhano do Menacho disfarçado de bom samaritano apenas acrescentar que, basta ver os seus postes antigos para perceber o que ele pensa de Portugal e dos portugueses, não é por acaso, que é o único castilhano que ainda por aqui anda. Não passa de uma imbecil que continua a ignorar que existe milhões de pessoas na espanha que não querem ser castilhanos, que sofrem com a pressão falangista e franquista, (PP) eu sei que é muito difícil para um castilhano ter que aceitar essa realidade.

Estimados foristas:

Creo que son ya 11 años los que llevo participando con regularidad ( casi 3000 mensajes), en este foro, con educación y respeto he procurado dar a conocer el día a día de las Fuerzas Armadas Españolas, así como compartir pasiones en especial con fotos de aviones.

Casi nunca he participado en temas polémicos como la cuestión de Olivenza, por motivos obvios.

Aun recuerdo cuando este foro tenía decenas si no mas de cien mensajes diarios, había debates, se compartían noticias y fotografías y y para mi es una pena que ahora apenas si haya 3 o 4 mensajes, y por desgracia algunos solo para insultar a mi pais.

Todo foro que se precie de tal, tiene una moderación que debe poner coto y sancionar en su caso los insultos vertidos contra un forista o país como bien pone en sus estatutos:



Pues bien, pese a ello, un forista, llamado Daniel, con total impunidad, y total permisividad por parte de los moderadores de este foro pese a mis denuncias, se dedica sin pudor un día si y otro también a insultar a España, a los españoles, y a todo lo que huela a España, incluido yo, y como ejemplos:


























Pues bien, no lo tolero mas y con pena he de decir que abandono este moribundo foro, que se lo quede el forista Daniel, y ante la ausencia de otra actividad intelectual que se dedique a vomitar su bilis con total libertad sin que le molesten mis comentarios.

Esperaré unos días a que se lea este mensaje y procederé a borrar todos mis mensajes y a cerrar la cuenta en el foro.

Un saludo a Cabeça de Martelo, que ha demostrado ser un forista educado y respetuoso.

Cumprimentos

Citar
Prezados foristas:

Penso que foram há 11 anos que participe regularmente (quase 3000 mensagens), neste fórum, com educação e respeito, tentei divulgar o dia-a-dia das Forças Armadas espanholas, além de compartilhar paixões especialmente com fotos de aviões

Eu quase nunca participei de questões controversas, como a questão Olivenza, por razões óbvias.

Ainda me lembro quando este fórum tinha dezenas, se não mais de cem mensagens por dia, havia debates, notícias e fotografias foram compartilhadas e para mim é uma pena que agora não haja 3 ou 4 mensagens, e infelizmente algumas apenas para insultar meu país.

Qualquer fórum que se orgulha de tal, tem uma moderação que deve parar e punir em seu caso os insultos encontrados em um fórum ou país, bem como em seus estatutos:




Bem, apesar disso, um forista, chamado Daniel, com total impunidade, e permissividade total por parte dos moderadores deste fórum, apesar das minhas denúncias, é indecentemente dedicado um dia se e outro insultar a Espanha, o Espanhol, e tudo o que cheira a Espanha, incluindo eu e como exemplos:

























Bem, não posso tolerá-lo mais e com arrependimento eu tenho que dizer que deixo este fórum moribundo, que o forista Daniel é deixado e, na ausência de outra atividade intelectual dedicada a vomitar sua bile com total liberdade sem ser incomodada por minha comentários

Espero alguns dias para que esta mensagem seja lida e vou continuar a excluir todas as minhas mensagens e fechar a conta no fórum.

Saudações a Cabeça de Martelo, que provou ser uma forista educada e respeitosa.

Cumprimentos
« Última modificação: Janeiro 26, 2018, 11:01:07 am por Menacho »
 

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1153
  • Recebeu: 23 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +43/-31
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2213 em: Janeiro 26, 2018, 03:18:17 pm »
Menacho
Citar
Creo que son ya 11 años los que llevo participando con regularidad ( casi 3000 mensajes), en este foro, con educación y respeto he procurado dar a conocer el día a día de las Fuerzas Armadas Españolas, así como compartir pasiones en especial con fotos de aviones.

Falas sério, comes muito queijo, por isso já não te lembras do que ecrevestes nessas tuas 3000 mensagens sobre Portugal e os portugueses, depois de 11 anos já era para saberes escrever Português.

Menacho
Citar
Casi nunca he participado en temas polémicos como la cuestión de Olivenza, por motivos obvios.
Tens razão quase nunca, mas participastes, por motivos obvios também podes deixar de participar sobre esta questão separatismos em espanha.

Menacho
Citar
Aun recuerdo cuando este foro tenía decenas si no mas de cien mensajes diarios, había debates, se compartían noticias y fotografías y y para mi es una pena que ahora apenas si haya 3 o 4 mensajes, y por desgracia algunos solo para insultar a mi pais.

Deixa de te fazer vítima e de uma vez por todos mostra quem realmente és não custa nada, mostra o que escreves noutro Forum, assim como muitos dos espanhóis que andaram por aqui a insultar Portugal e os portugueses e tu fostes um deles ou estas esquecido. Não esquecer que este Forum é português, como tal deves respeitar isso e não querer que as pessoas escrevam o que tu queres. O melhor mesmo é não participares em Foruns portugueses é mais facil.

Menacho
Citar
Todo foro que se precie de tal, tiene una moderación que debe poner coto y sancionar en su caso los insultos vertidos contra un forista o país como bien pone en sus estatutos:

Tem moderação mas não como tu queres, tipo Rajoy, sabes o que é democracia??? Insultos onde??? Tu sim imbecil, tens me insultado constantemente.

Menacho
Citar
Pues bien, no lo tolero mas y con pena he de decir que abandono este moribundo foro, que se lo quede el forista Daniel, y ante la ausencia de otra actividad intelectual que se dedique a vomitar su bilis con total libertad sin que le molesten mis comentarios.

Não Chores mais, já vais tarde mas não precisas insultar o Forum nem a inteligência das pessoas.

Menacho
Citar
Esperaré unos días a que se lea este mensaje y procederé a borrar todos mis mensajes y a cerrar la cuenta en el foro.

Se fosse a ti não esperava saia já hoje, e fechava já a conta, não deixes para amanhã o que podes fazer hoje. :P 8)

Menacho
Citar
Un saludo a Cabeça de Martelo, que ha demostrado ser un forista educado y respetuoso.

Então em 11 anos só conseguistes fazer um amigo :o ;D com tantos portugueses por aqui e só deixas um abraço ao caro Cabeça de Martelo.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1153
  • Recebeu: 23 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +43/-31
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2214 em: Janeiro 26, 2018, 03:21:53 pm »
Menacho,

rídiculo ou não, o facto é que existe em Espanha uma parte significativa de população que quer independência do Estado castelhano, e da parte do Estado central não vejo qualquer acção para acalmar essa ânsia independentista. Antes pelo contrário, parece que cada acção do Governo de Espanha tem o condão de acicatar o movimento independentista.
Para problemas políticos deve existir respostas políticas, mas a incapacidade do Governo central parece piorar a situação a cada segundo que passa.

Todo o processo foi conduzido de forma calamitosa por Rajoy e aproveitado pelos movimento independentista. Puidgemont é rídiculo, mas Rajoy é bem pior e fosse o líder dos independentistas melhor e o caos estaria lançado em Espanha. Cantar "a por Ellos" não é a melhor forma de trazer alguém para o nosso lado.


Menacho podes responder não custa nada, o caro Lusitan falou contigo. 8)
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Falcão

  • Administrador
  • *****
  • 401
  • Recebeu: 4 vez(es)
  • Enviou: 8 vez(es)
  • +3/-0
    • http://forumdefesa.com
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2215 em: Janeiro 28, 2018, 05:51:31 pm »
Caros Daniel e Menacho,

A intenção de evitar ao máximo as intervenções da moderação no sentido de permitir que as discussões fluam com naturalidade, mas também com responsabilidade e maturidade, nem sempre é bem sucedida, como as vossas "picardias" recentes têm estado a demonstrar.  Nesse sentido, pedia que se concentrassem a debater ideias, objectivo máximo do fórum, e não cair na tentação e futilidade do insulto fácil. Ambos são membros "históricos" deste fórum e esta troca de galhardetes nada acrescenta à discussão e ao vosso curriculum.

A Moderação e Administração estarão atentas e farão tudo o que for necessário para que a paz que tem reinado nos últimos tempos no fórum prevaleça e não seja posta em causa. 


Cumprimentos
 

*

Lusitano89

  • Investigador
  • *****
  • 9248
  • Recebeu: 301 vez(es)
  • Enviou: 209 vez(es)
  • +15/-5
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2216 em: Fevereiro 13, 2018, 01:25:22 pm »
Tribunal europeu condena Espanha por maus tratos a terroristas da ETA


O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos condenou hoje o Estado espanhol por maus tratos infligidos durante a detenção e prisão dos dois membros da organização terrorista basca ETA que realizaram em 2006 um atentado no aeroporto de Madrid.

Os juízes, que verificam o respeito dos princípios da Convenção Europeia dos Direitos Humanos, votaram maioritariamente para que Espanha indemnize os dois terroristas em 30.000 euros, um deles, e 20.000 euros, o outro, por danos morais.

A sentença conclui que Espanha não respeitou a proibição de tratamento desumano ou degradante, ao ter maltratado os dois homens e não ter investigado o caso tratado ao abrigo da Convenção Europeia dos Direitos Humanos assinada pelos membros do Conselho da Europa.

Os dois terroristas, que atualmente estão presos em prisões espanholas, foram detidos no País Basco em janeiro do 2008 por agentes da luta antiterrorista da Guardia Civil, alegaram ao tribunal europeu que na transferência para o quartel receberam "patadas e golpes" e, posteriormente, "foram golpeados por agentes".

Depois de terem sido examinados no dia seguinte à detenção por médicos forenses, um dos homens foi hospitalizado e o outro conduzido a Madrid e colocado em isolamento prisional, tendo tido necessidade de acompanhamento médico durante 27 e 14 dias, respetivamente.

Um tribunal regional condenou quatro agentes da Guardia Civil, em 2010, a diferentes penas "por delitos de torturas graves", mas o Tribunal Supremo espanhol anulou a sentença um ano depois.

De acordo com a sentença do tribunal de Estrasburgo, as lesões infligidas "estão suficientemente demonstradas", foram realizadas quando "estavam nas mãos da Guardia Civil" e a sua existência "não foi negada nem pelo Tribunal Supremo [espanhol] nem pelo Governo".

Os juízes consideraram que "a responsabilidade deve ser imputada ao Estado" espanhol e sublinharam que se tratou de maus-tratos e não de tortura, porque as lesões não tiveram consequências a longo-prazo e por falta de provas conclusivas sobre os objetivos do tratamento infligido.

A Espanha já foi condenada 11 vezes desde 2004 pelo Tribunal Europeu dos Direitos Humanos por maus-tratos ou por não os ter investigado, nove deles relacionados com membros da ETA.

O atentado da ETA de 2006, com uma viatura armadilhada no aeroporto Adolfo Suarez Madrid Barajas, causou 19 feridos ligeiros.

A ETA ("Euskadi Ta Askatasuna" ou "Pátria Basca e Liberdade", em português) é uma organização nacionalista basca armada criada em 1959, durante a época da ditadura franquista, e renunciou à luta armada em 2011, depois de mais de 40 anos de atos de violência em nome da independência das comunidades autónomas espanholas do País Basco e de Navarra.

Em 08 de abril do ano passado anunciou o seu desarmamento e entregou à justiça francesa a lista daqueles que garante serem os seus últimos depósitos secretos de armas.

O Conselho da Europa é uma organização internacional fundada em 1949 com o objetivo de defender os direitos humanos, o desenvolvimento democrático e a estabilidade político-social na Europa, tendo 47 membros, entre eles os 28 países que formam a União Europeia de que Portugal faz parte.



>>>>>>>   https://www.dn.pt/mundo/interior/tribunal-europeu-condena-espanha-por-maus-tratos-sobre-dois-terroristas-da-eta-9115405.html
 

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1153
  • Recebeu: 23 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +43/-31
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2217 em: Fevereiro 23, 2018, 07:00:38 pm »
Pep Guardiola alvo de processo disciplinar por ostentar símbolo político catalão
https://desporto.sapo.pt/futebol/la-liga/artigos/pep-guardiola-alvo-de-processo-disciplinar-em-inglaterra

Citar
A Federação Inglesa de Futebol (FA) anunciou hoje a abertura de um procedimento disciplinar contra o treinador do Manchester City, Pep Guardiola, por ter comparecido nos jogos ostentando um símbolo político catalão.

Desde o final do ano passado, o treinador de origem catalã tem comparecido nas partidas da sua equipa e nas conferências de imprensa com um laço amarelo na lapela, simbolizando o seu apoio aos políticos catalães pró-independência detidos.

Em comunicado, a FA sublinha que a utilização deste símbolo político colide com o seu regulamento, tendo dado a Pep Guardiola até 05 de março às 18:00 hora local (mesma hora em Lisboa) para se explicar.

Em dezembro, o treinador natural de Santpedor, na Catalunha, já explicou que passou a utilizar o laço amarelo em protesto por detenções que considera “injustas”.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1153
  • Recebeu: 23 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +43/-31
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2218 em: Fevereiro 26, 2018, 03:35:32 pm »
Cinco feridos e um detido em protestos contra visita do rei Felipe VI a Barcelona
https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/cinco-feridos-e-um-detido-em-protestos-contra-visita-do-rei-felipe-vi-a-barcelona

Citar
Cinco pessoas ficaram feridas e uma outra foi detida no centro de Barcelona nos protestos contra a visita do rei Felipe VI à cidade, para inaugurar o 'Mobile World Congress', evento de tecnologia que se inicia na segunda-feira.
Os cinco feridos são ligeiros e resultado da atuação dos Mossos d’Esquadra, segundo a agência de notícias espanhola EFE. O Sistema de Emergências Médicas da Catalunha informou que tratou cinco pessoas na zona da Via Laietana, ainda cortada ao trânsito, acrescentado tratar-se de feridos ligeiros.

Algumas destas pessoas ficaram feridas ao cair, quando os agentes dos Mossos d’Esquadra recolocavam as barreiras que impedem a passagem para a Rua Comtal e avançaram com breves cargas policiais, para que os manifestantes não chegassem aos arredores do Palau da Música.

Os Mossos d’Esquadra detiveram um manifestante durante os protestos desta tarde por alegadamente agredir elementos da polícia catalã.

Embora o rei já tenha chegado ao Palau da Música, os manifestantes permanecem no perímetro fechado pelos Mossos d’Esquadra, que abrange o bairro La Rivera.

As centenas de independentistas que ainda se manifestam, convocados pelos chamados “comités de defesa da república”, cantam palavras de ordem como “Não temos medo”, “Fora as forças de ocupação” e “Nós somos república”, além de fazerem barulho com assobios e panelas.

Naquela que é a sua primeira visita à Catalunha no último meio ano, quando participou na manifestação contra o terrorismo após os ataques em Barcelona e Cambrils, Felipe presidiu hoje ao jantar que antecede o Mobile World Congress (MWC), no Palau da Música, onde não estiveram para o receber nem o presidente do Parlamento, Roger Torrent, nem o prefeito de Barcelona, Ada Colau.

No seu discurso, o rei Felipe VI defendeu a manutenção de uma cooperação “firme” entre o governo central, o Governo Regional Catalão, (designado como Generalitat) e a Câmara Municipal de Barcelona, “com objetivos claros e em benefício de todos”, para que esta cidade prolongue a sua história de “sucesso contínuo” como sede do ‘Mobile World Congress’ (MWC).

Várias concentrações a favor e contra o rei Felipe VI foram hoje convocadas em Barcelona, Espanha, a propósito da visita do monarca à cidade para inaugurar o ‘Mobile World Congress’, evento de tecnologia que se inicia na próxima segunda-feira.

A favor da visita do rei a Barcelona, a plataforma Tabarnia, em conjunto com outras associações, convocou uma manifestação para as 17:00 na Praça da Catalunha, com o objetivo de dar “as boas-vindas ao chefe de Estado”, segundo indica a entidade através da rede social Twitter.

Em comunicado, a plataforma refere que, durante a concentração, será lido um manifesto em espanhol, catalão e inglês onde serão destacadas as finalidades da ação.

Para as 18:00 está agendada outra manifestação de apoio ao monarca, na praça Urquinaona, com o objetivo de “neutralizar a confusão anunciada pelos grupos radicais independentistas”, conforme revela a convocatória de um grupo de seis cidadãos anónimos.

Contra a presença do rei em Barcelona, o partido CUP, a Assembleia Nacional Catalã e a associação Òmnium Cultural convocaram para às 21:00 um protesto.

“Este domingo o rei Felipe VI vem a Barcelona. Vamos recebê-lo com um grande protesto, por ele ter dado apoio à repressão policial contra os manifestantes pacíficos do referendo”, escreveu a Òmnium na sua conta no Twitter.

Mais uma provocação aos catalães apoiada pelos emigrantes espanhóis ali residentes, o imperialismo castelhano continua.
« Última modificação: Fevereiro 26, 2018, 03:42:41 pm por Daniel »
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: NVF

*

Daniel

  • Especialista
  • ****
  • 1153
  • Recebeu: 23 vez(es)
  • Enviou: 5 vez(es)
  • +43/-31
Re: Separatismos em Espanha
« Responder #2219 em: Março 01, 2018, 03:41:55 pm »
Parlamento catalão reivindica legalidade do referendo à independência
http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/parlamento-catalao-reivindica-legalidade-do-referendo-a-independencia-275852

Citar
O parlamento da Catalunha aprovou esta tarde uma resolução promovida pela Junts per Catalunya (coligação de Carles Puigdemont), apoiada pela esquerda da ERC e ao CUP, que denuncia a “destituição ilegal e ilegítima” de Puigdemont como presidente da Generalitat e reivindica o referendo à independência realizado a 1 de outubro, e que Madrid considera ilegal.

O documento exige que seja “interrompida a interferência” do governo do Espanha sobre as “instâncias jurisdicionais e o Tribunal Constitucional para impedir a materialização da vontade democrática dos representantes do povo da Catalunha, conforme expresso a 1 de outubro”, segundi citam os jornais espanhóis.

A proposta foi aprovada com 68 votos a favor e oito contra (dos deputados da Catalunha em Comú, onde está o Podemos) – com os partidos constitucionalistas, Ciudadanos, Partido Socialista da Catalunha e PP, a optarem por não participar na votação, embora tenham permanecido na câmara.

O texto aprovado afirma, ou determina, que “este parlamento e a sua presidência ativem imediatamente todos os instrumentos e procedimentos relevantes para garantir sem restrições os direitos civis e políticos de todos e dos seus representantes eleitos, para restaurar todas as suas instituições, começando pela Presidência. Para legislar e governar em favor dos direitos sociais, civis e políticos de todos os catalães sem exclusões, construindo um país justo, inclusivo e solidário com o mundo inteiro”.

O Ministério Público anunciou quarta-feira passada que agiria contra a Mesa do parlamento se esta mantivesse a votação da proposta. A Mesa manteve a votação e agora estão todos suspensos pelo que as instituições judiciais irão fazer perante a ‘rebeldia’ do parlamento.

O pais está expectante, por outro lao, sobre qual será a resposta do governo chefiado por Mariano Rajoy face a mais esta investida do grupo de independentistas que tem maioria no parlamento catalão. Mas será de recordar que Rajoy antecipou no passado fim-de-semana uma resposta à rebeldia do parlamento: assegurou que o artigo 155 ainda está em vigor e só deixará de estar quando o poder central transferir capacidade governativa para uma Generalitat legítima.

Ou seja, teme-se que a dissensão entre Barcelona e Madrid venha a aumentar com os acontecimentos de hoje, numa altura em que a região está há mais de dois meses a tentar encontrar um caminho no meio dos problemas políticos levantados pelos resultados das eleições antecipadas de 21 de dezembro.

Os analistas, como é o caso de André Pirralha, investigador português em ciências sociais e políticas a viver em Barcelona – que o confirmou em declarações ao Jornal Económico – consideram que a alternativa de nova dissolução do parlamento catalão e a marcação de mais um ato eleitoral é cada vez mais o caminho por que Rajoy poderá optar.

É que, dizem os analistas, há dois meses e meio que o parlamento anda a engendrar, ou a tentar, motivos regimentais para manter a proposta de designação de Puigdemont como presidente da próxima Generalitat – algo que o governo central e os tribunais já disseram que não será possível em nenhuma circunstância.
A Vida é um teste e uma incumbência de  confiança.
 

 

CRISE BRASIL vs ESPANHA - BRASIL RETALIA!

Iniciado por rexlusoQuadro Conflitos do Presente

Respostas: 8
Visualizações: 5747
Última mensagem Outubro 30, 2010, 05:00:26 pm
por Thiago Barbosa
"Erasmus militar" Portugal/Espanha

Iniciado por LanceroQuadro Portugal

Respostas: 8
Visualizações: 4561
Última mensagem Julho 22, 2009, 10:29:57 pm
por dannymu
Mísseis de Cruzeiro para a Espanha:Implicações para Portugal

Iniciado por Tiger22Quadro Portugal

Respostas: 135
Visualizações: 26861
Última mensagem Setembro 10, 2005, 12:17:42 am
por NotePad
Espanha mais rica que Alemanha e Reino Unido em 2025

Iniciado por DinivanQuadro Mundo

Respostas: 12
Visualizações: 4280
Última mensagem Março 26, 2006, 08:12:27 pm
por Lightning
Espanha: salários mais altos pelos militares, +25% em 3 anos

Iniciado por manuel listeQuadro Mundo

Respostas: 3
Visualizações: 2523
Última mensagem Novembro 10, 2005, 01:36:57 pm
por manuel liste